SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Baixar para ler offline
ENTRADA DOS NOIVOS NA IGREJA
•

Padrinhos: Os casais de padrinhos são os primeiros a entrar
pela nave central da igreja. Primeiro entra o casal de padrinhos
da noiva, depois um casal de padrinhos do noivo e assim
sucessivamente. A posição do casal é a seguinte: mulher à
esquerda do homem. Ambos entram de mãos dadas. Os
padrinhos da noiva ficam do lado esquerdo do altar e os
padrinhos do noivo do lado direito do altar.

•

Noivo e sua mãe: Depois que os padrinhos estão posicionados
no altar, o noivo entra de braços dados com sua mãe (mulher à
esquerda do homem). De mãos dadas, posicionam-se ao lado
direito do altar.

•

Mãe da noiva e pai do noivo: Entram após o noivo (mulher à
esquerda do homem). De mãos dadas, posicionam-se no lado
esquerdo do altar.

•

Damas e pajens: Entram antes da noiva (menina à esquerda do
menino) ao som de uma música mais suave, ou à frente da
noiva ao som da marcha nupcial. O pajem é quem leva as
alianças. A dama fica do lado esquerdo do altar enquanto que
o pajem fica do lado direito. Motivo: a dama pode segurar o
buquê da noiva quando esta chegar ao altar (se não for uma
criança). Já o pajem entregará as alianças ao noivo.

•

Noiva e seu pai: Depois que todos já entraram, as portas da
igreja são fechadas. Quando a noiva está pronta para entrar na
igreja, ouve-se a música escolhida por ela para sua entrada.
Pelo cerimonial, a noiva deve estar de braços ou mãos dadas
com seu pai. E diferentemente dos outros casais, a noiva entra
do lado direito e seu pai do lado esquerdo.

•

Quando chegam ao altar, o pai entrega a sua filha ao noivo,
que cumprimenta o sogro. O pai da noiva se posiciona ao lado
da mãe da noiva.

•

O noivo aguarda a noiva do lado direito do altar. Depois, a
noiva assume o lado esquerdo enquanto que o noivo
permanece do lado direito.

•

A noiva entrega o buquê para sua mãe, madrinha ou dama de
honra.
NO ALTAR
•

Além do padre, dos noivos e dos pais dos noivos, os padrinhos e a
dama e o pajem ficam no altar.

•

No entanto, há casos em que os padrinhos ficam posicionados no
primeiro banco da igreja, para evitar um grande número de pessoas
no altar.

DURANTE A CERIMÔNIA
•

Durante a cerimônia de casamento é feito o juramento. Depois, é
feita a bênção das alianças e os recém-casados assinam o livro e
cumprimentam pais e padrinhos.

AO FINAL DA CERIMÔNIA DE
CASAMENTO
•

No final da cerimônia a ordem de saída é a seguinte: noivos, pais do
noivo, pais da noiva e padrinhos.

CERIMONIAL NA RECEPÇÃO DE
CASAMENTO
•

Chegada dos noivos: depois que os convidados chegaram à
festa, é que os noivos entram no salão de festas. Não há
entrada especial para pais, padrinhos ou pajem e dama. No
entanto, os noivos podem chegar ao som de uma música
especial escolhida por ambos.

•

Cumprimentos: muitos casais preferem que os cumprimentos
sejam realizados logo após chegarem ao salão de recepção.
Eles então vão de mesa em mesa e há registro fotográfico dos
noivos com seus convidados.

•

Outros casais preferem que os cumprimentos sejam feitos
após a valsa, não há problema algum. É questão de escolha
mesmo.

•

Refeição: o jantar é servido, assim como as sobremesas. O
bolo é cortado, os noivos fazem um brinde e podem agradecer
a presença dos convidados. Depois o bolo é distribuído.

•

Valsa: inicialmente, a tradicional valsa é dançada somente
pelos noivos. Em seguida, eles dançam com os pais e
padrinhos. Os noivos convidam os pais para dançar a segunda
música, e depois convidam os padrinhos. Depois, os noivos
chamam os convidados para se juntar a eles e dançar a valsa.
Casais mais modernos optam por elaborar uma coreografia e
dançar para os seus convidados ao invés da tradicional valsa.
•

•

•

•

Buquê: é tradição jogar o buquê, um dos momentos mais
esperados pelas mulheres que ainda não se casaram. A noiva
deve jogar o buquê pouco antes de ir embora, ou pode optar
por dá-lo de presente a uma amiga solteira em especial.
Lembrancinhas: as lembrancinhas que são distribuídas aos
convidados devem ficar em uma mesa à parte, decorada
especialmente para a ocasião. A mesa pode ficar juntamente
com a mesa de café. As lembrancinhas devem ser distribuídas
pelo serviço de cerimonial, que também se encarrega de
oferecer o bolo aos convidados.

