SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Baixar para ler offline
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
ATENÇÃO ÀS
MULHERES
INTERVENÇÕES OPORTUNAS
EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
Na abordagem a Hemorragia Pós Parto (HPP) tempo é vida.
Não atrase o sequenciamento das ações, realize intervenções
oportunas que podem evitar a morte de uma mulher.
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
Objetivos dessa apresentação:
• Discutir conceitos em Hemorragia Pós Parto (HPP) e a abordagem em
casos não responsivos ao manejo medicamentoso;
• Apresentar as indicações para o uso de Balões de Tamponamento
Intrauterino no contexto do sequenciamento do atendimento em HPP;
• Descrever as técnicas para colocação e retirada de balões de
tamponamento intrauterino;
• Comentar a abordagem cirúrgica após tentativa de uso de balão.
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
Hemorragia Pós-parto
• A HPP está presente em > 18% dos nascimentos
• 18 vezes mais comum diante de cesáreas que evoluem para histerectomia
• Associa a 64,7% da morbidade materna grave:
-> Necessidade de hemotransfusão em 0,6% dos partos
-> Histerectomia em aproximadamente 0,2% dos partos
• OMS: estima 20 milhões de complicações maternas ao ano no mundo
• A mais ameaçadora das principais causas de morte para a equipe
• 3/5 dos casos de HPP recebem cuidados inadequados
• Responsável por 25 a 30% das mortes maternas
Segunda causa de
morte materna no Brasil
A maioria dos
óbitos é evitável!
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
Perda sanguínea cumulativa ≥ 500ml após parto vaginal
Perda sanguínea ≥ 1000ml após o parto operatório
Perda sanguínea cumulativa ≥ 1000 ml em 24h após qualquer parto
OU
Qualquer perda de sangue
capaz de causar instabilidade
Hemodinâmica em 24 horas
Hemorragia pós-parto
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
Hemorragia Maciça
Sangramento nas primeiras 24 horas após o parto > 2000 ml OU
Com necessidade de transfusão mínima de 1200 ml (4 unidades) de
concentrado de hemácias OU
Que resulte na queda de hemoglobina ≥ 4 g/dl OU em distúrbio de
coagulação
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
Nunca trate a HPP sem
simultaneamente investigar
o foco do sangramento!
4T Causa Específica
Frequência
relativa
Tônus Atonia uterina 70%
Trauma
Lacerações, hematomas,
inversão e rotura uterina
19%
Tecido
Retenção de tecido
placentário, coágulos,
acretismo placentário
10%
Trombina
Coagulopatias, embolia
de líquido amniótico
1%
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
0
20
40
60
80
100
0 10 20 30 40 50 60 90
%
sobrevida
Minutos
Relação entre o tempo e a sobrevida da mulher
HIPOTERMIA
ACIDOSE METABÓLICA
COAGULOPATIA
Intervenção precoce, agressiva e oportuna, correta e sem atrasos,
nas pacientes com quadro de hemorragia importante, a fim de se
evitar o surgimento da tríade letal do choque hipovolêmico
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
Balões de Tamponamento Intrauterino
• PRINCIPAL INDICAÇÃO: nas HPP por atonia, não responsivas ao manejo medicamentoso com uso de
uterotônicos
• OBJETIVO: promoção da hemostasia transitória ou definitiva, evitando abordagens cirúrgicas desnecessárias
• MECANISMO DE AÇÃO
MAIS PROVÁVEL: pressão
hidrostática contra a parede
uterina; redução do
sangramento capilar e
venoso do endométrio, dos
remanescentes placentários
e do miométrio
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
• Uso associado de antibióticos
• Rigoroso monitoramento durante seu uso
• Retirada gradual monitorada
Balão de Sengstaken
Blakemore 1952
Balão de Bakri
Balões de Tamponamento Intrauterino
Artesanais ou industrializados, requerem cuidados como:
Ilustração de Felipe Lage Starling
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
• Esvaziamento vesical
• Antissepsia
• Introdução do Balão Intrauterino
• Introduzir 2 a 3 compressas na vagina ou
aplicar pontos no colo
• Infusão com SF: 500mL no após o parto vaginal
e entre 250 a 300mL no pós parto operatório
(100mL na técnica de sanduíche uterino – associado a suturas compressivas)
• Fixar a sonda vesical na face interna do membro inferior
• Adaptar balão no leito
RECOMENDÃÇÕES PARA COLOCAÇÃO
Balão de Alves, utilizado em situação
real no Hospital Sofia Feldman
