O Homem de Bem

3.588 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual, Diversão e humor
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.588
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
76
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Homem de Bem

  1. 1. Nosso candidato O Homem de Bem
  2. 2. O HOMEM DE BEM - Cumpre a Lei de Justiça, de Amor e de Caridade, na sua maior pureza. - Deposita fé em Deus e tem fé no futuro. - Sacrifica sempre seus interesses à justiça. - Faz o bem pelo bem, sem esperar paga alguma.
  3. 3. - Satisfaz-se nos benefícios que espalha nos serviços que presta, no fazer ditoso os outros, nas lágrimas que enxuga, nas consolações que prodigaliza aos aflitos. - Seu primeiro impulso é pensar no outro, antes de pensar em si, é para cuidar dos interesses dos outros antes do seu próprio interesse, (O egoísta, ao contrário, calcula os proventos e as perdas decorrentes de toda ação generosa).
  4. 4. - O homem de bem é bom, humano e benevolente para com todos, sem distinção de raças, nem de crenças, porque em todos os homens vê irmãos seus. - Respeita no outro todas as convicções sinceras e não lança anátema aos que como ele não pensam. - Em todas as circunstâncias toma como guia a caridade.
  5. 5. - Não alimenta ódio, nem rancor, nem desejo de vingança. - É indulgente para as fraquezas alheias. - Nunca se compraz em rebuscar os defeitos alheios, nem, ainda, em evidenciá-los. - Estuda suas próprias imperfeições e trabalha incessantemente em combatê-las.
  6. 6. - Não procura dar valor ao seu espírito, nem aos seus talentos, a expensas de outrem. - Não se envaidece da sua riqueza, nem das suas vantagens pessoais. - Se a ordem social colocou sob o seu manto outros homens, trata-os com bondade e benevolência.
  7. 7. Não ficam assim enumeradas todas as qualidades que distinguem o homem de bem, mas, aquele que se esforce por possuir as que acabamos de mencionar, se acha no caminho que a todas as demais conduz.
  8. 8. Texto: Allan Kardec - “O Evangelho Segundo o Espiritismo” – Cap. XVII Produção: USE – União das Sociedades Espíritas Intermunicipal Bauru Campanha Educativa

×