SlideShare uma empresa Scribd logo

Regulamento E Concursos

P
pesdafg
1 de 4
Baixar para ler offline
Regulamento dos Concursos Semana dos Afectos
1. Objectivos
Estimular a criatividade, a imaginação e a capacidade de pensar os afectos através do
desenho e da expressão escrita.
2. Destinatários
Os destinatários variam segundo os concursos. Assim, podem concorrer
♦ Concurso 1 -A HISTÓRIA DE ARMOR E FELICIDADE – todos os alunos do
3ºciclo
♦ Concurso 2 – UM POSTAL PARA UMA PESSOA ESPECIAL – todos os
alunos dos 2º e 3º ciclos
♦ Concurso 3 – UMA HISTÓRIA DE AMIZADE - todos os alunos do 2ºciclo
Para concorrer, os alunos deverão apresentar trabalhos originais nas seguintes categorias:
♦ A – DESENHO/COLAGENS
♦ B – TEXTO
A participação é a título individual, estando assim excluídas participações colectivas. Cada
aluno poderá apresentar a concurso apenas um trabalho em cada uma das categorias.
3. Condições de apresentação dos trabalhos
Categoria A: Desenho/Colagens
O trabalho deverá apresentar-se em tamanho máximo A3.
O trabalho deverá estar identificado com nome completo, ano de escolaridade, turma e
número, no verso da folha.
Categoria B: Texto
O texto em língua portuguesa deverá ser apresentado com tipo de letra Times New Roman,
tamanho 12, espaçamento 1,5.
O texto poderá ser em prosa ou em verso.
O trabalho deverá estar identificado com nome completo, ano de escolaridade, turma e
número, no verso da folha.
4. Admissão dos Trabalhos
Os trabalhos devem ser entregues ao Director de Turma ou professor de Área de Projecto até
ao dia 6 de Fevereiro de 2010.
5. Júri
O júri do concurso será constituído pelos elementos da Equipa PES, um professor de Língua
Portuguesa e um professor de Educação Visual.
6. Prémios e divulgação dos resultados
Serão considerados 5 escalões (5ºano, 6ºano, 7ºano, 8ºano e 9ºano)
O vencedor de cada escalão e de cada concurso receberá um prémio.
Os prémios serão entregues durante a Semana dos Afectos (8 a 12 de Fevereiro de 2010).
Os resultados deste concurso poderão ser vistos no blogue do PES (pesdafg.blogspot.com)
Os melhores desenhos e textos serão expostos na sala dos alunos, durante a Semana dos
Afectos, e no blogue do PES (pesdafg.blogspot.com)
7. Promotores
Equipa PES
le atirou-me um beijo.
Inesperadamente.
E eu… Bem eu, apressei-me a agasalhar o beijo.
O beijo sentiu-se tão bem acolhido, e tão abrigado do ventinho que soprava,
que se deixou ficar e aconchegou-se muito acanhadinho até passar a fazer
parte de mim.
Ele chamava-se Armor.
Eu chamava-me Felicidade.
Era Verão. A praia, de um lado, recebia o toque suave da ria; do outro lado, o
ímpeto e a turbulência do mar. Por perto, sempre um ventinho que trazia o
cheiro a maresia.
Naquela altura do ano, como já vinha sendo hábito, grande parte do areal
estava ocupado por um grande acampamento. Muita gente que eu conhecia,
como o Solano e a Luana - de quem era muito amiga -, e outra que viera de
fora. Alguns, de muito longe. Entre eles o Armor. Quando chegaram, e
começaram a montar as tendas, reparei logo nele. Não passava facilmente
despercebido. Atenta, descobri que, ao começo da tarde, ele gostava de ir
até à ria e quase sempre se detinha no pequeno cais onde descansavam
ancorados os barcos.
Nessa tarde, como se fosse um acaso, eu já estava no cais quando ele
chegou. Sentei-me no banco tosco feito de tabuinhas. As palavras que
tínhamos trocado eram poucas, os olhares muitos (deixavam-me num
alvoroço…). E foi exactamente sem recorrer às palavras, mas com um gesto,
que aquilo aconteceu. Ele olhou-me e, com a mão, mandou-me um beijo.
E eu agasalhei o beijo.
E eu senti-me beijada.
Que iria acontecer? Que iria acontecer?
Excerto do Livro Fala-me de Amor, de Graça Gonçalves, Edições Gostar
Cria um postal original e muito, muito afectuoso.
A partir da ilustração, cria uma história de pura amizade.