Balões de Tamponamento Intrauterino
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
• Retirada gradual: a cada 50 - 100 mL, avaliar possibilidade
de recidiva do sangramento;
• Infundir ocitocina 20 UI a 67,5 ml/h
• Recidiva hemorrágica: reintroduzir o balão e preparar para
laparotomia imediata
• Se falha no controle do sangramento: não insistir em
tamponamento, próximo passo são as técnicas cirúrgicas
de suturas compressivas, ligaduras vasculares e
histerectomia
RECOMENDÃÇÕES PARA RETIRADA: APÓS CONTROLE DO SANGRAMENTO E
ESTABILIZAÇÃO CLÍNICA E HEMODINÂMICA DA PACIENTE
Balões de Tamponamento Intrauterino
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
“O diagnóstico precoce e a execução das ações de controle do
sangramento, de forma sequenciada, consciente, correta e
sem perda de tempo, devem ser objetivos da abordagem de
um quadro de HPP”.
Estratégia Zero Morte Materna por Hemorragia, 2018.
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
• Alves ALL, Silva LB, Melo VH . Uso de balões intrauterinos em pacientes com hemorragia pós-parto. FEMINA, Jul/Ago 2014 vol 42 nº4.
• Doumouchtsis SK, Papageorghiou AT, Vernier C, Arulkumaran S. Management of postpartum hemorrhage by uterine balloon tamponade:
prospective evaluation of effectiveness. Acta Obstet Gynecol Scand. 2008;87(8):849-55. doi: 10.1080/00016340802179822. PMID: 18704777.
• Doumouchtsis SK, Papageorghiou AT, Arulkumaran S. Systematic review of conservative management of postpartum hemorrhage: what to do
when medical treatment fails. Obstet Gynecol Surv. 2007 Aug;62(8):540-7. doi: 10.1097/01.ogx.0000271137.81361.93. PMID: 17634155.
• Escobar, MF, Nassar, AH, Theron, G et al. FIGO recommendations on the management of postpartum hemorrhage 2022. Int J Gynecol Obstet.
2022; 157(Suppl. 1): 3– 50. doi:10.1002/ijgo.14116
• Main EK, Goffman D, Scavone BM, Low LK, Bingham D, Fontaine PL, Gorlin JB, Lagrew DC, Levy BS. National Partnership for Maternal Safety:
consensus bundle on obstetric hemorrhage. Anesth Analg. 2015 Jul;121(1):142-148. doi: 10.1097/AOG.0000000000000869. Erratum in: Anesth
Analg. 2019 Dec;129(6):e206. PMID: 26091046.
• Althabe F, Therrien MNS, Pingray V, et al. Postpartum hemorrhage care bundles to improve adherence to guidelines: A WHO technical
consultation. Int J Gynaecol Obstet. 2020;148(3):290-299. doi:10.1002/ijgo.13028
• Deborah L Horner, MB ChB BSc FRCA, Mark C Bellamy, MA MB BS FRCA FFICM, Care bundles in intensive care, Continuing Education in
Anaesthesia Critical Care & Pain, Volume 12, Issue 4, August 2012, Pages 199–202, https://doi.org/10.1093/bjaceaccp/mks021
• Organização Pan-Americana da Saúde. Recomendações assistenciais para prevenção, diagnóstico e tratamento da hemorragia obstétrica. Brasília:
OPAS; 2018
• Clark SL, Hankins GD. Preventing maternal death: 10 clinical diamonds. Obstet Gynecol. 2012 Feb;119(2 Pt 1):360-4. doi:
10.1097/AOG.0b013e3182411907. PMID: 22270288.
• Suarez S, Conde-Agudelo A, Borovac-Pinheiro A, Suarez-Rebling D, Eckardt M, Theron G, Burke TF. Uterine balloon tamponade for the treatment
of postpartum hemorrhage: a systematic review and meta-analysis. Am J Obstet Gynecol. 2020 Apr;222(4):293.e1-293.e52. doi:
10.1016/j.ajog.2019.11.1287. Epub 2020 Jan 6. PMID: 31917139.
• Alves, Álvaro Luiz Lage et al. Postpartum hemorrhage: prevention, diagnosis and non-surgical management. Revista Brasileira de Ginecologia e
Obstetrícia [online]. 2020, v. 42, n. 11
• Osanan GC, Charry RC, et al, Glob. libr. women’s med., ISSN: 1756-2228; DOI 10.3843/GLOWM.413063
Referências
portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
Aprofunde seus conhecimentos acessando artigos disponíveis na biblioteca do Portal.
ATENÇÃO ÀS
MULHERES
Material de 09 de setembro de 2022
Disponível em: portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br
Eixo: Atenção às Mulheres
INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS:
USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO UTERINO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 6 -_mecanismo_do_parto__classificacao_de_risco_na_obstetricia
Aula 6 -_mecanismo_do_parto__classificacao_de_risco_na_obstetriciaAula 6 -_mecanismo_do_parto__classificacao_de_risco_na_obstetricia
Aula 6 -_mecanismo_do_parto__classificacao_de_risco_na_obstetriciaGustavo Henrique
 
