Introdução a Informática

679 visualizações

Publicada em

Material criado para consulta e exposição em aula de introdução a informática no IFPB Campus João Pessoa. Ele contém uma introdução a informática e serve para conceitos iniciais no assunto.

Este material pode ser utilizado desde que citado o autor.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
679
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Introdução a Informática

  1. 1. Introdução a Informática Hardware e Software Prof. Daniel Brandão
  2. 2. Me apresentando • Daniel Brandão • Graduado em Sistemas para Internet • Pós-graduando em Tecnologia para aplicações web • Professor de informática pelo SENAI (2011 – 2014) • Professor faculdade AVEC (2013) • Canais de comunicação: • www.DanielBrandao.com.br 2
  3. 3. Sobre o que falaremos 1. Conceitos Básicos; 2. Hardware 3. Software 1. Introdução aos Sistemas Operacionais; 1. Como são classificados; 2. Suas funções; 4. Considerações Finais. 3
  4. 4. CONCEITOS BÁSICO 1.0 4
  5. 5. Conceitos Iniciais • Tecnologia: Segundo a enciclopédia livre – Wikipédia, “tecnologia é um termo que envolve o conhecimento técnico e científico e as ferramentas, processos e materiais criados e/ou utilizados a partir de tal conhecimento”. • Informática: Termo criado na França em 1962 e surgiu da contração de duas palavras: Information Automatique, traduzindo, Informação automática. • Computador: Máquina eletrônica que realiza processamento de dados. 5
  6. 6. 6
  7. 7. Fazem parte da ‘Informática’: • Processamento de Dados: Trabalha com a informação através da Entrada de Dados, Processamento e Saída. • Hardware: Parte física do computador. • Software: Parte lógica (programas). • Peopleware: Pessoa que direta ou indiretamente trabalha com informática. 7
  8. 8. Fazem parte da ‘Informática’: • Programa: Conjunto de instruções fornecidas ao computador para que ele realize determinada tarefa. • Linguagem de programação: É um conjunto de regras que fornece as instruções para o computador. Cada linguagem de programação possui suas próprias regras. Devem ser seguidas pelo programador. 8
  9. 9. HARDWARE 2.0 9
  10. 10. • Etapas de funcionamento de um computador • Dispositivos de Entrada e Saída: • São dispositivos físicos que permitem a comunicação entre o usuário e o computador, tanto para receber dados como para que o computador os mostre ao usuário. • Os periféricos são classificados de acordo com a função desempenhada junto ao computador da seguinte forma: Hardware 10
  11. 11. • De entrada: Periféricos que basicamente enviam informação para o computador, como por exemplo, mouse e teclado; • De saída: transmitem informação do computador para o usuário, como por exemplo, impressora e monitor. • De entrada e saída: periféricos que realizam as duas funções citadas anteriormente, ou seja, recebem e enviam informações. Como exemplo, podemos citar, monitor de touch screen, drive de CD/DVD, smartphones e tablets; • De armazenamento: São periféricos que tem por função armazenar dados e informações, como por exemplo, disco Rígido, pen drive e cartão de memória. Hardware 11
  12. 12. Unidades de armazenamento • Dividem-se em vários tipos de memórias que podem ser permanentes ou temporárias. • Memória RAM (Random Access Memory) - são memórias temporárias, voláteis, rápidas e que lidam essencialmente com armazenamento de cargas elétricas em capacitores, possibilitando o armazenamento e a visualização simultâneos (tempo real). Esse recurso torna possível a tarefa de fazer e ver o que se está fazendo ao mesmo tempo. • Uma característica importante da memória do tipo RAM é que ela necessita de constante alimentação elétrica, ou seja, uma vez desligado o computador, ela é descarregada. 12
  13. 13. Unidades de armazenamento • Memória ROM (Read Only Memory) - são permanentes e programadas em fábrica, destinam-se aos comandos mais básicos e gerais de uma determinada tarefa do computador. 13
  14. 14. Unidades de armazenamento • Memória Flash - diferentemente da memória RAM, permite armazenar dados por longos períodos sem precisar de alimentação elétrica, praticamente com a mesma velocidade. Graças a isso, a memória Flash se tornou rapidamente a tecnologia dominante em cartões de memória (para câmeras digitais) e pendrives. Esses dispositivos, que apareceram no Brasil no começo do século XXI, substituíram completamente os disquetes, que realizavam a mesma função. • Também estão presentes nos famosos SSD´s (Solid States Disc), conhecidos por acelerar os computadores e os ultrabooks. 14
  15. 15. Unidades de armazenamento • Disco Rígido (HD) Unidade de entrada e saída. É a que tem maior capacidade de armazenamento. Estão armazenados os programas e arquivos que serão carregados na memória RAM e executados pelo processador. Atualmente armazenam Terabytes (trilhões de caracteres) 15
