SlideShare uma empresa Scribd logo

Chuva Temporã

o que é e como receber a chuva temporã, e o que ela fará por você, e quais os benefícios que ela pode oferecer aos cristãos.

1 de 17
Baixar para ler offline
Amos 3: 7.
Certamente o Senhor
DEUS não fará coisa
alguma, sem ter
primeiro revelado o
seu segredo aos seus
servos, os profetas.
OBJETIVO DESTE ESTUDO:
• Compreender perfeitamente as
respostas para estas três perguntas:
• 1. O que é a Chuva Temporã?
• 2. Qual é a função da Chuva Temporã?
• 3. Como posso eu recebê-la?
ISAÍAS 44: 3
• Porque derramarei água sobre
o sedento, e rios sobre a terra
seca; derramarei o meu
Espírito sobre a tua
posteridade, e a minha bênção
sobre os teus descendentes.
1.1 Como é Chamada a Promessa
desse Espírito?
• "E vós, filhos de Sião, regozijai-vos e
alegrai-vos no SENHOR vosso Deus,
porque ele vos dará em justa medida a
chuva temporã; fará descer a chuva no
primeiro mês, a temporã e a serôdia."
(Joel 2 : 23)
1.2 Qual é propósito de receber
essa Chuva?
• ISAIAS 44: 4 E brotarão como a erva, como
salgueiros junto aos ribeiros das águas.
MARCOS 4: 27 – 29.
• 27 E dormisse, e se levantasse de noite
ou de dia, e a semente brotasse e
crescesse, não sabendo ele como.
• 28 Porque a terra por si mesma frutifica,
primeiro a erva, depois a espiga, por
último o grão cheio na espiga.
Anúncio

Recomendados

Homilética arte de pregar
Homilética   arte de pregar Homilética   arte de pregar
Homilética arte de pregar Paulo Ferreira
 
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaÉder Tomé
 
Estudos por esta causa me ponho de joelhos
Estudos  por esta causa me ponho de joelhosEstudos  por esta causa me ponho de joelhos
Estudos por esta causa me ponho de joelhosJoel Silva
 
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroEdnilson do Valle
 
O Arrebatamento da Igreja
O Arrebatamento da IgrejaO Arrebatamento da Igreja
O Arrebatamento da IgrejaMárcio Martins
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Reverencia: Como devem se portar os Cristão na Casa do Senhor
Reverencia: Como devem se portar os Cristão na Casa do SenhorReverencia: Como devem se portar os Cristão na Casa do Senhor
Reverencia: Como devem se portar os Cristão na Casa do SenhorMagno Marinho
 
Lição 2 A disciplina na vida do obreiro
Lição 2   A disciplina na vida do obreiroLição 2   A disciplina na vida do obreiro
Lição 2 A disciplina na vida do obreiroWander Sousa
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoErberson Pinheiro
 
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,Felicio Araujo
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Esperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesusEsperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesusMárcio Martins
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneMárcio Martins
 
Lição 9 – Conhecendo a Armadura de Deus
Lição 9 – Conhecendo a Armadura de DeusLição 9 – Conhecendo a Armadura de Deus
Lição 9 – Conhecendo a Armadura de DeusÉder Tomé
 
Lição 5 – Avivamento e Missões na história da igreja
Lição 5 – Avivamento e Missões na história da igrejaLição 5 – Avivamento e Missões na história da igreja
Lição 5 – Avivamento e Missões na história da igrejaÉder Tomé
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoJosue Lima
 
Uma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibradaUma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibradaMoisés Sampaio
 

Mais procurados (20)

Reverencia: Como devem se portar os Cristão na Casa do Senhor
Reverencia: Como devem se portar os Cristão na Casa do SenhorReverencia: Como devem se portar os Cristão na Casa do Senhor
Reverencia: Como devem se portar os Cristão na Casa do Senhor
 
Daniel 1
Daniel 1Daniel 1
Daniel 1
 
BEMA - O Tribunal de Cristo
BEMA - O Tribunal de CristoBEMA - O Tribunal de Cristo
BEMA - O Tribunal de Cristo
 