Cesariana
CesarianaCesariana
Cesarianatvf
 
Aula sobre parto seguro
Aula sobre parto seguroAula sobre parto seguro
Aula sobre parto seguroProqualis
 
RECÉM-NASCIDO: Cuidados com o pré termo. Vol. 4. Ministério da Saúde
RECÉM-NASCIDO: Cuidados com o pré termo. Vol. 4. Ministério da SaúdeRECÉM-NASCIDO: Cuidados com o pré termo. Vol. 4. Ministério da Saúde
RECÉM-NASCIDO: Cuidados com o pré termo. Vol. 4. Ministério da SaúdeProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Descolamento Prematuro da Placenta e Placenta Prévia - Saúde da Mulher
Descolamento Prematuro da Placenta e Placenta Prévia - Saúde da MulherDescolamento Prematuro da Placenta e Placenta Prévia - Saúde da Mulher
Descolamento Prematuro da Placenta e Placenta Prévia - Saúde da MulherEnfº Ícaro Araújo
 
Emergência Obstétrica
Emergência ObstétricaEmergência Obstétrica
Emergência Obstétricasiatego
 

Mais procurados (20)

Pré-Natal
Pré-NatalPré-Natal
Pré-Natal
 
Diagnóstico das distocias intraparto e quando intervir
Diagnóstico das distocias intraparto e quando intervirDiagnóstico das distocias intraparto e quando intervir
Diagnóstico das distocias intraparto e quando intervir
 
Infecção do Trato Urinário durante a Gestação
Infecção do Trato Urinário durante a GestaçãoInfecção do Trato Urinário durante a Gestação
Infecção do Trato Urinário durante a Gestação
 
Aula 6 -_mecanismo_do_parto__classificacao_de_risco_na_obstetricia
Aula 6 -_mecanismo_do_parto__classificacao_de_risco_na_obstetriciaAula 6 -_mecanismo_do_parto__classificacao_de_risco_na_obstetricia
Aula 6 -_mecanismo_do_parto__classificacao_de_risco_na_obstetricia
 
CLASSIFICAÇÃO DE ROBSON
CLASSIFICAÇÃO DE ROBSONCLASSIFICAÇÃO DE ROBSON
CLASSIFICAÇÃO DE ROBSON
 
Parto humanizado
Parto humanizadoParto humanizado
Parto humanizado
 
Indução do Trabalho de Parto e Indicações de Cesárea
Indução do Trabalho de Parto e Indicações de CesáreaIndução do Trabalho de Parto e Indicações de Cesárea
Indução do Trabalho de Parto e Indicações de Cesárea
 
Recem nascido
Recem nascidoRecem nascido
Recem nascido
 
Cesariana
CesarianaCesariana
Cesariana
 
Contracepção: métodos que apoiam o planejamento reprodutivo
Contracepção: métodos que apoiam o planejamento reprodutivoContracepção: métodos que apoiam o planejamento reprodutivo
Contracepção: métodos que apoiam o planejamento reprodutivo
 
Aula sobre parto seguro
Aula sobre parto seguroAula sobre parto seguro
Aula sobre parto seguro
 
Cuidado à Mulher em Trabalho de Parto: boas práticas no primeiro período
Cuidado à Mulher em Trabalho de Parto: boas práticas no primeiro períodoCuidado à Mulher em Trabalho de Parto: boas práticas no primeiro período
Cuidado à Mulher em Trabalho de Parto: boas práticas no primeiro período
 
RECÉM-NASCIDO: Cuidados com o pré termo. Vol. 4. Ministério da Saúde
RECÉM-NASCIDO: Cuidados com o pré termo. Vol. 4. Ministério da SaúdeRECÉM-NASCIDO: Cuidados com o pré termo. Vol. 4. Ministério da Saúde
RECÉM-NASCIDO: Cuidados com o pré termo. Vol. 4. Ministério da Saúde
 
