SlideShare uma empresa Scribd logo

Aula gametogênese, fertilização, segmentação

1 de 35
Baixar para ler offline
TEMA DA AULA
      1ª E 2ª SEMANA DO
DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO
OBJETIVOS DA AULA
 Noções de gametogênese;
 Citar os principais hormônios envolvidos na
preparação uterina bem como suas alterações
morfológicas;
 Descrever os principais eventos da 1ª semana do
desenvolvimento embrionário correlacionando com
os achados clínicos;
 Descrever os principais eventos da 2ª semana do
desenvolvimento embrionário com correlacionando
com os achados;
1ª Semana do Desenvolvimento
              Embrionário

 Gametogênese;

 Preparação      uterina:   estrutura   e
  fisiologia;

 Fertilização;

 Implantação do blastocisto;
GAMETOGÊNESE
OVOGÊNESE      ESPERMATOGÊNESE
CORRELAÇÕES CLÍNICAS
   DEFEITOS CONGÊNITOS E ABORTOS ESPONTÂNEOS;
     Fatores cromossômicos e genéticos:
        Anormalidades numéricas
           Trissomia do 21
           Trissomia do 18
           Trissomia do 13
           Síndrome de Klinefelter
           Síndrome de Turner
           Síndrome do triplo X
        Anormalidades estruturais:
           Deleções e mutações
        Técnicas diagnósticas:
           Análise citogenética;
           Hibridização in situ com fluorescência (FISH);
           Análise espectral do cariótipo.

   GAMETAS ANORMAIS
CICLO OVARIANO
Anúncio

Recomendados

Biossegurança na enfermagem
Biossegurança na enfermagemBiossegurança na enfermagem
Biossegurança na enfermagemJuliana Maciel
 
Prevenção e controle de infecções- Tópico 9_Guia curricular da OMS
Prevenção e controle de infecções- Tópico 9_Guia curricular da OMSPrevenção e controle de infecções- Tópico 9_Guia curricular da OMS
Prevenção e controle de infecções- Tópico 9_Guia curricular da OMSProqualis
 
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionários
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionáriosAula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionários
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionáriosMARCIAMP
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Avaliação e tratamento de feridas - CBCENF
Avaliação e tratamento de feridas - CBCENFAvaliação e tratamento de feridas - CBCENF
Avaliação e tratamento de feridas - CBCENFJanaína Lassala
 
EPIs (Equipamento de Proteção Individual)
EPIs (Equipamento de Proteção Individual)EPIs (Equipamento de Proteção Individual)
EPIs (Equipamento de Proteção Individual)PCare Fisioterapia
 
Limpeza e preparo de materiais para esterilização - Central de Material Ester...
Limpeza e preparo de materiais para esterilização - Central de Material Ester...Limpeza e preparo de materiais para esterilização - Central de Material Ester...
Limpeza e preparo de materiais para esterilização - Central de Material Ester...Teresa Oliveira
 
Administração de medicamentos
Administração de medicamentosAdministração de medicamentos
Administração de medicamentosJanaína Lassala
 
Alojamento conjunto e enfermagem
Alojamento conjunto e enfermagemAlojamento conjunto e enfermagem
Alojamento conjunto e enfermagemjusantos_
 
Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH)
 Comissão de  Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) Comissão de  Controle de Infecção Hospitalar (CCIH)
Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH)ivanaferraz
 
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdfAula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdfThiagoCunha93
 
Aula biossegurança
Aula biossegurançaAula biossegurança
Aula biossegurançaRenatbar
 
Paciente em fase terminal
Paciente em fase terminalPaciente em fase terminal
Paciente em fase terminalRodrigo Abreu
 
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005Rodrigo Abreu
 
Doação de Órgãos no Brasil
Doação de Órgãos no BrasilDoação de Órgãos no Brasil
Doação de Órgãos no Brasilsaulonilson
 
Apresentacao anvisa
Apresentacao anvisaApresentacao anvisa
Apresentacao anvisa07082001
 
