Aula 13 filosofia política

1.531 visualizações

Publicada em

Aula sobre filosofia política

Publicada em: Educação
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.531
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
622
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 13 filosofia política

  1. 1. Filosofia Política Professorleosilva.blogspot.com
  2. 2. FILOSOFIA CONCEITUAÇÃO GERAL  Conceito de Política: • Arte ou ciência da cidade.  O que se estuda? • Poder • Estado (interventor/ liberal). • Formas de governo. ideológico político econômico
  3. 3. FILOSOFIA Classes populares Estado intervencionista Progressista Modelo socialista Justiça social Classes mais ricas Estado mínimo Conservadores Modelo capitalista Ordem Centro-esquerda / centro / centro-direitaEsquerda Direita Interesses de cada grupo ORIENTAÇÃO POLÍTICA
  4. 4. FILOSOFIA GREGOS  Platão: • Callipólis (bela cidade) = educação estatal. • Sofocracia = governo dos mais sábios. SOLDADOS PRODUTORES GOVERNANTES REMINISCÊNCIA
  5. 5. FILOSOFIA GREGOS  Aristóteles: • “O homem é um animal político.” Governo de... Forma pura Forma corrompida Uma pessoa Monarquia Tirania Algumas pessoas Aristocracia Oligarquia Todos Democracia Demagogia ZOON POLITIKON
  6. 6. FILOSOFIA MAQUIAVEL  Contexto: • Itália dividida em 17 estados.
  7. 7. FILOSOFIA
  8. 8. FILOSOFIA MAQUIAVEL  Contexto: • Itália dividida em 17 estados. • Instabilidade política (guerras). • Influência católica. • Renascimento.
  9. 9. FILOSOFIA MAQUIAVEL  Pensamento: • O Príncipe. • Realismo Político. • Busca e manutenção do Poder. • “Os fins justificam os meios”. • Características de um governante = Força (leão)/ Inteligência (raposa). • “Antes importa ser temido do que ser amado.” • Virtú (capacidade para se chegar a um objetivo) e fortuna (“sorte” ou circunstância).
  10. 10. FILOSOFIA
  11. 11. FILOSOFIA (UFU-MG) Leia o texto abaixo. Deixando de lado as discussões sobre governos e governantes ideais, Maquiavel se preocuparia em saber como os homens governam de fato, quais os limites do uso da violência para conquistar e conservar o poder, como instaurar um governo estável, etc. CHALITA, Gabriel. Vivendo a Filosofia. São Paulo: Ática, 2006. p. 200.
  12. 12. FILOSOFIA Marque a alternativa que descreve corretamente o objetivo de Maquiavel. a) De acordo com Chalita, Maquiavel examina a política de forma a dar continuidade às análises da tradição filosófica. b) Conforme Chalita, o pensador florentino tem por objetivo demonstrar como um Príncipe deve conquistar e manter o poder, tratando-o como uma realidade concreta. c) Como observamos no texto, a obra de Maquiavel é inovadora por definir o que é o governo e quem são os governantes ideais. d) De acordo com o texto, pode-se observar que Maquiavel não admite o uso da violência para conquistar e conservar o poder.
  13. 13. FILOSOFIA Marque a alternativa que descreve corretamente o objetivo de Maquiavel. a) De acordo com Chalita, Maquiavel examina a política de forma a dar continuidade às análises da tradição filosófica. b) Conforme Chalita, o pensador florentino tem por objetivo demonstrar como um Príncipe deve conquistar e manter o poder, tratando-o como uma realidade concreta. c) Como observamos no texto, a obra de Maquiavel é inovadora por definir o que é o governo e quem são os governantes ideais. d) De acordo com o texto, pode-se observar que Maquiavel não admite o uso da violência para conquistar e conservar o poder.
  14. 14. FILOSOFIA CONTRATUALISTAS  Thomas Hobbes: • Estado de Natureza (“O homem é o lobo do homem”). • Governo = estabelecer limites (Contrato Social). • Absolutista.
  15. 15. FILOSOFIA  John Locke: • Teórico ex-post-facto. • Política liberal (defensor da propriedade privada). • Diferente de Hobbes = homem não egoísta. • Contrato social = o homem não perde poder (limita o poder soberano). • Parlamentarismo. CONTRATUALISTAS
  16. 16. FILOSOFIA  Rousseau: • Poder ao povo. • Consentimento unânime = direito coletivo. • Povo = soberano e súdito. • Governante = gerente da vontade do coletiva. • Contrário a propriedade privada. CONTRATUALISTAS
  17. 17. FILOSOFIA----------------- HOBBES LOCKE ROUSSEAU Estado de natureza O homem é lobo do homem Direito a propriedade privada Homem é bom Problema Insegurança Vingança em excesso egoísmo Contrato Cede todo direito Cede à alguns Vontade geral Governo Absolutismo Liberal Democracia Obras Leviatã Tratado sobre o governo civil O contrato social
  18. 18. FILOSOFIA POLÍTICA ILUMINISTA  Montesquieu: • Tripartição dos poderes.
  19. 19. FILOSOFIA POLÍTICA E DOMINAÇÃO  Karl Marx: • Sociedade primitiva: sem classes. • Estado: aliado da classe dominante (mantenedor das desigualdades). • Partido proletário. CAPITALISMO SOCIALISMO COMUNISMO
  20. 20. FILOSOFIA
  21. 21. FILOSOFIA (UFU-MG) Leia o trecho a seguir: E que existe o belo em si, e o bom em si, e, do mesmo modo, relativamente a todas as coisas que então postulamos como múltiplas, e, inversamente, postulamos que a cada uma corresponde uma ideia, que é única, e chamamos- lhe a sua essência (507b-c). PLATÃO. República. Trad. de Maria Helena da Rocha Pereira. 8ª ed. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian. 1996.
  22. 22. FILOSOFIA Marque a alternativa que expressa corretamente o pensamento de Platão. a) Somente por meio dos sentidos, em especial da visão, pode o filósofo obter o conhecimento das ideias. b) No pensamento platônico, o conhecimento das ideias permite ao filósofo discernir a unidade inteligível em face da multiplicidade sensível. c) Para que a alma humana alcance o conhecimento das ideias, ela deve elevar-se às alturas do inteligível, o que somente é possível após a morte ou por meio do contato com os deuses gregos. d) Tanto a dialética quanto a matemática elevam o conhecimento ao inteligível; mas, somente a matemática, por seu caráter abstrato, conduz a alma ao princípio supremo: a ideia do Bem.
  23. 23. FILOSOFIA Marque a alternativa que expressa corretamente o pensamento de Platão. a) Somente por meio dos sentidos, em especial da visão, pode o filósofo obter o conhecimento das ideias. b) No pensamento platônico, o conhecimento das ideias permite ao filósofo discernir a unidade inteligível em face da multiplicidade sensível. c) Para que a alma humana alcance o conhecimento das ideias, ela deve elevar-se às alturas do inteligível, o que somente é possível após a morte ou por meio do contato com os deuses gregos. d) Tanto a dialética quanto a matemática elevam o conhecimento ao inteligível; mas, somente a matemática, por seu caráter abstrato, conduz a alma ao princípio supremo: a ideia do Bem.

×