O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

Open Access & Open Data - Gestão de Dados de Investigação: requisitos dos financiadores, planos de gestão e dados abertos (Seminário da Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior)

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

Confira estes a seguir

1 de 100 Anúncio

Open Access & Open Data - Gestão de Dados de Investigação: requisitos dos financiadores, planos de gestão e dados abertos (Seminário da Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior)

Baixar para ler offline

Apresentação no Seminário intitulado “Política de Ciência Aberta e Gestão de Dados Científicos” Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior.

Apresentação no Seminário intitulado “Política de Ciência Aberta e Gestão de Dados Científicos” Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior.

Anúncio
Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (15)

Semelhante a Open Access & Open Data - Gestão de Dados de Investigação: requisitos dos financiadores, planos de gestão e dados abertos (Seminário da Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior) (20)

Anúncio

Mais recentes (20)

Open Access & Open Data - Gestão de Dados de Investigação: requisitos dos financiadores, planos de gestão e dados abertos (Seminário da Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior)

  1. 1. Open Access e Open Data Gestão de Dados de Investigação requisitos dos financiadores para o acesso aberto, planos de gestão e dados abertos Pedro Príncipe Universidade do Minho OpenAIRE Helpdesk & Training manager
  2. 2. OPEN ACCESS INFRASTRUCTURE OpenAIRE for research in Europe 2 www.openaire.eu
  3. 3. AGENDA 3 Acesso Aberto: os mandatos institucionais e as políticas dos financiadores Open Access & Open Data no Horizonte 2020: requisitos Política de Acesso Aberto da FCT e as recomendações para os dados Desafios da gestão de dados de investigação… Open Data no Horizonte 2020: requisitos na prática (planos, repositórios, licenças, custos)
  4. 4. Acesso Aberto: os mandatos institucionais e as políticas dos financiadores de ciência 1
  5. 5. O PROGRESSO DO ACESSO ABERTO NESTE SÉCULO FOI NOTÁVEL! + repositórios (de <200 a >3000) + revistas AA (de <500 a >11000) + políticas AA (de instituições & agências de financiamento) 5Mas ainda existe um longo caminho a percorrer ...
  6. 6. Políticas de acesso aberto no mundo Nº crescente de políticas institucionais (de universidades e outras organizações de investigação) Forte aumento de políticas de agências de financiamento, governos e outros decisores políticos.
  7. 7. As políticas das instituições de investigação Muitas diferenças entre elas, mas em geral todas requerem o arquivo num repositório, e algumas disponibilizam fundos para a publicação em revistas de acesso aberto. Mais de 700 políticas e mandatos de instituições de investigação
  8. 8. As políticas dos financiadores As Políticas Europeias no 7ºPQ e no Horizonte 2020 A política da Fundação para a Ciência e a Tecnologia
  9. 9. O acesso aberto como prática padrão de disseminação da investigação resultante de financiamento público da UE. A CE recomendou aos Estados Membros: • Desenvolvimento de políticas nacionais para disponibilizar em acesso aberto a investigação resultante de financiamento. • E aos financiadores de ciência e instituições o desenvolvimento das suas próprias políticas, coordenadas a nível nacional e Europeu.
  10. 10. “The question is no longer „if‟ we should have open access. The question is about „how‟ we should develop it further and promote it.” Neelie Kroes Comissária Europeia para a Agenda Digital, 2011
  11. 11. Open Innovation, Open Science, Open to the World Carlos Moedas Comissário Europeu para a Investigação, Ciência e Inovação, 2015 “ ”
  12. 12. 27 de Fevereiro Ciência Aberta | Conhecimento para Todos Princípios Orientadores http://www.portugal.gov.pt/media/18506199/20160210-mctes-ciencia-aberta.pdf CIÊNCIA ABERTA |PORTUGAL 24 de Março Resolução de Conselho de Ministros | Princípios orientadores para a implementação de uma Política Nacional de Ciência Aberta