Recomendados

Mais conteúdo relacionado

Destaque

S.afetos corações
S.afetos coraçõesS.afetos corações
S.afetos coraçõespesdafg
 
Campanha comer bem é mais barato
Campanha comer bem é mais baratoCampanha comer bem é mais barato
Campanha comer bem é mais baratopesdafg
 
Semana dos Afetos-Corações
Semana dos Afetos-CoraçõesSemana dos Afetos-Corações
Semana dos Afetos-Coraçõespesdafg
 
Dia do não fumador (1)
Dia do não fumador (1)Dia do não fumador (1)
Dia do não fumador (1)pesdafg
 
Saboneteesabo 090917102749-phpapp02
Saboneteesabo 090917102749-phpapp02Saboneteesabo 090917102749-phpapp02
Saboneteesabo 090917102749-phpapp02pesdafg
 
Jardim dos Afetos I
Jardim dos Afetos IJardim dos Afetos I
Jardim dos Afetos Ipesdafg
 
Jardim dos Afetos II
Jardim dos Afetos IIJardim dos Afetos II
Jardim dos Afetos IIpesdafg
 

Destaque (9)

S.afetos corações
S.afetos coraçõesS.afetos corações
S.afetos corações
 
Campanha comer bem é mais barato
Campanha comer bem é mais baratoCampanha comer bem é mais barato
Campanha comer bem é mais barato
 
Semana dos Afetos-Corações
Semana dos Afetos-CoraçõesSemana dos Afetos-Corações
Semana dos Afetos-Corações
 
Dia do não fumador (1)
Dia do não fumador (1)Dia do não fumador (1)
Dia do não fumador (1)
 
Saboneteesabo 090917102749-phpapp02
Saboneteesabo 090917102749-phpapp02Saboneteesabo 090917102749-phpapp02
Saboneteesabo 090917102749-phpapp02
 
Regulamento
RegulamentoRegulamento
Regulamento
 
Jardim dos Afetos I
Jardim dos Afetos IJardim dos Afetos I
Jardim dos Afetos I
 
Jardim dos Afetos II
Jardim dos Afetos IIJardim dos Afetos II
Jardim dos Afetos II
 
Regulamento
RegulamentoRegulamento
Regulamento
 

Semelhante a Regulamento E Concursos

Sala de tecnologia i consulesa
Sala de tecnologia i consulesaSala de tecnologia i consulesa
Sala de tecnologia i consulesateacheranaclaudia
 
Cartazeregulamentoomelhorcontodenatal
CartazeregulamentoomelhorcontodenatalCartazeregulamentoomelhorcontodenatal
Cartazeregulamentoomelhorcontodenatalbibliomag
 
Regulamento O Melhor Conto De Natal 09
Regulamento O Melhor Conto De Natal 09Regulamento O Melhor Conto De Natal 09
Regulamento O Melhor Conto De Natal 09bibliomag
 
Regulamento criapoesia 2017
Regulamento criapoesia 2017Regulamento criapoesia 2017
Regulamento criapoesia 2017Ebimontargil Pte
 
Jornal escolar palavras d'encantar 10.º edição
Jornal escolar   palavras d'encantar 10.º ediçãoJornal escolar   palavras d'encantar 10.º edição
Jornal escolar palavras d'encantar 10.º ediçãoMax Teles Teles
 
Regulamento quem conta_um_conto_saramago_2014_2015_2
Regulamento quem conta_um_conto_saramago_2014_2015_2Regulamento quem conta_um_conto_saramago_2014_2015_2
Regulamento quem conta_um_conto_saramago_2014_2015_2Risoleta Montez
 