CERIMONIAL DE UM CASAMENTO
(EXEMPLO)
O Casamento é algo que mexe com o imaginário das pessoas, principalmente das
mulheres. A cerimônia de casamento é sonhada desde que a moça se entende como
moça e tem como um dos sonhos o casamento. A moça começa vendo os casamentos
dos familiares, amigos, amigas, de famosos e até de príncipes e de princesas. Passa
nas lojas de departamentos e se imagina comprando as coisas para a sua casa… Isso
quando não entra em lojas de noivas e experimentam vestidos, fazem orçamentos
com buffets, fotógrafos… sem ainda estarem namorando!
Os homens, por sua vez, dizem que não ligam para o casamento. Uns até brincam
dizendo que vão dormir até horas antes do casamento. Mas é pura mentira. Os
homens também se imaginam casando e tremem na hora de entrar na Igreja.
Querendo ou não, os primeiros olhares são para ele!
É lógico que a importância que cada um dá para o casamento é diferente. E tem que
ser assim. Tem que juntar a emoção à razão, ou a razão e à emoção. O importante é
que, para ambos, toda a cerimônia aconteça sem nenhum problema. Pois eles estarão
lá na frente, com todos os olhos virados para eles e se alguma der errado…
Por isso é importante a contratação de um bom cerimonial para ajudar a todos: os
noivos, os padrinhos, os convidados, os profissionais que vão trabalhar na cerimônia,
o celebrante… enfim, o cerimonial é LITERALMENTE, uma mão na roda.
Para facilitar as coisas, apresentamos abaixo, algumas dicas para que tudo ocorra
mais ou menos de acordo com as tradições… Mas nada impede que se inove, que se
busque o novo… até o escandaloso é permitido. Afinal, de quem é o casamento
mesmo?
Pois então, você sabia que existem algumas regrinhas que devem ser seguidas na
entrada da igreja, no altar, na saída dos noivos e na recepção?
Aos poucos iremos publicar alguns tipos de cerimônia que conhecemos e seus estilos.
•

CERIMÔNIA MODERNA
Entrada da Igreja
Durante muito tempo, quem primeiro chegava a Igreja era o noivo e sua família, para
recepcionar seus convidados. Este costume já está superado, afinal de contas o noivo
também merece algum mistério. O que geralmente acontece nos dias atuais é algo
muito mais cerimonioso e podemos dizer elegante, onde os convidados são
recepcionados pelos pais, tanto do noivo quanto da noiva, como também por
profissionais designados como cerimonial. O noivo chegará quase no horário da
cerimonia, para dar um certo luxo e também o mistério que antes era reservado só
para a noiva. Como consequência, somente os padrinhos irão vê-lo antes da
cerimônia.

•

Atraso da Noiva
O que também não acontece mais é o atraso excessivo da noiva. Esse atraso que há
tempo atrás era o máximo, hoje em dia estão totalmente fora de moda. Além de
constrangedor, existem algumas Igrejas que cobram taxas adicionais pelo atraso da
noiva. O máximo permitido pela etiqueta e protocolo é de 15 minutos, mais do que
isso seria abusar de seus convidados como também do casamento que vem a seguir.

•

Chegada da Noiva
Outro hábito que adotou-se, é de somente iniciar o cortejo quando a noiva chegar,
pois isso faz com que os padrinhos, pais e o noivo, não fiquem no altar um grande
tempo, diante de olhares diversos. Não existe nada mais constrangedor para o noivo.
Por isso adotou-se esta mudança, trazendo conforto e requinte a cerimonia.
Chegou a noiva, o carro estaciona com distância, e alguém, o motorista ou o pai, vai
até sua esposa ou cerimonial e avisa que está tudo bem, que a cerimonia pode
começar.

Cortejo dos noivos
Forma-se o cortejo de entrada da seguinte forma:
Padrinhos: 1º casal padrinhos da noiva, 2º casal padrinhos do noivo e assim
sucessivamente.
Entram primeiro os padrinhos porque eles são as testemunhas do casamento, logo eles
devem assistir toda a cerimonia.
As mulheres entram pelo lado esquerdo dos homens, para diferenciar da noiva, como
também deverão estar só de mãos dadas com eles. Evita-se que os homens dêem o
braço para as mulheres, pois com este gesto as roupas das mulheres estarão semi –
tampadas pelos ombros masculinos, além de deixar a postura torta.
A ordem de distribuição de entrada dos padrinhos na Igreja deve ser por grau de
importância, da seguinte forma: o primeiro casal da noiva deve ser formado pelos
seus avós, seguidos de irmão, tios, primos e amigos, Como também os casais do noivo.
Isto não quer dizer que os noivos devem convidar estas pessoas e sim, distribuir os
seus padrinhos diante desta hierarquia exposta.
Usa-se muito colocar os padrinhos no primeiro banco da igreja, para evitar que o altar
fique congestionado. Ficando acima no altar somente os noivos, pais, damas e pajens.
Mãe da Noiva e Pai do Noivo: de mãos dadas, posicionam-se no lado esquerdo do
altar.
Noivo e Mãe do noivo: também de mãos dadas, posicionam-se ao lado direito do altar.
Damas e Pajens: eles entram antes, evitando assim que a dama, geralmente uma
menina tão nova entre na Igreja ao som da marcha nupcial. Também deve levar em
consideração que a dama logo na frente da noiva iria tirar todo o glamour da entrada
triunfal da noiva em seu vestido. Não devemos esquecer que a noiva gastou um bom
dinheiro em seu vestido e de repente se a noiva entrar precedida da dama, em suas
filmagens e fotos, iria ficar aparecendo apenas a parte superior de seu vestido.
Se tiver pajem, é ele quem levará as alianças. A posição no altar do pajem e da
dama, é a seguinte:
* a Dama do lado esquerdo do altar e o Pajem do lado direito. Justificativa: a dama se
tiver idade suficiente pode segurar o buquê da noiva quando esta chegar no altar e o
pajem fica do lado direito, ou seja, onde está o noivo, pois está servindo a ele em
carregar as alianças.
Noiva e pai:a noiva é a única mulher a entrar na Igreja pelo lado direito.
Preferencialmente entrar de mão dadas, nunca de braço dados, uma vez que pode
sumir parte de seu vestido diante do ombro de seu pai ou acompanhante.
Curiosidade: A noiva entra à direita e também sai pela direita porque biblicamente
estar à direita quer dizer estar submisso à esta pessoa.
Cortejo religioso de saída: saem os Noivos, damas e pajens, pais da noiva, pais do
noivo, padrinhos.

