SlideShare uma empresa Scribd logo
PROGRAMA INSTITUCIONAL DE
   BOLSA DE INICIAÇÃO À
   DOCÊNCIA- PIBID



        APRESENTAÇÃO DE ARTIGO


Cristiane Librelotto
Bolsista PIBID- 2011
Acadêmica do Curso de Ciências Biológicas
UFSM/Cesnors – Palmeira das Missões, RS
MICROBIOLOGIA DEMOCRÁTICA:
ESTRATÉGIAS DE ENSINO- APRENDIZAGEM E
FORMAÇÃO DE PROFESSORES


Ana Paula Cassanti, Ana Clara Classanti, Eliana Ermel de
Araujo, Suzana Ursi.

Colégio Dante Alighieri. Al Jaú, 1061. São Paulo, SP
Resumo
    O conhecimento da microbiologia auxilia o
estudante a descobrir a influência dos
microorganismos em sua vida, e sua função
no meio ambiente. O trabalho testou a
hipótese de trabalhar com microbiologia nas
escolas,      mesmo         sem      recursos
financeiros,  com     atividades   fáceis   e
econômicas,                             como
experimentos, jogos, elaboração de um DVD e
oficina para professores. Os resultados
mostraram melhora no conhecimento dos
estudantes, sendo analisado positivamente
pelos professores.
Introdução
    A microbiologia trata de organismos muito
pequenos como fungos, bactérias, protozoários
e algas unicelulares, e conhecer a microbiologia
é importante pois está relacionada com à nossa
higiene pessoal e saúde.Mesmo sendo de
grande importância o estudo da microbiologia
muitas vezes é deixado de lado, por ser um
estudo extremamente abstrato para alunos do
Ensino     Fundamental(E.F.).      Por    julgar
necessário, foi desenvolvida atividades simples
e de baixo custo que atraísse os alunos para as
aulas de microbiologia.
Materiais e métodos
     O trabalho foi realizado por duas alunas
 do nono ano do E.F. e supervisionado por
 duas professoras, durante os anos de 2006
 e 2007, os materiais desenvolvidos foram
 por e para alunos do Ensino Básico. O
 trabalho teve inicio com o embasamento
 teórico, buscado na internet e com ajuda de
 uma professora do instituto de ciências
 Biomédicas da USP, coordenadora do
 projeto “Microbiologia para todos”, logo
 após iniciou-se os experimentos.
Experiência 1- Cultivo de colônias
de microorganismos em meio sólido
     Foi     testado     a      diferença      de
 microorganismos em uma mão limpa e uma
 mão suja, com substituição de materiais
 como, a estufa industrial por estufa
 caseira, fabricada co uma caixa de
 papelão, bacia de alumínio, termômetro, água
 e uma lâmpada de 15w, agar e soluções de
 nutrientes por uma mistura de uma gelatina
 sem sabor e um caldo de carne sem
 gordura, para desinfetar a placa de Petri, usou-
 se uma panela de pressão com o líquido
 Extran, que limpa sem deixar resíduos.
Experiência 1- Cultivo de colônias
de microorganismos em meio sólido
      O voluntário, passou a mão em uma
   cédula de dinheiro e depois imprimiu a
   ponta dos dedos em três placas de Petri
   com meio de           cultura, repetiu o
   procedimento após lavar as mãos com
   água e sabão.
   Foi testado também o poder dos
   desinfetantes, onde foi molhado um pedaço
   de filtro de café em desinfetante e
   depositado em meio de cultura, e esperou-
   se 2 dias para fazer observações.
Experiência     2-       Detectando
microorganismos por indicador de pH
       Um voluntário lavou as mãos e passou
   por situações cotidianas, passou a mãos
   em corrimão, dinheiro e cumprimentou
   pessoas. Logo após, o voluntário lavou a
   mão com água e açúcar em cima de uma
   bacia e esse líquido despejado em 3 tubos
   de ensaio, foi colocado algodão com
   extrato de repolho roxo na boca dos tubos
   que foram fechados com rolha e
   observados depois de 48hs
Experiência 3- Como conservar
os alimentos
     Utilizou-se mingau (amido de milho
 leite e açúcar), óleo de cozinha, filme
 plástico e vinagre. Dividiu-se o mingau
 em 15 potes diferentes e submetemos
 a          diferentes       tratamentos:
 geladeira, com adição de óleo, com
 adição de vinagre e tampado com
 filme plástico e um foi mantido em
 temperatura ambiente e sem filme
 plástico ou adição de qualquer
 substância.
Experiência 4- Fermentação a
ciência na massa do pão
     Em uma cuba de plástico limpa e
 seca, foi esfarelado um tablete de
 fermento biológico e acrescentado
 uma colher de sopa rasa de
 açúcar, misturando até formar uma
 massa bem líquida, acrescentou-se
 100ml de leite e 100ml de
 farinha, misturando aos demais
 ingredientes. A massa permaneceu
 em repouso por 15 minutos e
 observou-e os resultados.
Jogo de tabuleiro “Aventuras
Microbiológicas”