Nova Gramatica da Lingua Portuguesa Para Concursos.pdf
Nova Gramatica da Lingua Portuguesa Para Concursos.pdfNova Gramatica da Lingua Portuguesa Para Concursos.pdf
Nova Gramatica da Lingua Portuguesa Para Concursos.pdfMarcelo Martelli Rossilho
 
Concursos direitos das crianças[1] convertido
Concursos direitos das crianças[1] convertidoConcursos direitos das crianças[1] convertido
Concursos direitos das crianças[1] convertidoEdJM
 
2010 2011 conc o melhor conto de nata_limp[1]
2010 2011  conc o melhor conto de nata_limp[1]2010 2011  conc o melhor conto de nata_limp[1]
2010 2011 conc o melhor conto de nata_limp[1]bibliomag
 
2010 2011 conc o melhor conto de nata_limp[1]
2010 2011  conc o melhor conto de nata_limp[1]2010 2011  conc o melhor conto de nata_limp[1]
2010 2011 conc o melhor conto de nata_limp[1]bibliomag
 
Ii prémio literário agrup (regulamento)
Ii prémio literário agrup (regulamento)Ii prémio literário agrup (regulamento)
Ii prémio literário agrup (regulamento)Beatriz Mendes
 
Ser leitor cool_regulamento_19_20
Ser leitor cool_regulamento_19_20Ser leitor cool_regulamento_19_20
Ser leitor cool_regulamento_19_20Biblioteca Escolar
 
Regulamento do concurso LER É...
Regulamento do concurso LER É...Regulamento do concurso LER É...
Regulamento do concurso LER É...Piscateca
 

Semelhante a Regulamento E Concursos (20)

Sala de tecnologia i consulesa
Sala de tecnologia i consulesaSala de tecnologia i consulesa
Sala de tecnologia i consulesa
 
ApresentaçãO Do Que Já Foi Feito
ApresentaçãO Do Que Já Foi FeitoApresentaçãO Do Que Já Foi Feito
ApresentaçãO Do Que Já Foi Feito
 
Cartazeregulamentoomelhorcontodenatal
CartazeregulamentoomelhorcontodenatalCartazeregulamentoomelhorcontodenatal
Cartazeregulamentoomelhorcontodenatal
 
Regulamento O Melhor Conto De Natal 09
Regulamento O Melhor Conto De Natal 09Regulamento O Melhor Conto De Natal 09
Regulamento O Melhor Conto De Natal 09
 
Português Enem
Português EnemPortuguês Enem
Português Enem
 
Regulamento criapoesia 2017
Regulamento criapoesia 2017Regulamento criapoesia 2017
Regulamento criapoesia 2017
 
Jornal escolar palavras d'encantar 10.º edição
Jornal escolar   palavras d'encantar 10.º ediçãoJornal escolar   palavras d'encantar 10.º edição
Jornal escolar palavras d'encantar 10.º edição
 
Regulamento quem conta_um_conto_saramago_2014_2015_2
Regulamento quem conta_um_conto_saramago_2014_2015_2Regulamento quem conta_um_conto_saramago_2014_2015_2
Regulamento quem conta_um_conto_saramago_2014_2015_2
 
Revista 2
Revista 2Revista 2
Revista 2
 
Nova Gramatica da Lingua Portuguesa Para Concursos.pdf
Nova Gramatica da Lingua Portuguesa Para Concursos.pdfNova Gramatica da Lingua Portuguesa Para Concursos.pdf
Nova Gramatica da Lingua Portuguesa Para Concursos.pdf
 
Concursos direitos das crianças[1] convertido
Concursos direitos das crianças[1] convertidoConcursos direitos das crianças[1] convertido
Concursos direitos das crianças[1] convertido
 
Amar linguas
Amar linguasAmar linguas
Amar linguas
 
2010 2011 conc o melhor conto de nata_limp[1]
2010 2011  conc o melhor conto de nata_limp[1]2010 2011  conc o melhor conto de nata_limp[1]
2010 2011 conc o melhor conto de nata_limp[1]
 
2010 2011 conc o melhor conto de nata_limp[1]
2010 2011  conc o melhor conto de nata_limp[1]2010 2011  conc o melhor conto de nata_limp[1]
2010 2011 conc o melhor conto de nata_limp[1]
 
