SlideShare uma empresa Scribd logo
Cabelo ao vento, Valéria avançava no vale,  no verde vale ,  Valéria.
O riacho passou perto dela, correndo de pedra em pedra, e  disse  bom dia. Era um riacho muito bem educado. Valéria respondeu : Bom dia amigo riacho! Quem sujou as tuas águas que eram tão claras quando eu tinha cinco anos e ia pela primeira vez à escola? E o riacho contou que todas as fábricas da região ali deitavam mercúrio, cobre, zinco, chumbo e todas as coisas ruins que  estragavam as suas águas.
Eu sei! Tu estás poluído amigo riacho. Os homens que fizeram isso são ignorantes, a tua água já não vai servir para beber, os teus peixes vão ficar doentes, as plantas e as árvores que tu regas não podem ser felizes!
E os peixes subiram à tona da água do riacho e disseram: E as plantas curvaram as suas cabecitas e disseram: Sim, nós estamos doentes. Nós estamos infelizes!
As árvores agitaram os ramos  e os frutos e disseram a Valéria: Nós também não somos felizes.
E Valéria contou pelos dedos: Por causa do chumbo,  do chumbo e do mercúrio, do mercúrio e do zinco, do zinco, do cobre e dos produtos químicos. E dos homens que não sabem  o mal que estão a fazer.
Depois do riacho, dos peixes, das plantas e das árvores, foi a vez da chuva que disse a Valéria: Eu também estou poluída. Vim do mar, do grande mar, que está poluído pelo homem. Mil espécies de peixes já desapareceram e quase 20.000 correm o perigo de desaparecerem.
E no fundo do mar, onde antigamente havia lindos recifes de corais, encontra-se chumbo e mercúrio; os peixes não resistem, Valéria. Se os homens não tiverem juízo, o mar pode morrer e os homens não podem viver sem o mar.
O mar, o grande mar está poluído!
Os homens não podem viver sem o mar e também não podem viver sem o ar que devia ser transparente mas também está poluído.
Claro que estou poluído. As chaminés das fábricas, os automóveis e os aviões têm-me poluído de tal maneira que qualquer dia não tenho oxigénio suficiente para a respiração das plantas, dos animais e do próprio homem!
Depois do riacho , dos peixes, das plantas e das árvores e da chuva que falou do mar, e do ar que soprou as suas verdades, foi a vez de um pato, que tinha vindo da Dinamarca, contar: Na nossa terra, há 150.000 caçadores  que têm 150.000 espingardas e enchem a natureza de chumbinhos!… Os meus amigos gansos e os meus irmãos patos engolem os chumbinhos, misturados com pedras pequenas e os chumbinhos vão envenenando as aves.
Os homens não sabem o que fazem! É preciso que todas as crianças do mundo, que serão os homens de amanhã, salvem a Natureza! Salvem os rios, os riachos, os lagos e as lagoas, os peixes e os peixinhos, os corais, os mariscos, todas aquelas coisas vivas e lindas que há na Terra…o mar, o ar, a chuva, os patos, todos os pássaros e todos os homens e meninos do mundo.
Foi então que o solo contou a Valéria: Derrubaram as minhas florestas, queimaram a vegetação, colocaram herbicida nas minhas folhas, mataram os insetos. As vacas comeram a erva e o leite ficou envenenado; as crianças beberam o leite e estão doentes.
E a galinha que estava a debicar umas folhinhas, nas pedras e pedrinhas, disse logo: Assim não podemos continuar!  Os meus ovos já não são tão bons como eram e os cereais também não e as verduras também não.
Valéria sabia que nenhum deles mentia, porque a natureza nunca mente. Era preciso  escrever para as crianças do  Brasil que escreveriam para as de Portugal  para que escrevessem para as de França, que escreveriam para as da Rússia para que escrevessem para as da Índia, que escreveriam para as do Japão para que escrevessem para as da China, que escreveriam para as de Inglaterra, da Itália, da América, de todos os cantos e recantos do mundo.
Porque era preciso que todos os meninos: meninos brancos, meninos pretos, meninos amarelos (e as meninas também, é claro) soubessem que a vida estava em perigo e era preciso salvar a natureza.
Valéria escreveu cartas e mais cartas,  enviadas pelo correio,  levadas pelos pássaros que emigravam,  pelos peixes que partiam para outros rios e outros mares, sopradas pelo vento, seguindo na boca dos bichos, passadas de mão em mão pelas crianças de todas as raças.
E as crianças de todas as raças  chamaram os pássaros, os peixes,  o vento  e os bichos e levaram a mensagem de Valéria para que todos soubessem, em todas as partes do mundo,  que a vida estava em perigo!
A mensagem de Valéria chegou ao coração de todos os meninos e meninas, que serão os homens de amanhã. Que serão os pais e as mães de novos meninos e meninas.
Todos decidiram salvar a Natureza e todos os bichos e todos os seres humanos que fazem parte da Natureza. Ainda falta esperar para que as crianças sejam adultas e cumpram a palavra  que deram. Mas podemos confiar porque palavra de criança não está poluída. Os pássaros que levaram a mensagem  contaram a outros pássaros, os peixes a outros peixes, as ondas a outras ondas e o vento soprou a mensagem que correu nas patas dos bichos.
Agora todos sabem o que se passou e o riacho que salta e saltita diz: ,[object Object],Exatamente como os peixes, as plantas e as árvores que dizem: -Obrigado Valéria! Tal como a chuva, que desce do alto muito fininha para dizer: -Obrigado Valéria!
E a vida que é tudo o que está poluído e maltratado pelos homens, olha a menina que enviou a mensagem e tem confiança na promessa das crianças de  salvarem a Natureza. Valéria sorri e  avança  no vale no verde vale, Valéria…
Protege a terra!                                                                Maria Augusta Marques, 2011