   O jogo foi elaborado e aplicado pelas
    alunas autoras do trabalho. Foi
    aplicado a alunos de duas escolas
    distintas, uma pública e outra
    particular, para análise de possíveis
    diferenças de respostas.
Resultados e discussão
   Experiências utilizando materiais simples e baratos

   Os cultivo de colônias de microorganismos foram satisfatórios.
   A comparação entre mãos limpas e mãos sujas demonstrou
    maior crescimento de bactérias e fungos no material das
    mãos sujas.
   Quanto ao poder dos desinfetantes em todos formou-se uma
    auréola branca.
   No indicador de ph, observou-se que o roxo do repolho ficou
    avermelhado, evidenciando a existência de microorganismos.
   Na conservação de alimentos, teve maior conservação o
    submetido a geladeira, apresentando menor contaminação.
   A massa do pão, observou-se que o volume aumentou.
Elaboração de materiais
didáticos
  Os materiais didáticos elaborados a
   partir de experiências foram;
I- um manual de orientação para
   professores coma descrição detalhada
   de todas as experiências testadas;
II- uma apostila de aula prática para ser
   entregue aos estudantes;
III- um DVD explicativo;
IV- um kit de materiais simples para
   realização desses experimentos.
Elaboração de materiais
didáticos
    O jogo didático “ Aventuras da
    Microbiologia”
      É formado por três fases que
    representam alguns dos possíveis
    ambientes      de    ocorrência    das
    bactérias, cozinha, vulcão, esgoto. O
    jogo também contêm várias cartas com
    questões e manual de instruções. O
    jogador avança casas no tabuleiro
    apenas se responder corretamente às
    questões.
UTILIZAÇÃO DE
MATERIAIS
DIDÁTICOS EM
CLASSE
Aula experimental
   As aulas iniciaram com um breve relato de
    aspectos básicos da microbiologia e instruções
    gerais das atividades que seriam realizadas, cada
    aluno recebeu uma apostila. Depois das atividades
    realizadas    pode-se    observar     ganho     de
    conhecimento sobre microbiologia.
         Os    materiais   didáticos   desenvolvidos
    complementam os objetivos principais destacados
    no PCN: conceituais, procedimentais e atitudinais.
Você sabe o que é microbiologia?          A
35

30

25

20
                                   pré teste
15                                 pós teste

10

5

0
       Sim    Não   Um pouco
Para você, há bactérias em todos os
lugares ?
40

35

30

25

20                               Pré teste
                                 Pós teste
15

10

 5

 0
     Sim   Não
Você se preocupa em lavar bem
as mãos?
35

30

25

20
                         Pré teste
15                       Pós teste

10

 5

 0
     Sim   Não
Para você, a higiene das mãos
contribui para:
25

20

15

10                                                   Pré teste
                                                     Pós teste
 5

 0
     Limpar as    Evitar   Eliminar a    Eliminar
       mãos      doenças   maior parte   todas as
                              das        bactérias
                            bactérias
Aula com jogos- tabuleiro
    Depois de uma breve exposição
 sobre     microbiologia,aplicou-se   o
 jogo, onde pode se observar que os
 alunos da rede pública tem maior
 familiarização com a idéia de onde as
 bactérias          podem           ser
 encontradas, mas em geral as
 repostas foram parecidas.
Oficinas
  Foi realizada com professores e
 acadêmicos de licenciatura em
 Biologia.Os participantes relatam ter
 se motivado a participar das
 oficinas, para adquirir conhecimentos
 do assunto e buscar novas técnicas
 de ensino-aprendizagem.
Resultados
     O trabalho mostrou que é possível
 inserir o processo de ensino-
 aprendizagem      de    microbiologia
 mesmo em escolas sem recursos
 financeiros
Em anexo
 Questionário aplicado antes e depois
  das aulas co experiência;
 Questionário aplicado antes depois
  da aula com o jogo;
 Manual da oficina realizada com os
  professores e acadêmicos;
 Manual    de orientação para o
  professor, contendo as experiências
  realizadas;
 Oficina microbiologia democrática.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Experimentos aiq jan2011[1]
Experimentos aiq jan2011[1]Experimentos aiq jan2011[1]
Experimentos aiq jan2011[1]
Fatima Comiotto
 
Experiência com balões
Experiência com balõesExperiência com balões
Experiência com balões
Joana_Vilela
 
