Teorias econômicas

988 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
988
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Teorias econômicas

  1. 1. LIBERALISMO ECONOMICO<br />A teoria do LIBERALISMO ECONÔMICO surgiu no contexto do fim do mercantilismo, período em que era necessário estabelecer novos paradigmas, já que o capitalismo estava se firmando cada vez mais. A idéia central do liberalismo econômico é a defesa da emancipação da economia de qualquer dogma externo a ela mesma, ou seja, a eliminação de interferências provenientes de qualquer meio na economia. 

Tal teoria surgiu no final do século XVIII, tendo em François Quesnay um dos seus principais teóricos. Quesnay afirmava que a verdadeira atividade produtiva estava inserida na agricultura. Outro pensador que contribuiu para o desenvolvimento da teoria do liberalismo econômico foi Vincent de Gournay, o qual dizia que as atividades comerciais e industriais deveriam usufruir de liberdade, para assim se desenvolverem e alcançarem a acumulação de capitais. 

No entanto, o principal teórico e pai da teoria do liberalismo econômico foi Adam Smith. O economista escocês confrontou as idéias de Quesnay e Gournay, afirmando em seu livro “A Riqueza das Nações” as principais idéias do liberalismo econômico: a prosperidade econômica e a acumulação de riquezas não são concebidas através da atividade rural e nem comercial, mas sim, através do trabalho livre, sem nenhum agente regulador ou interventor. 

Para Smith, não eram necessárias intervenções na economia, visto que o próprio mercado dispunha de mecanismos próprios de regulação da mesma: a chamada “mão invisível”, que foram os primeiros a tratar a economia como ciência.<br />A TEORIA DOS JOGOS E SUA APLICAÇÃO EM ECONOMIA<br />maio 3, 2007 por Sérgio Ricardo de Brito Gadelha<br />A Teoria dos Jogos é um ramo da matemática aplicada que estuda situações estratégicas onde jogadores escolhem diferentes ações na tentativa de melhorar seu retorno. Inicialmente desenvolvida como ferramenta pra compreender comportamento econômico e depois por Corporação RAND para definir estratégias nucleares, a teoria dos jogos é agora usada em diversos campos acadêmicos.<br />A partir de 1970 a teoria dos jogos passou a ser aplicada ao estudo do comportamento animal, incluindo evolução das espécies por seleção natural. Devido a interesse em jogos como o dilema do prisioneiro, no qual interesses próprios e racionais prejudicam a todos, a teoria dos jogos vem sendo aplicada na ciência política, ética, filosofia e, recentemente, no jornalismo, área que apresenta inúmeros e diversos jogos, tanto competitivos como cooperativos. Finalmente, a teoria dos jogos despertou a atenção da ciência da computação que a vem utilizando em avanços na inteligência artificial e cibernética. A teoria dos jogos tornou-se um ramo proeminente da matemática nos anos 30 do século XX, especialmente depois da publicação em 1944 de The Theory of Games and Economic Behavior de John von Neumann e Oskar Morgenstern.<br />Em economia, a teoria dos jogos procura encontrar estratégias racionais em situações em que o resultado depende não só da estratégia própria de um agente e das condições de mercado, mas também das estratégias escolhidas por outros agentes que possivelmente têm estratégias diferentes ou objetivos comuns. Os resultados da teoria dos jogos tanto podem ser aplicados a simples jogos de entretenimento como a aspectos significativos da vida em sociedade. Um exemplo deste último tipo de aplicações é o Dilema do prisioneiro (esse jogo teve sua primeira análise no ano de 1953) popularizado pelo matemático Albert W. Tucker, e que tem muitas implicações no estudo da cooperação entre indivíduos. Os biólogos utilizam a teoria dos jogos para compreender e prever o desfecho da evolução de certas espécies. Esta aplicação da teoria dos jogos à teoria da evolução produziu conceitos tão importantes como o conceito de Estratégia Evolucionariamente Estável, introduzida pelo biólogo John Maynard Smith no seu ensaio Game Theory and the Evolution of Fighting.<br />Em complemento ao interesse acadêmico, a teoria dos jogos vem recebendo atenção da cultura popular. Um pesquisador da Teoria dos Jogos e ganhador do Prémio de Ciências Econômicas em Memória de Alfred Nobel, John Nash foi sujeito em 1998 de uma biografia por Sylvia Nasar e de um filme em 2001: Uma mente brilhante. A teoria dos Jogos também foi tema em 1983 do filme Jogos de Guerra. Embora similar à teoria decisão, a teoria dos jogos estuda decisões que são tomadas em um ambiente onde vários jogadores interagem. Em outras palavras, a teoria dos jogos estuda as escolhas de comportamentos ótimos quando o custo e beneficio de cada opção não é fixo, mas depende, sobretudo, da escolha dos outros indivíduos.  <br />Transcrevo a seguir endereços onde pode-se obter informações e material de estudo (apostilas) sobre teoria dos jogos:<br />Apostilas<br />1. Wayne Bialas (SUNY Buffalo), Game Theory
2. Bernard Caillaud (ENPC) / Benjamin Hermalin (Berkeley), Hidden Action and Incentives
3. Bernard Caillaud (ENPC) / Benjamin Hermalin (Berkeley), Hidden-Information Agency
4. Yongmin Chen (Colorado), Microeconomic Theory II
5. Peter Cramton (Maryland), Advanced Microeconomics
6. Douglas Gale (NYU), Strategic Foundations of General Equilibrium
7. Benjamin Hermalin (Berkeley), Lecture Notes for Economics
8. Levent Koçkesen (Columbia), Advanced Microeconomic Analysis I
9. Andrew McLennan (Minnesota), Game Theory
10. John Nachbar (WUSTL), Basic Non-Cooperative Game Theory
11. Martin Osborne (Toronto) / Ariel Rubinstein (Tel Aviv), Bargaining and Markets
12. David Parkes (Harvard), Computational Mechanism Design
13. Jim Ratliff (prev. Arizona), Graduate-Level Course in Game Theory
14. Francesco Squintani (UCL), Notes for Non-Cooperative Game Theory
15. Max Stinchcombe (Texas), Dynamics and Learning
16. Max Stinchcombe (Texas), Notes for a Course in Game Theory  <br />Endereços interessantes:<br />1. Wikipedia: http://pt.wikipedia.org/wiki/Teoria_dos_jogos <br />2. Prof. John Forbes Nash Jr., laureado com o prêmio nobel em Economia (1994) devido às suas contribuições à moderna teoria dos jogos. Home pages: http://www.math.princeton.edu/jfnj/. http://cepa.newschool.edu/het/profiles/nash.htm. Endereço do sítio eletrônico oficial do filme “Uma Mente Brilhante”: http://www.abeautifulmind.com/main.html. Biografia: http://www.econ.jhu.edu/People/Harrington/nash-milnor.pdf, e http://nobelprize.org/nobel_prizes/economics/laureates/1994/nash-autobio.html  <br />3. Cronologia da Teoria dos Jogos: http://www.econ.canterbury.ac.nz/personal_pages/paul_walker/gt/hist.htm<br />

×