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Peixinho arco íris
Peixinho arco írisPeixinho arco íris
Peixinho arco írispoletef
 
Power Point Peixes 2
Power Point   Peixes 2Power Point   Peixes 2
Power Point Peixes 2guest4e3d82
 
What Makes Great Infographics
What Makes Great InfographicsWhat Makes Great Infographics
What Makes Great InfographicsSlideShare
 
STOP! VIEW THIS! 10-Step Checklist When Uploading to Slideshare
STOP! VIEW THIS! 10-Step Checklist When Uploading to SlideshareSTOP! VIEW THIS! 10-Step Checklist When Uploading to Slideshare
STOP! VIEW THIS! 10-Step Checklist When Uploading to SlideshareEmpowered Presentations
 
Masters of SlideShare
Masters of SlideShareMasters of SlideShare
Masters of SlideShareKapost
 
How To Get More From SlideShare - Super-Simple Tips For Content Marketing
How To Get More From SlideShare - Super-Simple Tips For Content MarketingHow To Get More From SlideShare - Super-Simple Tips For Content Marketing
How To Get More From SlideShare - Super-Simple Tips For Content MarketingContent Marketing Institute
 
10 Ways to Win at SlideShare SEO & Presentation Optimization
10 Ways to Win at SlideShare SEO & Presentation Optimization10 Ways to Win at SlideShare SEO & Presentation Optimization
10 Ways to Win at SlideShare SEO & Presentation OptimizationOneupweb
 
How to Make Awesome SlideShares: Tips & Tricks
How to Make Awesome SlideShares: Tips & TricksHow to Make Awesome SlideShares: Tips & Tricks
How to Make Awesome SlideShares: Tips & TricksSlideShare
 

Destaque (16)

Peixinho arco íris
Peixinho arco írisPeixinho arco íris
Peixinho arco íris
 
Peixinho arco íris
Peixinho arco írisPeixinho arco íris
Peixinho arco íris
 
Animais domésticos
Animais domésticosAnimais domésticos
Animais domésticos
 
Power Point Peixes 2
Power Point   Peixes 2Power Point   Peixes 2
Power Point Peixes 2
 
Peixe Arco Iris
Peixe Arco IrisPeixe Arco Iris
Peixe Arco Iris
 
Peixes
PeixesPeixes
Peixes
 
Peixinho arco íris
Peixinho arco írisPeixinho arco íris
Peixinho arco íris
 
Peixe que brilha_
Peixe que brilha_Peixe que brilha_
Peixe que brilha_
 
O Peixinho Que Descobriu O Mar
O Peixinho Que Descobriu O MarO Peixinho Que Descobriu O Mar
O Peixinho Que Descobriu O Mar
 
What Makes Great Infographics
What Makes Great InfographicsWhat Makes Great Infographics
What Makes Great Infographics
 
You Suck At PowerPoint!
You Suck At PowerPoint!You Suck At PowerPoint!
You Suck At PowerPoint!
 
