A reforma ortografica

2.285 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.285
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
71
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
63
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A reforma ortografica

  1. 1. A Reforma Ortográfica - uma bagunça organizada! Professora Leila Pryjma
  2. 2. A partir de janeiro de 2009 passa a entrar em vigor a reforma ortográfica que torna a língua portuguesa um idioma único em todo o mundo. Professora Leila Pryjma
  3. 3. Reforma = Bagunça Mas, nesse caso, a Língua Portuguesa não vai quebrar paredes ou trocar pisos e deixar você sem chão. Professora Leila Pryjma
  4. 4. As mudanças na língua equivalem a uma troca de maçaneta. Professora Leila Pryjma
  5. 5. Elas afetam menos de 2% do português falado no Brasil . Portanto, não é difícil conhecê-las para estarmos preparados para aplicá-las em nossas aulas. Professora Leila Pryjma
  6. 6. parafusos novos... Professora Leila Pryjma
  7. 7. o ALFABETO passará a ter 26 letras. y k w a b c d e f g h i j l m n o p q r s t u v x z Professora Leila Pryjma
  8. 8. O “K” será uma consoante O “W” será uma vogal ou semivogal quando for pronunciado como “U” O “W” será uma consoante quando for pronunciado como “V” Professora Leila Pryjma
  9. 9. O “Y” é um som vocálico pronunciado como “I”, com função de vogal ou semivogal Professora Leila Pryjma
  10. 10. removendo os parafusos... Professora Leila Pryjma
  11. 11. O TREMA deixará de existir, a não ser em nomes próprios e seus derivados. Müller consequência conseqüência Professora Leila Pryjma
  12. 12. <ul><li>Os DITONGOS ABERTOS ( ÉI, ÓI) não são mais acentuados em palavras paroxítonas: </li></ul>assembléia idéia heróica jibóia assembleia ideia jiboia heroica Professora Leila Pryjma
  13. 13. <ul><li>CUIDADO COM: </li></ul>herói heróico contêiner chapéu herói heroico chapéu contêiner Professora Leila Pryjma
  14. 14. <ul><li>o ACENTO CIRCUNFLEXO não se usará mais: 2 . em palavras terminadas em hiato &quot; oo &quot;. </li></ul>enjôo vôo enjoo voo Professora Leila Pryjma
  15. 15. <ul><li>o ACENTO CIRCUNFLEXO não se usará mais: 1 . nas terceiras pessoas do plural do presente do indicativo ou do subjuntivo dos verbos &quot; crer &quot;, &quot; dar &quot;, &quot; ler &quot;, &quot; ver &quot; e seus derivados. </li></ul>creem dêem lêem vêem crêem veem deem leem Professora Leila Pryjma
  16. 16. Não existe mais o acento diferencial em palavras paroxítonas homógrafas Professora Leila Pryjma
  17. 17. <ul><li>Como em: </li></ul>Pára (verbo) Para (preposição) Pêlo (substantivo) Péla (substantivo e verbo) para para pela pelo Professora Leila Pryjma
  18. 18. <ul><li>Como em: </li></ul>pêra pólo Pôr (verbo) pode (verbo) pera polo pôde Por (preposição) Professora Leila Pryjma
  19. 19. <ul><li>o ACENTO que diferencia o singular do plural nos verbos TER e VIR permanecem. </li></ul>Eles têm Eles vêm Ele tem Ele vem Professora Leila Pryjma
  20. 20. <ul><li>o ACENTO AGUDO não se usará mais: 3 . nos poucos verbos em que há &quot; u &quot; tônico depois de &quot; g &quot; ou &quot; q &quot;e antes de &quot; e &quot; ou &quot; i &quot;. </li></ul>averigúe apazigúe argúem averigue apazigue arguem (averiguar) (arg(ü/u)ir) (apaziguar) Professora Leila Pryjma
  21. 21. <ul><li>o ACENTO AGUDO não se usará mais: 2 . nas palavras paroxítonas, com &quot; i &quot; e &quot; u &quot; tônicos, quando precedidos de ditongo. </li></ul>feiúra taoísta feiura taoista Professora Leila Pryjma
  22. 22. <ul><li>CUIDADO com: Palavras proparoxítonas que possuam “i” e “u” tônico, elas continuarão acentuadas. </li></ul>feiíssimo seriíssimo feiíssimo seriíssimo Professora Leila Pryjma
  23. 23. <ul><li>CUIDADO com: Palavras OXÍTONAS que possuam “i” e “u” tônico, elas continuarão acentuadas. </li></ul>BAÚ ESAÚ BAÚ ESAÚ Professora Leila Pryjma
  24. 24. <ul><li>CUIDADO com: Palavras PAROXÍTONAS que possuam “i” e “u” tônico antecedidas de vogal com a qual não forma ditongo, elas continuarão acentuadas. </li></ul>Raízes viúva Raízes viúva Professora Leila Pryjma
  25. 25. O caso do HÍFEN é o que causará mais complicações, pois o próprio acordo não chegou à racionalização desejada. Professora Leila Pryjma