  16. 16. SOFTWARE 3.0 16
  17. 17. Software • Em termos gerais, é o nome dado aos programas ou aplicativos de um computador. • Sistema Operacional Principal software de um computador. É um conjunto de programas que gerenciam todas as operações de funcionamento do hardware e software de um computador. Ele faz a chamada interface entre o homem e a máquina. Permite, entre outras coisas, a criação e manutenção de arquivos, execução de programas e utilização de periféricos tais como: teclado, vídeo, unidades de disquete, impressora. 17
  18. 18. Software • Aplicativo: É um conjunto de programas que se presta para a realização de uma tarefa específica, como por exemplo, edição de texto (Microsoft Word, Writer), desenho (Corel Draw, Adobe llustrator, Auto Cad), edição de imagens (Adobe Photoshop, Corel PhotoPaint), animação (Adobe Flash), edição de vídeo (Windows media Player, Adobe Premiére), modelagem 3D (3D Studio Max, Maya, AutoCAD), jogos, antivírus, etc. 18
  19. 19. Software • Utilitários: São programas que servem como partes auxiliares de outros aplicativos ou sistemas operacionais, como por exemplo, os antivírus, os aceleradores de download, os alertadores de segurança, os limpadores e desfragmentadores de disco, restauradores de sistema, aplicativos de backup (cópia de segurança de arquivos), etc.. 19
  20. 20. Sistemas Operacionais: • Serve como um intermediário entre o hardware e os softwares aplicativos. • O que é um sistema operacional? • É um programa que controla os recursos do computador, como a unidade central de processamento, a memória, os arquivos, os dispositivos de entrada e saída, etc. e fornece a base para o desenvolvimento dos programas de aplicação. Ele atua como intermediário entre o usuário e o hardware de um computador. • Um conjunto de programas que se situa entre os softwares aplicativos e o hardware 20
  21. 21. Os sistemas operacionais podem ser classificados em: • • monotarefa: permite a execução de um único programa por vez; • • multitarefa: permite que mais de uma tarefa seja processada simultaneamente no sistema computacional (atualmente, a maioria dos sistemas operacionais é multitarefa); • • monoprocessados: somente um processador pode ser gerenciado pelo sistema operacional; • multiprocessados: vários processadores podem ser gerenciados simultaneamente; • • monousuário: o sistema operacional só é capaz de suportar um único usuário acessando seus recursos; • • multiusuário: vários usuários dividem os mesmos recursos do sistema computacional. 21
  22. 22. Funções do S.O: • Gerencia os recursos do computador (CPU, dispositivos periféricos). • Estabelece uma interface com o usuário. • Configuração de dispositivos. • Controle da Rede. • Gestão de programas. • Inicialização do computador. • Segurança do Sistema. • Determina como o usuário interage com o sistema operacional. • Provê e executa serviços para softwares aplicativos. 22
  23. 23. • Localização • Residente no disco rígido do computador • Possibilidade de armazenamento em um chip do tipo ROM • Kernel (Núcleo) • Gerencia o sistema operacional. • Carregado do disco rígido para a memória quando o computador é inicializado. • Permanece na memória enquanto o computador estiver ligado. 23
  24. 24. Plataformas comuns de S.O: • Windows (Microsoft): família de sistemas operacionais usados em computadores de mão (Windows CE, Windows Mobile e Windows Phone), computadores pessoais (Windows 98, Windows • XP, Windows Vista, Windows 7, Windows 8/8.1 e Windows 10) e computadores servidores (Windows NT, Windows 2000, Windows Server 2003, Windows Server 2008 e Windows Server 2012). • MacOS (Apple): sistema operacional para computadores pessoais Macintosh e iMac. • Linux: derivado do UNIX, atualmente, é muito utilizado em computadores de rede e está começando a ser bastante utilizado também em computadores pessoais. • Ex: Conectiva; Fedora; Slackware; Red Hat; SuSE; Ubuntu; Debian. • UNIX: sistema operacional criado no início da década de 70 para computadores de grande porte. 24
  25. 25. S.O. mobile • Android (Google): plataforma mobile do Google, de código aberto e baseado em Linux. Muito encontrado em smartphones e tablets. A mais usada atualmente em todo o mundo. • BlackBerry (Research in Motion): um modelo firmemente integrado de hardware/software – eles fazem os aparelhos, eles fazem o sistema operacional. • IPHONE OS – iOS (da Apple) : Rodando uma versão básica, mas autêntica, do Mac OS X, é um dos sistemas mais poderosos e modernos. • WINDOWS PHONE(Microsoft): tem raízes no Windows antes de se tornar Windows Mobile e atualmente Windows Phone. Antes voltado a uso corporativo, sua versão atual 8.1 tornou-se mais popular, e conta com edições para touchscreen. • SYMBIAN(Nokia) : O Symbiam foi a plataforma de smartphone mais popular do mundo, graças à Nokia. 25

×