Slide sobre Prontuario Médico do Paciente
Slide sobre Prontuario Médico do Paciente Slide sobre Prontuario Médico do Paciente
Slide sobre Prontuario Médico do Paciente monalisanogueira
 

Mais procurados (20)

Avaliação e tratamento de feridas - CBCENF
Avaliação e tratamento de feridas - CBCENFAvaliação e tratamento de feridas - CBCENF
Avaliação e tratamento de feridas - CBCENF
 
EPIs (Equipamento de Proteção Individual)
EPIs (Equipamento de Proteção Individual)EPIs (Equipamento de Proteção Individual)
EPIs (Equipamento de Proteção Individual)
 
Limpeza e preparo de materiais para esterilização - Central de Material Ester...
Limpeza e preparo de materiais para esterilização - Central de Material Ester...Limpeza e preparo de materiais para esterilização - Central de Material Ester...
Limpeza e preparo de materiais para esterilização - Central de Material Ester...
 
Administração de medicamentos
Administração de medicamentosAdministração de medicamentos
Administração de medicamentos
 
Aula fraturas
Aula  fraturasAula  fraturas
Aula fraturas
 
Alojamento conjunto e enfermagem
Alojamento conjunto e enfermagemAlojamento conjunto e enfermagem
Alojamento conjunto e enfermagem
 
Aula PCR
Aula PCRAula PCR
Aula PCR
 
Sistema Muscular
Sistema MuscularSistema Muscular
Sistema Muscular
 
Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH)
 Comissão de  Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) Comissão de  Controle de Infecção Hospitalar (CCIH)
Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH)
 
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdfAula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
 
Aula biossegurança
Aula biossegurançaAula biossegurança
Aula biossegurança
 
Queimaduras
QueimadurasQueimaduras
Queimaduras
 
Paciente em fase terminal
Paciente em fase terminalPaciente em fase terminal
Paciente em fase terminal
 
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
 
Doação de Órgãos no Brasil
Doação de Órgãos no BrasilDoação de Órgãos no Brasil
Doação de Órgãos no Brasil
 
Apresentacao anvisa
Apresentacao anvisaApresentacao anvisa
Apresentacao anvisa
 
Slide sobre Prontuario Médico do Paciente
Slide sobre Prontuario Médico do Paciente Slide sobre Prontuario Médico do Paciente
Slide sobre Prontuario Médico do Paciente
 
Saúde do Adulto: enfermagem
Saúde do Adulto: enfermagemSaúde do Adulto: enfermagem
Saúde do Adulto: enfermagem
 
Imobilização
ImobilizaçãoImobilização
Imobilização
 
Introdução à Enfermagem do Trabalho
Introdução à Enfermagem do TrabalhoIntrodução à Enfermagem do Trabalho
Introdução à Enfermagem do Trabalho
 

Destaque

Destaque (20)

Morfo I - Desenvolvimento Embrionário
Morfo I - Desenvolvimento  EmbrionárioMorfo I - Desenvolvimento  Embrionário
Morfo I - Desenvolvimento Embrionário
 
Reino vegetal7ºcd
Reino vegetal7ºcdReino vegetal7ºcd
Reino vegetal7ºcd
 
Aula gametogênese
Aula gametogêneseAula gametogênese
Aula gametogênese
 
Gametogênese
GametogêneseGametogênese
Gametogênese
 
Embriologia 1ª e 2ª semana
Embriologia 1ª e 2ª semanaEmbriologia 1ª e 2ª semana
Embriologia 1ª e 2ª semana
 
Aula de gametogenese
Aula de gametogeneseAula de gametogenese
Aula de gametogenese
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
 
1 ano desenvolvimento embrionário e anexos embrionários
1 ano desenvolvimento embrionário e anexos embrionários1 ano desenvolvimento embrionário e anexos embrionários
1 ano desenvolvimento embrionário e anexos embrionários
 