Recepção
Ao chegar os noivos vão fazer uma sessão de fotos juntamente com os pais,
padrinhos, damas e pajens. evitando assim que estejam mal compostas para as fotos,
se deixarem para mais tarde.
Na entrada do salão Entrada especial somente para pais e noivos. Os padrinhos, dama
e pajens não devem ter entradas especiais. Os pais tem uma música para eles e os
noivos outra música especial. Normalmente a música escolhida pelos noivos deve ser
uma recordação de seu tempo de namoro, como também pode ser um presente da
noiva ao noivo ou um tema especial que ela tenha escolhido como forma de
lembrança à ele.
Os pais se posicionam em frente à mesa dos noivos que é a mesma mesa dos seus
pais. Os noivos posicionam-se atrás do bolo, onde irão cortá-lo, abrindo assim a festa.
Nessa hora, brindam agradecendo e compartilhando com todos este casamento.
Inicia-se então a recepção.

A Valsa
Os noivos jantam, e logo em seguida enquanto é servido o bolo, dançam a valsa:
primeiro os noivos sozinhos, depois com os pais, depois pais e padrinhos. A noiva
dança primeiro com seu esposo. Depois que os padrinhos dançam, os noivos podem
alternar os pares com seus pais, sendo primeiro com os pais da noiva e depois com os
pais do noivo.
Justificativa:
1º- A noiva não dança com seu pai primeiro, porque ele já não é mais responsável por
ela, pois entregou este cuidados ao noivo no altar, diante de todos e com a benção de
Deus. A valsa é um ritual no qual os donos da festa convidam a todos para iniciar o
baile, logo, deve ser entre os noivos a primeira valsa pois eles são os donos da festa.
Analisemos que como já houve o casamento civil e também o religioso, quem passa a
ser a figura masculina responsável da noiva é o noivo.
2º- Os noivos convidam ( através dos músicos ) os pais, como forma hierárquica de
agradecimento à benção desta união, que comemoram com o baile.
3º – Na mesma valsa dos pais, à partir da metade da música, os noivos convidam
( através dos músicos ) os padrinhos, como forma de agradecimento, pois eles
serviram como testemunha desta união.
Sempre o convite para a valsa aos pais e padrinhos deve ser feito pelo músico no
microfone: Ex: … e agora os noivos convidam os pais para a valsa… … e agora os noivos
também convidam os padrinhos para a valsa… ao encerrar esta valsa … e agora os
noivos convidam a todos para a valsa …

Cumprimentos
Depois da valsa os noivos iniciam os cumprimentos. Isto porque conforme o número de
convidados ficaria inviável os noivos cumprimentarem primeiro e dançarem a valsa
depois, pois em media se gasta 1 minuto por cada cumprimento, logo, com 200
convidados seriam no mínimo 2 horas de tempo gasto e os convidados teriam que ficar
esperando para dançar. Então, convencionou-se a valsa primeiro, deixando a noiva à
vontade para fazer seus cumprimentos e demorar o quanto queira com cada pessoa.

O Buquê
O entrega do buquê representa a despedida da noiva. Ela deve jogá-lo pouco antes de
ir embora, ou pode também dá-lo de presente a uma amiga solteira em especial.

Lembrancinhas
As lembranças devem ficar em uma mesa decorada e especial na saída, juntamente
com a mesa de café, como também pode ser distribuído pelo serviço de cerimonial,
juntamente com o bolo. Há quem deixe as lembranças na mesa, juntamente com os
pratos, individualmente.
Os noivos jantam, e logo em seguida enquanto é servido o bolo, dançam a valsa:
primeiro os noivos sozinhos, depois com os pais, depois pais e padrinhos. A noiva
dança primeiro com seu esposo. Depois que os padrinhos dançam, os noivos podem
alternar os pares com seus pais, sendo primeiro com os pais da noiva e depois com os
pais do noivo.
Justificativa:
1º- A noiva não dança com seu pai primeiro, porque ele já não é mais responsável por
ela, pois entregou este cuidados ao noivo no altar, diante de todos e com a benção de
Deus. A valsa é um ritual no qual os donos da festa convidam a todos para iniciar o
baile, logo, deve ser entre os noivos a primeira valsa pois eles são os donos da festa.
Analisemos que como já houve o casamento civil e também o religioso, quem passa a
ser a figura masculina responsável da noiva é o noivo.
2º- Os noivos convidam ( através dos músicos ) os pais, como forma hierárquica de
agradecimento à benção desta união, que comemoram com o baile.
3º – Na mesma valsa dos pais, à partir da metade da música, os noivos convidam
( através dos músicos ) os padrinhos, como forma de agradecimento, pois eles
serviram como testemunha desta união.
Sempre o convite para a valsa aos pais e padrinhos deve ser feito pelo músico no
microfone: Ex: … e agora os noivos convidam os pais para a valsa… … e agora os noivos
também convidam os padrinhos para a valsa… ao encerrar esta valsa … e agora os
noivos convidam a todos para a valsa …

Cumprimentos
Depois da valsa os noivos iniciam os cumprimentos. Isto porque conforme o número de
convidados ficaria inviável os noivos cumprimentarem primeiro e dançarem a valsa
depois, pois em media se gasta 1 minuto por cada cumprimento, logo, com 200
convidados seriam no mínimo 2 horas de tempo gasto e os convidados teriam que ficar
esperando para dançar. Então, convencionou-se a valsa primeiro, deixando a noiva à
vontade para fazer seus cumprimentos e demorar o quanto queira com cada pessoa.

O Buquê
O entrega do buquê representa a despedida da noiva. Ela deve jogá-lo pouco antes de
ir embora, ou pode também dá-lo de presente a uma amiga solteira em especial.