STOP! VIEW THIS! 10-Step Checklist When Uploading to Slideshare
STOP! VIEW THIS! 10-Step Checklist When Uploading to SlideshareSTOP! VIEW THIS! 10-Step Checklist When Uploading to Slideshare
STOP! VIEW THIS! 10-Step Checklist When Uploading to Slideshare
 
Masters of SlideShare
Masters of SlideShareMasters of SlideShare
Masters of SlideShare
 
How To Get More From SlideShare - Super-Simple Tips For Content Marketing
How To Get More From SlideShare - Super-Simple Tips For Content MarketingHow To Get More From SlideShare - Super-Simple Tips For Content Marketing
How To Get More From SlideShare - Super-Simple Tips For Content Marketing
 
10 Ways to Win at SlideShare SEO & Presentation Optimization
10 Ways to Win at SlideShare SEO & Presentation Optimization10 Ways to Win at SlideShare SEO & Presentation Optimization
10 Ways to Win at SlideShare SEO & Presentation Optimization
 
How to Make Awesome SlideShares: Tips & Tricks
How to Make Awesome SlideShares: Tips & TricksHow to Make Awesome SlideShares: Tips & Tricks
How to Make Awesome SlideShares: Tips & Tricks
 

Semelhante a Valeria

Semelhante a Valeria (20)

Ficha de lp 3º ano
Ficha de lp 3º anoFicha de lp 3º ano
Ficha de lp 3º ano
 
A menina do mar
A menina do marA menina do mar
A menina do mar
 
A menina do mar
A menina do marA menina do mar
A menina do mar
 
Como SeráA Vidaem2070
Como SeráA Vidaem2070Como SeráA Vidaem2070
Como SeráA Vidaem2070
 
úLtimo tema
úLtimo temaúLtimo tema
úLtimo tema
 
A Vidaem2070
A Vidaem2070A Vidaem2070
A Vidaem2070
 
ApresentaçãO Projovem
ApresentaçãO ProjovemApresentaçãO Projovem
ApresentaçãO Projovem
 
A vidaem2070
A vidaem2070A vidaem2070
A vidaem2070
 
A Vidaem2070
A Vidaem2070A Vidaem2070
A Vidaem2070
 
VIDA - 2070
VIDA - 2070VIDA - 2070
VIDA - 2070
 
Ano 2070 Falta De áGua
Ano 2070 Falta De áGuaAno 2070 Falta De áGua
Ano 2070 Falta De áGua
 
Falta De Água
Falta De ÁguaFalta De Água
Falta De Água
 
Como SeráA Vidaem2070
Como SeráA Vidaem2070Como SeráA Vidaem2070
Como SeráA Vidaem2070
 
Carta Escrita No Ano 2070
Carta Escrita No Ano 2070Carta Escrita No Ano 2070
Carta Escrita No Ano 2070
 
A Vidaem2070
A Vidaem2070A Vidaem2070
A Vidaem2070
 
Como Será A Vida Em 2070
Como Será A Vida Em 2070Como Será A Vida Em 2070
Como Será A Vida Em 2070
 
A Vidaem2070
A Vidaem2070A Vidaem2070
A Vidaem2070
 
Carta do Futuro
Carta do FuturoCarta do Futuro
Carta do Futuro
 
Avidaem2070
Avidaem2070Avidaem2070
Avidaem2070
 
Como será a vida em 2070
Como será a vida em 2070Como será a vida em 2070
Como será a vida em 2070
 

Mais de poletef

Cartaz feira de autor madalena santos
Cartaz feira de autor madalena santosCartaz feira de autor madalena santos
Cartaz feira de autor madalena santospoletef
 
Cartaz semana da leitura 2013 penafiel sudeste
Cartaz semana da leitura 2013 penafiel sudesteCartaz semana da leitura 2013 penafiel sudeste
Cartaz semana da leitura 2013 penafiel sudestepoletef
 
Teatro 13º poder
Teatro 13º poderTeatro 13º poder
Teatro 13º poderpoletef
 
Projeção concurso
Projeção concursoProjeção concurso
Projeção concursopoletef
 
Maratona leitura
Maratona leituraMaratona leitura
Maratona leiturapoletef
 
Apresentação big 6
Apresentação big 6Apresentação big 6
Apresentação big 6poletef
 
Bibliopaper penafiel
Bibliopaper penafielBibliopaper penafiel
Bibliopaper penafielpoletef
 
12 passos para organizar
12 passos para organizar12 passos para organizar
12 passos para organizarpoletef
 
Gestão integrada das be
Gestão integrada das beGestão integrada das be
Gestão integrada das bepoletef
 