  13. 13. Open Access & Open Data no Horizonte 2020: requisitos 2
  14. 14. Evolução do mandato OA da CE Piloto OA do 7ºPQ (2008) • Acordos com Claúsula Especial 39 • 20% das áreas do programa • Depósito em repositórios • Orientações OA do ERC: Depósito em repositórios (disciplinar ou institucional) e periodo de embargo. Horizonte 2020 (2014) • Todos os acordos • 100% das áreas do programa • Depósito em Repositórios • Projeto-piloto de Dados Científicos Abertos 15
  15. 15. OPEN ACCESS NO HORIZONTE 2020 CADA BENEFICIÁRIO DEVERÁ ASSEGURAR O ACESSO ABERTO A TODAS AS PUBLICAÇÕES CIENTÍFICAS COM REVISÃO POR PARES RELATIVAS A RESULTADOS DE PROJETOS Acesso Aberto definido como princípio geral no novo programa-quadro da CE
  16. 16. Open Access no Horizonte 2020 OPEN ACCESS DEFINIDO COMO PRINCÍPIO GERAL NO HORIZONTE 2020 Multi-beneficiary General Model Grant Agreement • nas disposições aplicáveis no acordo de subvenção: • artigo 29: ”Dissemination of results - Open Access - Visibility of EU funding” • 29.2 Open access to scientific publications; • 29.3 Open access to research data http://http://ec.europa.eu/research/participants/data/ref/h2020/grants_manual/amga/h2020-amga_en.pdf
  17. 17. Todos os beneficiários do H2020 devem garantir o acesso aberto (acesso gratuito online para qualquer pessoa) a todas as publicações com revisão por pares através do seu depósito num repositório. Requisitos e quem está abrangido?
  18. 18. Por outras palavras... Os autores podem escolher entre as duas vias principais para o Acesso Aberto • Auto-arquivo (‚green‘ open access): o artigo é depositado num repositório – o acesso aberto é frequentemente atrasado (‚período embargo‘) • Publicação em acesso aberto (‚gold‘ open access): o artigo é publicado imediatamente em acesso aberto, através da revista/editor. Existem frequentemente custos de publicação (taxas de publicação ou APCs). O artigo tem sempre de ser depositado num repositório, mesmo quando for usada a „via dourada“.
  19. 19. 20
  20. 20. Piloto de dados abertos no H2020 O Projeto-piloto que visa melhorar e maximizar o acesso e a reutilização dos dados de investigação gerados por projetos financiados pela CE. OBJETIVO EC: “information already paid for by the public should not be paid for again. Open data is data that is free to access and reuse” 1º
  21. 21. Piloto de dados abertos no H2020 Áreas científicas abrangidas pelo projeto-piloto até 2016: • Future and Emerging Technologies • Research infrastructures – (new: coverage of the whole area) • Leadership in enabling and industrial technologies – Information and Communication Technologies • Nanotechnologies, Advanced Materials, Advanced Manufacturing and Processing, and Biotechnology: ‘nanosafety’ and ‘modelling’ topics (new) • Societal Challenge: Food security, sustainable agriculture and forestry, marine and maritime and inland water research and the bioeconomy - selected topics as specified in the work programme (new) • Societal Challenge: Climate Action, Environment, Resource Efficiency and Raw materials – except raw materials • Societal Challenge: Europe in a changing world – inclusive, innovative and reflective Societies • Science with and for Society • Cross-cutting activities - focus areas – part Smart and Sustainable Cities (moved from Energy WP) PROJETOS DE OUTRAS ÁREAS SÃO ENCORAJADOS A ADERIR VOLUNTARIAMENTE
  22. 22. A partir de 2017 será o default… 23
  23. 23. Piloto de dados abertos no H2020 QUE DADOS? Dados para validar os resultados apresentados em publicações científicas. Outros dados, conforme especificado no plano de gestão de dados.
  24. 24. REQUISITOS NA PRÁTICA (simplificados) Projeto-piloto de Dados Científicos Abertos Criar um plano de gestão dos dados Assegurar o depósito num repositório Associar licenças CC Providenciar ferramentas O foco deve ser o planeamento >> para a disponibilização dos dados, facilitando o depósito e a licença para permitir a reutilização.
  25. 25. RESEARCHER DECIDES WHERE TO PUBLISH Check publishers policies on www.sherpa.ac.uk/romeo Open Access Journals doaj.org Check for Article Processing Charges Subscription-based journal Self-archive in a repository Find at: openaire.eu IMMEDIATE OPEN ACCESS IMMEDIATE OR DELAYED OPEN ACCESS H2020 Open Access Mandate