Lição 2 A disciplina na vida do obreiro
Lição 2   A disciplina na vida do obreiroLição 2   A disciplina na vida do obreiro
Lição 2 A disciplina na vida do obreiro
 
Batalha espiritual
Batalha espiritualBatalha espiritual
Batalha espiritual
 
Meus esboços 1
Meus esboços 1Meus esboços 1
Meus esboços 1
 
As bodas do cordeiro
As bodas do cordeiroAs bodas do cordeiro
As bodas do cordeiro
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
 
O poder da palavra de Deus
O poder da palavra de DeusO poder da palavra de Deus
O poder da palavra de Deus
 
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
 
LIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃOLIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃO
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
 
A Importância do Discernimento Espiritual
A Importância do Discernimento EspiritualA Importância do Discernimento Espiritual
A Importância do Discernimento Espiritual
 
Esperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesusEsperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesus
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
 
Lição 9 – Conhecendo a Armadura de Deus
Lição 9 – Conhecendo a Armadura de DeusLição 9 – Conhecendo a Armadura de Deus
Lição 9 – Conhecendo a Armadura de Deus
 
Lição 5 – Avivamento e Missões na história da igreja
Lição 5 – Avivamento e Missões na história da igrejaLição 5 – Avivamento e Missões na história da igreja
Lição 5 – Avivamento e Missões na história da igreja
 
Treinamento obreiros e auxiliares
Treinamento obreiros e auxiliaresTreinamento obreiros e auxiliares
Treinamento obreiros e auxiliares
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
 
Uma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibradaUma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibrada
 

Semelhante a Chuva Temporã

A CHUVA SERÔDIA.docx
A CHUVA SERÔDIA.docxA CHUVA SERÔDIA.docx
A CHUVA SERÔDIA.docxOseias reis
 
Preparando-se para a colheita_1142014_GGR
Preparando-se para a colheita_1142014_GGRPreparando-se para a colheita_1142014_GGR
Preparando-se para a colheita_1142014_GGRGerson G. Ramos
 
Sem i palestra ii versao 2007
Sem i palestra ii versao 2007Sem i palestra ii versao 2007
Sem i palestra ii versao 2007Márcio E Maria
 
3-osatributosdedeuseaadorao-150311060807-conversion-gate01 (1).pptx
3-osatributosdedeuseaadorao-150311060807-conversion-gate01 (1).pptx3-osatributosdedeuseaadorao-150311060807-conversion-gate01 (1).pptx
3-osatributosdedeuseaadorao-150311060807-conversion-gate01 (1).pptxTiago Silva
 
Não Deixe seu Coração Ficar Turbado - Richard Sibbes
Não Deixe seu Coração Ficar Turbado - Richard SibbesNão Deixe seu Coração Ficar Turbado - Richard Sibbes
Não Deixe seu Coração Ficar Turbado - Richard SibbesSilvio Dutra
 
Preparo chuva serodia
Preparo chuva serodiaPreparo chuva serodia
Preparo chuva serodiaJose Moraes
 
3 os atributos de deus e a adoração
3 os atributos de deus e a adoração3 os atributos de deus e a adoração
3 os atributos de deus e a adoraçãoRogério Moreira
 
Lição_832016_Jesus manifestava compaixão pelas pessoas_GGR
Lição_832016_Jesus manifestava compaixão pelas pessoas_GGRLição_832016_Jesus manifestava compaixão pelas pessoas_GGR
Lição_832016_Jesus manifestava compaixão pelas pessoas_GGRGerson G. Ramos
 
E.b.d jovens 4 trimestre 2016 lição 13
E.b.d   jovens 4 trimestre 2016 lição 13E.b.d   jovens 4 trimestre 2016 lição 13
E.b.d jovens 4 trimestre 2016 lição 13Joel Silva
 
25. evangelismo
25. evangelismo25. evangelismo
25. evangelismopohlos
 
❉ Respostas_1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
❉ Respostas_1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR❉ Respostas_1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
❉ Respostas_1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGRGerson G. Ramos
 