Descolamento Prematuro da Placenta e Placenta Prévia - Saúde da Mulher
Descolamento Prematuro da Placenta e Placenta Prévia - Saúde da MulherDescolamento Prematuro da Placenta e Placenta Prévia - Saúde da Mulher
Descolamento Prematuro da Placenta e Placenta Prévia - Saúde da Mulher
 
Cuidado ao Parto e Nascimento de Risco Habitual
Cuidado ao Parto e Nascimento de Risco HabitualCuidado ao Parto e Nascimento de Risco Habitual
Cuidado ao Parto e Nascimento de Risco Habitual
 
Ações de controle do Câncer do Colo do Útero no Brasil: avanços e desafios
Ações de controle do Câncer do Colo do Útero no Brasil: avanços e desafiosAções de controle do Câncer do Colo do Útero no Brasil: avanços e desafios
Ações de controle do Câncer do Colo do Útero no Brasil: avanços e desafios
 
Emergência Obstétrica
Emergência ObstétricaEmergência Obstétrica
Emergência Obstétrica
 
A Equipe de Enfermagem e o Monitoramento do Crescimento do recém-nascido pré-...
A Equipe de Enfermagem e o Monitoramento do Crescimento do recém-nascido pré-...A Equipe de Enfermagem e o Monitoramento do Crescimento do recém-nascido pré-...
A Equipe de Enfermagem e o Monitoramento do Crescimento do recém-nascido pré-...
 
Parto Normal
Parto NormalParto Normal
Parto Normal
 
AssistêNcia Ao Parto
AssistêNcia Ao PartoAssistêNcia Ao Parto
AssistêNcia Ao Parto
 

Semelhante a Balões uterinos HPP

Hemorragia Pós Parto.pptx
Hemorragia Pós Parto.pptxHemorragia Pós Parto.pptx
Hemorragia Pós Parto.pptxLorenaLucena6
 
Hemorragia Pós Parto.pptx
Hemorragia Pós Parto.pptxHemorragia Pós Parto.pptx
Hemorragia Pós Parto.pptxLorenaLucena6
 
Métodos dialíticos intermitentes
Métodos dialíticos intermitentesMétodos dialíticos intermitentes
Métodos dialíticos intermitentesAroldo Gavioli
 
4º Aula Introdução de Enfermagem.pptx
4º Aula Introdução de Enfermagem.pptx4º Aula Introdução de Enfermagem.pptx
4º Aula Introdução de Enfermagem.pptxNailBonfim
 
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptxNatasha Louise
 
Pré parto
Pré parto Pré parto
Pré parto tvf
 

Semelhante a Balões uterinos HPP (20)

Manejo Clínico da Gastrosquise
Manejo Clínico da GastrosquiseManejo Clínico da Gastrosquise
Manejo Clínico da Gastrosquise
 
AMIU: quando e como fazer?
AMIU: quando e como fazer?AMIU: quando e como fazer?
AMIU: quando e como fazer?
 
Uso Seguro de Hemocomponentes em Neonatologia
Uso Seguro de Hemocomponentes em NeonatologiaUso Seguro de Hemocomponentes em Neonatologia
Uso Seguro de Hemocomponentes em Neonatologia
 
Sangramento no Primeiro Trimestre
Sangramento no Primeiro TrimestreSangramento no Primeiro Trimestre
Sangramento no Primeiro Trimestre
 
Hemorragia Pós Parto.pptx
Hemorragia Pós Parto.pptxHemorragia Pós Parto.pptx
Hemorragia Pós Parto.pptx
 
Hemorragia Pós Parto.pptx
Hemorragia Pós Parto.pptxHemorragia Pós Parto.pptx
Hemorragia Pós Parto.pptx
 
Boas Práticas na Obtenção e Manutenção do Acesso Venoso Periférico em Pediatria
Boas Práticas na Obtenção e Manutenção do Acesso Venoso Periférico em PediatriaBoas Práticas na Obtenção e Manutenção do Acesso Venoso Periférico em Pediatria
Boas Práticas na Obtenção e Manutenção do Acesso Venoso Periférico em Pediatria
 
