Escola Básica Integrada da Charneca de Caparica
CARROLL, Lewis, Alice no país das
maravilhas, trad. Maria das Mercês e
Mar...
Lewis Carroll nasceu em Cheire (1) no dia 27 de janeiro de 1832…
…e faleceu em Guildford (2) no dia 14 de
janeiro de 1898....
Foi um romancista, poeta e matemático britânico. É mundialmente
famoso pelo seu livro “Alice no País das Maravilhas” (3).
...
Alice estava com
a sua irmã à beira
do rio.
Quando vê um
coelho a correr.
O coelho entra
numa toca e
Alice sem pensar,
também entra.
Para seu
espanto, a toca
era muito
inclinada.
Alice segue o
coelho mas
quando está
perto dele, ele
desaparece.
Ela vê uma porta
muito pequena.
Vê um frasco que
diz “bebe-me,
bebe-me.”
Vai ficando cada
vez
mais pequena,
mais pequena,
mais pequena…
Alice aproxima-
-se da porta, mas
esta estava
trancada.
Tenta chegar à
chave, mas não
consegue…
Quando vê um
baú com
biscoitos com as
letras: “come-
me, come-me.”
Alice fica cada
vez
maior,
maior,
maior…
Passado algum
tempo, volta ao
seu tamanho
normal.
Alice quase se
afoga nas suas
próprias
lágrimas.
Alice vê o coelho
branco e segue-
o.
O coelho
confunde-a com
a sua
“empregada” e
diz a Alice para ir
buscar as suas
luvas.
Alice vai ao
quarto e vê mais
biscoitos…
Mais uma vez,
come-os.
Ela fica
gigante…
Quando Alice
volta a ficar
muito pequena e
consegue sair da
casa do coelho,
encontra uma
lagarta…
que lhe faz
imensas
perg...
Alice ouve tudo o
que a lagarta lhe
tem a dizer.
Ela resolve seguir
o conselho da
lagarta.
Mas ao comer
um lado do
cogumelo fica
gigante.
Mas ao comer o
outro pedaço já
fica do seu
tamanho normal.
Alice decide que
o melhor que
tem a fazer é ir-
se embora, mas
não sabe
como…
De repente, olha
e vê um gato
numa árvore.
E pergunta-lhe
como é que ela
pode sair dali.
Ele responde que:
• Ou vai pelo
caminho da Lebre
de Março;
• Ou vai pelo
caminho do
Chapeleiro.
Alice escolhe ir
pelo caminho da
Lebre.
Para seu
espanto,
encontra a Lebre
de Março e o
Chapeleiro a
tomar chá.
Alice pensa que
aquilo é absurdo.
Então ,tenta ir-se
embora, mas de
repente, vê o
coelho.
Segue-o até ao
bosque, onde
encontra uma
porta numa
árvore.
Quando Alice
entra, vê cartas a
pintar os
arbustos de
rosas.
De repente
,aparecem a
Rainha e o Rei de
Copas.
A Rainha convida
Alice para um
jogo de croquet.
Alice aceita, mas
não consegue
jogar lá muito
bem…
Começam a
culpar o Valete…
Chamaram todas
as testemunhas,
mas ninguém
disse que tinha
sido o valete a
comer as
empadas.
Alice cresce e…
Diz que nem o rei
nem a rainha têm
razão.
Quando vão
prender Alice, ela
acorda.
Fim!!
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Alice no país das maravilhas joana cavadas

2.403 visualizações

Publicada em

Apresentação de leituras

Publicada em: Educação, Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.403
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.297
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Alice no país das maravilhas joana cavadas

  1. 1. Escola Básica Integrada da Charneca de Caparica CARROLL, Lewis, Alice no país das maravilhas, trad. Maria das Mercês e Maria Isabel de Mendonça Soares, 1ª edição, Porto, Colecção Geração Público, 2004.
  2. 2. Lewis Carroll nasceu em Cheire (1) no dia 27 de janeiro de 1832… …e faleceu em Guildford (2) no dia 14 de janeiro de 1898. 1) 2)
  3. 3. Foi um romancista, poeta e matemático britânico. É mundialmente famoso pelo seu livro “Alice no País das Maravilhas” (3). 3) Lewis Carrol recebeu uma educação religiosa, mas desviou-se dessa carreira e entrou na Universidade de Oxford (4). Ganhou uma medalha de mérito pelo seu esforço. 4) Carrol trabalhou como professor de matemática, na Universidade.
  4. 4. Alice estava com a sua irmã à beira do rio.
  5. 5. Quando vê um coelho a correr.
  6. 6. O coelho entra numa toca e Alice sem pensar, também entra.
  7. 7. Para seu espanto, a toca era muito inclinada.
  8. 8. Alice segue o coelho mas quando está perto dele, ele desaparece.
  9. 9. Ela vê uma porta muito pequena.
  10. 10. Vê um frasco que diz “bebe-me, bebe-me.”
  11. 11. Vai ficando cada vez mais pequena, mais pequena, mais pequena…
  12. 12. Alice aproxima- -se da porta, mas esta estava trancada. Tenta chegar à chave, mas não consegue…
  13. 13. Quando vê um baú com biscoitos com as letras: “come- me, come-me.”
  14. 14. Alice fica cada vez maior, maior, maior…
  15. 15. Passado algum tempo, volta ao seu tamanho normal. Alice quase se afoga nas suas próprias lágrimas.
  16. 16. Alice vê o coelho branco e segue- o.
  17. 17. O coelho confunde-a com a sua “empregada” e diz a Alice para ir buscar as suas luvas.
  18. 18. Alice vai ao quarto e vê mais biscoitos… Mais uma vez, come-os.
  19. 19. Ela fica gigante…
  20. 20. Quando Alice volta a ficar muito pequena e consegue sair da casa do coelho, encontra uma lagarta… que lhe faz imensas perguntas…
  21. 21. Alice ouve tudo o que a lagarta lhe tem a dizer. Ela resolve seguir o conselho da lagarta.
  22. 22. Mas ao comer um lado do cogumelo fica gigante.
  23. 23. Mas ao comer o outro pedaço já fica do seu tamanho normal.
  24. 24. Alice decide que o melhor que tem a fazer é ir- se embora, mas não sabe como…
  25. 25. De repente, olha e vê um gato numa árvore. E pergunta-lhe como é que ela pode sair dali.
  26. 26. Ele responde que: • Ou vai pelo caminho da Lebre de Março; • Ou vai pelo caminho do Chapeleiro.
  27. 27. Alice escolhe ir pelo caminho da Lebre.
  28. 28. Para seu espanto, encontra a Lebre de Março e o Chapeleiro a tomar chá.
  29. 29. Alice pensa que aquilo é absurdo. Então ,tenta ir-se embora, mas de repente, vê o coelho.
  30. 30. Segue-o até ao bosque, onde encontra uma porta numa árvore.
  31. 31. Quando Alice entra, vê cartas a pintar os arbustos de rosas.
  32. 32. De repente ,aparecem a Rainha e o Rei de Copas.
  33. 33. A Rainha convida Alice para um jogo de croquet.
  34. 34. Alice aceita, mas não consegue jogar lá muito bem…
  35. 35. Começam a culpar o Valete… Chamaram todas as testemunhas, mas ninguém disse que tinha sido o valete a comer as empadas.
  36. 36. Alice cresce e… Diz que nem o rei nem a rainha têm razão.
  37. 37. Quando vão prender Alice, ela acorda.
  38. 38. Fim!!

×