Como ser fiel em tudo
Como ser fiel em tudoComo ser fiel em tudo
Como ser fiel em tudojb1955
 
Lição 1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
Lição 1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGRLição 1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
Lição 1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGRGerson G. Ramos
 

Semelhante a Chuva Temporã (20)

A CHUVA SERÔDIA.docx
A CHUVA SERÔDIA.docxA CHUVA SERÔDIA.docx
A CHUVA SERÔDIA.docx
 
Preparando-se para a colheita_1142014_GGR
Preparando-se para a colheita_1142014_GGRPreparando-se para a colheita_1142014_GGR
Preparando-se para a colheita_1142014_GGR
 
Sem i palestra ii versao 2007
Sem i palestra ii versao 2007Sem i palestra ii versao 2007
Sem i palestra ii versao 2007
 
02
0202
02
 
7_a_oracao_do_senhor.pptx
7_a_oracao_do_senhor.pptx7_a_oracao_do_senhor.pptx
7_a_oracao_do_senhor.pptx
 
Qual o segredo para...
Qual o segredo para...Qual o segredo para...
Qual o segredo para...
 
Este Dia Com Deus (EDD) - MM
Este Dia Com Deus (EDD) - MMEste Dia Com Deus (EDD) - MM
Este Dia Com Deus (EDD) - MM
 
chuva serôdia.docx
chuva serôdia.docxchuva serôdia.docx
chuva serôdia.docx
 
3-osatributosdedeuseaadorao-150311060807-conversion-gate01 (1).pptx
3-osatributosdedeuseaadorao-150311060807-conversion-gate01 (1).pptx3-osatributosdedeuseaadorao-150311060807-conversion-gate01 (1).pptx
3-osatributosdedeuseaadorao-150311060807-conversion-gate01 (1).pptx
 
Não Deixe seu Coração Ficar Turbado - Richard Sibbes
Não Deixe seu Coração Ficar Turbado - Richard SibbesNão Deixe seu Coração Ficar Turbado - Richard Sibbes
Não Deixe seu Coração Ficar Turbado - Richard Sibbes
 
Preparo chuva serodia
Preparo chuva serodiaPreparo chuva serodia
Preparo chuva serodia
 
3 os atributos de deus e a adoração
3 os atributos de deus e a adoração3 os atributos de deus e a adoração
3 os atributos de deus e a adoração
 
01
0101
01
 
Lição_832016_Jesus manifestava compaixão pelas pessoas_GGR
Lição_832016_Jesus manifestava compaixão pelas pessoas_GGRLição_832016_Jesus manifestava compaixão pelas pessoas_GGR
Lição_832016_Jesus manifestava compaixão pelas pessoas_GGR
 
E.b.d jovens 4 trimestre 2016 lição 13
E.b.d   jovens 4 trimestre 2016 lição 13E.b.d   jovens 4 trimestre 2016 lição 13
E.b.d jovens 4 trimestre 2016 lição 13
 
25. evangelismo
25. evangelismo25. evangelismo
25. evangelismo
 
❉ Respostas_1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
❉ Respostas_1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR❉ Respostas_1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
❉ Respostas_1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
 
Como ser fiel em tudo
Como ser fiel em tudoComo ser fiel em tudo
Como ser fiel em tudo
 
Novena a São João Eudes
Novena a São João EudesNovena a São João Eudes
Novena a São João Eudes
 
Lição 1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
Lição 1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGRLição 1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
Lição 1112016_O que Pedro disse sobre o grande conflito_GGR
 

Mais de ASD Remanescentes

➤Série de Estudos Vida Eterna.
➤Série de Estudos Vida Eterna.➤Série de Estudos Vida Eterna.
➤Série de Estudos Vida Eterna.ASD Remanescentes
 
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido para o Espanhol
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido para o EspanholManuscrito Hebraico Shem tov traduzido para o Espanhol
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido para o EspanholASD Remanescentes
 