Mola Hidatiforme
Mola HidatiformeMola Hidatiforme
Mola Hidatiforme
 
Infertilidade e as Técnicas de Alta Complexidade em Reprodução Humana Assistida
Infertilidade e as Técnicas de Alta Complexidade em Reprodução Humana AssistidaInfertilidade e as Técnicas de Alta Complexidade em Reprodução Humana Assistida
Infertilidade e as Técnicas de Alta Complexidade em Reprodução Humana Assistida
 
Atenção às Mulheres com HIV no Parto e Puerpério
Atenção às Mulheres com HIV no Parto e PuerpérioAtenção às Mulheres com HIV no Parto e Puerpério
Atenção às Mulheres com HIV no Parto e Puerpério
 
1O Passos do Cuidado Obstétrico para Redução da Morbimortalidade Materna
1O Passos do Cuidado Obstétrico para Redução da Morbimortalidade Materna1O Passos do Cuidado Obstétrico para Redução da Morbimortalidade Materna
1O Passos do Cuidado Obstétrico para Redução da Morbimortalidade Materna
 
Planejamento do Acesso Venoso em Pediatria
Planejamento do Acesso Venoso em PediatriaPlanejamento do Acesso Venoso em Pediatria
Planejamento do Acesso Venoso em Pediatria
 
Métodos dialíticos intermitentes
Métodos dialíticos intermitentesMétodos dialíticos intermitentes
Métodos dialíticos intermitentes
 
Estratégias Farmacológicas para Controle da Dor e do Estresse na Intubação Tr...
Estratégias Farmacológicas para Controle da Dor e do Estresse na Intubação Tr...Estratégias Farmacológicas para Controle da Dor e do Estresse na Intubação Tr...
Estratégias Farmacológicas para Controle da Dor e do Estresse na Intubação Tr...
 
4º Aula Introdução de Enfermagem.pptx
4º Aula Introdução de Enfermagem.pptx4º Aula Introdução de Enfermagem.pptx
4º Aula Introdução de Enfermagem.pptx
 
DIU de cobre nas maternidades
DIU de cobre nas maternidadesDIU de cobre nas maternidades
DIU de cobre nas maternidades
 
Prevenção de Extubação Acidental no Recém-nascido em Ventilação Mecânica
Prevenção de Extubação Acidental no Recém-nascido em Ventilação MecânicaPrevenção de Extubação Acidental no Recém-nascido em Ventilação Mecânica
Prevenção de Extubação Acidental no Recém-nascido em Ventilação Mecânica
 
Aula puerpério _Isilia pdf.pdf
Aula puerpério _Isilia pdf.pdfAula puerpério _Isilia pdf.pdf
Aula puerpério _Isilia pdf.pdf
 
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx
 
Pré parto
Pré parto Pré parto
Pré parto
 

Mais de Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente (IFF/Fiocruz)

Mais de Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente (IFF/Fiocruz) (20)

Disbioses, Infecções Genitais e Infertilidade
Disbioses, Infecções Genitais e InfertilidadeDisbioses, Infecções Genitais e Infertilidade
Disbioses, Infecções Genitais e Infertilidade
 
Prevenção de Infecção de Sítio Cirúrgico em Pediatria
Prevenção de Infecção de Sítio Cirúrgico em PediatriaPrevenção de Infecção de Sítio Cirúrgico em Pediatria
Prevenção de Infecção de Sítio Cirúrgico em Pediatria
 
Ansiedade e Depressão no Climatério
Ansiedade e Depressão no ClimatérioAnsiedade e Depressão no Climatério
Ansiedade e Depressão no Climatério
 
Diabetes Mellitus na Gestação: estratégias de organização e hierarquização da...
Diabetes Mellitus na Gestação: estratégias de organização e hierarquização da...Diabetes Mellitus na Gestação: estratégias de organização e hierarquização da...
Diabetes Mellitus na Gestação: estratégias de organização e hierarquização da...
 
Prevenção do Câncer de Colo: quando a colposcopia é indicada?
Prevenção do Câncer de Colo: quando a colposcopia é indicada?Prevenção do Câncer de Colo: quando a colposcopia é indicada?
Prevenção do Câncer de Colo: quando a colposcopia é indicada?
 