Setembro de 2011
Setembro de 2011Setembro de 2011
Setembro de 2011
 
Plano de aula etapa 3
Plano de aula   etapa 3Plano de aula   etapa 3
Plano de aula etapa 3
 
Ii prémio literário agrup (regulamento)
Ii prémio literário agrup (regulamento)Ii prémio literário agrup (regulamento)
Ii prémio literário agrup (regulamento)
 
Ser leitor cool_regulamento_19_20
Ser leitor cool_regulamento_19_20Ser leitor cool_regulamento_19_20
Ser leitor cool_regulamento_19_20
 
Regulamento do concurso LER É...
Regulamento do concurso LER É...Regulamento do concurso LER É...
Regulamento do concurso LER É...
 
182764.pptx
182764.pptx182764.pptx
182764.pptx
 

Mais de pesdafg

Receitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novosReceitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novospesdafg
 
Receitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novosReceitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novospesdafg
 
Receitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novosReceitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novospesdafg
 
A+Mamã+Pô
A+Mamã+PôA+Mamã+Pô
A+Mamã+Pôpesdafg
 
Dia Mundi..
Dia Mundi..Dia Mundi..
Dia Mundi..pesdafg
 
Gui E O Natal Verde No Pll
Gui E O Natal Verde No PllGui E O Natal Verde No Pll
Gui E O Natal Verde No Pllpesdafg
 
Xico,O Ca..
Xico,O Ca..Xico,O Ca..
Xico,O Ca..pesdafg
 
Duendes Dos Legumes
Duendes Dos LegumesDuendes Dos Legumes
Duendes Dos Legumespesdafg
 
Folheto Saf Final
Folheto Saf FinalFolheto Saf Final
Folheto Saf Finalpesdafg
 
Cartaz Saf Final
Cartaz Saf FinalCartaz Saf Final
Cartaz Saf Finalpesdafg
 
Folheto Saf Final
Folheto Saf FinalFolheto Saf Final
Folheto Saf Finalpesdafg
 
Cartaz Saf Final
Cartaz Saf FinalCartaz Saf Final
Cartaz Saf Finalpesdafg
 

Mais de pesdafg (13)

Receitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novosReceitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novos
 
Receitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novosReceitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novos
 
Receitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novosReceitas para os_+_novos
Receitas para os_+_novos
 
Doc1
Doc1Doc1
Doc1
 
A+Mamã+Pô
A+Mamã+PôA+Mamã+Pô
A+Mamã+Pô
 
Dia Mundi..
Dia Mundi..Dia Mundi..
Dia Mundi..
 
Gui E O Natal Verde No Pll
Gui E O Natal Verde No PllGui E O Natal Verde No Pll
Gui E O Natal Verde No Pll
 
Xico,O Ca..
Xico,O Ca..Xico,O Ca..
Xico,O Ca..
 
Duendes Dos Legumes
Duendes Dos LegumesDuendes Dos Legumes
Duendes Dos Legumes
 
Folheto Saf Final
Folheto Saf FinalFolheto Saf Final
Folheto Saf Final
 
Cartaz Saf Final
Cartaz Saf FinalCartaz Saf Final
Cartaz Saf Final
 
Folheto Saf Final
Folheto Saf FinalFolheto Saf Final
Folheto Saf Final
 
Cartaz Saf Final
Cartaz Saf FinalCartaz Saf Final
Cartaz Saf Final
 

Último

a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...excellenceeducaciona
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...azulassessoriaacadem3
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...azulassessoriaacadem3
 
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
004820000101011 (15).pdffdfdfddddddddddddddddddddddddddddddddddddRenandantas16
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...manoelaarmani
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Jean Carlos Nunes Paixão
 
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIACOMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIAHisrelBlog
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
 
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
 
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIACOMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
 