  26. 26. Open Research Data in H2020 27
  27. 27. Política de Acesso Aberto da FCT: recomendações para os dados 3
  28. 28. Política de Acesso Aberto da FCT (maio de 2014) QUALQUER TIPO DE PUBLICAÇÃO INCLUINDO: ARTIGOS PUBLICADOS EM REVISTAS ATAS E OUTROS PRODUTOS RESULTANTES DE CONFERÊNCIAS LIVROS TESES DE DOUTORAMENTO E MESTRADO Todas as publicações sujeitas a arbitragem por pares ou a outros processos de revisão ou validação científica que incluam resultados de I&D financiados total ou parcialmente pela FCT.
  29. 29. Formas de publicação aceites Publicação em revistas, atas de conferências ou livros que: a) Disponibilizem diretamente na Internet acesso imediato e sem restrições à versão final do artigo (publicação em Acesso Aberto)  O pagamento de “Custos de Processamento da Publicação” (CPP) pode ser cobrado e reembolso elegível ou b) Autorizem o acesso sem restrições ao artigo aceite, na versão final, mediante a sua disponibilização através de um repositório  Aceites períodos de embargo variáveis consoante o tipo de publicação e a área científica. Não é aceite o pagamento de CPP Em qualquer caso é exigido o depósito imediato, após aceitação para publicação, da versão final do autor num repositório do RCAAP Implementação da Política de Acesso Aberto da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (slides de Vasco Vaz, FCT)
  30. 30. Elegibilidade de pagamento de custos de publicação Condições a) Disponibilização na Internet de acesso imediato ao conteúdo integral da versão final da publicação b) Autorização de depósito imediato da versão final noutros repositórios que não o da própria revista ou editora c) Aplicação de Licença Creative Commons CC-BY, ou equivalente, ao conteúdo integral da publicação para ambos os casos acima referidos, não se admitindo qualquer restrição ao acesso ao – ou à reutilização do – conteúdo da publicação d) Limitação do valor dos CPP, a estabelecer de acordo com a evolução das melhores práticas internacionais em matéria de políticas de publicação em Acesso Aberto Implementação da Política de Acesso Aberto da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (slides de Vasco Vaz, FCT)
  31. 31. 32
  32. 32. 1º) Identificação do Projeto / Bolsa no processo de depósito 20/12/2016 33RCAAP - Repositório Cientifico de Acesso Aberto de Portugal
  33. 33. Funcionamento nos repositórios da rede RCAAP 20/12/2016 34RCAAP - Repositório Cientifico de Acesso Aberto de Portugal http://api.openaire.eu
  34. 34. 2º - Embargos 20/12/2016 35RCAAP - Repositório Cientifico de Acesso Aberto de Portugal
  35. 35. 3º - Licença Creative Commons ● No caso de publicações com custos de processamento (CPP / APC), é obrigatório o uso da licença Creative Commons CC-BY ou equivalente (ponto 4 C da política). 20/12/2016 RCAAP - Repositório Cientifico de Acesso Aberto de Portugal 36
  36. 36. Relatório FCT 20/12/2016 37RCAAP - Repositório Cientifico de Acesso Aberto de Portugal ● Relatório estático – reflete as publicações do projeto num determinado período ● Relatório automático com base nas publicações identificadas nos Repositórios
  37. 37. DADOS: Recomendações aos beneficiários FCT Nas candidaturas a financiamento apresentadas à FCT, sugere-se que os candidatos incluam um plano de gestão de dados, contendo: 1) descrições de tipos de dados, amostras, coleções, software, modelos, materiais curriculares e outros materiais que se prevê venham a ser produzidos no âmbito das atividades financiadas; 2) normas a serem usadas para formatos e conteúdo de dados e metadados (nos casos em que estas normas não existam ou sejam julgadas inapropriadas tal deve ser documentado juntamente com as soluções propostas); 3) políticas de acesso e partilha incluindo disposições de proteção apropriada de privacidade, confidencialidade, segurança, propriedade intelectual e outros direitos ou requisitos; 4) políticas e disposições para reutilização, redistribuição e produção de subprodutos; 5) planos para arquivo de dados, amostras, software, modelos e outros materiais produzidos.