Desospitalização de Crianças com CCC: panorama da atenção domiciliar no Brasil
Desospitalização de Crianças com CCC: panorama da atenção domiciliar no BrasilDesospitalização de Crianças com CCC: panorama da atenção domiciliar no Brasil
Desospitalização de Crianças com CCC: panorama da atenção domiciliar no Brasil
 
O Pré-natal e a Promoção do Parto Normal
O Pré-natal e a Promoção do Parto NormalO Pré-natal e a Promoção do Parto Normal
O Pré-natal e a Promoção do Parto Normal
 
Diretriz Clínica Brasileira de Linha de Cuidado para Malformações Cirúrgicas:...
Diretriz Clínica Brasileira de Linha de Cuidado para Malformações Cirúrgicas:...Diretriz Clínica Brasileira de Linha de Cuidado para Malformações Cirúrgicas:...
Diretriz Clínica Brasileira de Linha de Cuidado para Malformações Cirúrgicas:...
 
Diretriz Clínica Brasileira de Linha de Cuidado para Malformações Cirúrgicas:...
Diretriz Clínica Brasileira de Linha de Cuidado para Malformações Cirúrgicas:...Diretriz Clínica Brasileira de Linha de Cuidado para Malformações Cirúrgicas:...
Diretriz Clínica Brasileira de Linha de Cuidado para Malformações Cirúrgicas:...
 
Diabetes Mellitus na Gestação: alterações metabólicas associadas
Diabetes Mellitus na Gestação: alterações metabólicas associadasDiabetes Mellitus na Gestação: alterações metabólicas associadas
Diabetes Mellitus na Gestação: alterações metabólicas associadas
 
Luto Perinatal
Luto PerinatalLuto Perinatal
Luto Perinatal
 
Anafilaxia na Infância: Apresentação Clínica e Manejo
Anafilaxia na Infância: Apresentação Clínica e ManejoAnafilaxia na Infância: Apresentação Clínica e Manejo
Anafilaxia na Infância: Apresentação Clínica e Manejo
 
Diabetes Mellitus na Gestação: Cuidados no Parto e Puerpério
Diabetes Mellitus na Gestação: Cuidados no Parto e PuerpérioDiabetes Mellitus na Gestação: Cuidados no Parto e Puerpério
Diabetes Mellitus na Gestação: Cuidados no Parto e Puerpério
 
Retomada da Cobertura Vacinal: Desafios e Perspectivas no Brasil
Retomada da Cobertura Vacinal: Desafios e Perspectivas no BrasilRetomada da Cobertura Vacinal: Desafios e Perspectivas no Brasil
Retomada da Cobertura Vacinal: Desafios e Perspectivas no Brasil
 
Cuidados com a Saúde Bucal na Gestação
Cuidados com a Saúde Bucal na GestaçãoCuidados com a Saúde Bucal na Gestação
Cuidados com a Saúde Bucal na Gestação
 
Hábitos Saudáveis e a Prevenção do Câncer de Mama: é possível?
Hábitos Saudáveis e a Prevenção do Câncer de Mama: é possível?Hábitos Saudáveis e a Prevenção do Câncer de Mama: é possível?
Hábitos Saudáveis e a Prevenção do Câncer de Mama: é possível?
 
Fibrose Cística: como diagnosticar?
Fibrose Cística: como diagnosticar?Fibrose Cística: como diagnosticar?
Fibrose Cística: como diagnosticar?
 
Osteogênese Imperfeita
Osteogênese ImperfeitaOsteogênese Imperfeita
Osteogênese Imperfeita
 
Diabetes Mellitus na Gestação: Tratamento e Cuidados no Pré-natal
Diabetes Mellitus na Gestação: Tratamento e Cuidados no Pré-natalDiabetes Mellitus na Gestação: Tratamento e Cuidados no Pré-natal
Diabetes Mellitus na Gestação: Tratamento e Cuidados no Pré-natal
 
Desafios na Introdução Alimentar
Desafios na Introdução AlimentarDesafios na Introdução Alimentar
Desafios na Introdução Alimentar
 

Último

Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfGustavoWallaceAlvesd
 
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsxAULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsxLeonardoSauro1
 
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaPrimeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaCristianodaRosa5
 
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdfPrurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdfAlberto205764
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASArtthurPereira2
 
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfO mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfNelmo Pinto
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgeryCarlos D A Bersot
 
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptxINTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptxssuser4ba5b7
 

Último (9)

Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
 
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsxAULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
 
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaPrimeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
 
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdfPrurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
 
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfO mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
 
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãosAplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
 
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptxINTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
 