Apostila de aula prática de 25.03
Apostila de aula prática de 25.03Apostila de aula prática de 25.03
Apostila de aula prática de 25.03
Juliana Barbosa
 
29 ubiquidade de microorganismos
29 ubiquidade de microorganismos29 ubiquidade de microorganismos
29 ubiquidade de microorganismos
Giselly2
 
Livro instrumentacao final 3 pdf
Livro instrumentacao final 3 pdfLivro instrumentacao final 3 pdf
Livro instrumentacao final 3 pdf
Priscila Rodrigues
 
Experimentos de Química do cotidiano
Experimentos de Química do cotidianoExperimentos de Química do cotidiano
Experimentos de Química do cotidiano
louquimicos
 

Mais procurados (17)

Experimentos aiq jan2011[1]
Experimentos aiq jan2011[1]Experimentos aiq jan2011[1]
Experimentos aiq jan2011[1]
 
Apostila de práticas de química geral - Estácio - Professor Guilherme Bretz
Apostila de práticas de química geral - Estácio - Professor Guilherme BretzApostila de práticas de química geral - Estácio - Professor Guilherme Bretz
Apostila de práticas de química geral - Estácio - Professor Guilherme Bretz
 
Experiência com balões
Experiência com balõesExperiência com balões
Experiência com balões
 
Apostila de aula prática de 25.03
Apostila de aula prática de 25.03Apostila de aula prática de 25.03
Apostila de aula prática de 25.03
 
50experimentos
50experimentos50experimentos
50experimentos
 
Projeto Ar feira cultural
Projeto Ar feira culturalProjeto Ar feira cultural
Projeto Ar feira cultural
 
Cie1g44
Cie1g44Cie1g44
Cie1g44
 
Aula pratica 02
Aula pratica 02Aula pratica 02
Aula pratica 02
 
29 ubiquidade de microorganismos
29 ubiquidade de microorganismos29 ubiquidade de microorganismos
29 ubiquidade de microorganismos
 
Introdução 2013 v1
Introdução 2013 v1Introdução 2013 v1
Introdução 2013 v1
 
Aula pratica metabolismo energético .
Aula pratica  metabolismo energético .Aula pratica  metabolismo energético .
Aula pratica metabolismo energético .
 
Livro instrumentacao final 3 pdf
Livro instrumentacao final 3 pdfLivro instrumentacao final 3 pdf
Livro instrumentacao final 3 pdf
 
Coagulantes
CoagulantesCoagulantes
Coagulantes
 
Aulasprticasmicrobiologia adaptado
Aulasprticasmicrobiologia   adaptadoAulasprticasmicrobiologia   adaptado
Aulasprticasmicrobiologia adaptado
 
Mini Caderno de Aulas Praticas
Mini Caderno de Aulas PraticasMini Caderno de Aulas Praticas
Mini Caderno de Aulas Praticas
 
Apostila de Mecanismos de Agressão e Defesa I
Apostila de Mecanismos de Agressão e Defesa IApostila de Mecanismos de Agressão e Defesa I
Apostila de Mecanismos de Agressão e Defesa I
 
Experimentos de Química do cotidiano
Experimentos de Química do cotidianoExperimentos de Química do cotidiano
Experimentos de Química do cotidiano
 

Destaque

Microbiologia trabalho final
Microbiologia   trabalho finalMicrobiologia   trabalho final
Microbiologia trabalho final
Marina Sousa
 
Relatório 1º trimestre de alex sandro
Relatório 1º trimestre de alex sandroRelatório 1º trimestre de alex sandro
Relatório 1º trimestre de alex sandro
pibiduergsmontenegro
 
PIBID GEOGRAFIA: PROJETO DIDÁTICO – CULTURA NA ESCOLA –CONTRIBUIÇÕES PARA O P...
PIBID GEOGRAFIA: PROJETO DIDÁTICO – CULTURA NA ESCOLA –CONTRIBUIÇÕES PARA O P...PIBID GEOGRAFIA: PROJETO DIDÁTICO – CULTURA NA ESCOLA –CONTRIBUIÇÕES PARA O P...
PIBID GEOGRAFIA: PROJETO DIDÁTICO – CULTURA NA ESCOLA –CONTRIBUIÇÕES PARA O P...
pibidgeo
 
Artigo, pibid pasquale, astronomia e astronautica
Artigo, pibid pasquale, astronomia e astronauticaArtigo, pibid pasquale, astronomia e astronautica
Artigo, pibid pasquale, astronomia e astronautica
fisicadu
 
Microbiologia democrática
Microbiologia democráticaMicrobiologia democrática
Microbiologia democrática
pibidbio
 
