Oxiredução

36.700 visualizações

Publicada em

3 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
36.700
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
241
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
295
Comentários
3
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Oxiredução

  1. 1. OXIREDUÇÃO
  2. 2. OXI-REDUÇÃO -Pontos importantes: -Elementos da Família 1A possuem Nox = +1. -Elementos da Família 6A possuem Nox = +2. -Oxigênio quase sempre Nox = -2; nos peróxidos Nox = -1; nos superóxidos Nox= -1/2 -Hidrogênio quase sempre Nox = +1; nos hidretos metálicos Nox = -1. -Substâncias simples possuem Nox = zero. -Em um composto a soma dos Nox deve ser igual a zero. -No caso dos íons, a soma dos Nox deve ser igual a carga do íon. -Perder elétrons  aumentar o Nox  sofrer oxidação  provocar redução  agente redutor. -Ganhar elétrons  diminuir o Nox  sofrer redução  provocar oxidação  agente oxidante.
  3. 3. Como calcular o Nox -Dê o valor x para o Nox do átomo desconhecido; -Monte uma pequena equação; -Se for um composto iguale a zero; -Se for um íon poliatômico iguale a carga do íon. H 3 PO 4 +1 x -2 3 . (+1) + 1 . (x) + 4 .(-2) = 0 +3 + x –8 = 0 x = +5 CrO 4 -2 x -2 1 . (x) + 4 . (-2) = -2 x –8 = -2 x = +6
  4. 4. Balanceamento de reações de oxi-redução I- Calcular o Nox de todos elementos que possam estar sofrendo variação; II- Verificar quais elementos sofrem oxidação e redução III- Calcular o  total do oxidante e do redutor; IV- Inverter os valores :  do oxidante vai para o redutor e do redutor vai para o oxidante; V- O cálculo de  é feito multiplicando o número de elétrons envolvidos na oxidação ou redução pela maior atomicidade do elemento envolvido no primeiro ou segundo membro; VI- Procure simplificar quando possível; VII- Se a equação for iônica procure igualar as cargas dos dois membros. VIII- Não esqueça que a água oxigenada (solução de peróxido de hidrogênio) pode agir como oxidante ou redutor; não esqueça que o oxigênio no peróxido possui Nox = -1; verifique sempre a outra espécie química que está sofrendo oxidação ou redução. Se a espécie química está sofrendo oxidação, o oxigênio do peróxido de hidrogênio vai variar de –1 para -2; se a espécie química estiver sofrendo redução, o oxigênio do peróxido de hidrogênio vai variar de –1 para zero. IX- Procure na hora de inverter os  usar o lado onde existe uma quantidade maior de substâncias para serem acertadas; X- Por último continue continue o acerto através de tentativas.
  5. 5. Exemplos Cu + HNO 3  Cu(NO 3 ) 2 + NO + H 2 O 0 +5 +2 +2 Repare que não fizemos a variação do nitrogênio no composto nitrato de cobre II; uma maneira fácil seria verificar que no primeiro termo temos NO 3 - e no nitrato de cobre II também NO 3 - . Calculando os  do redutor (quem oxida) e do oxidante (quem reduz) teremos: -Cu  0 passou a +2 = (2) elétrons x maior atomicidade (1) = 2 -N  +5 passou a +2 = (3) elétrons x maior atomicidade (1) = 3 Depois vamos inverter os valores e continuar por tentativas, deixando de preferência a água para ser acertada por último.  = 2 . 1 = 2  = 3 . 1 = 3 3 Cu + 8 HNO 3  3 Cu(NO 3 ) 2 + 2 NO + 4 H 2 O
  6. 6. KMnO 4 + H 2 O 2 + H 2 SO 4  K 2 SO 4 + MnSO 4 + H 2 O + O 2 +7 -1 +2 0 Repare que não fizemos as variações do potássio (que não muda) e do enxofre (no exemplo, nos compostos temos sempre o ânion SO 4 -2 , não mudou). A variação do oxigênio do peróxido foi com o oxigênio da substância simples, isto porque, o manganês sofre redução, portanto o oxigênio tem que oxidar. Neste exemplo não podemos nos esquecer da maior atomicidade, no caso 2 para o oxigênio. Após o cálculo do delta, não existe uma preferência de lado para colocá-los, use sua criatividade, se de um lado você sentir dificuldades, mude o lado e continue por tentativas.  = 5 . 1 = 5  = 1 . 2 = 2 2 KMnO 4 + 5 H 2 O 2 + 3 H 2 SO 4  1 K 2 SO 4 + 2 MnSO 4 + 8 H 2 O + 5 O 2
  7. 7. MnO 4 - + Fe +2 + H +  Mn +2 + Fe +3 + H 2 O +7 +2 +2 +3 Vamos proceder como nos exemplos anteriores. Se no final tivéssemos dificuldade em acertar os átomos de oxigênio e hidrogênio, deveríamos sempre acertar pelas cargas, que devem ser iguais no primeiro e segundo membros. Não deixe de conferir as cargas totais após terminar o acerto.  = 5 . 1 = 5  = 1 x 1 = 1 1 MnO 4 - + 5 Fe +2 + 8 H +  1 Mn +2 + 5 Fe +3 + 4 H 2 O -1 +10 +8 Total = +17 +2 +15 Total = +17

×