15 Objetivos de Desempenho

16.301 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

15 Objetivos de Desempenho

  1. 1. Objetivos de Desempenho Universidade Federal da Paraíba Campus I – Centro de Tecnologia Curso de Graduação em Engenharia de Produção Prof. MSc. Marcel de Gois Pinto
  2. 2. 1 Introdução  No mercado em que uma empresa atua, ela tem uma imagem perante o público  Parte dessa imagem advém dos seus produtos
  3. 3. 1 Introdução  Entretanto, o desempenho dos produtos em tal contexto não é oriundo apenas dos projetos  Mas de como ocorre a produção
  4. 4. 1 Introdução  Assim sendo, algumas vantagens de mercado podem ser obtidas a partir das operações  Isso é obtido a partir dos chamados objetivos de desempenho Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  5. 5. 2 Objetivos de Desempenho
  6. 6. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são
  7. 7. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  8. 8. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  9. 9. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Significa fazer certo as coisas, porém tais coisas variam de acordo com a operação: Rapidez  Atender aos padrões de normas Confiabilidade  Atingir especificações de projeto  Assegurar que a prestação do serviço seja Flexibilidade de acordo com a expectativa do cliente Custos  Limpeza, higiene, atendimento cortez...
  10. 10. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Em alguns casos é a parte mais visível de uma operação Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  11. 11. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Em alguns casos é a parte mais visível de uma operação Rapidez  Diferença entre produto entregue e produto esperado significa má qualidade Confiabilidade  Boa qualidade induz o consumidor a Flexibilidade voltar a consumir  Má qualidade o induz a não voltar e Custos alardear os problemas da organização
  12. 12. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade QUALIDADE DENTRO DA OPERAÇÃO Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  13. 13. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade QUALIDADE DENTRO DA OPERAÇÃO  Torna igualmente mais fácil a vida dos Rapidez clientes internos Confiabilidade  Pode ser tão importante quando agradar aos clientes externos Flexibilidade  Para esses clientes a qualidade tem outros parâmetros (posto de trabalho, Custos conteúdo da tarefa...)
  14. 14. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade QUALIDADE DENTRO DA OPERAÇÃO  Reduz os custos Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos Menor número de erros, refugos, retrabalho, desperdício...
  15. 15. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade QUALIDADE DENTRO DA OPERAÇÃO  Aumenta a confiabilidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos Cuidar dos problemas tiram distrai as pessoas, cresce a probabilidade de erros
  16. 16. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade ASSIM, HÁ DOIS ASPECTOS IMPORTANTES Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  17. 17. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade ASSIM, HÁ DOIS ASPECTOS IMPORTANTES  Externo – satisfação dos clientes Rapidez  Interno – estabilidade e eficiência Confiabilidade Flexibilidade Custos
  18. 18. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Manufatura  Bens produzidos conforme as Rapidez especificações de projeto do produto Confiabilidade  Tais especificações devem ser corretas na visão do cliente (requisitos) Flexibilidade Custos
  19. 19. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Serviços  Aspectos relacionados com a Rapidez experiência vivenciada pelo cliente Confiabilidade  Instalações físicas (limpeza, organização, iluminação, harmonia...) Flexibilidade  Atendimento (procedimento do serviço bem definido, erros, cortesia...) Custos
  20. 20. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Suprimento  Mesmos aspectos dos serviços Rapidez  Produtos em boas condições Confiabilidade (violação, validade)  Organização da loja seguindo uma Flexibilidade coerência lógica Custos
  21. 21. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Transporte  Horários e outras informações sobre Rapidez as rotas são rigorosamente seguidos Confiabilidade  Limpeza, temperatura e ruídos adequados no meio de transporte Flexibilidade  Cortesia, presteza, forma de condução do meio de transporte Custos
  22. 22. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Cultivo  Produtos de origem animal ou vegetal Rapidez em boas condições (pragas e doenças) Confiabilidade  Baixo risco de contaminação com defensivos agrícolas Flexibilidade  Tempo entre coleta/abate e consumo (manter propriedades do produto) Custos
  23. 23. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Extração  Animal – ser a espécie correta, no Rapidez momento correto (ciclo de reprodução) Confiabilidade  Mineral - pureza ou concentração do material extraído Flexibilidade  Vegetal - ser a espécie correta, no momento correto (dinâmica de Custos clareiras)
  24. 24. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Extração  Identificação correta das fontes – Rapidez evitar retrabalhos ou extração incorreta Confiabilidade  Exploração não sustentável reduzirá a qualidade no médio e longo prazos Flexibilidade Custos
  25. 25. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  26. 26. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Tempo que o consumidor precisa esperar para receber o bem ou serviço Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  27. 27. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Tempo que o consumidor precisa esperar para receber o bem ou serviço Rapidez  Quanto mais rápido o produto chega ao consumidor, maior a probabilidade Confiabilidade de compra Flexibilidade  Enriquece a oferta  Quem nunca foi embora de um posto Custos de gasolina, banco ou lanchonete?