O velho, o rapaz e o burro
O velho, o rapaz e o burroO velho, o rapaz e o burro
O velho, o rapaz e o burropoletef
 
Formação de utilizadores
Formação de utilizadoresFormação de utilizadores
Formação de utilizadorespoletef
 
Promoção da leitura aos pais
Promoção da leitura aos paisPromoção da leitura aos pais
Promoção da leitura aos paispoletef
 
Cartaz ciclo de cinema na be
Cartaz ciclo de cinema na beCartaz ciclo de cinema na be
Cartaz ciclo de cinema na bepoletef
 
Postal de natal be
Postal de natal bePostal de natal be
Postal de natal bepoletef
 
Postal de natal be
Postal de natal bePostal de natal be
Postal de natal bepoletef
 
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo FreitasContinuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitaspoletef
 
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas poletef
 
Cartaz Dia da BE
Cartaz Dia da BECartaz Dia da BE
Cartaz Dia da BEpoletef
 

Mais de poletef (20)

Cartaz feira de autor madalena santos
Cartaz feira de autor madalena santosCartaz feira de autor madalena santos
Cartaz feira de autor madalena santos
 
Cartaz semana da leitura 2013 penafiel sudeste
Cartaz semana da leitura 2013 penafiel sudesteCartaz semana da leitura 2013 penafiel sudeste
Cartaz semana da leitura 2013 penafiel sudeste
 
Teatro 13º poder
Teatro 13º poderTeatro 13º poder
Teatro 13º poder
 
Projeção concurso
Projeção concursoProjeção concurso
Projeção concurso
 
Maratona leitura
Maratona leituraMaratona leitura
Maratona leitura
 
Apresentação big 6
Apresentação big 6Apresentação big 6
Apresentação big 6
 
Bibliopaper penafiel
Bibliopaper penafielBibliopaper penafiel
Bibliopaper penafiel
 
12 passos para organizar
12 passos para organizar12 passos para organizar
12 passos para organizar
 
Mabe
MabeMabe
Mabe
 
Gestão integrada das be
Gestão integrada das beGestão integrada das be
Gestão integrada das be
 
O velho, o rapaz e o burro
O velho, o rapaz e o burroO velho, o rapaz e o burro
O velho, o rapaz e o burro
 
Lyomer
LyomerLyomer
Lyomer
 
Formação de utilizadores
Formação de utilizadoresFormação de utilizadores
Formação de utilizadores
 
Promoção da leitura aos pais
Promoção da leitura aos paisPromoção da leitura aos pais
Promoção da leitura aos pais
 
Cartaz ciclo de cinema na be
Cartaz ciclo de cinema na beCartaz ciclo de cinema na be
Cartaz ciclo de cinema na be
 
Postal de natal be
Postal de natal bePostal de natal be
Postal de natal be
 
Postal de natal be
Postal de natal bePostal de natal be
Postal de natal be
 
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo FreitasContinuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
 
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
Continuação da história ‘’A truta Mocha’’ Leonardo Freitas
 