Ciclo Gestacional
Ciclo GestacionalCiclo Gestacional
Ciclo Gestacional
 
Fecundação e segmentação 2012.1
Fecundação e segmentação 2012.1Fecundação e segmentação 2012.1
Fecundação e segmentação 2012.1
 
Básico de farmacologia
Básico de farmacologiaBásico de farmacologia
Básico de farmacologia
 
1 até 3ª semana do desenvolvimento embrionário aluno
1 até 3ª semana do desenvolvimento embrionário aluno1 até 3ª semana do desenvolvimento embrionário aluno
1 até 3ª semana do desenvolvimento embrionário aluno
 
Farmacologia aula-1
Farmacologia aula-1Farmacologia aula-1
Farmacologia aula-1
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
 
Patologia Bucal - Síndrome de Papillon Lefèvre
Patologia Bucal - Síndrome de Papillon LefèvrePatologia Bucal - Síndrome de Papillon Lefèvre
Patologia Bucal - Síndrome de Papillon Lefèvre
 
Patologia oral
Patologia oralPatologia oral
Patologia oral
 
Espermatogênese
EspermatogêneseEspermatogênese
Espermatogênese
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
 

Semelhante a Aula gametogênese, fertilização, segmentação

4_fecundação_nascimento.pptx
4_fecundação_nascimento.pptx4_fecundação_nascimento.pptx
4_fecundação_nascimento.pptxTeresa Cardoso
 
Reprodução humana
Reprodução humanaReprodução humana
Reprodução humanaanarita2
 
Reprodução Humana
Reprodução HumanaReprodução Humana
Reprodução Humanaanarita2
 
1 e 2 semana de desenvolvimento embrionário
1 e 2 semana de desenvolvimento embrionário1 e 2 semana de desenvolvimento embrionário
1 e 2 semana de desenvolvimento embrionárioFernanda Andrade
 
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEtapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptJulhilson Júnior
 
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEtapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptKassiaAmaral
 
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEtapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptNatliaPacheco9
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
EmbriologiaURCA
 
Etapas do desenvolvimento pré natal2011
Etapas do desenvolvimento pré natal2011Etapas do desenvolvimento pré natal2011
Etapas do desenvolvimento pré natal2011UNISUL
 
Aula 1 - Embrio - 2019.pdf
Aula 1 - Embrio - 2019.pdfAula 1 - Embrio - 2019.pdf
Aula 1 - Embrio - 2019.pdfHelena Flávia
 
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEtapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEmanuelleCardoso11
 
Desenv. embrionário após implantação.docx
Desenv. embrionário após implantação.docxDesenv. embrionário após implantação.docx
Desenv. embrionário após implantação.docxCirleiaGatty
 
Principios do desenvolvimento embrionário
Principios do desenvolvimento embrionárioPrincipios do desenvolvimento embrionário
Principios do desenvolvimento embrionáriobioemanuel
 
Embriologia início
Embriologia inícioEmbriologia início
Embriologia iníciozbrendo
 

Semelhante a Aula gametogênese, fertilização, segmentação (20)

4_fecundação_nascimento.pptx
4_fecundação_nascimento.pptx4_fecundação_nascimento.pptx
4_fecundação_nascimento.pptx
 
Reprodução humana
Reprodução humanaReprodução humana
Reprodução humana
 
Reprodução Humana
Reprodução HumanaReprodução Humana
Reprodução Humana
 
1 e 2 semana de desenvolvimento embrionário
1 e 2 semana de desenvolvimento embrionário1 e 2 semana de desenvolvimento embrionário
1 e 2 semana de desenvolvimento embrionário
 
01 embriologia
01 embriologia01 embriologia
01 embriologia
 
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEtapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
 
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEtapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
 
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEtapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
 
Embrio091107 resumo para 3s2011
Embrio091107 resumo para 3s2011Embrio091107 resumo para 3s2011
Embrio091107 resumo para 3s2011
 