Questionário microbiologia
Questionário microbiologiaQuestionário microbiologia
Questionário microbiologia
Inês Santos
 
Questionário microbiologia
Questionário microbiologiaQuestionário microbiologia
Questionário microbiologia
Inês Santos
 
2012.apostila microb experimental
2012.apostila microb experimental2012.apostila microb experimental
2012.apostila microb experimental
Helio Moura
 
Questionário Tuberculose
Questionário TuberculoseQuestionário Tuberculose
Questionário Tuberculose
Inês Santos
 
Exercícios 1 10-1
Exercícios 1 10-1Exercícios 1 10-1
Exercícios 1 10-1
Silvana
 
Slides sobre artigo de opinião
Slides sobre artigo de opiniãoSlides sobre artigo de opinião
Slides sobre artigo de opinião
Pibid Letras UEA
 
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
cristiana Leal
 
Artigos definidos e indefinidos teoria
Artigos definidos e indefinidos   teoriaArtigos definidos e indefinidos   teoria
Artigos definidos e indefinidos teoria
Jaqueline Moura
 

Destaque (20)

Microbiologia trabalho final
Microbiologia   trabalho finalMicrobiologia   trabalho final
Microbiologia trabalho final
 
Relatório 1º trimestre de alex sandro
Relatório 1º trimestre de alex sandroRelatório 1º trimestre de alex sandro
Relatório 1º trimestre de alex sandro
 
Experiências do pibid cleo.docx
Experiências do pibid cleo.docxExperiências do pibid cleo.docx
Experiências do pibid cleo.docx
 
PIBID GEOGRAFIA: PROJETO DIDÁTICO – CULTURA NA ESCOLA –CONTRIBUIÇÕES PARA O P...
PIBID GEOGRAFIA: PROJETO DIDÁTICO – CULTURA NA ESCOLA –CONTRIBUIÇÕES PARA O P...PIBID GEOGRAFIA: PROJETO DIDÁTICO – CULTURA NA ESCOLA –CONTRIBUIÇÕES PARA O P...
PIBID GEOGRAFIA: PROJETO DIDÁTICO – CULTURA NA ESCOLA –CONTRIBUIÇÕES PARA O P...
 
PIBID/Pedagogia: Um estudo das dificuldades de aprendizagem de alunos do prim...
PIBID/Pedagogia: Um estudo das dificuldades de aprendizagem de alunos do prim...PIBID/Pedagogia: Um estudo das dificuldades de aprendizagem de alunos do prim...
PIBID/Pedagogia: Um estudo das dificuldades de aprendizagem de alunos do prim...
 
1 trabalho de microbiologia
1 trabalho de microbiologia1 trabalho de microbiologia
1 trabalho de microbiologia
 
Artigo, pibid pasquale, astronomia e astronautica
Artigo, pibid pasquale, astronomia e astronauticaArtigo, pibid pasquale, astronomia e astronautica
Artigo, pibid pasquale, astronomia e astronautica
 
Microbiologia e biotecnologia dos alimentos
Microbiologia e biotecnologia dos alimentos Microbiologia e biotecnologia dos alimentos
Microbiologia e biotecnologia dos alimentos
 
Microbiologia democrática
Microbiologia democráticaMicrobiologia democrática
Microbiologia democrática
 
Questionário microbiologia
Questionário microbiologiaQuestionário microbiologia
Questionário microbiologia
 
Prova microbiologia b2
Prova microbiologia b2Prova microbiologia b2
Prova microbiologia b2
 
Questionário microbiologia
Questionário microbiologiaQuestionário microbiologia
Questionário microbiologia
 
2012.apostila microb experimental
2012.apostila microb experimental2012.apostila microb experimental
2012.apostila microb experimental
 
Questionário Tuberculose
Questionário TuberculoseQuestionário Tuberculose
Questionário Tuberculose
 
Prova microbiologia b1
Prova microbiologia b1Prova microbiologia b1
Prova microbiologia b1
 
Exercícios 1 10-1
Exercícios 1 10-1Exercícios 1 10-1
Exercícios 1 10-1
 
Slides sobre artigo de opinião
Slides sobre artigo de opiniãoSlides sobre artigo de opinião
Slides sobre artigo de opinião
 
Questionário de pesquisa de campo
Questionário de pesquisa de campoQuestionário de pesquisa de campo
Questionário de pesquisa de campo
 
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
96513559 7-ano-bacterias-protistas-fungos-virus-com-gabarito cópia
 
Artigos definidos e indefinidos teoria
Artigos definidos e indefinidos   teoriaArtigos definidos e indefinidos   teoria
Artigos definidos e indefinidos teoria
 