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido Português.
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido Português.Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido Português.
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido Português.ASD Remanescentes
 
Adulteração no Hino "Castelo Forte" do Hinário Adventista.
Adulteração no Hino "Castelo Forte" do Hinário Adventista.Adulteração no Hino "Castelo Forte" do Hinário Adventista.
Adulteração no Hino "Castelo Forte" do Hinário Adventista.ASD Remanescentes
 
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.ASD Remanescentes
 
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.ASD Remanescentes
 
A Nova Teologia Adventista e a Mensagem do Anticristo.
A  Nova Teologia Adventista e a Mensagem do Anticristo.A  Nova Teologia Adventista e a Mensagem do Anticristo.
A Nova Teologia Adventista e a Mensagem do Anticristo.ASD Remanescentes
 
Quem são os "ASD Remanescentes"?
Quem são os "ASD Remanescentes"?Quem são os "ASD Remanescentes"?
Quem são os "ASD Remanescentes"?ASD Remanescentes
 
Ellen White comia carne depois da Reforma de Saúde(1863)?
Ellen White comia carne depois da Reforma de Saúde(1863)?Ellen White comia carne depois da Reforma de Saúde(1863)?
Ellen White comia carne depois da Reforma de Saúde(1863)?ASD Remanescentes
 
O Calendário e a Criação em Gêneses. - Refutado Serie 04
O Calendário e a Criação em Gêneses. - Refutado Serie 04O Calendário e a Criação em Gêneses. - Refutado Serie 04
O Calendário e a Criação em Gêneses. - Refutado Serie 04ASD Remanescentes
 
A Forma e a Formula do verdadeiro Batismo Biblico
A Forma e a Formula do verdadeiro Batismo BiblicoA Forma e a Formula do verdadeiro Batismo Biblico
A Forma e a Formula do verdadeiro Batismo BiblicoASD Remanescentes
 
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.ASD Remanescentes
 
O Shabbat Lunar em Êxodo 12, será? Refutado Serie 03
O Shabbat Lunar em Êxodo 12, será? Refutado Serie 03O Shabbat Lunar em Êxodo 12, será? Refutado Serie 03
O Shabbat Lunar em Êxodo 12, será? Refutado Serie 03ASD Remanescentes
 
Gêneses 1:14 e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 02
Gêneses 1:14 e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 02 Gêneses 1:14 e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 02
Gêneses 1:14 e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 02 ASD Remanescentes
 
A Criação e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 01
A Criação e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 01 A Criação e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 01
A Criação e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 01 ASD Remanescentes
 
Qual verdadeiro Nome de Deus?
Qual verdadeiro Nome de Deus?Qual verdadeiro Nome de Deus?
Qual verdadeiro Nome de Deus?ASD Remanescentes
 
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.ASD Remanescentes
 
Papa Bento XVI e João Paulo II diz que Mateus 28:19 é invenção de Roma
Papa Bento XVI e João Paulo II diz que Mateus 28:19 é invenção de RomaPapa Bento XVI e João Paulo II diz que Mateus 28:19 é invenção de Roma
Papa Bento XVI e João Paulo II diz que Mateus 28:19 é invenção de RomaASD Remanescentes
 
As Horas do Dia e o inicio do Sábado.
As Horas do Dia e o inicio do Sábado.As Horas do Dia e o inicio do Sábado.
As Horas do Dia e o inicio do Sábado.ASD Remanescentes
 

Mais de ASD Remanescentes (20)

➤Série de Estudos Vida Eterna.
➤Série de Estudos Vida Eterna.➤Série de Estudos Vida Eterna.
➤Série de Estudos Vida Eterna.
 
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido para o Espanhol
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido para o EspanholManuscrito Hebraico Shem tov traduzido para o Espanhol
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido para o Espanhol
 
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido Português.
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido Português.Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido Português.
Manuscrito Hebraico Shem tov traduzido Português.
 
Adulteração no Hino "Castelo Forte" do Hinário Adventista.
Adulteração no Hino "Castelo Forte" do Hinário Adventista.Adulteração no Hino "Castelo Forte" do Hinário Adventista.
Adulteração no Hino "Castelo Forte" do Hinário Adventista.
 