Etapas do desenvolvimento pré natal2011
Etapas do desenvolvimento pré natal2011Etapas do desenvolvimento pré natal2011
Etapas do desenvolvimento pré natal2011
 
Desenvolvimento do embrião
Desenvolvimento do embriãoDesenvolvimento do embrião
Desenvolvimento do embrião
 
Aula 1 - Embrio - 2019.pdf
Aula 1 - Embrio - 2019.pdfAula 1 - Embrio - 2019.pdf
Aula 1 - Embrio - 2019.pdf
 
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.pptEtapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
Etapas do desenvolvimento embrionário humano.ppt
 
Biologia 12ºano
Biologia 12ºanoBiologia 12ºano
Biologia 12ºano
 
Embrio Ia
Embrio IaEmbrio Ia
Embrio Ia
 
Desenv. embrionário após implantação.docx
Desenv. embrionário após implantação.docxDesenv. embrionário após implantação.docx
Desenv. embrionário após implantação.docx
 
Principios do desenvolvimento embrionário
Principios do desenvolvimento embrionárioPrincipios do desenvolvimento embrionário
Principios do desenvolvimento embrionário
 
Embriologia início
Embriologia inícioEmbriologia início
Embriologia início
 
Aula4embriologia 150510143838-lva1-app6892
Aula4embriologia 150510143838-lva1-app6892Aula4embriologia 150510143838-lva1-app6892
Aula4embriologia 150510143838-lva1-app6892
 

Mais de Pedro Lopes

Introduçao biologia celular
Introduçao biologia celularIntroduçao biologia celular
Introduçao biologia celularPedro Lopes
 
Composiçao quimica da celula
Composiçao quimica da celulaComposiçao quimica da celula
Composiçao quimica da celulaPedro Lopes
 
Celular prcariontes e eucariontes
Celular prcariontes e eucariontesCelular prcariontes e eucariontes
Celular prcariontes e eucariontesPedro Lopes
 
Biologia membrana plasmatica
Biologia   membrana plasmaticaBiologia   membrana plasmatica
Biologia membrana plasmaticaPedro Lopes
 
Biologia membrana plamática i
Biologia   membrana plamática iBiologia   membrana plamática i
Biologia membrana plamática iPedro Lopes
 
Biologia membrana plasmática
Biologia    membrana plasmáticaBiologia    membrana plasmática
Biologia membrana plasmáticaPedro Lopes
 
Primeira semana do desenvolvimento embrionário
Primeira semana do desenvolvimento embrionárioPrimeira semana do desenvolvimento embrionário
Primeira semana do desenvolvimento embrionárioPedro Lopes
 
Aula organogênese
Aula organogêneseAula organogênese
Aula organogênesePedro Lopes
 
Aula gastrulação
Aula gastrulaçãoAula gastrulação
Aula gastrulaçãoPedro Lopes
 
A embriologia e suas correlações clínicas
A embriologia e suas correlações clínicasA embriologia e suas correlações clínicas
A embriologia e suas correlações clínicasPedro Lopes
 
Sistemas reprodutores
Sistemas reprodutoresSistemas reprodutores
Sistemas reprodutoresPedro Lopes
 
Introdução ao estudo de embriologia
Introdução ao estudo de embriologiaIntrodução ao estudo de embriologia
Introdução ao estudo de embriologiaPedro Lopes
 
Profa. Socorro Brito - Introdução ao estudo da anatomia
Profa. Socorro Brito - Introdução ao estudo da anatomiaProfa. Socorro Brito - Introdução ao estudo da anatomia
Profa. Socorro Brito - Introdução ao estudo da anatomiaPedro Lopes
 
Profa.Socorro Brito - Sistema esquelético
Profa.Socorro Brito - Sistema esqueléticoProfa.Socorro Brito - Sistema esquelético
Profa.Socorro Brito - Sistema esqueléticoPedro Lopes
 

Mais de Pedro Lopes (16)

Introduçao biologia celular
Introduçao biologia celularIntroduçao biologia celular
Introduçao biologia celular
 