Lembrancinhas
As lembranças devem ficar em uma mesa decorada e especial na saída, juntamente
com a mesa de café, como também pode ser distribuído pelo serviço de cerimonial,
juntamente com o bolo. Há quem deixe as lembranças na mesa, juntamente com os
pratos, individualmente.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Discurso de abertura para festividade de jovens
Discurso de abertura para festividade de jovensDiscurso de abertura para festividade de jovens
Discurso de abertura para festividade de jovensAmor pela EBD
 
A CRISMA Catequese para pais e padrinhos
A CRISMA Catequese para pais e padrinhosA CRISMA Catequese para pais e padrinhos
A CRISMA Catequese para pais e padrinhosCatequista Josivaldo
 
Encontros de catequese
Encontros de catequeseEncontros de catequese
Encontros de catequesesheilajo
 
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.Lucas Licerre
 
Sacramento do matrimônio
Sacramento do matrimônioSacramento do matrimônio
Sacramento do matrimôniofamiliaregsul4
 
Apostila curso-casais-pronta-pdf-free
Apostila curso-casais-pronta-pdf-freeApostila curso-casais-pronta-pdf-free
Apostila curso-casais-pronta-pdf-freeJooAlbertoSoaresdaSi
 
Apresentação as quatro estações do casamento
Apresentação   as quatro estações do casamentoApresentação   as quatro estações do casamento
Apresentação as quatro estações do casamentoDanjaine
 
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2Presentepravoce SOS
 
Teatro Santa Ceia e Lava pés
Teatro Santa Ceia e Lava pés Teatro Santa Ceia e Lava pés
Teatro Santa Ceia e Lava pés Cateclicar
 

Mais procurados (20)

APOSTILA DE PRE CATEQUESE
APOSTILA DE PRE CATEQUESEAPOSTILA DE PRE CATEQUESE
APOSTILA DE PRE CATEQUESE
 
Discurso de abertura para festividade de jovens
Discurso de abertura para festividade de jovensDiscurso de abertura para festividade de jovens
Discurso de abertura para festividade de jovens
 
7 a cerimônia de casamento
7 a cerimônia de casamento7 a cerimônia de casamento
7 a cerimônia de casamento
 
A CRISMA Catequese para pais e padrinhos
A CRISMA Catequese para pais e padrinhosA CRISMA Catequese para pais e padrinhos
A CRISMA Catequese para pais e padrinhos
 
Encontro com os pais - Catequese
Encontro com os pais - CatequeseEncontro com os pais - Catequese
Encontro com os pais - Catequese
 
Encontro de Catequistas
Encontro de Catequistas  Encontro de Catequistas
Encontro de Catequistas
 
Encontros de catequese
Encontros de catequeseEncontros de catequese
Encontros de catequese
 
Casamento caipira
Casamento caipiraCasamento caipira
Casamento caipira
 
Retiro com Crismandos
Retiro com CrismandosRetiro com Crismandos
Retiro com Crismandos
 
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
 
Planejamento Semanal da Catequese
Planejamento Semanal da CatequesePlanejamento Semanal da Catequese
Planejamento Semanal da Catequese
 
Sacramento do matrimônio
Sacramento do matrimônioSacramento do matrimônio
Sacramento do matrimônio
 
Livro missa formatura
Livro missa formaturaLivro missa formatura
Livro missa formatura
 
Apostila curso-casais-pronta-pdf-free
Apostila curso-casais-pronta-pdf-freeApostila curso-casais-pronta-pdf-free
Apostila curso-casais-pronta-pdf-free
 
2015 apostila catequese primeira eucaristia
2015 apostila catequese primeira eucaristia2015 apostila catequese primeira eucaristia
2015 apostila catequese primeira eucaristia
 
Apresentação as quatro estações do casamento
Apresentação   as quatro estações do casamentoApresentação   as quatro estações do casamento
Apresentação as quatro estações do casamento
 
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
 
Teatro Santa Ceia e Lava pés
Teatro Santa Ceia e Lava pés Teatro Santa Ceia e Lava pés
Teatro Santa Ceia e Lava pés
 
Caça ao tesouro
Caça ao tesouroCaça ao tesouro
Caça ao tesouro
 
Palestra para Casais
Palestra para CasaisPalestra para Casais
Palestra para Casais
 

Destaque

Projeto casamento check list
Projeto casamento check listProjeto casamento check list
Projeto casamento check listbyahgyn
 
Plaquinhas de Casamento para imprimir grátis
Plaquinhas de Casamento para imprimir grátis Plaquinhas de Casamento para imprimir grátis
Plaquinhas de Casamento para imprimir grátis Casal Criginski
 
Check list madrinhando - Organizando o casamento
Check list madrinhando - Organizando o casamentoCheck list madrinhando - Organizando o casamento
Check list madrinhando - Organizando o casamentoVitória Scritori
 
Como Organizar o Casamento dos Seus Sonhos
Como Organizar o Casamento dos Seus SonhosComo Organizar o Casamento dos Seus Sonhos
Como Organizar o Casamento dos Seus SonhosCamila Tavares
 
ApresentaçãO Personalte Eventos Casamento
ApresentaçãO Personalte Eventos   CasamentoApresentaçãO Personalte Eventos   Casamento
ApresentaçãO Personalte Eventos Casamentoguesta2967
 
Apresentação Projeto Sentimentos a dois
Apresentação Projeto Sentimentos a doisApresentação Projeto Sentimentos a dois
Apresentação Projeto Sentimentos a doissentimentosadois
 
Plaquinhas Casamento para imprimir
Plaquinhas Casamento para imprimir Plaquinhas Casamento para imprimir
Plaquinhas Casamento para imprimir Casal Criginski
 