  38. 38. Ainda… algumas coisas práticas: 1. Desafios da gestão de dados de investigação… 1. Gestão de dados de investigação adequada… 2. Gestão de dados e requisitos dos financiadores e editores 2. Open Data no Horizonte 2020: requisitos na prática 1. Planos de gestão de dados 2. Repositórios de Dados 3. Repositório Zenodo 4. Licenças e custos 40
  39. 39. Desafios da gestão de dados de investigação… 4
  40. 40. O que são dados de investigação… http://epicgraphic.com/data-cake
  41. 41. 43 Todo o tipo de registos produzidas no decurso da investigação.
  42. 42. Criar os dados Processar os dados Analisar os dados Preservar os dados Dar acesso aos dados Reutilizar os dados A Gestão de Dados:
  43. 43. Scheme from University of California- Irvine http://www.lib.uci.edu/dss Gestão de dados no Ciclo de vida da Investigação:
  44. 44. Image: https://www.flickr.com/photos/dmh650/4031607067/in/gallery-wlef70-72157633022909105/ Data management is a part of good research practice. RCUK Policy and Code of Conduct on the Governance of Good Research Conduct Responsible data management is part of good research. NWO – Introduction to the pilot Data Management
  45. 45. 1. Aumentar o impacto da investigação 2. Melhorar a acessibilidade 3. Prevenir o uso inadequado 4. Salvaguardar os dados produzidos 5. Assegurar compatibilidade GESTÃO DE DADOS CIENTÍFICOS ADEQUADA IRÁ:
  46. 46. 80% of research is publicly funded Source: “Academic Publishing: Survey of funders supports the benign Open Access outcome priced into shares, HSBC Global Research,” February 11, 2013: https://www.research.hsbc.com/midas/Res/RDV?ao=20&key=RxArFbnG1P&n=360010.PDF www.sparc.arl.org
  47. 47. UniversidadedoMinho Serviçosde Documentação
  48. 48. Requisitos dos financiadores para Open data • Europe • UK • USA – NSF, NEH, NIH … global
  49. 49. Requisitos dos financiadores
  50. 50. The mandates are coming… Policy Coverage Policy Coverage Policy Stipulations Policy Stipulations Policy Stipulations Policy Stipulations Funder Published Outputs Data Time Limits Time Frame DMP Access/ Sharing AHRQ full full full Within 12 months (A), with article publication (D) full full ASPR full full full Within 12 months (A), with article publication/within 30 months of collection (D) full full CDC full full full Within 12 months (A), with article publication/within 30 months of collection (D) full full DOD full full full Within 12 months (A), within a reasonable time (D) full full DOE full full full Within 12 months (A), with article publication (D) full full DOT none TBD none FDA full full full Within 12 months (A), with article publication (D) full full NASA full full full Within 12 months (A) at the time of publication or w/i reasonable time period after publication (D)* full full NIH full full full Within 12 months (A), at the time of article publication (appropriate timelines being explored) (D) full full NIST partial full partial Within 12 months (A), with article publication, for supporting data (D) full full NOAA full full full Within 12 months (A), with article publication, for supporting data, or within 1 yr of collection (D) full full NSF Full Full Within 12 months (A), "exploring" at time of article publication (D) full full Whitmire, Amanda; Briney, Kristin; Nurnberger, Amy; Henderson, Margaret; Atwood, Thea; Janz, Margaret; Kozlowski, Wendy; Lake, Sherry; Vandegrift, Micah; Zilinski, Lisa (2015): A table summarizing the Federal public access policies resulting from the US Office of Science and Technology Policy memorandum of February 2013. figshare. http://dx.doi.org/10.6084/m9.figshare.1372041. Retrieved [May 14th 2015]
  51. 51. UniversidadedoMinho Serviçosde Documentação Tem conhecimento do projeto-piloto de dados abertos da Comissão Europeia no âmbito do programa quadro H2020? Possui algum plano para a gestão de dados resultantes da sua investigação (por exemplo, política de preservação de dados, política de gestão de registos, estratégia de eliminação de dados)? 80% NÃO 84% NÃO 16% SIM Que tipo de serviços gostaria que a UMinho fornecesse para garantir o acesso aos dados? 73% sistema de backup 65% serviços de armazenamento e preservação 40% apoio técnico na elaboração de Planos de Gestão de dados Inquérito sobre Dados Científicos na Uminho (destaques)