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
 
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
 
A Nova Teologia Adventista e a Mensagem do Anticristo.
A  Nova Teologia Adventista e a Mensagem do Anticristo.A  Nova Teologia Adventista e a Mensagem do Anticristo.
A Nova Teologia Adventista e a Mensagem do Anticristo.
 
Quem são os "ASD Remanescentes"?
Quem são os "ASD Remanescentes"?Quem são os "ASD Remanescentes"?
Quem são os "ASD Remanescentes"?
 
Ellen White comia carne depois da Reforma de Saúde(1863)?
Ellen White comia carne depois da Reforma de Saúde(1863)?Ellen White comia carne depois da Reforma de Saúde(1863)?
Ellen White comia carne depois da Reforma de Saúde(1863)?
 
O Calendário e a Criação em Gêneses. - Refutado Serie 04
O Calendário e a Criação em Gêneses. - Refutado Serie 04O Calendário e a Criação em Gêneses. - Refutado Serie 04
O Calendário e a Criação em Gêneses. - Refutado Serie 04
 
A Forma e a Formula do verdadeiro Batismo Biblico
A Forma e a Formula do verdadeiro Batismo BiblicoA Forma e a Formula do verdadeiro Batismo Biblico
A Forma e a Formula do verdadeiro Batismo Biblico
 
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
 
O Shabbat Lunar em Êxodo 12, será? Refutado Serie 03
O Shabbat Lunar em Êxodo 12, será? Refutado Serie 03O Shabbat Lunar em Êxodo 12, será? Refutado Serie 03
O Shabbat Lunar em Êxodo 12, será? Refutado Serie 03
 
Gêneses 1:14 e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 02
Gêneses 1:14 e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 02 Gêneses 1:14 e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 02
Gêneses 1:14 e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 02
 
A Criação e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 01
A Criação e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 01 A Criação e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 01
A Criação e o Shabbat Lunar - Refutado Serie 01
 
Jesus,Yeshua ou Yehoshua?
Jesus,Yeshua ou Yehoshua?Jesus,Yeshua ou Yehoshua?
Jesus,Yeshua ou Yehoshua?
 
Qual verdadeiro Nome de Deus?
Qual verdadeiro Nome de Deus?Qual verdadeiro Nome de Deus?
Qual verdadeiro Nome de Deus?
 
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
 
Papa Bento XVI e João Paulo II diz que Mateus 28:19 é invenção de Roma
Papa Bento XVI e João Paulo II diz que Mateus 28:19 é invenção de RomaPapa Bento XVI e João Paulo II diz que Mateus 28:19 é invenção de Roma
Papa Bento XVI e João Paulo II diz que Mateus 28:19 é invenção de Roma
 
As Horas do Dia e o inicio do Sábado.
As Horas do Dia e o inicio do Sábado.As Horas do Dia e o inicio do Sábado.
As Horas do Dia e o inicio do Sábado.
 

Último

Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNilson Almeida
 
Oração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeOração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeNilson Almeida
 
Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Nilson Almeida
 
Novena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNovena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNilson Almeida
 
Novena De Santo Onofre
Novena De Santo OnofreNovena De Santo Onofre
Novena De Santo OnofreNilson Almeida
 
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptxMarta Gomes
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdfSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdfjoseciceroroberto197
 
Vibração Pelo Planeta Terra
Vibração Pelo Planeta Terra Vibração Pelo Planeta Terra
Vibração Pelo Planeta Terra Nilson Almeida
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxRodrigoTavares484059
 
A Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioA Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioNilson Almeida
 
Novena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNovena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNilson Almeida
 
Oração Pedindo Sabedoria E Discernimento
Oração Pedindo Sabedoria E DiscernimentoOração Pedindo Sabedoria E Discernimento
Oração Pedindo Sabedoria E DiscernimentoNilson Almeida
 

Último (20)