Balões uterinos HPP

  • 1. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br ATENÇÃO ÀS MULHERES INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO
  • 2. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO Na abordagem a Hemorragia Pós Parto (HPP) tempo é vida. Não atrase o sequenciamento das ações, realize intervenções oportunas que podem evitar a morte de uma mulher.
  • 3. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO Objetivos dessa apresentação: • Discutir conceitos em Hemorragia Pós Parto (HPP) e a abordagem em casos não responsivos ao manejo medicamentoso; • Apresentar as indicações para o uso de Balões de Tamponamento Intrauterino no contexto do sequenciamento do atendimento em HPP; • Descrever as técnicas para colocação e retirada de balões de tamponamento intrauterino; • Comentar a abordagem cirúrgica após tentativa de uso de balão.
  • 4. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO Hemorragia Pós-parto • A HPP está presente em > 18% dos nascimentos • 18 vezes mais comum diante de cesáreas que evoluem para histerectomia • Associa a 64,7% da morbidade materna grave: -> Necessidade de hemotransfusão em 0,6% dos partos -> Histerectomia em aproximadamente 0,2% dos partos • OMS: estima 20 milhões de complicações maternas ao ano no mundo • A mais ameaçadora das principais causas de morte para a equipe • 3/5 dos casos de HPP recebem cuidados inadequados • Responsável por 25 a 30% das mortes maternas Segunda causa de morte materna no Brasil A maioria dos óbitos é evitável!
  • 5. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO Perda sanguínea cumulativa ≥ 500ml após parto vaginal Perda sanguínea ≥ 1000ml após o parto operatório Perda sanguínea cumulativa ≥ 1000 ml em 24h após qualquer parto OU Qualquer perda de sangue capaz de causar instabilidade Hemodinâmica em 24 horas Hemorragia pós-parto
  • 6. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO Hemorragia Maciça Sangramento nas primeiras 24 horas após o parto > 2000 ml OU Com necessidade de transfusão mínima de 1200 ml (4 unidades) de concentrado de hemácias OU Que resulte na queda de hemoglobina ≥ 4 g/dl OU em distúrbio de coagulação
  • 7. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO Nunca trate a HPP sem simultaneamente investigar o foco do sangramento! 4T Causa Específica Frequência relativa Tônus Atonia uterina 70% Trauma Lacerações, hematomas, inversão e rotura uterina 19% Tecido Retenção de tecido placentário, coágulos, acretismo placentário 10% Trombina Coagulopatias, embolia de líquido amniótico 1%
  • 8. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO 0 20 40 60 80 100 0 10 20 30 40 50 60 90 % sobrevida Minutos Relação entre o tempo e a sobrevida da mulher HIPOTERMIA ACIDOSE METABÓLICA COAGULOPATIA Intervenção precoce, agressiva e oportuna, correta e sem atrasos, nas pacientes com quadro de hemorragia importante, a fim de se evitar o surgimento da tríade letal do choque hipovolêmico
  • 9. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO Balões de Tamponamento Intrauterino • PRINCIPAL INDICAÇÃO: nas HPP por atonia, não responsivas ao manejo medicamentoso com uso de uterotônicos • OBJETIVO: promoção da hemostasia transitória ou definitiva, evitando abordagens cirúrgicas desnecessárias • MECANISMO DE AÇÃO MAIS PROVÁVEL: pressão hidrostática contra a parede uterina; redução do sangramento capilar e venoso do endométrio, dos remanescentes placentários e do miométrio
  • 10. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO • Uso associado de antibióticos • Rigoroso monitoramento durante seu uso • Retirada gradual monitorada Balão de Sengstaken Blakemore 1952 Balão de Bakri Balões de Tamponamento Intrauterino Artesanais ou industrializados, requerem cuidados como: Ilustração de Felipe Lage Starling
  • 11. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO • Esvaziamento vesical • Antissepsia • Introdução do Balão Intrauterino • Introduzir 2 a 3 compressas na vagina ou aplicar pontos no colo • Infusão com SF: 500mL no após o parto vaginal e entre 250 a 300mL no pós parto operatório (100mL na técnica de sanduíche uterino – associado a suturas compressivas) • Fixar a sonda vesical na face interna do membro inferior • Adaptar balão no leito RECOMENDÃÇÕES PARA COLOCAÇÃO Balão de Alves, utilizado em situação real no Hospital Sofia Feldman Balões de Tamponamento Intrauterino
