PCN-TERCEIRO E QUARTO CICLOSDO ENSINO FUNDAMENTALCIÊNCIAS NATURAIS<br />CESAR BENHUR<br />CRISTIANE LIBRELOTTO<br />PIBID ...
ORIENTAÇÕES DIDÁTICAS PARA TERCEIRO E QUARTO CICLOS<br />“Tem  a finalidade de subsidiar o educador, tanto para a elaboraç...
PLANEJAMENTO: UNIDADES E PROJETOS<br />O planejamento é a escolha dos métodos que serão utilizados para trabalhar os conte...
UNIDADE<br />Possível sequência de etapas<br /><ul><li> apresentação do tema pelo professor;
 delimitação dos problemas que serão investigados e</li></ul>levantamento de hipóteses para sua solução;<br /><ul><li> inv...
sistematização final de conhecimentos;
realização de exercícios finais e auto-avaliação dos estudantes.</li></li></ul><li>PROJETO<br />“O projeto é uma forma de ...
 a escolha do problema principal que será alvo de investigação;</li></li></ul><li>PROJETO<br /><ul><li>o estabelecimento d...
 o estabelecimento das intenções educativas, ou objetivos que se pretende alcançar no projeto;
 a seleção de atividades para exploração e conclusão do tema;
 a previsão de modos de avaliação dos trabalhos e do próprio projeto.</li></li></ul><li>PROJETO<br />Atividades de sistema...
interpretá-los e responder o problema inicialmente proposto;
organizar apresentações ao público interno e externo à classe.</li></li></ul><li>PROJETO<br />Avaliação – há varias formas...
auto-avaliação;
apresentações final feitas pelos grupos;
avaliação do processo e produtos dos projetos pelos educadores.</li></li></ul><li>TEMAS DE TRABALHO E INTEGRAÇÃO DE CONTEÚ...
PROBLEMATIZAÇÃO<br />As vivências dos alunos são um ponto de partida para o desenvolvimento de alguns assuntos, mesmo que ...
BUSCA DE INFORMAÇÕES EM FONTES VARIADAS<br />“A busca de informações em fontes variadas é procedimento importante para o e...
OBSERVAÇÃO<br />“Para desenvolver a capacidade de observação dos estudantes é necessário, propor desafios que  motivem os ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Orientações didáticas - terceiro e quarto ciclo de Ciência Naturais

5.870 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.870
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
195
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
82
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Orientações didáticas - terceiro e quarto ciclo de Ciência Naturais