  28. 28. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Manufatura  Tempo entre a realização de um Rapidez pedido e a entrega do produto Confiabilidade  A estratégia de produção interfere sobremaneira na velocidade (MTS, Flexibilidade MTO, ATO, ETO) Custos
  29. 29. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Serviços  Envolve técnicas especiais para Rapidez gerenciamento de filas Confiabilidade  Priorizar alguns clientes  Automação (check-in on line, caixas Flexibilidade automáticos...) Custos  Iniciar o serviço ainda na fila
  30. 30. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Suprimento  Agilidade de chegar na loja, estaciona, Rapidez selecionar os produtos e pagar Confiabilidade  Pode incluir até os deslocamentos casa – loja – casa (localização da organização) Flexibilidade  Significa disponibilidade de bens (procurar um produto em diversos lojas Custos pode ser muito, muito lento)
  31. 31. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Transporte  Menor tempo para transportar de A Rapidez para B Confiabilidade  Inclui estudo antecipado ou em tempo real das rotas (distâncias e trânsito) Flexibilidade Custos A B
  32. 32. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Cultivo  No plantio e na colheita pode Rapidez significar uso de automação Confiabilidade Flexibilidade Custos
  33. 33. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Cultivo  Durante o crescimento significa Rapidez adubação, podas, controle pragas Confiabilidade Flexibilidade Custos
  34. 34. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Cultivo  Deve haver cuidados com acelerações Rapidez do processo (hormônios ou pesticidas) Confiabilidade Flexibilidade Custos
  35. 35. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Extração  Animal – consumo devem ser Rapidez próximos (mercado de peixes, e.g) Confiabilidade Flexibilidade Custos
  36. 36. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Extração  Animal – consumo devem ser Rapidez próximos (mercado de peixes, e.g) Confiabilidade Flexibilidade Custos
  37. 37. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Extração  Mineral – papel da automação Rapidez (transporte) e de grandes máquinas Confiabilidade Flexibilidade Custos
  38. 38. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Extração  Vegetal – melhorias das técnicas e Rapidez ferramentas (seringal, babaçu) Confiabilidade Flexibilidade Custos
  39. 39. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade RAPIDEZ NA OPERAÇÃO INTERNA  Reduz o estoque Rapidez Confiabilidade A B Flexibilidade Custos Espera do lote Espera do processo
  40. 40. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade RAPIDEZ NA OPERAÇÃO INTERNA  Reduz o risco Rapidez Quanto mais rápido o lead-time menor a Confiabilidade distância temporal entre a produção e a previsão da demanda Flexibilidade Previsões para um período de tempo mais próximo tendem a ser mais precisas Custos
  41. 41. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  42. 42. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Fazer as coisas em tempo para os consumidores receberem os produtos Rapidez  A empresa cumpre o prometido em termos de qualidade e velocidade? Confiabilidade  Critério que só pode ser avaliado Flexibilidade depois do produto ter sido entregue (em alguns casos, anos depois) Custos  Pode ser tornar o principal critério (“o barato pode sair caro”)
  43. 43. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Manufatura  Os produtos são exatamente como Rapidez prometido Confiabilidade Flexibilidade Custos
  44. 44. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Serviços  Datas agendadas não são remarcadas, Rapidez prazos são cumpridos com rigor Confiabilidade Podemos estar remarcando sua Flexibilidade consulta para semana que vem? Custos
  45. 45. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Suprimento  Possui horários de atendimento bem Rapidez definidos Confiabilidade  Não deixa faltar itens que tivesse feito os consumidores acreditarem que eles Flexibilidade teriam na loja Custos
  46. 46. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Transporte  Manter-se fiel aos horários Rapidez programados Confiabilidade  Garantir assentos para todos os passageiros Flexibilidade  Divulgar com antecedência quaisquer mudanças de horários Custos
  47. 47. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Cultivo  Garantir a colheita da safra ou abates Rapidez no período acordado com os clientes Confiabilidade  É garantido por técnicas de manejo adequadas e monitoramento Flexibilidade  Previsão e antecipação aos riscos climáticos (chuvas, secas...) Custos
  48. 48. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Extração  Entregar no prazo o que foi pedido em Rapidez concentração e pureza corretas Confiabilidade Flexibilidade Custos
  49. 49. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  50. 50. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Significa ser capaz de mudar a operação de alguma dessas formas: Rapidez Flexibilidade de produto ou serviços Confiabilidade Flexibilidade Custos  Habilidade da operação introduzir novos produtos e serviços