Semelhante a Microbiologia democrática

Slides projeto
Slides projetoSlides projeto
Slides projeto
pibidbio
 
Apresentação mgme ciências alimentos
Apresentação mgme ciências alimentosApresentação mgme ciências alimentos
Apresentação mgme ciências alimentos
Ailton Guillarducci
 
Apresentação mgme ciências alimentos1
Apresentação mgme ciências alimentos1Apresentação mgme ciências alimentos1
Apresentação mgme ciências alimentos1
Ailton Guillarducci
 
Projeto três mártires
Projeto três mártiresProjeto três mártires
Projeto três mártires
pibidbio
 
APOSTILA DE AULAS PRÁTICAS BACTERIOLOGIA
APOSTILA  DE  AULAS PRÁTICAS BACTERIOLOGIA APOSTILA  DE  AULAS PRÁTICAS BACTERIOLOGIA
APOSTILA DE AULAS PRÁTICAS BACTERIOLOGIA
Gregorio Leal da Silva
 
Ações do PIBID/UFS na escola – Oficina temática a química do leite
Ações do PIBID/UFS na escola – Oficina temática a química do leiteAções do PIBID/UFS na escola – Oficina temática a química do leite
Ações do PIBID/UFS na escola – Oficina temática a química do leite
Anderson Oliveira
 
Investigando a contribuição de atividades experimentais nas
Investigando a contribuição de atividades experimentais nasInvestigando a contribuição de atividades experimentais nas
Investigando a contribuição de atividades experimentais nas
pibidbio
 
Apresentação1 higiene doc.blog
Apresentação1 higiene doc.blogApresentação1 higiene doc.blog
Apresentação1 higiene doc.blog
marleneap
 

Semelhante a Microbiologia democrática (20)

Atividade 4.5 final
Atividade 4.5    finalAtividade 4.5    final
Atividade 4.5 final
 
Slides projeto
Slides projetoSlides projeto
Slides projeto
 
Apresentação mgme ciências alimentos
Apresentação mgme ciências alimentosApresentação mgme ciências alimentos
Apresentação mgme ciências alimentos
 
Apresentação mgme ciências alimentos1
Apresentação mgme ciências alimentos1Apresentação mgme ciências alimentos1
Apresentação mgme ciências alimentos1
 
Projeto três mártires
Projeto três mártiresProjeto três mártires
Projeto três mártires
 
Plano 2
Plano 2 Plano 2
Plano 2
 
APOSTILA DE AULAS PRÁTICAS BACTERIOLOGIA
APOSTILA  DE  AULAS PRÁTICAS BACTERIOLOGIA APOSTILA  DE  AULAS PRÁTICAS BACTERIOLOGIA
APOSTILA DE AULAS PRÁTICAS BACTERIOLOGIA
 
Ações do PIBID/UFS na escola – Oficina temática a química do leite
Ações do PIBID/UFS na escola – Oficina temática a química do leiteAções do PIBID/UFS na escola – Oficina temática a química do leite
Ações do PIBID/UFS na escola – Oficina temática a química do leite
 
Apostila pratica farm-odonto
Apostila pratica farm-odontoApostila pratica farm-odonto
Apostila pratica farm-odonto
 
Apostila pratica farm-odonto
Apostila pratica farm-odontoApostila pratica farm-odonto
Apostila pratica farm-odonto
 
Curso de Biologia para ENEM 2017
Curso de Biologia para ENEM 2017Curso de Biologia para ENEM 2017
Curso de Biologia para ENEM 2017
 
Investigando a contribuição de atividades experimentais nas
Investigando a contribuição de atividades experimentais nasInvestigando a contribuição de atividades experimentais nas
Investigando a contribuição de atividades experimentais nas
 
ref trabalho de micro.pdf
ref trabalho de micro.pdfref trabalho de micro.pdf
ref trabalho de micro.pdf
 
Cesar
CesarCesar
Cesar
 
Curso de Biologia para ENEM 2016
Curso de Biologia para ENEM 2016Curso de Biologia para ENEM 2016
Curso de Biologia para ENEM 2016
 
Planejamento curricular-2-ano-ensino-fundamental-smerj
Planejamento curricular-2-ano-ensino-fundamental-smerjPlanejamento curricular-2-ano-ensino-fundamental-smerj
Planejamento curricular-2-ano-ensino-fundamental-smerj
 
Planejamento 2-ano-ensino-fundamental-smerj
Planejamento 2-ano-ensino-fundamental-smerjPlanejamento 2-ano-ensino-fundamental-smerj
Planejamento 2-ano-ensino-fundamental-smerj
 