  1. 1. PCN-TERCEIRO E QUARTO CICLOSDO ENSINO FUNDAMENTALCIÊNCIAS NATURAIS<br />CESAR BENHUR<br />CRISTIANE LIBRELOTTO<br />PIBID 2011<br />
  2. 2. ORIENTAÇÕES DIDÁTICAS PARA TERCEIRO E QUARTO CICLOS<br />“Tem a finalidade de subsidiar o educador, tanto para a elaboração de planejamentos<br />quanto para a condução do processo de aprendizagem de seus estudantes, abordando orientações didáticas gerais para o planejamento de unidades e projetos”<br />
  3. 3. PLANEJAMENTO: UNIDADES E PROJETOS<br />O planejamento é a escolha dos métodos que serão utilizados para trabalhar os conteúdos. As unidades e projetos são duas formas bem parecidas de se trabalhar, mas diferem-se pois os projetos possibilitam um maior envolvimento do aluno, uma participação mais ativa, e tem uma função social real, enquanto as unidades seguem mais um cronograma. <br />
  4. 4. UNIDADE<br />Possível sequência de etapas<br /><ul><li> apresentação do tema pelo professor;
  5. 5. delimitação dos problemas que serão investigados e</li></ul>levantamento de hipóteses para sua solução;<br /><ul><li> investigação propriamente dita, com a utilização das fontes de informação e outros recursos didáticos, como jogos e simulações;
  6. 6. sistematização final de conhecimentos;
  7. 7. realização de exercícios finais e auto-avaliação dos estudantes.</li></li></ul><li>PROJETO<br />“O projeto é uma forma de trabalho em equipe que favorece a articulação entre os diferentes conteúdos da área de Ciências Naturais e desses com os de outras áreas do conhecimento e temas transversais.”<br /> Os projetos também precisam de planejamento para que o objetivo final seja alcançado, o PCNcoloca as seguintes etapas de planejamento:<br /><ul><li>a definição do tema;
  8. 8. a escolha do problema principal que será alvo de investigação;</li></li></ul><li>PROJETO<br /><ul><li>o estabelecimento do conjunto de conteúdos necessários para que o estudante realize o tratamento do problema colocado;
  9. 9. o estabelecimento das intenções educativas, ou objetivos que se pretende alcançar no projeto;
  10. 10. a seleção de atividades para exploração e conclusão do tema;
  11. 11. a previsão de modos de avaliação dos trabalhos e do próprio projeto.</li></li></ul><li>PROJETO<br />Atividades de sistematização tem por objetivo:<br /><ul><li>reunir e organizar os dados;
  12. 12. interpretá-los e responder o problema inicialmente proposto;
  13. 13. organizar apresentações ao público interno e externo à classe.</li></li></ul><li>PROJETO<br />Avaliação – há varias formas de avaliação envolvidas na execução de um projeto:<br /><ul><li>acompanhamento aos grupos;
  14. 14. auto-avaliação;
  15. 15. apresentações final feitas pelos grupos;
  16. 16. avaliação do processo e produtos dos projetos pelos educadores.</li></li></ul><li>TEMAS DE TRABALHO E INTEGRAÇÃO DE CONTEÚDOS<br />A intenção das tendência pedagógicas é que cada vez mais os conteúdos sejam integrados, complementando-se entre si , e enfatiza a importância da introdução dos temas transversais descritos pelo PCN, apontam também o grande potencial da utilização de vivências dos alunos para a escolha dos temas a serem trabalhados, tematizando essa vivências e integrando-as com os conteúdos e temas transversais, para conseguir despertar cada vez mais o interesse dos alunos em aprender.<br />
  17. 17. PROBLEMATIZAÇÃO<br />As vivências dos alunos são um ponto de partida para o desenvolvimento de alguns assuntos, mesmo que com explicações distintas ou conflitivas, esse método possibilita uma maior participação dos alunos pois cada um pode ter uma visão ou conhecimento distinto do mesmo assunto, cabe ao professor, então, selecionar as vivências que remetem a conteúdos a serem trabalhados, e dar a eles explicações científicas, utilizando de questões que trarão benefícios ao aprendizado.<br />
  18. 18. BUSCA DE INFORMAÇÕES EM FONTES VARIADAS<br />“A busca de informações em fontes variadas é procedimento importante para o ensino e aprendizagem de Ciências. Além de permitir ao estudante obter informações para a elaboração de suas ideias e atitudes, é fundamental para o desenvolvimento de autonomia com relação à obtenção do conhecimento.”<br />Como exemplo, a observação, a experimentação, a leitura, a entrevista, a excursão ou estudo do meio e o uso de informática.<br />
  19. 19. OBSERVAÇÃO<br />“Para desenvolver a capacidade de observação dos estudantes é necessário, propor desafios que motivem os alunos a buscar os detalhes de determinados objetos, para que o mesmo objeto seja percebido de modo cada vez mais completo e diferente do modo habitual.”<br />Pode ser utilizado em comparações, nos trabalhos de campo, nas experimentações, ao assistir um vídeo.<br />Pode ser feita de dois modos direto, ambientes, animais, plantas, máquinas, e indireto microscópio, telescópio, fotos, filmes, gravuras, gravações sonoras.<br />
  20. 20. EXPERIMENTAÇÃO<br />É necessário que os alunos tenham um bom embasamento teórico, para que possam absorver o máximo de conhecimento possível, é fundamental que<br />as atividades práticas tenham garantido o espaço de reflexão, desenvolvimento e construção de ideias, ao lado de conhecimentos de procedimentos e atitudes. Para que não se torne apenas uma manipulação de vidros.<br />
  21. 21. TRABALHOS DE CAMPO<br />“São visitas planejadas a ambientes naturais, a áreas de preservação ou conservação, áreas de produção primária (plantações) e indústrias, segundo os diferentes planos de ensino do professor, sem deixar de valorizar o próprio pátio da escola, a praça que muitas vezes está a poucas quadras da escola, as ruas da cidade, os quintais das casas, os terrenos baldios e outros espaços do ambiente urbano, como a zona comercial ou industrial da cidade. O desenvolvimento de atividades em espaços com essas<br />características traz a vantagem de possibilitar ao estudante a percepção de que fenômenos e processos naturais estão presentes no ambiente como um todo, não apenas no que ingenuamente é chamado de natureza..”<br />
  22. 22. TRABALHOS DE CAMPO<br />Para que uma saída de campo traga resultados é preciso tomar alguns cuidados:<br /><ul><li>Os estudantes precisam sair a campo com uma base teórica do assunto para que possa relacionar com a prática;
  23. 23. Ser elaborado um roteiro prévio;
  24. 24. Fazer uma análise dos dados coletados</li></li></ul><li>TEXTOS<br />Os textos tem papel importante no desenvolvimento da leitura, da escrita e da fala, portanto a utilização de textos em aula não deve se restringir apenas a livros didáticos, e sim buscar textos variados, com tema diversos que desenvolva a crítica, a interpretação e produção de resumos.<br />
  25. 25. INFORMÁTICA<br /><ul><li> possibilita a interatividade e troca de informações;
  26. 26. dá acesso a inúmeras informações e várias formas de utilização;
  27. 27. Permite o conhecimento de trabalhos realizados em lugares distantes e diferentes;
  28. 28. Rapidez tanto no envio como no recebimento de informações;</li></ul>“Os computadores apenas ampliam as possibilidades de atuação dos estudantes e dos professores, sendo incapazes de substituí-los em suas tarefas básicas e essenciais, como, por exemplo, a de organizar critérios com os estudantes para que possam navegar com rumo em meio ao mar de informações.’<br />
  29. 29. SISTEMATIZAÇÃO DE CONHECIMENTOS<br />É necessário que o professor organize fechamentos ou sistematizações de conhecimentos, parciais e gerais, para cada tema trabalhado, A sistematização é momento privilegiado de comparação de conhecimentos prévios e construídos, a valorização e a crítica de todo o processo, sua ausência resulta em perda significativa para os estudantes. <br />
  30. 30. REFERÊNCIA<br />PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS -TERCEIRO E QUARTO CICLOS DO ENSINO FUNDAMENTAL<br />CIÊNCIAS NATURAIS- Brasília 1998<br />

×