Lencinhos para casamento para imprimir
Lencinhos para  casamento para imprimir Lencinhos para  casamento para imprimir
Lencinhos para casamento para imprimir Casal Criginski
 
5.+roteiro+para+o+cerimonial+de+colação+de+grau
5.+roteiro+para+o+cerimonial+de+colação+de+grau5.+roteiro+para+o+cerimonial+de+colação+de+grau
5.+roteiro+para+o+cerimonial+de+colação+de+grauValentin Viana
 

Destaque (11)

Casamentos s.a 11.03
Casamentos s.a 11.03Casamentos s.a 11.03
Casamentos s.a 11.03
 
Projeto casamento check list
Projeto casamento check listProjeto casamento check list
Projeto casamento check list
 
Plaquinhas de Casamento para imprimir grátis
Plaquinhas de Casamento para imprimir grátis Plaquinhas de Casamento para imprimir grátis
Plaquinhas de Casamento para imprimir grátis
 
Check list madrinhando - Organizando o casamento
Check list madrinhando - Organizando o casamentoCheck list madrinhando - Organizando o casamento
Check list madrinhando - Organizando o casamento
 
Como Organizar o Casamento dos Seus Sonhos
Como Organizar o Casamento dos Seus SonhosComo Organizar o Casamento dos Seus Sonhos
Como Organizar o Casamento dos Seus Sonhos
 
ApresentaçãO Personalte Eventos Casamento
ApresentaçãO Personalte Eventos   CasamentoApresentaçãO Personalte Eventos   Casamento
ApresentaçãO Personalte Eventos Casamento
 
Apresentação Projeto Sentimentos a dois
Apresentação Projeto Sentimentos a doisApresentação Projeto Sentimentos a dois
Apresentação Projeto Sentimentos a dois
 
Plaquinhas Casamento para imprimir
Plaquinhas Casamento para imprimir Plaquinhas Casamento para imprimir
Plaquinhas Casamento para imprimir
 
Lencinhos para casamento para imprimir
Lencinhos para  casamento para imprimir Lencinhos para  casamento para imprimir
Lencinhos para casamento para imprimir
 
Apresentacao projeto de casamento
Apresentacao projeto de casamentoApresentacao projeto de casamento
Apresentacao projeto de casamento
 
5.+roteiro+para+o+cerimonial+de+colação+de+grau
5.+roteiro+para+o+cerimonial+de+colação+de+grau5.+roteiro+para+o+cerimonial+de+colação+de+grau
5.+roteiro+para+o+cerimonial+de+colação+de+grau
 

Semelhante a Cerimonial de casamento

Casamento Tradicional REGRAS
Casamento Tradicional REGRASCasamento Tradicional REGRAS
Casamento Tradicional REGRASCibele Menezes
 
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís ChalupaCurso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís ChalupaLuisChalupa
 
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís ChalupaCurso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís ChalupaLuisChalupa
 
grupo musical rio cordas
grupo musical rio cordasgrupo musical rio cordas
grupo musical rio cordasriocordas
 
SpiritoliberO | Presentation
SpiritoliberO | PresentationSpiritoliberO | Presentation
SpiritoliberO | PresentationAndré Corrêa
 
Vingança do Corno
Vingança do CornoVingança do Corno
Vingança do CornoVitor Maciel
 
SpiritoliberO | Presentation
SpiritoliberO | PresentationSpiritoliberO | Presentation
SpiritoliberO | PresentationAndré Corrêa
 
128683951055186290 Casorio Calculator
128683951055186290 Casorio Calculator128683951055186290 Casorio Calculator
128683951055186290 Casorio Calculatorgoogle
 
Comunicação Intercultural - O casamento enquanto instituição e cerimónia em d...
Comunicação Intercultural - O casamento enquanto instituição e cerimónia em d...Comunicação Intercultural - O casamento enquanto instituição e cerimónia em d...
Comunicação Intercultural - O casamento enquanto instituição e cerimónia em d...Laura Matos
 

Semelhante a Cerimonial de casamento (15)

Casamento Tradicional REGRAS
Casamento Tradicional REGRASCasamento Tradicional REGRAS
Casamento Tradicional REGRAS
 
Recurso
RecursoRecurso
Recurso
 
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís ChalupaCurso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
 
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís ChalupaCurso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
Curso de Formação de Formadores, Porto 2015: Alembamento, Luís Chalupa
 
Casamento caipira
Casamento caipiraCasamento caipira
Casamento caipira
 
Casamento caipira
Casamento caipiraCasamento caipira
Casamento caipira
 
grupo musical rio cordas
grupo musical rio cordasgrupo musical rio cordas
grupo musical rio cordas
 
SpiritoliberO | Presentation
SpiritoliberO | PresentationSpiritoliberO | Presentation
SpiritoliberO | Presentation
 
Casamento caipira
Casamento caipiraCasamento caipira
Casamento caipira
 
O CASAMENTO DO ANO!
O CASAMENTO DO ANO!O CASAMENTO DO ANO!
O CASAMENTO DO ANO!
 
Vingança do Corno
Vingança do CornoVingança do Corno
Vingança do Corno
 
O Casamento do Ano
O Casamento do AnoO Casamento do Ano
O Casamento do Ano
 
SpiritoliberO | Presentation
SpiritoliberO | PresentationSpiritoliberO | Presentation
SpiritoliberO | Presentation
 
128683951055186290 Casorio Calculator
128683951055186290 Casorio Calculator128683951055186290 Casorio Calculator
128683951055186290 Casorio Calculator
 
Comunicação Intercultural - O casamento enquanto instituição e cerimónia em d...
Comunicação Intercultural - O casamento enquanto instituição e cerimónia em d...Comunicação Intercultural - O casamento enquanto instituição e cerimónia em d...
Comunicação Intercultural - O casamento enquanto instituição e cerimónia em d...
 