BRINQUEDOTECA LAVAGEM DAS MÃOS.doc
BRINQUEDOTECA LAVAGEM DAS MÃOS.docBRINQUEDOTECA LAVAGEM DAS MÃOS.doc
BRINQUEDOTECA LAVAGEM DAS MÃOS.doc
 
Projeto Pedagógico de Combate ao Piolho
Projeto  Pedagógico  de Combate ao Piolho Projeto  Pedagógico  de Combate ao Piolho
Projeto Pedagógico de Combate ao Piolho
 
Apresentação1 higiene doc.blog
Apresentação1 higiene doc.blogApresentação1 higiene doc.blog
Apresentação1 higiene doc.blog
 

Mais de pibidbio

Slides apresentação do projeto pibid
Slides apresentação do projeto pibidSlides apresentação do projeto pibid
Slides apresentação do projeto pibid
pibidbio
 
Apresentação projeto pibid
Apresentação projeto pibidApresentação projeto pibid
Apresentação projeto pibid
pibidbio
 
Apresentação pibid entrevistas
Apresentação pibid entrevistasApresentação pibid entrevistas
Apresentação pibid entrevistas
pibidbio
 
Aprentação artigo 01 dez 2011
Aprentação artigo   01 dez 2011Aprentação artigo   01 dez 2011
Aprentação artigo 01 dez 2011
pibidbio
 
Modalidades didáticas
Modalidades didáticasModalidades didáticas
Modalidades didáticas
pibidbio
 
Pibid demonstrações
Pibid demonstraçõesPibid demonstrações
Pibid demonstrações
pibidbio
 
Modalidades didáticas
Modalidades didáticasModalidades didáticas
Modalidades didáticas
pibidbio
 
Modalidades didáticas estudo de texto
Modalidades didáticas estudo de textoModalidades didáticas estudo de texto
Modalidades didáticas estudo de texto
pibidbio
 
Modalidade didática
Modalidade didáticaModalidade didática
Modalidade didática
pibidbio
 
Discussão
DiscussãoDiscussão
Discussão
pibidbio
 
Apresentação excursões
Apresentação excursõesApresentação excursões
Apresentação excursões
pibidbio
 
Apresentação modalidade didática - 13 dez 2011
Apresentação   modalidade didática - 13 dez 2011Apresentação   modalidade didática - 13 dez 2011
Apresentação modalidade didática - 13 dez 2011
pibidbio
 
O diálogo entre ciência e arte
O diálogo entre ciência e arteO diálogo entre ciência e arte
O diálogo entre ciência e arte
pibidbio
 
Ensino não formal no campo das ciências através dos quadrinhos
Ensino não formal no campo das ciências através dos quadrinhosEnsino não formal no campo das ciências através dos quadrinhos
Ensino não formal no campo das ciências através dos quadrinhos
pibidbio
 
Aprendendo com imagens
Aprendendo com imagensAprendendo com imagens
Aprendendo com imagens
pibidbio
 
Aprendizagem significativa, sob o enfoque da psicologia
Aprendizagem significativa, sob o enfoque da psicologiaAprendizagem significativa, sob o enfoque da psicologia
Aprendizagem significativa, sob o enfoque da psicologia
pibidbio
 
Venina palma
Venina palmaVenina palma
Venina palma
pibidbio
 
Como ensinar microbiologia
Como ensinar microbiologiaComo ensinar microbiologia
Como ensinar microbiologia
pibidbio
 

Mais de pibidbio (20)

Slides apresentação do projeto pibid
Slides apresentação do projeto pibidSlides apresentação do projeto pibid
Slides apresentação do projeto pibid
 
Apresentação projeto pibid
Apresentação projeto pibidApresentação projeto pibid
Apresentação projeto pibid
 
Apresentação pibid entrevistas
Apresentação pibid entrevistasApresentação pibid entrevistas
Apresentação pibid entrevistas
 
Pibid
PibidPibid
Pibid
 
Aprentação artigo 01 dez 2011
Aprentação artigo   01 dez 2011Aprentação artigo   01 dez 2011
Aprentação artigo 01 dez 2011
 
Modalidades didáticas
Modalidades didáticasModalidades didáticas
Modalidades didáticas
 
Pibid
PibidPibid
Pibid
 
Pibid demonstrações
Pibid demonstraçõesPibid demonstrações
Pibid demonstrações
 
Modalidades didáticas
Modalidades didáticasModalidades didáticas
Modalidades didáticas
 
Modalidades didáticas estudo de texto
Modalidades didáticas estudo de textoModalidades didáticas estudo de texto
Modalidades didáticas estudo de texto
 
Modalidade didática
Modalidade didáticaModalidade didática
Modalidade didática
 
Discussão
DiscussãoDiscussão
Discussão
 
Apresentação excursões
Apresentação excursõesApresentação excursões
Apresentação excursões
 
