/15
Computação Ubíqua para
apoiar a educação musical:
explorações com o Makey Makey
Thiago Marcondes Santos (UNIRIO)
Maria...
/15
Computação Ubíqua
2
MICROPROCESSADORES
2% em PCs
98% em sistemas embarcados nas coisas
/15
Computação Ubíqua
Objetos inteligentes, Internet das coisas
3
/15
Computação Ubíqua
novas formas de produção e interação sonora
4
/15
Computação Ubíqua
oportunidades p/ letramento no discurso musical
• Diminuição das barreiras técnicas
para tocar um in...
/15
Camisa Inteligente Musical
(TCC em Licenciatura em Música, 2012)
6
/15
Tapetes Inteligentes Musicais
(Dissertação em Informática, 2015)
7
/15
Tapetes Inteligentes Musicais
(Dissertação em Informática, 2015)
8
/15
Tapetes Inteligentes Musicais
(Dissertação em Informática, 2015)
9
/15
Tapetes Inteligentes Musicais
(Dissertação em Informática, 2015)
10
/15
Método de Pesquisa:
Design Science Research
11
PESQUISA
EM CIÊNCIA DO
COMPORTAMENTO
PESQUISA EM
DESIGN
um artefato é c...
/15
Estudo de caso exploratório
(Oficinas Pedagógicas)
QUESTÕES:
• O artefato é aceitável por alunos e professores?
• As c...
/15
Observação-participante
13
/15
Resultados
14
Aluno: “Eu posso fazer música com as mãos!”
Professor Felipe: “Eu vi os estudantes colaborando bastante!...
/15
Conclusão
As conjecturas teóricas se mostraram válidas:
• movimentos corporais
• colaboração
• diminuição das barreir...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Computação Ubíqua para apoiar a educação musical: explorações com o Makey Makey

325 visualizações

Publicada em

Artigo apresentado no WIE 2015 (Workshop de Informática na Escola), dentro do Congresso Brasileiro de Informática na Educação (CBIE2015)

Publicada em: Internet
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
325
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Computação Ubíqua para apoiar a educação musical: explorações com o Makey Makey

  1. 1. /15 Computação Ubíqua para apoiar a educação musical: explorações com o Makey Makey Thiago Marcondes Santos (UNIRIO) Mariano Pimentel (UNIRIO) Denise Filippo (UERJ) WIE 2015 - 27 out 2015 1
  2. 2. /15 Computação Ubíqua 2 MICROPROCESSADORES 2% em PCs 98% em sistemas embarcados nas coisas
  3. 3. /15 Computação Ubíqua Objetos inteligentes, Internet das coisas 3
  4. 4. /15 Computação Ubíqua novas formas de produção e interação sonora 4
  5. 5. /15 Computação Ubíqua oportunidades p/ letramento no discurso musical • Diminuição das barreiras técnicas para tocar um instrumento (Orff) visando facilitar o letramento (Soares) do discurso musical (Swanwick) • Corpo como mediador entre música e pensamento (Dalcroze) • Colaboração (Vygotsky e Piaget) 5
  6. 6. /15 Camisa Inteligente Musical (TCC em Licenciatura em Música, 2012) 6
  7. 7. /15 Tapetes Inteligentes Musicais (Dissertação em Informática, 2015) 7
  8. 8. /15 Tapetes Inteligentes Musicais (Dissertação em Informática, 2015) 8
  9. 9. /15 Tapetes Inteligentes Musicais (Dissertação em Informática, 2015) 9
  10. 10. /15 Tapetes Inteligentes Musicais (Dissertação em Informática, 2015) 10
  11. 11. /15 Método de Pesquisa: Design Science Research 11 PESQUISA EM CIÊNCIA DO COMPORTAMENTO PESQUISA EM DESIGN um artefato é construído para tentar resolver um problema num dado contexto CONTEXTO Educação Musical (obrigatória) no ensino fundamental PROBLEMA Promover o letramento no discurso musical com base em práticas Sócio-Construtivistas Estudo de Caso (Oficinas Pedagógicas em duas escolas públicas) As conjecturas são válidas? Os alunos desenvolveram letramento no discurso musical - produzindo sons facilmente, - fazendo uso do corpo, e - colaborativamente? o uso do artefato possibilita corroborar ou colocar em dúvida as conjecturas teóricas as conjecturas teóricas direcionam o projeto do artefato, estabelecem requisitos O problema foi resolvido? O artefato mostrou-se aceitável pelos alunos e professores? Fundamentos (quadro teórico): • Socio-construtivismo (Piaget e Vygotsky) • Discurso Musical (Swanwick) • Corpo e Aprendizagem Musical (Dalcroze) • Diminuição das barreiras técnicas (Orff) • Letramento (Soares) Conjecturas teóricas: O letramento no discurso musical é apoiado por: • diminuição das barreiras técnicas • movimentos corporais • colaboração Artefato proposto Tapetes Inteligentes Musicais (Computação Ubíqua + atividades educacionais)
  12. 12. /15 Estudo de caso exploratório (Oficinas Pedagógicas) QUESTÕES: • O artefato é aceitável por alunos e professores? • As conjecturas teóricas são válidas? FONTES de Dados: • Observação-participante • Questionário • Grupo Focal com alunos • Entrevista com professores 12
  13. 13. /15 Observação-participante 13
  14. 14. /15 Resultados 14 Aluno: “Eu posso fazer música com as mãos!” Professor Felipe: “Eu vi os estudantes colaborando bastante! (...) O grande lance é que um estudante depende de outro estudante para fazer o som. Se um tiver mais habilidade e o outro menos habilidade, pode atravancar um pouco no começo, mas também entra a questão de que um ajuda o outro a se desenvolver. Achei ótimo, porque ali você está podendo trabalhar com mais crianças e eu acho que o equipamento realmente somou. (...) a parte da montagem é que pra mim é a grande questão.” Professor Klaus: “Então ele é um equipamento bom por um lado e complicado por outro lado. (...) A questão complexa é a questão da instituição que eu trabalho, se ela consegue acompanhar essa tecnologia porque temos problemas na energia elétrica, por exemplo.”
  15. 15. /15 Conclusão As conjecturas teóricas se mostraram válidas: • movimentos corporais • colaboração • diminuição das barreiras técnicas O artefato se mostrou aceitável pelos alunos O artefato se mostrou aceitável pelos professores, com ressalvas (condições facilitadoras) Tapetes Inteligentes Musicais é uma alternativa válida para o ensino-aprendizagem de música no contexto de sala de aula para professores que têm perfil construtivista e sócio- interacionista. Precisa virar um produto de fácil instalação. favorecem o letramento no discurso musical 15

×