  52. 52. Políticas dos editores para os dados
  53. 53. Open Data no Horizonte 2020: requisitos na prática 5
  54. 54. Open Access no Horizonte 2020 Multi-beneficiary General Model Grant Agreement • nas disposições aplicáveis no acordo de subvenção: • artigo 29: ”Dissemination of results - Open Access - Visibility of EU funding” • 29.2 Open access to scientific publications; • 29.3 Open access to research data http://http://ec.europa.eu/research/participants/data/ref/h2020/grants_manual/amga/h2020-amga_en.pdf
  55. 55. + INFO: EC Open Research Data pilot Recursos de informação da CE • Guidelines on Open Access to Scientific Publications and Research Data in Horizon 2020 http://ec.europa.eu/research/participants/data/ref/h2020/grants_manual/hi/oa_pilot/h2020-hi-oa- pilot-guide_en.pdf • Guidelines on Data Management in Horizon 2020 http://ec.europa.eu/research/participants/data/ref/h2020/grants_manual/hi/oa_pilot/h2020-hi-oa- data-mgt_en.pdf • Annotated model grant agreement, clause 29.3 http://ec.europa.eu/research/participants/data/ref/h2020/grants_manual/amga/h2020-amga_en.pdf • New infographic summarising key policy points http://ec.europa.eu/research/press/2016/pdf/opendata-infographic_072016.pdf 57
  56. 56. Dados Abertos no H2020 58 Projeto piloto O default …
  57. 57. Piloto de dados abertos no H2020 QUE DADOS? Dados para validar os resultados apresentados em publicações científicas. Outros dados, conforme especificado no plano de gestão de dados.
  58. 58. REQUISITOS NA PRÁTICA (simplificados) Projeto-piloto de Dados Científicos Abertos Criar um plano de gestão dos dados Assegurar o depósito num repositório Associar licenças CC Providenciar ferramentas O foco deve ser o planeamento >> para a disponibilização dos dados, facilitando o depósito e a licença para permitir a reutilização.
  59. 59. Piloto de dados abertos no H2020 Opting out / opting in  É possível optar por sair, quando devidamente justificado;  e optar por participar voluntariamente é igualmente possível.
  60. 60. Piloto de dados abertos no H2020 62 • Em caso de conflito com as obrigações de confidencialidade. • Em caso de conflito com as obrigações nacionais de segurança. • Em caso de conflito com as regras em matéria de proteção de dados pessoais. • Se o projeto não gerar/recolher dados. • Em caso de conflito com a obrigação de proteção dos resultados (se é esperado que os resultados sejam comercialmente ou industrialmente explorados). • Se a realização do objetivo principal do projeto (ação) ficar comprometido com a disponibilização aberta dos dados. OPT OUT: Os projetos podem optar por sair do piloto, na fase de proposta ou durante a execução (devidamente justificado no plano de projeto), com base em: “opt out does not affect the evaluation of that project. Proposals will not be penalised for opting out
  61. 61. Razões do opting out
  62. 62. Horizon 2020 Open Data by Default from 2017 Just announced!
  63. 63. Abordagem prática dos princípios FAIR • Findable – Assign persistent IDs, provide metadata, register in a searchable resource, repository... • Accessible – Retrievable by their ID using a standard protocol, metadata remain accessible even if data aren’t... • Interoperable – Use formal, broadly applicable languages, use standard vocabularies, qualified references, ... • Reusable – Rich metadata, clear licences, provenance, use of community standards... www.force11.org/group/fairgroup/fairprinciples 67
  64. 64. RDM Seminar @ ISERD, Tel Aviv - Oct 1, 2016
  65. 65. REQUISITOS NA PRÁTICA (simplificados) Cumprimentos dos Dados Científicos Abertos no H2020 Criar um plano de gestão dos dados Assegurar o depósito num repositório Associar licenças CC Providenciar ferramentas Algumas dicas práticas!
  66. 66. Data Management PlanRDM Seminar @ ISERD, Tel Aviv - Oct 1, 2016 73
  67. 67. DMPonline https://dmponline.dcc.ac.uk • Ferramenta web para ajudar os investigadores a elaborar o seu plano de gestão de dados. • Disponibilizada de forma gratuita pelo DCC • Incluiu já um template para o Horizonte 2020