Apresentação modalidade didática - 13 dez 2011
Apresentação   modalidade didática - 13 dez 2011Apresentação   modalidade didática - 13 dez 2011
Apresentação modalidade didática - 13 dez 2011
 
O diálogo entre ciência e arte
O diálogo entre ciência e arteO diálogo entre ciência e arte
O diálogo entre ciência e arte
 
Ensino não formal no campo das ciências através dos quadrinhos
Ensino não formal no campo das ciências através dos quadrinhosEnsino não formal no campo das ciências através dos quadrinhos
Ensino não formal no campo das ciências através dos quadrinhos
 
Aprendendo com imagens
Aprendendo com imagensAprendendo com imagens
Aprendendo com imagens
 
Aprendizagem significativa, sob o enfoque da psicologia
Aprendizagem significativa, sob o enfoque da psicologiaAprendizagem significativa, sob o enfoque da psicologia
Aprendizagem significativa, sob o enfoque da psicologia
 
Venina palma
Venina palmaVenina palma
Venina palma
 
Como ensinar microbiologia
Como ensinar microbiologiaComo ensinar microbiologia
Como ensinar microbiologia
 

Microbiologia democrática

  • 1. PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA- PIBID APRESENTAÇÃO DE ARTIGO Cristiane Librelotto Bolsista PIBID- 2011 Acadêmica do Curso de Ciências Biológicas UFSM/Cesnors – Palmeira das Missões, RS
  • 2. MICROBIOLOGIA DEMOCRÁTICA: ESTRATÉGIAS DE ENSINO- APRENDIZAGEM E FORMAÇÃO DE PROFESSORES Ana Paula Cassanti, Ana Clara Classanti, Eliana Ermel de Araujo, Suzana Ursi. Colégio Dante Alighieri. Al Jaú, 1061. São Paulo, SP
  • 3. Resumo O conhecimento da microbiologia auxilia o estudante a descobrir a influência dos microorganismos em sua vida, e sua função no meio ambiente. O trabalho testou a hipótese de trabalhar com microbiologia nas escolas, mesmo sem recursos financeiros, com atividades fáceis e econômicas, como experimentos, jogos, elaboração de um DVD e oficina para professores. Os resultados mostraram melhora no conhecimento dos estudantes, sendo analisado positivamente pelos professores.
  • 4. Introdução A microbiologia trata de organismos muito pequenos como fungos, bactérias, protozoários e algas unicelulares, e conhecer a microbiologia é importante pois está relacionada com à nossa higiene pessoal e saúde.Mesmo sendo de grande importância o estudo da microbiologia muitas vezes é deixado de lado, por ser um estudo extremamente abstrato para alunos do Ensino Fundamental(E.F.). Por julgar necessário, foi desenvolvida atividades simples e de baixo custo que atraísse os alunos para as aulas de microbiologia.
  • 5. Materiais e métodos O trabalho foi realizado por duas alunas do nono ano do E.F. e supervisionado por duas professoras, durante os anos de 2006 e 2007, os materiais desenvolvidos foram por e para alunos do Ensino Básico. O trabalho teve inicio com o embasamento teórico, buscado na internet e com ajuda de uma professora do instituto de ciências Biomédicas da USP, coordenadora do projeto “Microbiologia para todos”, logo após iniciou-se os experimentos.
  • 6. Experiência 1- Cultivo de colônias de microorganismos em meio sólido Foi testado a diferença de microorganismos em uma mão limpa e uma mão suja, com substituição de materiais como, a estufa industrial por estufa caseira, fabricada co uma caixa de papelão, bacia de alumínio, termômetro, água e uma lâmpada de 15w, agar e soluções de nutrientes por uma mistura de uma gelatina sem sabor e um caldo de carne sem gordura, para desinfetar a placa de Petri, usou- se uma panela de pressão com o líquido Extran, que limpa sem deixar resíduos.
  • 7. Experiência 1- Cultivo de colônias de microorganismos em meio sólido O voluntário, passou a mão em uma cédula de dinheiro e depois imprimiu a ponta dos dedos em três placas de Petri com meio de cultura, repetiu o procedimento após lavar as mãos com água e sabão. Foi testado também o poder dos desinfetantes, onde foi molhado um pedaço de filtro de café em desinfetante e depositado em meio de cultura, e esperou- se 2 dias para fazer observações.
  • 8. Experiência 2- Detectando microorganismos por indicador de pH Um voluntário lavou as mãos e passou por situações cotidianas, passou a mãos em corrimão, dinheiro e cumprimentou pessoas. Logo após, o voluntário lavou a mão com água e açúcar em cima de uma bacia e esse líquido despejado em 3 tubos de ensaio, foi colocado algodão com extrato de repolho roxo na boca dos tubos que foram fechados com rolha e observados depois de 48hs
