Da fraqueza à vitória I

1.271 visualizações

Publicada em

Sermão

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.271
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Da fraqueza à vitória I

  1. 1. Da Fraqueza à Vitória I LIDANDO COM AS DIFICULDADES I Reis 17.1-7 Sermão ministrado na PIB em Ouro Preto no dia 25 de novembro de 2012 – Pr. José de Andrade Cunha Ora, Elias, o tesbita da Tisbe de Gileade, disse a Acabe: "Juro pelo nome do Senhor, o Deus de Israel, a quem sirvo, que não cairá orvalho nem chuva nos anos seguintes, exceto mediante a minha palavra". Depois disso a palavra do Senhor veio a Elias: "Saia daqui, vá para o leste e esconda-se perto do riacho de Querite, a leste do Jordão. Você beberá do riacho, e dei ordens aos corvos para o alimentarem lá". E ele fez o que o Senhor lhe tinha dito. Foi para o riacho de Querite, a leste do Jordão, e ficou por lá. Os corvos lhe traziam pão e carne de manhã e de tarde, e ele bebia água do riacho. Algum tempo depois, o riacho secou-se por falta de chuva. Elias foi sem dúvida alguma, um dos maiores profetas que Deus levantou Natural de Gileade, foi contemporâneo de Acabe, Acazias e Jeosafá. Chamado por Deus num dos momentos mais críticos da história da nação de Israel, teve que combater contra o perverso rei Acabe e o sistema religioso de sua época. O povo tinha se afastado do Senhor e estava cultuando a Baal, e Elias se levanta como mensageiro do Senhor para alertar a nação. Apesar de todas as dificuldades, Elias foi um vencedor. Foi tão especial para Deus que não experimentou a morte, foi trasladado ao céu num redemoinho. O que fez a diferença na vida de Elias, foi que ele passou pelas dificuldades, e até mesmo pelo desânimo, mas não parou em sua caminhada. O começo foi difícil – quem teve começo fácil? Poucos. Ilustração: A história do Ministro do STF Joaquim Barbosa (de onde veio e onde chegou) Citando Cora Coralina: “O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher” Você vai desanimar porque a sua vida é cheia de dificuldades? Quem disse que você está vivendo o último capítulo da sua vida? Para ir da fraqueza à vitória você terá que enfrentar as dificuldades:I – DIFICULDADES ESPIRITUAIS(I Reis 16:30-32)“Ele não apenas achou que não tinha importância cometer os pecados de Jeroboão, filho deNebate, mas também se casou com Jezabel, filha de Etbaal, rei dos sidônios, e passou a prestar cultoa Baal e adorá-lo.No templo de Baal, que ele mesmo tinha construído em Samaria, Acabe ergueuum altar para Baal.Fez também um poste sagrado. Ele provocou a ira do Senhor, o Deus de Israel,mais do que todos os reis de Israel antes dele.” Elias foi profeta onde o perigo do sincretismo estava presente. A fé teria ficado perdida se fosse fundida com a religião de Baal.
  2. 2. O rei de Israel, Acabe, buscou o que era mau, “mais do que todos os que foram antes dele...tomou por mulher a Jezabel, idólatra” (1Rs 16.30-31). Este casamento foi o grande motivo para o problema do enfraquecimento espiritual do povo. Muitas vezes tomamos decisões erradas e depois queremos culpar a Deus pelas coisas ruins que acontecem. Todas as decisões que tomamos em nossa vida interferem em nossa vida espiritual, porque não existe separação de vida material e espiritual. Notadamente, as maiores dificuldades sempre foram as espirituais.II – DIFICULDADES MATERIAIS (I Reis17:1-4) Elias viveu em tempo de fome e falta de água, muitas dificuldades físicas e perseguição por parte de Jezabel que mandava matar os profetas. Mas Elias teve a proteção de Deus, não lhe faltou nada, pois Deus providenciou miraculosamente o seu sustento. Deus também abençoou pessoas que Elias se aproximou, como a viúva de Sarepta e seu filho. Nosso Deus nos abençoa e também abençoa quem vive conosco, abençoa nosso lugar de trabalho e onde vamos. A Bíblia nos ensina como enfrentar muitas situações difíceis na vida, incluindo as dificuldades materiais: 1. GRATIDÃO Paulo insiste em que sejamos gratos. Precisamos estar "... transbordando de gratidão" (Colossenses 2.6-7). "Dêem graças em todas as circunstâncias..." (1 Tessalonicenses 5.18) Temos que atentar para o que o Senhor nos tem dado e não para as coisas que não temos. 