Edward Gordon Craig
Universidade Federal de Pelotas
Material para fins didáticos
Professora Taís Ferreira
Edward Gordon Craig
(1872-1966)
• Edward Gordon Craig era filho da atriz inglesa Ellen
Terry (amante/ esposa do famoso ato...
• Ele continuou expondo suas idéias provocativas em On
the Art of the Theatre (1911), Towards a New Theatre
(1913), The Th...
Gordon Graig
Fotografia feita por
câmera obscura
Foi casado com a
bailarina
Isadora Duncan,
que revolucionou
a história da dança.
Ela teve muita
influência
sobre sua obra.
Gordon Craig na Arena Goldoni, com uma maquete de
cenário, 1912. (Harvard Theatre Collection)
A tempestade em Rei Lear, de Shakespeare
1920, xilogravura
Electra, 1905
Hamlet para o TAM em 1909
Hamlet (1909)
A encenação de Hamlet só foi a público
com o TAM em 1912
Gertrude e Hamlet na encenação de Craig para o TAM
Hamlet and Daemon, croqui de Gordon Craig
Fotografia em Toward a new theatre; forty designs for
stage scenes (London & Toronto: J.M.Dent & Sons, 1913)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Edward Gordon Craig

4.495 visualizações

Publicada em

Imagens de trabalhos do diretor e cenógrafo inglês.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.495
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
634
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
105
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Edward Gordon Craig

  1. 1. Edward Gordon Craig Universidade Federal de Pelotas Material para fins didáticos Professora Taís Ferreira
  2. 2. Edward Gordon Craig (1872-1966) • Edward Gordon Craig era filho da atriz inglesa Ellen Terry (amante/ esposa do famoso ator Henry Irving) e de Edward Godwin, um conhecido arquiteto e pintor. Seus primeiros designs, em 1903, foram feitos para encenações da companhia de sua mãe, o London's Imperial Theatre. Uma mostra destes designs em 1902 e a publicação de The Art of the Theatre (1905) geraram apoios e refugas às suas propostas inovadoras em toda a Europa. • Em 1904 ele desenhou os croquis para a montagem de Venice Preserved do diretor Otto Brahm em Berlin, em 1906 para a peça de Ibsen Rosemersholm encenada pela grande atriz e empresária Eleanora Duse em Florença e em 1912 para o Hamlet de Konstantin Stanislavsky no Teatro de Arte de Moscou.
  3. 3. • Ele continuou expondo suas idéias provocativas em On the Art of the Theatre (1911), Towards a New Theatre (1913), The Theatre Advancing (1919) e The Mask, uma revista publicada entre1908 e 1929. • Publicou um ensaio que gerou muita polêmica intitulado “O Ator e a Supermarionete”, em que preconizava que o ator fosse mais um dos muitos elementos da encenação, assim como um boneco, que deveria responder às idéias do diretor. • Seus designs, apresentados como ilustrações e fotografias em suas publicações, foram monumentais. Assim como Appia, ele quebrou com o palco plano,com cenários com telões pintados ou com “cenários-caixa” que reproduziam a realidade tal qual ela era. Através de plataformas, degraus e rampas ele trocou as tapadeiras paralelas e os telões pintados por uma elaborada série de telas altas que poderiam somente sugerir a essência dos espaços cênicos. • Como Appia, Craig opôs-se ao naturalismo e aproximou- se da estética simbolista, em que formas, cores, luz e sombra sugerem estados interiores e atmosferas.
  4. 4. Gordon Graig Fotografia feita por câmera obscura
  5. 5. Foi casado com a bailarina Isadora Duncan, que revolucionou a história da dança. Ela teve muita influência sobre sua obra.
  6. 6. Gordon Craig na Arena Goldoni, com uma maquete de cenário, 1912. (Harvard Theatre Collection)
  7. 7. A tempestade em Rei Lear, de Shakespeare 1920, xilogravura
  8. 8. Electra, 1905
  9. 9. Hamlet para o TAM em 1909
  10. 10. Hamlet (1909)
  11. 11. A encenação de Hamlet só foi a público com o TAM em 1912
  12. 12. Gertrude e Hamlet na encenação de Craig para o TAM
  13. 13. Hamlet and Daemon, croqui de Gordon Craig
  14. 14. Fotografia em Toward a new theatre; forty designs for stage scenes (London & Toronto: J.M.Dent & Sons, 1913)

×