Cartaz Dia da BE
Cartaz Dia da BECartaz Dia da BE
Cartaz Dia da BE
 

Valeria

  • 1.
  • 2.
  • 3. Cabelo ao vento, Valéria avançava no vale, no verde vale , Valéria.
  • 4. O riacho passou perto dela, correndo de pedra em pedra, e disse bom dia. Era um riacho muito bem educado. Valéria respondeu : Bom dia amigo riacho! Quem sujou as tuas águas que eram tão claras quando eu tinha cinco anos e ia pela primeira vez à escola? E o riacho contou que todas as fábricas da região ali deitavam mercúrio, cobre, zinco, chumbo e todas as coisas ruins que estragavam as suas águas.
  • 5. Eu sei! Tu estás poluído amigo riacho. Os homens que fizeram isso são ignorantes, a tua água já não vai servir para beber, os teus peixes vão ficar doentes, as plantas e as árvores que tu regas não podem ser felizes!
  • 6. E os peixes subiram à tona da água do riacho e disseram: E as plantas curvaram as suas cabecitas e disseram: Sim, nós estamos doentes. Nós estamos infelizes!
  • 7. As árvores agitaram os ramos e os frutos e disseram a Valéria: Nós também não somos felizes.
  • 8. E Valéria contou pelos dedos: Por causa do chumbo, do chumbo e do mercúrio, do mercúrio e do zinco, do zinco, do cobre e dos produtos químicos. E dos homens que não sabem o mal que estão a fazer.
  • 9. Depois do riacho, dos peixes, das plantas e das árvores, foi a vez da chuva que disse a Valéria: Eu também estou poluída. Vim do mar, do grande mar, que está poluído pelo homem. Mil espécies de peixes já desapareceram e quase 20.000 correm o perigo de desaparecerem.
  • 10. E no fundo do mar, onde antigamente havia lindos recifes de corais, encontra-se chumbo e mercúrio; os peixes não resistem, Valéria. Se os homens não tiverem juízo, o mar pode morrer e os homens não podem viver sem o mar.
  • 11. O mar, o grande mar está poluído!
  • 12. Os homens não podem viver sem o mar e também não podem viver sem o ar que devia ser transparente mas também está poluído.
  • 13. Claro que estou poluído. As chaminés das fábricas, os automóveis e os aviões têm-me poluído de tal maneira que qualquer dia não tenho oxigénio suficiente para a respiração das plantas, dos animais e do próprio homem!
  • 14. Depois do riacho , dos peixes, das plantas e das árvores e da chuva que falou do mar, e do ar que soprou as suas verdades, foi a vez de um pato, que tinha vindo da Dinamarca, contar: Na nossa terra, há 150.000 caçadores que têm 150.000 espingardas e enchem a natureza de chumbinhos!… Os meus amigos gansos e os meus irmãos patos engolem os chumbinhos, misturados com pedras pequenas e os chumbinhos vão envenenando as aves.
  • 15. Os homens não sabem o que fazem! É preciso que todas as crianças do mundo, que serão os homens de amanhã, salvem a Natureza! Salvem os rios, os riachos, os lagos e as lagoas, os peixes e os peixinhos, os corais, os mariscos, todas aquelas coisas vivas e lindas que há na Terra…o mar, o ar, a chuva, os patos, todos os pássaros e todos os homens e meninos do mundo.
  • 16. Foi então que o solo contou a Valéria: Derrubaram as minhas florestas, queimaram a vegetação, colocaram herbicida nas minhas folhas, mataram os insetos. As vacas comeram a erva e o leite ficou envenenado; as crianças beberam o leite e estão doentes.
  • 17. E a galinha que estava a debicar umas folhinhas, nas pedras e pedrinhas, disse logo: Assim não podemos continuar! Os meus ovos já não são tão bons como eram e os cereais também não e as verduras também não.
  • 18. Valéria sabia que nenhum deles mentia, porque a natureza nunca mente. Era preciso escrever para as crianças do Brasil que escreveriam para as de Portugal para que escrevessem para as de França, que escreveriam para as da Rússia para que escrevessem para as da Índia, que escreveriam para as do Japão para que escrevessem para as da China, que escreveriam para as de Inglaterra, da Itália, da América, de todos os cantos e recantos do mundo.
  • 19. Porque era preciso que todos os meninos: meninos brancos, meninos pretos, meninos amarelos (e as meninas também, é claro) soubessem que a vida estava em perigo e era preciso salvar a natureza.
  • 20. Valéria escreveu cartas e mais cartas, enviadas pelo correio, levadas pelos pássaros que emigravam, pelos peixes que partiam para outros rios e outros mares, sopradas pelo vento, seguindo na boca dos bichos, passadas de mão em mão pelas crianças de todas as raças.
  • 21. E as crianças de todas as raças chamaram os pássaros, os peixes, o vento e os bichos e levaram a mensagem de Valéria para que todos soubessem, em todas as partes do mundo, que a vida estava em perigo!
  • 22. A mensagem de Valéria chegou ao coração de todos os meninos e meninas, que serão os homens de amanhã. Que serão os pais e as mães de novos meninos e meninas.
  • 23. Todos decidiram salvar a Natureza e todos os bichos e todos os seres humanos que fazem parte da Natureza. Ainda falta esperar para que as crianças sejam adultas e cumpram a palavra que deram. Mas podemos confiar porque palavra de criança não está poluída. Os pássaros que levaram a mensagem contaram a outros pássaros, os peixes a outros peixes, as ondas a outras ondas e o vento soprou a mensagem que correu nas patas dos bichos.
  • 24.
  • 25. E a vida que é tudo o que está poluído e maltratado pelos homens, olha a menina que enviou a mensagem e tem confiança na promessa das crianças de salvarem a Natureza. Valéria sorri e avança no vale no verde vale, Valéria…
  • 26. Protege a terra! Maria Augusta Marques, 2011