Novena De Santa Marta
Novena De Santa MartaNovena De Santa Marta
Novena De Santa Marta
 
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdfCarta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
 
Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada Conceição
 
Orações Vocacionais
Orações VocacionaisOrações Vocacionais
Orações Vocacionais
 
Oração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeOração Da Sobriedade
Oração Da Sobriedade
 
Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola
 
Invocação À Luz
Invocação À LuzInvocação À Luz
Invocação À Luz
 
Novena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNovena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De Cristo
 
Novena De Santo Onofre
Novena De Santo OnofreNovena De Santo Onofre
Novena De Santo Onofre
 
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
 
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
 
Reflexão para grupos sobre a carta de Quaresma 2024 Parte 1
Reflexão para grupos sobre a carta de Quaresma 2024 Parte 1Reflexão para grupos sobre a carta de Quaresma 2024 Parte 1
Reflexão para grupos sobre a carta de Quaresma 2024 Parte 1
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdfSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
 
Vibração Pelo Planeta Terra
Vibração Pelo Planeta Terra Vibração Pelo Planeta Terra
Vibração Pelo Planeta Terra
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
 
A Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioA Couraça De São Patrício
A Couraça De São Patrício
 
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 4
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 4Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 4
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 4
 
Novena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNovena De Santa Teresinha
Novena De Santa Teresinha
 
Oração Pedindo Sabedoria E Discernimento
Oração Pedindo Sabedoria E DiscernimentoOração Pedindo Sabedoria E Discernimento
Oração Pedindo Sabedoria E Discernimento
 