  • 12. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO • Retirada gradual: a cada 50 - 100 mL, avaliar possibilidade de recidiva do sangramento; • Infundir ocitocina 20 UI a 67,5 ml/h • Recidiva hemorrágica: reintroduzir o balão e preparar para laparotomia imediata • Se falha no controle do sangramento: não insistir em tamponamento, próximo passo são as técnicas cirúrgicas de suturas compressivas, ligaduras vasculares e histerectomia RECOMENDÃÇÕES PARA RETIRADA: APÓS CONTROLE DO SANGRAMENTO E ESTABILIZAÇÃO CLÍNICA E HEMODINÂMICA DA PACIENTE Balões de Tamponamento Intrauterino
  • 13. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO “O diagnóstico precoce e a execução das ações de controle do sangramento, de forma sequenciada, consciente, correta e sem perda de tempo, devem ser objetivos da abordagem de um quadro de HPP”. Estratégia Zero Morte Materna por Hemorragia, 2018.
  • 14. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO INTRAUTERINO • Alves ALL, Silva LB, Melo VH . Uso de balões intrauterinos em pacientes com hemorragia pós-parto. FEMINA, Jul/Ago 2014 vol 42 nº4. • Doumouchtsis SK, Papageorghiou AT, Vernier C, Arulkumaran S. Management of postpartum hemorrhage by uterine balloon tamponade: prospective evaluation of effectiveness. Acta Obstet Gynecol Scand. 2008;87(8):849-55. doi: 10.1080/00016340802179822. PMID: 18704777. • Doumouchtsis SK, Papageorghiou AT, Arulkumaran S. Systematic review of conservative management of postpartum hemorrhage: what to do when medical treatment fails. Obstet Gynecol Surv. 2007 Aug;62(8):540-7. doi: 10.1097/01.ogx.0000271137.81361.93. PMID: 17634155. • Escobar, MF, Nassar, AH, Theron, G et al. FIGO recommendations on the management of postpartum hemorrhage 2022. Int J Gynecol Obstet. 2022; 157(Suppl. 1): 3– 50. doi:10.1002/ijgo.14116 • Main EK, Goffman D, Scavone BM, Low LK, Bingham D, Fontaine PL, Gorlin JB, Lagrew DC, Levy BS. National Partnership for Maternal Safety: consensus bundle on obstetric hemorrhage. Anesth Analg. 2015 Jul;121(1):142-148. doi: 10.1097/AOG.0000000000000869. Erratum in: Anesth Analg. 2019 Dec;129(6):e206. PMID: 26091046. • Althabe F, Therrien MNS, Pingray V, et al. Postpartum hemorrhage care bundles to improve adherence to guidelines: A WHO technical consultation. Int J Gynaecol Obstet. 2020;148(3):290-299. doi:10.1002/ijgo.13028 • Deborah L Horner, MB ChB BSc FRCA, Mark C Bellamy, MA MB BS FRCA FFICM, Care bundles in intensive care, Continuing Education in Anaesthesia Critical Care & Pain, Volume 12, Issue 4, August 2012, Pages 199–202, https://doi.org/10.1093/bjaceaccp/mks021 • Organização Pan-Americana da Saúde. Recomendações assistenciais para prevenção, diagnóstico e tratamento da hemorragia obstétrica. Brasília: OPAS; 2018 • Clark SL, Hankins GD. Preventing maternal death: 10 clinical diamonds. Obstet Gynecol. 2012 Feb;119(2 Pt 1):360-4. doi: 10.1097/AOG.0b013e3182411907. PMID: 22270288. • Suarez S, Conde-Agudelo A, Borovac-Pinheiro A, Suarez-Rebling D, Eckardt M, Theron G, Burke TF. Uterine balloon tamponade for the treatment of postpartum hemorrhage: a systematic review and meta-analysis. Am J Obstet Gynecol. 2020 Apr;222(4):293.e1-293.e52. doi: 10.1016/j.ajog.2019.11.1287. Epub 2020 Jan 6. PMID: 31917139. • Alves, Álvaro Luiz Lage et al. Postpartum hemorrhage: prevention, diagnosis and non-surgical management. Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia [online]. 2020, v. 42, n. 11 • Osanan GC, Charry RC, et al, Glob. libr. women’s med., ISSN: 1756-2228; DOI 10.3843/GLOWM.413063 Referências
  • 15. portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br Aprofunde seus conhecimentos acessando artigos disponíveis na biblioteca do Portal. ATENÇÃO ÀS MULHERES Material de 09 de setembro de 2022 Disponível em: portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br Eixo: Atenção às Mulheres INTERVENÇÕES OPORTUNAS EM HEMORRAGIAS PUERPERAIS: USO DE BALÕES DE TAMPONAMENTO UTERINO