Concordância Nominal

12.454 visualizações

Publicada em

Regras gerais de concordância nominal e casos especiais de uso.

Publicada em: Educação, Diversão e humor
0 comentários
20 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
12.454
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
89
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
20
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Concordância Nominal

  1. 1. CONCORDÂNCIA NOMINAL<br />Regras gerais<br />Casos especiais<br />
  2. 2. definição<br />Chama-se concordância nominal o fenômeno gramatical que consiste em o vocábulo determinante (adjetivo, artigo, pronome ou numeral) adaptar-se ao gênero e número do vocábulo determinado (substantivo). <br />Daí, estabelece-se a regra geral: artigos, adjetivos, numerais e pronomes adjetivos concordam em gênero e número com os substantivos a que se referem.<br />
  3. 3. Adjetivo referente a mais de um substantivo<br />Anteposto ao substantivo – concorda com o elemento mais próximo<br />Ele fez ótimas provas e trabalhos.<br />Ele fez ótimos trabalhos e provas.<br />
  4. 4. Posposto ao substantivo – flexão no plural (em caso de gêneros diferentes, o masculino prevalece) ou concorda com o termo mais próximo.<br />Comprei livro e apostila ilustrados.<br />Comprei livro e apostila ilustrada.<br />Comprei livro e apostila ilustrados.<br />Comprei livro e apostilas ilustradas. <br />Comprei livros e apostilas ilustrados.<br />Comprei apostilas e livros ilustrados.<br />Comprei revista e apostilas ilustradas<br />Comprei apostila e livro ilustrado.<br />
  5. 5. Substantivos sinônimos ou em gradação<br />Concordância com o mais próximo.<br />Desrespeitaram o povo e a gente brasileira<br />Foi somente um olhar, uma contração, um gesto inexpressivo.<br />
  6. 6. Adjetivo funciona como predicativo<br />Obrigatoriamente no plural.<br />O homem e o menino estavam perdidos.O homem e sua esposa estiveram hospedados aqui. <br />Estavam vendidos a casa e o apartamento.<br />
  7. 7. Um substantivo e mais de um adjetivo<br />O artigo deve preceder todos os adjetivos.<br />Estudava a língua inglesa e a espanhola. <br />Substantivo no plural.<br />Estudava as línguas inglesa e espanhola. <br />
  8. 8. Um e outro / nem um nem outro + Substantivo<br />O substantivo permanece no singular.Um e outro aspecto.Nem um nem outro argumento.De um e outro lado.<br />
  9. 9. Um e outro + Substantivo + Adjetivo<br /> substantivo no singular e o adjetivo no plural.Um e outro aspecto complicados.Uma e outra causa justas.<br />
  10. 10. Particípio + Substantivo<br /> O particípio concorda com o substantivo a que se refere.<br />Feitas as contas ...Vistas as condições ...Restabelecidas as amizades ...Postas as cartas na mesa ...Salvas as crianças ...<br />Observação:&quot;Salvo&quot;, &quot;posto&quot; e &quot;visto&quot; assumem também papel de conectivos, sendo, por isso, invariáveis: <br />Salvo honrosas exceções.Posto ser tarde, irei.Visto ser longe, não irei. <br />
  11. 11. Anexo e incluso<br />Concordam com o nome a que se referem.<br />Os recibos vão anexos.<br />As faturas seguiram inclusas.<br />
  12. 12. Alerta e menos <br />Sempre invariáveis.<br />Os seguranças estavam alerta.<br />Há menos gente na praça hoje.<br />
  13. 13. Bastante <br />Quando pronome indefinido é variável, como advérbio, invariável. Recomenda-se a substituição pela palavra “muito”, comparando-lhe a flexão.<br />A biblioteca do colégio tem bastantes livros.<br />As provas serão bastante difíceis.<br />
  14. 14. Caro e Barato <br />Quando advérbios (ligados a verbo ou adjetivo) são invariáveis; quando adjetivos (ligados a substantivo), flexionam-se normalmente.<br />Comprou caro aquela amizade.<br />Ele veste-se com roupas caras.<br />
  15. 15. É necessário, é bom, é preciso, é proibido <br />pode ficar invariável quando se deseja fazer uma referência de forma vaga.<br />É necessário paciência.<br />É proibido entrada.<br />com artigo, a concordância é normal e obrigatória.<br /> É proibida a entrada. <br />
  16. 16. Meio<br />Quando numeral ou adjetivo (com sentido de “metade”, “parte de”) flexionam-se em gênero e número; quando advérbio é invariável.<br />O veículo comporta meia tonelada de carga.<br />Cheguei ao meio-dia e meia.<br />Ela esta meio cansada.<br />As pessoas eram meio chatas.<br />
  17. 17. Mesmo<br />Quando em função adjetiva (sentido de “próprio”) concorda com o substantivo a que se refere.<br />Ela mesma fez isso!<br />Quando “mesmo” equivale à denotação “de verdade”, fica invariável:<br />Ela fez isso mesmo!<br />
  18. 18. Obrigado<br />Concorda em gênero com a pessoa que faz o agradecimento.<br />Muito obrigado, disse o filho à mãe.<br />Muito obrigada, disse a filha ao pai.<br />
  19. 19. Possível<br />Quando acompanhado de “mais”, “menos”, “melhor” ou “pior”, concorda com o artigo que precede as expressões.<br />A mais possível das alternativas é a que você expôs.Os melhores cargos possíveis estão neste setor da empresa.As piores situações possíveis são encontradas nas favelas da cidade. <br />A expressão quanto possível é invariável.<br />A polícia enviará reforços o quanto possível.<br />
  20. 20. Próprio<br />Concorda com o substantivo a que se refere.<br />Ela própria fez isso.<br />Elas próprias reconhecem seus erros.<br />
  21. 21. Quite <br />Concorda com o nome a que se refere.<br />O aluno está quite com os pagamentos do colégio.<br />Os alunos estão quites com os pagamentos do colégio.<br />
  22. 22. Só<br />Quando adjetivo (equivalente a sozinho)concorda com o substantivo a que se refere.<br />Os meninos, quando sós, falam sobre futebol.<br />Quando “só” tem valor de “somente” é advérbio e permanece invariável.<br />Eles só sabem falar de futebol.<br />
  23. 23. Tal qual<br />Talconcorda com o antecedente, qual concorda com o consequente.<br />As garotas são vaidosas tais qual a tia.Os pais vieram fantasiados tais quais os filhos. <br />

×