  68. 68. H2020 template 75
  69. 69. Planos – exemplos: • 108 DMPs from the National Endowment for the Humanities www.neh.gov/divisions/odh/grant-news/data-management-plans-successful-grant- applications-2011-2014-now-available • 20+ scientific DMPs submitted to the NSF (USA) provided by UCSD • http://libraries.ucsd.edu/services/data-curation/data-management/ dmp-samples.html • Example DMP collection from Leeds University • https://library.leeds.ac.uk/research-data-tools • Further examples: • www.dcc.ac.uk/resources/data-management-plans/guidance-examples 76
  70. 70. Exemplos disponíveis no Zenodo • Helix Nebula – High Energy Physics example • https://zenodo.org/record/48171#.WATexnriF40 • Tweether – engineering (micro-electronics) example • https://zenodo.org/record/55791#.WATei3riF40 • AutoPost – ICT example https://zenodo.org/record/56107#.WATefXriF40 77
  71. 71. Onde depositar e onde encontrar um repositório? 1. Num arquivo de dados ou repositório externo e de âmbito temático ou disciplinar 2. Num repositório de dados institucional, ou de unidade de investigação devidamente estabelecido e com facilidades de gestão de dados.  Zenodo.org  Pesquisar no diretório de repositórios: re3data.org
  72. 72. www.re3data.org
  73. 73. Zenodo (OpenAIRE/CERN repository) www.zenodo.org
  74. 74. www.zenodo.org
  75. 75. . upload .. describe … publish
  76. 76. Upload 84
  77. 77. Describe 85
  78. 78. Describe 86
  79. 79. Publish http://www.datacite.org 87 www.openaire.eu
  80. 80. Publish 88
  81. 81. www.zenodo.org
  82. 82. www.zenodo.org
  83. 83. www.zenodo.org
  84. 84. www.zenodo.org
  85. 85. www.zenodo.org
  86. 86. www.zenodo.org
  87. 87. 95
  88. 88. Em resumo: depositar os dados no final do projeto e providenciar acesso https://www.openaire.eu/opendatapilot-repository
  89. 89. Dados abertos no H2020 – na prática em PT Dados para validar os resultados apresentados em publicações. Outros dados, conforme especificado no plano de gestão de dados.
  90. 90. www.dcc.ac.uk/resources/how-guides/license-research-data Licenças associadas a dados científicos: info de apoio Limitações CREATIVE COMMONS NCNon-Commercial o que é considerado comercial? SA Share Alike Reduz potencial de interoperabilidade! ND No Derivatives Restringe severamente o uso! Horizonte 2020 recomendação de uso ou
  91. 91. http://www.curationexchange.org/ Custos?
  92. 92. www.openaire.eu @openaire_eu facebook.com/groups/openaire linkedin.com/groups/OpenAIRE-3893548 pedroprincipe@sdum.uminho.pt 100 obrigado

Notas do Editor

  • Gestão de dados científicos ou curadoria de dados é a atividade de organização e utilização de dados desde o momento da sua criação, com a finalidade de garantir o seu armazenamento, a sua pesquisa e respetiva reutilização.
    Na Gestão de Dados Científicos estão envolvidos vários processos:
    Planeamento de dados > Criação de dados > Documentação dos dados > Acesso e utilização dos dados > Armazenamento e backups > Partilha dos dados > Preservação dos dados.
  • relates to controversial or security issues that might have undesired societal consequences if research results became known prematurely
  • The use of a Data Management Plan (DMP) is required for projects participating in the Open Research Data Pilot, detailing what data the project will generate, whether and how they will be exploited or made accessible for verification and re-use, and how they will be curated and preserved.
  • In multi-beneficiary projects it is also possible for specific beneficiaries to keep their data closed if relevant provisions are made in the consortium agreement and are in line with the reasons for opting out
  • Use an external data archive or repository already established for your research domain to preserve the data according to recognised standards in your discipline.
    If available, use an institutional research data repository, or your research group’s established data management facilities.
    Use a well-known data repository in your own country.
    Use a cost-free (data) repository such as Zenodo.
    Search for other data repositories here: re3data.org

×