O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
ORIENTAÇÃO TÉCNICA
LÍNGUA PORTUGUESA
REVISITANDO O CURRÍCULO
LEITURA E LITERATURA
Olá como vai ????
Eu vou indo. E você tudo bem ????
Chico Buarque
REFLEXÃO INICIAL
• Como numa sala de aula eu posso levar o aluno a
perceber que a literatura faz uso estético da
linguagem...
• Como posso convencer meu aluno de que um texto
é bom e interessante?
• É possível provar para meu aluno o valor da
liter...
• Dramatização e apreciação de filmes
substituem a leitura do texto literário?
• É possível, de vez em quando, o
professor...
Socialização
Martins (1984) diz que a leitura só será compreensível e interessante no momento
em que “preencher uma lacuna em nossa vid...
O professor precisa:
• Buscar a “contemporaneidade” dos textos
antigos
• Saber ler o texto literário, captando a voz
“impl...
video cortado.wmv
INTERVENÇÃO LITERÁRIA
Valsinha de Chico Buarque.wmv
Coração bate de novo no compasso da serenata...
As cenas são centenárias, mas não há quem não sonhe ser a mocinha ou o moc...
Literatura & Currículo
De acordo com o Currículo Oficial de Língua
Portuguesa SEE
“A Literatura é uma manifestação cultura...
REVISITANDO O CURRÍCULO
ANALISANDO AS SITUAÇÕES
DE
APRENDIZAGEM
Orientações:
Após a revisitação da Situação Aprendizagem observe:
Apresenta estudo da Literatura através de textos seja el...
Socialização
Parcerias para os estudos
Literários
• Professor da Sala de Leitura
• Professor de Arte, Geografia, História ,
Filosofia
PREPARAÇÃO
ENEM /VESTIBULARES
Socialização das Boa Práticas
Disparada Jair Rodrigues.mp4
VÍDEO
Orientação Técnica Língua Portuguesa Ensino Médio
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Orientação Técnica Língua Portuguesa Ensino Médio

1.490 visualizações

Publicada em

Orientação Técnica Língua Ensino Médio 26/3

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Orientação Técnica Língua Portuguesa Ensino Médio

  1. 1. ORIENTAÇÃO TÉCNICA LÍNGUA PORTUGUESA REVISITANDO O CURRÍCULO LEITURA E LITERATURA
  2. 2. Olá como vai ???? Eu vou indo. E você tudo bem ???? Chico Buarque
  3. 3. REFLEXÃO INICIAL • Como numa sala de aula eu posso levar o aluno a perceber que a literatura faz uso estético da linguagem? • A literatura é uma coisa “bacana”?
  4. 4. • Como posso convencer meu aluno de que um texto é bom e interessante? • É possível provar para meu aluno o valor da literatura se eu apenas a “uso” como pretexto para outras atividades (moralizar, ensinar gramática, ilustrar fatos históricos)? • Devo ler “com” meus alunos ou “para” meus alunos?
  5. 5. • Dramatização e apreciação de filmes substituem a leitura do texto literário? • É possível, de vez em quando, o professor ler com os alunos pela mera fruição estética do texto, sem precisar “cobrar” resumos, questionários?
  6. 6. Socialização
  7. 7. Martins (1984) diz que a leitura só será compreensível e interessante no momento em que “preencher uma lacuna em nossa vida, vir ao encontro de uma necessidade, de uma vontade de conhecer mais”. Cada leitor vai descobrir o seu melhor jeito de ler e as suas leituras preferidas. De início, precisa entender que “nada é gratuito, nem o prazer”. E depois, para aprimorar os conhecimentos, será preciso que tenha interesse em prosseguir lendo com metas e empenho para atingi-las. Para a autora, “A leitura, mais cedo ou mais tarde, sempre acontece, desde que se queira realmente ler”.
  8. 8. O professor precisa: • Buscar a “contemporaneidade” dos textos antigos • Saber ler o texto literário, captando a voz “implícita” dos personagens ou o ritmo que se juntam ao sentido do texto
  9. 9. video cortado.wmv
  10. 10. INTERVENÇÃO LITERÁRIA Valsinha de Chico Buarque.wmv
  11. 11. Coração bate de novo no compasso da serenata... As cenas são centenárias, mas não há quem não sonhe ser a mocinha ou o mocinho que cruzam olhares no embalo de uma serenata, que tenham nos olhos o reflexo da chama amarelada das velas sobre a mesa de jantar e que, emocionados, molhem o sorriso com lágrimas na entrega da rosa. O comportamento parece ridículo, mas também não há quem não sonhe em ficar sentado horas esperando o telefone tocar para, depois, relembrar palavra por palavra dada do outro lado da linha; escrever frases bregas no cartãozinho mais brega ainda (e achar um exemplo de bom gosto e originalidade); ficar sem fome (ou comer demais); ouvir música (melosa) sem descanso e perder o maior tempo imaginando os passos do outro. Não há quem não queira ser o motivo da “loucura” e da inspiração (mesmo desastrada) para o versinho que vem assinado pelo Chuchu, pelo Fofo ou pela Gatinha – apelidos que fazem o resto do mundo cair na gargalhada e ele(a) se sentir realmente fofo, um chuchu ou uma gatinha. Os últimos românticos ganharam milhões de companheiros. O romantismo sobreviveu a todas as formas de revoluções de comportamento. Ele pode ter emprestado as vestes da modernidade, mas, despido, ainda tem as velhas formas que emocionam todas as gerações. Não há como negar. Não há quem não queira ser o Te do Eu te amo. GUERREIRO, Márcia. O Estado de S. Paulo, 12 jun. 1994.
  12. 12. Literatura & Currículo De acordo com o Currículo Oficial de Língua Portuguesa SEE “A Literatura é uma manifestação cultural. O estudo da Literatura não pode ser reduzido à mera exposição de listas de escolas literárias, autores e suas características”.
  13. 13. REVISITANDO O CURRÍCULO ANALISANDO AS SITUAÇÕES DE APRENDIZAGEM
  14. 14. Orientações: Após a revisitação da Situação Aprendizagem observe: Apresenta estudo da Literatura através de textos seja ela linear ou não? Como? Quais habilidades e competências pertinentes a esses estudos são apresentadas na Situação de Aprendizagem?
  15. 15. Socialização
  16. 16. Parcerias para os estudos Literários • Professor da Sala de Leitura • Professor de Arte, Geografia, História , Filosofia
  17. 17. PREPARAÇÃO ENEM /VESTIBULARES
  18. 18. Socialização das Boa Práticas
  19. 19. Disparada Jair Rodrigues.mp4 VÍDEO

×