  51. 51. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Significa ser capaz de mudar a operação de alguma dessas formas: Rapidez Flexibilidade de composto ou mix Confiabilidade  Flexibilidade Custos  Habilidade de fornecer ampla gama de produtos e serviços
  52. 52. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Significa ser capaz de mudar a operação de alguma dessas formas: Rapidez Flexibilidade de volume Confiabilidade  Habilidade da operação em alterar o nível de saídas (quantidade) Flexibilidade  Fornecer um nível adequado de serviço, já que a demanda varia no tempo Custos  Ociosidade vs. Filas
  53. 53. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Significa ser capaz de mudar a operação de alguma dessas formas: Rapidez Flexibilidade da entrega Confiabilidade  Habilidade de mudar a programação da entrega do bem ou serviço Flexibilidade  Antecipações ou postergações Custos
  54. 54. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Manufatura  Introduzir novos modelos Rapidez  Ter um bom mix de produtos Confiabilidade Flexibilidade Custos
  55. 55. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Serviços  Introduzir novos tratamentos – hospital Rapidez  Introduzir novos lanches Confiabilidade Flexibilidade Custos
  56. 56. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Suprimento  Amplo sortimento de bens estocados Rapidez  Abrir ou fechar caixas de acordo com a Confiabilidade demanda Flexibilidade Custos
  57. 57. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Transporte  Introdução de novas rotas Rapidez  Grande número de locais servidos Confiabilidade Flexibilidade Custos
  58. 58. 2 Objetivos de Desempenho
  59. 59. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Transporte  Introdução de novas rotas Rapidez  Grande número de locais servidos Confiabilidade Flexibilidade Custos
  60. 60. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Cultivo  Produzir uma ampla quantidade de Rapidez produtos, a exemplo do projeto mandala Confiabilidade Flexibilidade Custos
  61. 61. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Extração  Uma área de extração pode ser rica em Rapidez um mineral, sendo o foco do sistema Confiabilidade  Porém, outros minérios podem estar presentes e serem igualmente explorados Flexibilidade Custos
  62. 62. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade FLEXIBILIDADE NA OPERAÇÃO INTERNA  Agiliza a resposta Rapidez Por vezes, ter um serviço rápido depende a Confiabilidade flexibilidade a operação Demandas diferentes exigem agilidade do Flexibilidade sistema em mudar. Isso quer dizer flexibilidade Custos
  63. 63. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade FLEXIBILIDADE NA OPERAÇÃO INTERNA  Maximiza o tempo Rapidez Equipamentos flexíveis no sistema levam a Confiabilidade uma maior utilização, uma menor ociosidade Deve-se ter habilidade para fazer os setups Flexibilidade igualmente Custos
  64. 64. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade FLEXIBILIDADE NA OPERAÇÃO INTERNA  Mantém a confiabilidade Rapidez Uma demanda repentina pode ser atendida Confiabilidade rapidamente com uma pequena variação no sistema Flexibilidade Custos
  65. 65. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  66. 66. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Menores o custo de produzir ou prestar um serviço: Rapidez  Possibilita adoção de preços mais baixos Confiabilidade  Possibilita a obtenção de maiores Flexibilidade lucros O custo é afetado pelos outros objetivos Custos de desempenho
  67. 67. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade QUALIDADE E CUSTOS  Menores desperdícios, retrabalhos... Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  68. 68. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade RAPIDEZ E CUSTOS  Reduz o nível de estoques e reduz os Rapidez custos indiretos (economias de escala) Confiabilidade Flexibilidade Custos
  69. 69. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade CONFIABILIDADE E CUSTOS  Elimina o prejuízo da interrupção, Rapidez permitindo maior eficiência Confiabilidade Flexibilidade Custos
  70. 70. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade FLEXIBILIDADE E CUSTOS  Trocam rapidamente a tarefa sem Rapidez perder muito tempo Confiabilidade  Adaptam-se rapidamente às circunstâncias Flexibilidade  Não interrompem o sistema Custos
  71. 71. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade FLEXIBILIDADE E CUSTOS Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custos
  72. 72. 2 Objetivos de Desempenho  Segundo Slack et al. (1996), os fatores de performance buscados nos processos são Qualidade Os custos podem ser divididos em:  Custo de funcionários – dinheiro gasto Rapidez com o pessoal direto e indireto Confiabilidade  Custo de instalações, tecnologia e equipamento – dinheiro gasto com Flexibilidade compra, utilização, manutenção e troca  Custo de materiais – dinheiro gasto Custos materiais consumidos e os transformados
  73. 73. Objetivos de Desempenho Universidade Federal da Paraíba Campus I – Centro de Tecnologia Curso de Graduação em Engenharia de Produção Prof. MSc. Marcel de Gois Pinto

×