Composiçao quimica da celula
Composiçao quimica da celulaComposiçao quimica da celula
Composiçao quimica da celula
 
Celular prcariontes e eucariontes
Celular prcariontes e eucariontesCelular prcariontes e eucariontes
Celular prcariontes e eucariontes
 
Biologia membrana plasmatica
Biologia   membrana plasmaticaBiologia   membrana plasmatica
Biologia membrana plasmatica
 
Biologia membrana plamática i
Biologia   membrana plamática iBiologia   membrana plamática i
Biologia membrana plamática i
 
Biologia membrana plasmática
Biologia    membrana plasmáticaBiologia    membrana plasmática
Biologia membrana plasmática
 
Nucleo
NucleoNucleo
Nucleo
 
Mitocondria
MitocondriaMitocondria
Mitocondria
 
Primeira semana do desenvolvimento embrionário
Primeira semana do desenvolvimento embrionárioPrimeira semana do desenvolvimento embrionário
Primeira semana do desenvolvimento embrionário
 
Aula organogênese
Aula organogêneseAula organogênese
Aula organogênese
 
Aula gastrulação
Aula gastrulaçãoAula gastrulação
Aula gastrulação
 
A embriologia e suas correlações clínicas
A embriologia e suas correlações clínicasA embriologia e suas correlações clínicas
A embriologia e suas correlações clínicas
 
Sistemas reprodutores
Sistemas reprodutoresSistemas reprodutores
Sistemas reprodutores
 
Introdução ao estudo de embriologia
Introdução ao estudo de embriologiaIntrodução ao estudo de embriologia
Introdução ao estudo de embriologia
 
Profa. Socorro Brito - Introdução ao estudo da anatomia
Profa. Socorro Brito - Introdução ao estudo da anatomiaProfa. Socorro Brito - Introdução ao estudo da anatomia
Profa. Socorro Brito - Introdução ao estudo da anatomia
 
Profa.Socorro Brito - Sistema esquelético
Profa.Socorro Brito - Sistema esqueléticoProfa.Socorro Brito - Sistema esquelético
Profa.Socorro Brito - Sistema esquelético
 