Cerimonial de casamento

  • 1. ENTRADA DOS NOIVOS NA IGREJA • Padrinhos: Os casais de padrinhos são os primeiros a entrar pela nave central da igreja. Primeiro entra o casal de padrinhos da noiva, depois um casal de padrinhos do noivo e assim sucessivamente. A posição do casal é a seguinte: mulher à esquerda do homem. Ambos entram de mãos dadas. Os padrinhos da noiva ficam do lado esquerdo do altar e os padrinhos do noivo do lado direito do altar. • Noivo e sua mãe: Depois que os padrinhos estão posicionados no altar, o noivo entra de braços dados com sua mãe (mulher à esquerda do homem). De mãos dadas, posicionam-se ao lado direito do altar. • Mãe da noiva e pai do noivo: Entram após o noivo (mulher à esquerda do homem). De mãos dadas, posicionam-se no lado esquerdo do altar. • Damas e pajens: Entram antes da noiva (menina à esquerda do menino) ao som de uma música mais suave, ou à frente da noiva ao som da marcha nupcial. O pajem é quem leva as alianças. A dama fica do lado esquerdo do altar enquanto que o pajem fica do lado direito. Motivo: a dama pode segurar o buquê da noiva quando esta chegar ao altar (se não for uma criança). Já o pajem entregará as alianças ao noivo. • Noiva e seu pai: Depois que todos já entraram, as portas da igreja são fechadas. Quando a noiva está pronta para entrar na igreja, ouve-se a música escolhida por ela para sua entrada. Pelo cerimonial, a noiva deve estar de braços ou mãos dadas com seu pai. E diferentemente dos outros casais, a noiva entra do lado direito e seu pai do lado esquerdo. • Quando chegam ao altar, o pai entrega a sua filha ao noivo, que cumprimenta o sogro. O pai da noiva se posiciona ao lado da mãe da noiva. • O noivo aguarda a noiva do lado direito do altar. Depois, a noiva assume o lado esquerdo enquanto que o noivo permanece do lado direito. • A noiva entrega o buquê para sua mãe, madrinha ou dama de honra.
  • 2. NO ALTAR • Além do padre, dos noivos e dos pais dos noivos, os padrinhos e a dama e o pajem ficam no altar. • No entanto, há casos em que os padrinhos ficam posicionados no primeiro banco da igreja, para evitar um grande número de pessoas no altar. DURANTE A CERIMÔNIA • Durante a cerimônia de casamento é feito o juramento. Depois, é feita a bênção das alianças e os recém-casados assinam o livro e cumprimentam pais e padrinhos. AO FINAL DA CERIMÔNIA DE CASAMENTO • No final da cerimônia a ordem de saída é a seguinte: noivos, pais do noivo, pais da noiva e padrinhos. CERIMONIAL NA RECEPÇÃO DE CASAMENTO • Chegada dos noivos: depois que os convidados chegaram à festa, é que os noivos entram no salão de festas. Não há entrada especial para pais, padrinhos ou pajem e dama. No entanto, os noivos podem chegar ao som de uma música especial escolhida por ambos. • Cumprimentos: muitos casais preferem que os cumprimentos sejam realizados logo após chegarem ao salão de recepção. Eles então vão de mesa em mesa e há registro fotográfico dos noivos com seus convidados. • Outros casais preferem que os cumprimentos sejam feitos após a valsa, não há problema algum. É questão de escolha mesmo. • Refeição: o jantar é servido, assim como as sobremesas. O bolo é cortado, os noivos fazem um brinde e podem agradecer a presença dos convidados. Depois o bolo é distribuído. • Valsa: inicialmente, a tradicional valsa é dançada somente pelos noivos. Em seguida, eles dançam com os pais e padrinhos. Os noivos convidam os pais para dançar a segunda música, e depois convidam os padrinhos. Depois, os noivos
  • 3. chamam os convidados para se juntar a eles e dançar a valsa. Casais mais modernos optam por elaborar uma coreografia e dançar para os seus convidados ao invés da tradicional valsa. • • • • Buquê: é tradição jogar o buquê, um dos momentos mais esperados pelas mulheres que ainda não se casaram. A noiva deve jogar o buquê pouco antes de ir embora, ou pode optar por dá-lo de presente a uma amiga solteira em especial. Lembrancinhas: as lembrancinhas que são distribuídas aos convidados devem ficar em uma mesa à parte, decorada especialmente para a ocasião. A mesa pode ficar juntamente com a mesa de café. As lembrancinhas devem ser distribuídas pelo serviço de cerimonial, que também se encarrega de oferecer o bolo aos convidados. CERIMONIAL DE UM CASAMENTO (EXEMPLO) O Casamento é algo que mexe com o imaginário das pessoas, principalmente das mulheres. A cerimônia de casamento é sonhada desde que a moça se entende como moça e tem como um dos sonhos o casamento. A moça começa vendo os casamentos dos familiares, amigos, amigas, de famosos e até de príncipes e de princesas. Passa nas lojas de departamentos e se imagina comprando as coisas para a sua casa… Isso quando não entra em lojas de noivas e experimentam vestidos, fazem orçamentos com buffets, fotógrafos… sem ainda estarem namorando! Os homens, por sua vez, dizem que não ligam para o casamento. Uns até brincam dizendo que vão dormir até horas antes do casamento. Mas é pura mentira. Os homens também se imaginam casando e tremem na hora de entrar na Igreja. Querendo ou não, os primeiros olhares são para ele! É lógico que a importância que cada um dá para o casamento é diferente. E tem que ser assim. Tem que juntar a emoção à razão, ou a razão e à emoção. O importante é que, para ambos, toda a cerimônia aconteça sem nenhum problema. Pois eles estarão lá na frente, com todos os olhos virados para eles e se alguma der errado… Por isso é importante a contratação de um bom cerimonial para ajudar a todos: os noivos, os padrinhos, os convidados, os profissionais que vão trabalhar na cerimônia, o celebrante… enfim, o cerimonial é LITERALMENTE, uma mão na roda. Para facilitar as coisas, apresentamos abaixo, algumas dicas para que tudo ocorra mais ou menos de acordo com as tradições… Mas nada impede que se inove, que se busque o novo… até o escandaloso é permitido. Afinal, de quem é o casamento mesmo? Pois então, você sabia que existem algumas regrinhas que devem ser seguidas na entrada da igreja, no altar, na saída dos noivos e na recepção? Aos poucos iremos publicar alguns tipos de cerimônia que conhecemos e seus estilos.