Orações Vocacionais
Orações VocacionaisOrações Vocacionais
Orações Vocacionais
 

Chuva Temporã

  • 1. Amos 3: 7. Certamente o Senhor DEUS não fará coisa alguma, sem ter primeiro revelado o seu segredo aos seus servos, os profetas.
  • 2. OBJETIVO DESTE ESTUDO: • Compreender perfeitamente as respostas para estas três perguntas: • 1. O que é a Chuva Temporã? • 2. Qual é a função da Chuva Temporã? • 3. Como posso eu recebê-la?
  • 3. ISAÍAS 44: 3 • Porque derramarei água sobre o sedento, e rios sobre a terra seca; derramarei o meu Espírito sobre a tua posteridade, e a minha bênção sobre os teus descendentes.
  • 4. 1.1 Como é Chamada a Promessa desse Espírito? • "E vós, filhos de Sião, regozijai-vos e alegrai-vos no SENHOR vosso Deus, porque ele vos dará em justa medida a chuva temporã; fará descer a chuva no primeiro mês, a temporã e a serôdia." (Joel 2 : 23)
  • 5. 1.2 Qual é propósito de receber essa Chuva? • ISAIAS 44: 4 E brotarão como a erva, como salgueiros junto aos ribeiros das águas.
  • 6. MARCOS 4: 27 – 29. • 27 E dormisse, e se levantasse de noite ou de dia, e a semente brotasse e crescesse, não sabendo ele como. • 28 Porque a terra por si mesma frutifica, primeiro a erva, depois a espiga, por último o grão cheio na espiga.
  • 7. 1.3 Qual é o Fruto Que Devemos Desenvolver?
  • 8. LUCAS 8: 15. e GALATAS 5: 22 • 15 E a que caiu em boa terra, esses são os que, ouvindo a palavra, a conservam num coração honesto e bom, e dão fruto com perseverança. • 22 Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.
  • 9. Parábolas de Jesus, págs. 67, 69 • O objetivo da vida cristã é a frutificação - a reprodução do caráter de Cristo no crente, para que Se possa reproduzir em outros. • Cristo aguarda com fremente desejo a manifestação de Si mesmo em Sua igreja. Quando o caráter de Cristo se reproduzir perfeitamente em Seu povo, então virá para reclamá-los como Seus.
  • 10. 1. O Que é Chuva Temporã? • É o trabalho do Espírito Santo ou a obra do Ministério dos Anjos na sua vida para que reflitas o caráter de Cristo perfeitamente. • Após responder a Primeira Pergunta vamos para a Segunda Pergunta. Com os princípios que aprendemos na primeira. Sabendo que a função da Chuva temporã é diferente da chuva Serôdia. Se perdemos a 1ª a 2ª não realizará sua obra em nós.
  • 11. 2. Qual é Função da Chuva Temporã? • Muitos têm em grande medida deixado de receber a chuva temporã. Não têm obtido todos os benefícios que Deus assim para eles tem provido. Esperam que as falhas sejam supridas pela chuva serôdia. Quando a maior abundância da graça estiver para ser outorgada, esperam poder abrir o coração para recebê-la. Estão cometendo um erro terrível. ...Foi pela confissão e pelo abandono do pecado, por meio de fervorosa oração e da entrega pessoal a Deus, que os discípulos se prepararam para o derramamento do Espírito Santo no dia de Pentecoste. O mesmo trabalho, apenas em grau mais elevado, deve ser feito agora. Então o agente humano só teve de pedir a bênção e esperar que o Senhor aperfeiçoasse a obra a seu respeito. Foi Deus que começou a obra, e Ele terminará Sua obra, tornando o homem perfeito em Jesus Cristo. (Test. p. Min., p. 507)
  • 12. • Hoje deveis entregar-vos a Deus, para que Ele vos torne vasos para honra, e aptos para Seu serviço. Hoje deveis entregar-vos a Deus para que sejais esvaziados do próprio eu, esvaziados de inveja, ciúmes, ruins suspeitas, pelejas, tudo quanto seja desonroso para Ele. Hoje deveis ter purificado vosso vaso a fim de estar prontos para o orvalho celeste, prontos para os aguaceiros da chuva serôdia; pois a chuva serôdia virá, e a bênção de Deus encherá toda alma que estiver purificada de toda contaminação. (M E, v.1, p. 191)
  • 13. • Mas não se deve negligenciar a graça representada pela chuva temporã. Só os que estiverem vivendo de acordo com a luz que têm recebido poderão receber maior luz. A não ser que nos estejamos desenvolvendo diariamente na exemplificação das ativas virtudes cristãs, não reconheceremos as manifestações do Espírito Santo na chuva serôdia. Pode ser que ela esteja sendo derramada nos corações ao nosso redor, mas nós não a discerniremos nem a receberemos. (Test. p/ Min., p. 507) • 2. Qual é a Função da Chuva Temporã? • Resp. Vencer o Pecado Completamente.
  • 14. 3. Como Posso Recebê-la? • 1 PEDI ao SENHOR chuva no tempo da chuva serôdia, sim, ao SENHOR que faz relâmpagos; e lhes dará chuvas abundantes, ... ( ZACARIAS 10: 1) • As convocações da igreja, como nas reuniões campais, as assembléias da igreja local, e todas as ocasiões em que há trabalho pessoal em favor das almas, são oportunidades determinadas por Deus para dar tanto a chuva temporã como a serôdia. ( Test. p/ Min., p. 508)
  • 15. • Vi que ninguém poderia participar do "refrigério" a menos que obtivesse a vitória sobre toda tentação, orgulho, egoísmo, amor ao mundo, e sobre toda má palavra e ação. Deveríamos, portanto, estar-nos aproximando mais e mais do Senhor, e achar-nos fervorosamente à procura daquela preparação necessária para nos habilitar a estar em pé na batalha do dia do Senhor. Lembrem todos que Deus é santo, e que unicamente entes santos poderão morar em Sua presença. (P E, p. 71)
  • 16. • Quando os obreiros tiverem a presença permanente de Cristo em sua alma, quando estiver morto todo o egoísmo, quando não houver nenhuma rivalidade, nenhuma contenda pela supremacia, quando existir unidade, quando eles se santificarem, de maneira que o amor de uns pelos outros seja visto e sentido, então os chuveiros da graça do Espírito Santo hão de vir tão seguramente sobre eles como é certo que a promessa de Deus não faltará nem um jota ou um til. ... Manuscrito 24, 1896. ( M. E. , v. 1, p. 175) último texto