Regulamento E Concursos

  • 1. Regulamento dos Concursos Semana dos Afectos 1. Objectivos Estimular a criatividade, a imaginação e a capacidade de pensar os afectos através do desenho e da expressão escrita. 2. Destinatários Os destinatários variam segundo os concursos. Assim, podem concorrer ♦ Concurso 1 -A HISTÓRIA DE ARMOR E FELICIDADE – todos os alunos do 3ºciclo ♦ Concurso 2 – UM POSTAL PARA UMA PESSOA ESPECIAL – todos os alunos dos 2º e 3º ciclos ♦ Concurso 3 – UMA HISTÓRIA DE AMIZADE - todos os alunos do 2ºciclo Para concorrer, os alunos deverão apresentar trabalhos originais nas seguintes categorias: ♦ A – DESENHO/COLAGENS ♦ B – TEXTO A participação é a título individual, estando assim excluídas participações colectivas. Cada aluno poderá apresentar a concurso apenas um trabalho em cada uma das categorias. 3. Condições de apresentação dos trabalhos Categoria A: Desenho/Colagens O trabalho deverá apresentar-se em tamanho máximo A3. O trabalho deverá estar identificado com nome completo, ano de escolaridade, turma e número, no verso da folha. Categoria B: Texto O texto em língua portuguesa deverá ser apresentado com tipo de letra Times New Roman, tamanho 12, espaçamento 1,5. O texto poderá ser em prosa ou em verso. O trabalho deverá estar identificado com nome completo, ano de escolaridade, turma e número, no verso da folha. 4. Admissão dos Trabalhos Os trabalhos devem ser entregues ao Director de Turma ou professor de Área de Projecto até ao dia 6 de Fevereiro de 2010. 5. Júri O júri do concurso será constituído pelos elementos da Equipa PES, um professor de Língua Portuguesa e um professor de Educação Visual. 6. Prémios e divulgação dos resultados Serão considerados 5 escalões (5ºano, 6ºano, 7ºano, 8ºano e 9ºano) O vencedor de cada escalão e de cada concurso receberá um prémio. Os prémios serão entregues durante a Semana dos Afectos (8 a 12 de Fevereiro de 2010). Os resultados deste concurso poderão ser vistos no blogue do PES (pesdafg.blogspot.com) Os melhores desenhos e textos serão expostos na sala dos alunos, durante a Semana dos Afectos, e no blogue do PES (pesdafg.blogspot.com) 7. Promotores Equipa PES
  • 2. le atirou-me um beijo. Inesperadamente. E eu… Bem eu, apressei-me a agasalhar o beijo. O beijo sentiu-se tão bem acolhido, e tão abrigado do ventinho que soprava, que se deixou ficar e aconchegou-se muito acanhadinho até passar a fazer parte de mim. Ele chamava-se Armor. Eu chamava-me Felicidade. Era Verão. A praia, de um lado, recebia o toque suave da ria; do outro lado, o ímpeto e a turbulência do mar. Por perto, sempre um ventinho que trazia o cheiro a maresia. Naquela altura do ano, como já vinha sendo hábito, grande parte do areal estava ocupado por um grande acampamento. Muita gente que eu conhecia, como o Solano e a Luana - de quem era muito amiga -, e outra que viera de fora. Alguns, de muito longe. Entre eles o Armor. Quando chegaram, e começaram a montar as tendas, reparei logo nele. Não passava facilmente despercebido. Atenta, descobri que, ao começo da tarde, ele gostava de ir até à ria e quase sempre se detinha no pequeno cais onde descansavam ancorados os barcos. Nessa tarde, como se fosse um acaso, eu já estava no cais quando ele chegou. Sentei-me no banco tosco feito de tabuinhas. As palavras que tínhamos trocado eram poucas, os olhares muitos (deixavam-me num alvoroço…). E foi exactamente sem recorrer às palavras, mas com um gesto, que aquilo aconteceu. Ele olhou-me e, com a mão, mandou-me um beijo. E eu agasalhei o beijo. E eu senti-me beijada. Que iria acontecer? Que iria acontecer? Excerto do Livro Fala-me de Amor, de Graça Gonçalves, Edições Gostar
  • 3. Cria um postal original e muito, muito afectuoso.
  • 4. A partir da ilustração, cria uma história de pura amizade.