  • 9. Experiência 3- Como conservar os alimentos Utilizou-se mingau (amido de milho leite e açúcar), óleo de cozinha, filme plástico e vinagre. Dividiu-se o mingau em 15 potes diferentes e submetemos a diferentes tratamentos: geladeira, com adição de óleo, com adição de vinagre e tampado com filme plástico e um foi mantido em temperatura ambiente e sem filme plástico ou adição de qualquer substância.
  • 10. Experiência 4- Fermentação a ciência na massa do pão Em uma cuba de plástico limpa e seca, foi esfarelado um tablete de fermento biológico e acrescentado uma colher de sopa rasa de açúcar, misturando até formar uma massa bem líquida, acrescentou-se 100ml de leite e 100ml de farinha, misturando aos demais ingredientes. A massa permaneceu em repouso por 15 minutos e observou-e os resultados.
  • 11. Jogo de tabuleiro “Aventuras Microbiológicas”  O jogo foi elaborado e aplicado pelas alunas autoras do trabalho. Foi aplicado a alunos de duas escolas distintas, uma pública e outra particular, para análise de possíveis diferenças de respostas.
  • 12. Resultados e discussão  Experiências utilizando materiais simples e baratos  Os cultivo de colônias de microorganismos foram satisfatórios.  A comparação entre mãos limpas e mãos sujas demonstrou maior crescimento de bactérias e fungos no material das mãos sujas.  Quanto ao poder dos desinfetantes em todos formou-se uma auréola branca.  No indicador de ph, observou-se que o roxo do repolho ficou avermelhado, evidenciando a existência de microorganismos.  Na conservação de alimentos, teve maior conservação o submetido a geladeira, apresentando menor contaminação.  A massa do pão, observou-se que o volume aumentou.
  • 13. Elaboração de materiais didáticos  Os materiais didáticos elaborados a partir de experiências foram; I- um manual de orientação para professores coma descrição detalhada de todas as experiências testadas; II- uma apostila de aula prática para ser entregue aos estudantes; III- um DVD explicativo; IV- um kit de materiais simples para realização desses experimentos.
  • 14. Elaboração de materiais didáticos  O jogo didático “ Aventuras da Microbiologia” É formado por três fases que representam alguns dos possíveis ambientes de ocorrência das bactérias, cozinha, vulcão, esgoto. O jogo também contêm várias cartas com questões e manual de instruções. O jogador avança casas no tabuleiro apenas se responder corretamente às questões.
  • 16. Aula experimental  As aulas iniciaram com um breve relato de aspectos básicos da microbiologia e instruções gerais das atividades que seriam realizadas, cada aluno recebeu uma apostila. Depois das atividades realizadas pode-se observar ganho de conhecimento sobre microbiologia. Os materiais didáticos desenvolvidos complementam os objetivos principais destacados no PCN: conceituais, procedimentais e atitudinais.
  • 17. Você sabe o que é microbiologia? A 35 30 25 20 pré teste 15 pós teste 10 5 0 Sim Não Um pouco
  • 18. Para você, há bactérias em todos os lugares ? 40 35 30 25 20 Pré teste Pós teste 15 10 5 0 Sim Não
  • 19. Você se preocupa em lavar bem as mãos? 35 30 25 20 Pré teste 15 Pós teste 10 5 0 Sim Não
  • 20. Para você, a higiene das mãos contribui para: 25 20 15 10 Pré teste Pós teste 5 0 Limpar as Evitar Eliminar a Eliminar mãos doenças maior parte todas as das bactérias bactérias
  • 21. Aula com jogos- tabuleiro Depois de uma breve exposição sobre microbiologia,aplicou-se o jogo, onde pode se observar que os alunos da rede pública tem maior familiarização com a idéia de onde as bactérias podem ser encontradas, mas em geral as repostas foram parecidas.
  • 22. Oficinas Foi realizada com professores e acadêmicos de licenciatura em Biologia.Os participantes relatam ter se motivado a participar das oficinas, para adquirir conhecimentos do assunto e buscar novas técnicas de ensino-aprendizagem.
  • 23. Resultados O trabalho mostrou que é possível inserir o processo de ensino- aprendizagem de microbiologia mesmo em escolas sem recursos financeiros
  • 24. Em anexo  Questionário aplicado antes e depois das aulas co experiência;  Questionário aplicado antes depois da aula com o jogo;  Manual da oficina realizada com os professores e acadêmicos;  Manual de orientação para o professor, contendo as experiências realizadas;  Oficina microbiologia democrática.