  • 4. • CERIMÔNIA MODERNA Entrada da Igreja Durante muito tempo, quem primeiro chegava a Igreja era o noivo e sua família, para recepcionar seus convidados. Este costume já está superado, afinal de contas o noivo também merece algum mistério. O que geralmente acontece nos dias atuais é algo muito mais cerimonioso e podemos dizer elegante, onde os convidados são recepcionados pelos pais, tanto do noivo quanto da noiva, como também por profissionais designados como cerimonial. O noivo chegará quase no horário da cerimonia, para dar um certo luxo e também o mistério que antes era reservado só para a noiva. Como consequência, somente os padrinhos irão vê-lo antes da cerimônia. • Atraso da Noiva O que também não acontece mais é o atraso excessivo da noiva. Esse atraso que há tempo atrás era o máximo, hoje em dia estão totalmente fora de moda. Além de constrangedor, existem algumas Igrejas que cobram taxas adicionais pelo atraso da noiva. O máximo permitido pela etiqueta e protocolo é de 15 minutos, mais do que isso seria abusar de seus convidados como também do casamento que vem a seguir. • Chegada da Noiva Outro hábito que adotou-se, é de somente iniciar o cortejo quando a noiva chegar, pois isso faz com que os padrinhos, pais e o noivo, não fiquem no altar um grande tempo, diante de olhares diversos. Não existe nada mais constrangedor para o noivo. Por isso adotou-se esta mudança, trazendo conforto e requinte a cerimonia. Chegou a noiva, o carro estaciona com distância, e alguém, o motorista ou o pai, vai até sua esposa ou cerimonial e avisa que está tudo bem, que a cerimonia pode começar. Cortejo dos noivos Forma-se o cortejo de entrada da seguinte forma: Padrinhos: 1º casal padrinhos da noiva, 2º casal padrinhos do noivo e assim sucessivamente. Entram primeiro os padrinhos porque eles são as testemunhas do casamento, logo eles devem assistir toda a cerimonia. As mulheres entram pelo lado esquerdo dos homens, para diferenciar da noiva, como também deverão estar só de mãos dadas com eles. Evita-se que os homens dêem o braço para as mulheres, pois com este gesto as roupas das mulheres estarão semi – tampadas pelos ombros masculinos, além de deixar a postura torta. A ordem de distribuição de entrada dos padrinhos na Igreja deve ser por grau de importância, da seguinte forma: o primeiro casal da noiva deve ser formado pelos seus avós, seguidos de irmão, tios, primos e amigos, Como também os casais do noivo. Isto não quer dizer que os noivos devem convidar estas pessoas e sim, distribuir os seus padrinhos diante desta hierarquia exposta. Usa-se muito colocar os padrinhos no primeiro banco da igreja, para evitar que o altar fique congestionado. Ficando acima no altar somente os noivos, pais, damas e pajens.
  • 5. Mãe da Noiva e Pai do Noivo: de mãos dadas, posicionam-se no lado esquerdo do altar. Noivo e Mãe do noivo: também de mãos dadas, posicionam-se ao lado direito do altar. Damas e Pajens: eles entram antes, evitando assim que a dama, geralmente uma menina tão nova entre na Igreja ao som da marcha nupcial. Também deve levar em consideração que a dama logo na frente da noiva iria tirar todo o glamour da entrada triunfal da noiva em seu vestido. Não devemos esquecer que a noiva gastou um bom dinheiro em seu vestido e de repente se a noiva entrar precedida da dama, em suas filmagens e fotos, iria ficar aparecendo apenas a parte superior de seu vestido. Se tiver pajem, é ele quem levará as alianças. A posição no altar do pajem e da dama, é a seguinte: * a Dama do lado esquerdo do altar e o Pajem do lado direito. Justificativa: a dama se tiver idade suficiente pode segurar o buquê da noiva quando esta chegar no altar e o pajem fica do lado direito, ou seja, onde está o noivo, pois está servindo a ele em carregar as alianças. Noiva e pai:a noiva é a única mulher a entrar na Igreja pelo lado direito. Preferencialmente entrar de mão dadas, nunca de braço dados, uma vez que pode sumir parte de seu vestido diante do ombro de seu pai ou acompanhante. Curiosidade: A noiva entra à direita e também sai pela direita porque biblicamente estar à direita quer dizer estar submisso à esta pessoa. Cortejo religioso de saída: saem os Noivos, damas e pajens, pais da noiva, pais do noivo, padrinhos. Recepção Ao chegar os noivos vão fazer uma sessão de fotos juntamente com os pais, padrinhos, damas e pajens. evitando assim que estejam mal compostas para as fotos, se deixarem para mais tarde. Na entrada do salão Entrada especial somente para pais e noivos. Os padrinhos, dama e pajens não devem ter entradas especiais. Os pais tem uma música para eles e os noivos outra música especial. Normalmente a música escolhida pelos noivos deve ser uma recordação de seu tempo de namoro, como também pode ser um presente da noiva ao noivo ou um tema especial que ela tenha escolhido como forma de lembrança à ele. Os pais se posicionam em frente à mesa dos noivos que é a mesma mesa dos seus pais. Os noivos posicionam-se atrás do bolo, onde irão cortá-lo, abrindo assim a festa. Nessa hora, brindam agradecendo e compartilhando com todos este casamento. Inicia-se então a recepção. A Valsa
