Amai vos uns aos outros

1.161 visualizações

Publicada em

Slides da palestra

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.161
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
92
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
27
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Amai vos uns aos outros

  1. 1. LOCAL CETRASC DATA 31/12/2010 EXPOSITOR PAULO BONFIM Amai-vos uns aos outros
  2. 2. Conceituação <ul><li>“ ...No seu início, o homem não tem senão instintos; mas avançado e corrompido tem sensações; mas instruído e purificado tem sentimentos; e 0 ponto delicado do sentimento é o amor, não o amor no sentido vulgar do termo, mas este sol interior que condensa e reúne em seu foco ardente todas as aspirações e revelações sobre-humanas.” </li></ul>
  3. 3. O que é o amor para o Espírito? <ul><li>“ O amor, não é um conjunto de emoções aleatórias de dois seres no mundo físico, é a união de almas imortais que transcende o próprio espaço-tempo, atravessa eras incontáveis harmonizando os seres levando-os a perfeição.” </li></ul><ul><li>“ Vincula os seres de maneira incomum, possuindo a força dinâmica que restaura as energias quando combalidas e conduz aos gestos de sacrifício e abnegação mais grandiosos possíveis.” </li></ul>
  4. 4. Sua importância <ul><li>“ Liberando-se dos instintos básicos, ainda em predomínio, o ser avança, degrau a degrau, na escada do progresso e enriquece-se de estímulos que o levam a amar sem cessar, porquanto todas as aspirações se resumem no ato de ser quem ama.” </li></ul><ul><li>“ O amor, quando legítimo, liberta, qual ocorre com o conhecimento da verdade, isto é, dos valores permanentes, os que são de significado profundo, que superam a superficialidade e resistem aos tempos, às circunstâncias e aos modismos.” </li></ul>
  5. 5. Sua importância <ul><li>“ O amor ao próximo não se resume ao sentimento de afeição e ternura que temos para com um companheiro ou companheira, para com um parente ou alguém especial em nossa vida. Ele extrapolo os limites da consangüinidade e da sexualidade”. </li></ul><ul><li>“ Quem ama, ama as virtudes e os defeitos do outro, conseguindo transcender as exigências sociais, alcançando a alma. Amar é enxergar o Espírito ”. </li></ul>
  6. 6. O amor pode ser divido? <ul><li>O amor é único! </li></ul><ul><ul><li>Os que já amamos </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Família; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Amigos; </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Os que não amamos </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Todos os outros </li></ul></ul></ul>
  7. 7. Os que já amamos <ul><li>Comprometido: </li></ul><ul><ul><li>Quem assume um compromisso, empenhar-se, arriscar-se. </li></ul></ul><ul><li>Lealdade: </li></ul><ul><ul><li>Qualidade de leal, fidelidade, digno, franco. </li></ul></ul><ul><li>Honestidade: </li></ul><ul><ul><li>Honrado, consciencioso, sério, digno de confiança, decente, virtuoso, imparcial. </li></ul></ul><ul><li>Afetividade: </li></ul><ul><li>Renúncia: </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Estou pronto agora! </li></ul>
  9. 9. Os que não amamos <ul><li>Não ter ódio, nem rancor, nem desejo de vingança; </li></ul><ul><li>Não opor nenhum obstáculo a reconciliação; </li></ul><ul><li>Desejar-lhe o bem; </li></ul><ul><li>Alegrar-se com o bem que os alcança. </li></ul><ul><li>Em caso de necessidade lhe estender a mão. </li></ul><ul><li>Perdoar-lhe. </li></ul><ul><li>Lhe retribuir o mal com o bem. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Como amar pessoas difíceis! </li></ul>
  11. 11. Bibliografia <ul><li>Dicionário Michaelis on-line </li></ul><ul><ul><li>http://michaelis.uol.com.br </li></ul></ul><ul><li>Amor, Imbatível amor </li></ul><ul><li>Psicologia do Evangelho </li></ul><ul><li>Evangelho Segundo Espiritismo. </li></ul>
  12. 12. Encerramento

×