  26. 26. <ul><li>o HÍFEN* não se usará mais: 1 . quando o segundo elemento começar com s ou r , ao invés do hífen essas letras serão duplicadas. </li></ul>antissemita contrarregra anti-semita contra-regra Professora Leila Pryjma
  27. 27. Exceção : só não muda quando os primeiros elementos terminam com r . hiper-requintado inter-resistente super-revista Professora Leila Pryjma
  28. 28. <ul><li>o HÍFEN n ão se usará mais: 2 . quando o primeiro elemento termina em vogal e o segundo elemento começa com uma vogal diferente. </li></ul>extra-escolar auto-estrada extraescolar autoestrada Professora Leila Pryjma
  29. 29. Exceção : só não muda quando o segundo elemento começar com “H” Anti-herói Anti-higiênico Extra-humano Professora Leila Pryjma
  30. 30. <ul><li>Agora utiliza-se hífen quando a palavra é formada por um prefixo (ou falso prefixo) terminado em vogal + palavra iniciada pela mesma vogal. </li></ul>antiinflamatório Anti-inflamatório microondas Micro-ondas Professora Leila Pryjma
  31. 31. Exceção : O prefixo CO não utiliza hífen coobservador coocupante coordenar Professora Leila Pryjma
  32. 32. Exceção : subumano Professora Leila Pryjma
  33. 33. <ul><li>Não usamos mais hífen em compostos que, pelo uso, perdeu- se a noção de composição </li></ul>mandachuva paraquedista paraquedas paravento Professora Leila Pryjma
  34. 34. CUIDADO : Alguns compostos com a forma verbal “para-“ seguirão sendo separados por hífen para-brisas para-choque para-lama Professora Leila Pryjma
  35. 35. CUIDADO : Alguns compostos com a forma verbal “MANDA-“ seguirão sendo separados por hífen Manda-lua Manda-tudo Professora Leila Pryjma
  36. 36. CUIDADO : O Acordo não trata nem exemplifica compostos formados com elementos repetidos, com ou sem alternância vocálica, do tipo: Reco-reco Blá-blá-blá Professora Leila Pryjma
  37. 37. CUIDADO : O uso do hífen permanece em palavras compostas que não contêm elemento de ligação e constitui unidade sintagmática e semântica, mantendo o acento próprio, bem como naquelas que designam espécies botânicas e zoológicas: Ano-luz Médico-cirurgião Professora Leila Pryjma
  38. 38. CUIDADO : O uso do hífen permanece em palavras formadas por prefixos &quot;ex&quot;, &quot;vice&quot;, &quot;soto&quot; ex-marido, vice-presidente, soto-mestre Professora Leila Pryjma
  39. 39. CUIDADO, O USO DO HÍFEN PERMANECE : Em palavras formadas por prefixos &quot;circum&quot; e &quot;pan&quot; + palavras iniciadas em vogal, M ou N pan-americano, circum-navegação Professora Leila Pryjma
  40. 40. CUIDADO, O USO DO HÍFEN PERMANECE : Em palavras formadas pelas palavras &quot;além&quot;, &quot;aquém&quot;, &quot;recém&quot;, &quot;sem&quot; além-mar, além-fronteiras, aquém-oceano, recém-nascidos, recém-casados, sem-número, sem-teto Professora Leila Pryjma
  41. 41. CUIDADO, O USO DO HÍFEN PERMANECE : Nos compostos sem elemento de ligação, quando o primeiro elemento está representado pelas formas “bem” e “sem”: Bem- aventurado bem-estar bem-humorado Bem-criado bem-ditoso bem-dito Bem-dizer bem-falante Professora Leila Pryjma
  42. 42. Em muitos compostos o advérbio “BEM” aparece aglutinado ao segundo elemento, quer este tenha ou não vida à parte: benfazejo, benfeito, benfeitor, benquerença, benfazer, benfeitoria, benquerer, benquisto. Professora Leila Pryjma
  43. 43. Nos compostos sem elemento de ligação quando o 1º elemento está representado pela forma “MAL” e o 2º elemento começa por vogal, h ou l : : Mal-afortunado mal-entendido mal-estar Mal-humorado mal-informado mal-limpo Professora Leila Pryjma
  44. 44. mal com significado de doença, grafa-se com hífen: mal-caduco(epilepsia), mal-francês (sífilis) Professora Leila Pryjma
  45. 45. Não existe mais hífen Em locuções de qualquer tipo (substantivas, adjetivas, pronominais, verbais, adverbiais, prepositivas ou conjuncionais) cão de guarda, fim de semana, café com leite, pão de mel, sala de jantar, cartão de visita, cor de vinho, à vontade, abaixo de, acerca de etc. Professora Leila Pryjma
  46. 46. Para poder ter sucesso sempre que puser mãos à obra com a Língua Portuguesa, não se esqueça de que o conhecimento linguístico de nossos alunos é uma responsabilidade de todas as áreas. Professora Leila Pryjma

×