2. CONTENTAMENTO "Conservem-se livres do amor ao dinheiro e contentem-se com o que vocês têm, porque Deus mesmo disse: ‘Nunca o deixarei, nunca o abandonarei’" (Hebreus 13.5) Paulo estava contente na fome ou na abundância (Filipenses 4.12-13) 3. SOBRIEDADE Muitos textos nos exortam a sermos sóbrios (1 Tessalonicenses 5:6, 8; 1 Pedro 4.7). A pessoa sóbria encara os fatos e não deixa seus desejos colorirem sua percepção da realidade. 4. HONESTIDADE A honestidade é parte do caráter cristão (2 Coríntios 8.21). Pessoas honestas aceitam suas limitações financeiras e não tentam ser uma coisa que não são, vivendo num estilo de vida que suas condições não permitem. Rm 13.8
  3. 3. 5. DILIGÊNCIA Algumas vezes, porém nem sempre, os problemas financeiros resultam da preguiça. "Tirando uma soneca, cochilando um pouco, cruzando um pouco os braços para descansar, a sua pobreza o surpreenderá como um assaltante, e a sua necessidade lhe sobrevirá como um homem armado" (Provérbios 6.10-11). 6. ESPIRITUALIDADE Precisamos manter nosso foco principal em Cristo, não em coisas materiais. "Ninguém pode servir a dois senhores: pois odiará um e amará o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro... Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas" (Mateus 6:24, 33).III – A NECESSIDADE DE UM CONFRONTO ESPIRITUAL (I Reis 18:17-40) Era necessário um confronto espiritual pois o povo de Deus estava se perdendo. Para isso Elias tem um encontro com Acabe. Então Elias manda juntar os profetas de Baal e o povo para estarem diante dele e passa a questionar sobre o erro que estavam cometendo de servirem a dois senhores. “Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o SENHOR é Deus, segui-o; se é Baal, segui-o.” - (1Rs 18.21). Elias então propõe um acordo: (1Rs 18.24). “Então, invocai o nome de vosso deus, e eu invocarei o nome do SENHOR; e há de ser que o deus que responder por fogo esse é que é Deus. E todo o povo respondeu e disse: É boa esta palavra.” Desta forma eles ficaram várias horas clamando a Baal e nada aconteceu, então Elias ora ao Senhor e o fogo aparece. (1Rs 18.38) “Então, caiu fogo do SENHOR, e consumiu o holocausto, ea lenha, e as pedras, e a terra, e ainda lambeu a água que estava na valeta.” Se você está com problemas materiais e não está tendo paz em passar por eles, talvez seja hora do confronto espiritual na sua vida. Se você está com problemas espirituais, com certeza chegou a hora do confronto espiritual na sua vida.
  4. 4. Não se conforme com uma vida medíocre de relacionamento com Deus. No confronto de Elias a questão era ver quem estava dirigindo a vida do povo e quem realmente deveria dirigir. Elias mostrou que o único Deus que corresponde em nossas vidas a todas as nossas necessidades é o único e verdadeiro Deus de Israel, o nosso Deus.IV – DEPOIS DO CONFRONTO ESPIRITUAL VEM O PEDIDO PELASDIFICULDADES MATERIAIS (I Reis 18.41-46) Agora Elias pede chuva, ora buscando o suprimento material para o povo que recebeu o ensino espiritual. Após sua oração aguarda confiante a resposta e depois de sete vezes mandar seu ajudante olhar se tinha algum sinal de chuva, a resposta foi que uma pequena nuvem aparecera. Isso foi o suficiente para Elias afirmar com segurança que a chuva cairia em breve. Aprendemos com Elias o que também Jesus nos ensinou: primeiro o espiritual, depois o material. Primeiro o Reino de Deus, depois as outras coisas. Então, podemos partir da fraqueza das nossas limitações para a vitória plena.CONCLUSÃO Toda fraqueza e dificuldades que você tem conhecido, seja em você mesmo, seja mediante circunstâncias adversas, podem se transformar numa fonte de vitória, mas a partir do momento em que você tomar a decisão de confiar plenamente em Deus. O que realmente importa é que Deus está bem perto, muito presente em qualquer situação. Não despreze suas fraquezas e dificuldades, pois é a partir dela que você será vitorioso, vivendo uma vida de completa dependência de Deus. Enfrente suas dificuldades, faça um confronto espiritual em sua vida e prossiga para uma vida vitoriosa em Cristo.

×