  • 6. Os noivos jantam, e logo em seguida enquanto é servido o bolo, dançam a valsa: primeiro os noivos sozinhos, depois com os pais, depois pais e padrinhos. A noiva dança primeiro com seu esposo. Depois que os padrinhos dançam, os noivos podem alternar os pares com seus pais, sendo primeiro com os pais da noiva e depois com os pais do noivo. Justificativa: 1º- A noiva não dança com seu pai primeiro, porque ele já não é mais responsável por ela, pois entregou este cuidados ao noivo no altar, diante de todos e com a benção de Deus. A valsa é um ritual no qual os donos da festa convidam a todos para iniciar o baile, logo, deve ser entre os noivos a primeira valsa pois eles são os donos da festa. Analisemos que como já houve o casamento civil e também o religioso, quem passa a ser a figura masculina responsável da noiva é o noivo. 2º- Os noivos convidam ( através dos músicos ) os pais, como forma hierárquica de agradecimento à benção desta união, que comemoram com o baile. 3º – Na mesma valsa dos pais, à partir da metade da música, os noivos convidam ( através dos músicos ) os padrinhos, como forma de agradecimento, pois eles serviram como testemunha desta união. Sempre o convite para a valsa aos pais e padrinhos deve ser feito pelo músico no microfone: Ex: … e agora os noivos convidam os pais para a valsa… … e agora os noivos também convidam os padrinhos para a valsa… ao encerrar esta valsa … e agora os noivos convidam a todos para a valsa … Cumprimentos Depois da valsa os noivos iniciam os cumprimentos. Isto porque conforme o número de convidados ficaria inviável os noivos cumprimentarem primeiro e dançarem a valsa depois, pois em media se gasta 1 minuto por cada cumprimento, logo, com 200 convidados seriam no mínimo 2 horas de tempo gasto e os convidados teriam que ficar esperando para dançar. Então, convencionou-se a valsa primeiro, deixando a noiva à vontade para fazer seus cumprimentos e demorar o quanto queira com cada pessoa. O Buquê O entrega do buquê representa a despedida da noiva. Ela deve jogá-lo pouco antes de ir embora, ou pode também dá-lo de presente a uma amiga solteira em especial. Lembrancinhas As lembranças devem ficar em uma mesa decorada e especial na saída, juntamente com a mesa de café, como também pode ser distribuído pelo serviço de cerimonial, juntamente com o bolo. Há quem deixe as lembranças na mesa, juntamente com os pratos, individualmente.
  • 7. Os noivos jantam, e logo em seguida enquanto é servido o bolo, dançam a valsa: primeiro os noivos sozinhos, depois com os pais, depois pais e padrinhos. A noiva dança primeiro com seu esposo. Depois que os padrinhos dançam, os noivos podem alternar os pares com seus pais, sendo primeiro com os pais da noiva e depois com os pais do noivo. Justificativa: 1º- A noiva não dança com seu pai primeiro, porque ele já não é mais responsável por ela, pois entregou este cuidados ao noivo no altar, diante de todos e com a benção de Deus. A valsa é um ritual no qual os donos da festa convidam a todos para iniciar o baile, logo, deve ser entre os noivos a primeira valsa pois eles são os donos da festa. Analisemos que como já houve o casamento civil e também o religioso, quem passa a ser a figura masculina responsável da noiva é o noivo. 2º- Os noivos convidam ( através dos músicos ) os pais, como forma hierárquica de agradecimento à benção desta união, que comemoram com o baile. 3º – Na mesma valsa dos pais, à partir da metade da música, os noivos convidam ( através dos músicos ) os padrinhos, como forma de agradecimento, pois eles serviram como testemunha desta união. Sempre o convite para a valsa aos pais e padrinhos deve ser feito pelo músico no microfone: Ex: … e agora os noivos convidam os pais para a valsa… … e agora os noivos também convidam os padrinhos para a valsa… ao encerrar esta valsa … e agora os noivos convidam a todos para a valsa … Cumprimentos Depois da valsa os noivos iniciam os cumprimentos. Isto porque conforme o número de convidados ficaria inviável os noivos cumprimentarem primeiro e dançarem a valsa depois, pois em media se gasta 1 minuto por cada cumprimento, logo, com 200 convidados seriam no mínimo 2 horas de tempo gasto e os convidados teriam que ficar esperando para dançar. Então, convencionou-se a valsa primeiro, deixando a noiva à vontade para fazer seus cumprimentos e demorar o quanto queira com cada pessoa. O Buquê O entrega do buquê representa a despedida da noiva. Ela deve jogá-lo pouco antes de ir embora, ou pode também dá-lo de presente a uma amiga solteira em especial. Lembrancinhas As lembranças devem ficar em uma mesa decorada e especial na saída, juntamente com a mesa de café, como também pode ser distribuído pelo serviço de cerimonial, juntamente com o bolo. Há quem deixe as lembranças na mesa, juntamente com os pratos, individualmente.