Aula gametogênese, fertilização, segmentação

  • 1. TEMA DA AULA 1ª E 2ª SEMANA DO DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO
  • 2. OBJETIVOS DA AULA  Noções de gametogênese;  Citar os principais hormônios envolvidos na preparação uterina bem como suas alterações morfológicas;  Descrever os principais eventos da 1ª semana do desenvolvimento embrionário correlacionando com os achados clínicos;  Descrever os principais eventos da 2ª semana do desenvolvimento embrionário com correlacionando com os achados;
  • 3. 1ª Semana do Desenvolvimento Embrionário  Gametogênese;  Preparação uterina: estrutura e fisiologia;  Fertilização;  Implantação do blastocisto;
  • 4. GAMETOGÊNESE OVOGÊNESE ESPERMATOGÊNESE
  • 5. CORRELAÇÕES CLÍNICAS  DEFEITOS CONGÊNITOS E ABORTOS ESPONTÂNEOS;  Fatores cromossômicos e genéticos:  Anormalidades numéricas  Trissomia do 21  Trissomia do 18  Trissomia do 13  Síndrome de Klinefelter  Síndrome de Turner  Síndrome do triplo X  Anormalidades estruturais:  Deleções e mutações  Técnicas diagnósticas:  Análise citogenética;  Hibridização in situ com fluorescência (FISH);  Análise espectral do cariótipo.  GAMETAS ANORMAIS
  • 9. ALTERAÇÕES HORMONAIS X ALTERAÇÕES OVARIANAS X ALTERAÇÕES ENDOMETRIAIS
  • 11. CORRELAÇÕES CLÍNICAS  MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS:  A pílula anticoncepcional;  Depo-provera;  A “pílula” masculina;  O dispositivo intra-uterino (DIU);  A droga RU-486 (mifepristona);  A vasectomia e a ligadura tubária;  INFERTILIDADE:  Fertilização in vitro;  Transferência intrafalopiana de gametas;  Transferência intrafalopiana de zigotos;
  • 15. OVULAÇÃO – SINAIZADORES INFLAMATÓRIOS
  • 18. 1ª Semana do Desenvolvimento Embrionário FERTILIZAÇÃO:  Espermatozóides precisam passar por um processo de ativação, conhecido como capacitação;  Após a capacitação, os espermatozóides, mostram-se mais ativados e capazes de penetrar na corona radiata e zona pelúcida que envolvem o ovócito secundário;  A fertilização começa com o contato de um espermatozóide e um ovócito secundário, terminando com a fusão dos núcleos do espermatozóide e do óvulo e a conseqüente mistura dos cromossomos maternos e paternos;
  • 21. 1ª SEMANA DO DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO CLIVAGEM DO ZIGOTO:  A divisão mitótica do zigoto em duas células-filhas chamadas blastômeros, começa poucos dias depois da fertilização.  Por volta do terceiro dia, uma bola sólida de dezesseis ou mais blastômeros está constituída a mórula. Com o aumento do líquido há a separação das células em duas partes:  camada externa: trofoblasto;  grupo de células centrais: massa celular interna e a camada interna - embrioblasto.  No quarto dia os espaços repletos de líquidos fundem-se para formar um único e grande espaço conhecido como cavidade blastocística, o que converte a mórula em um blastocisto.
  • 22. DESENVOLVIMENTO DO ZIGOTO ZIGOTO → BLASTOCISTO
  • 23. 1ª SEMANA DO DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO CLIVAGEM DO ZIGOTO:  No quinto dia a zona pelúcida degenera e desaparece, o blastocisto prende ao epitélio do endométrio em torno do sexto dia, geralmente pelo pólo embrionário. Com o progresso da invasão do trofoblasto este forma duas camadas:  um citotrofoblasto interno (trofoblasto celular);  sinciciotrofoblasto externo - produzem substâncias que invadem o tecido materno, permitindo que blastocisto penetre no endométrio.  Ao final da primeira semana, o blastocisto está superficialmente implantado na camada compacta do endométrio, nutrindo-se do sangue materno e dos tecidos endometriais erudidos.
  • 24. EVENTOS DURANTE A 1ª SEMANA DO DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO
  • 25. 2ª SEMANA DO DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO
  • 26. 2ª Semana do Desenvolvimento Embrionário  Término da implantação do blastocisto;  Formação da cavidade amniótica;  Formação do disco embrionário bilaminar;  Formação do mesoderma extra-embrionário;  Formação do celoma extra-embrionário;  Ocorrência da placa pré-cordal;
  • 27. 2ª Semana do Desenvolvimento Embrionário  O embrioblasto sofre mudanças que permite diferenciar duas porções: o epiblasto e o hipoblasto;  Dessa forma ao fim de nove dias após a fertilização, o blastocisto já se encontra totalmente implantado no endométrio e entre as células do epiblasto surge a cavidade amniótica.  Do hipoblasto origina-se uma camada de células que revestirá a cavidade interna do blastocisto que passará a se chamar cavidade vitelina primitiva. Entre a cavidade e o citotrofoblasto surge o mesoderma extra- embrionário;
  • 28. 2ª Semana do Desenvolvimento Embrionário BLASTOCISTO HUMANO DE 7 DIAS
  • 29. IMPLANTAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO EMBRIÃO BLASTOCISTO BLASTOCISTO HUMANO DE 8 DIAS HUMANO DE 9 DIAS
  • 30. IMPLANTAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO EMBRIÃO BLASTOCISTO HUMANO DE 12 DIAS BLASTOCISTO HUMANO DE 13 DIAS
  • 35. BIBLIOGRAFIA  EMBRIOLOGIA CLÍNICA – MOORE & PERSAUD;  LANGMAN - EMBRIOLOGIA MÉDICA – T.W. SADLER;