Programa de Desenvolvimento e Sustentabilidade - Lan Houses do Rio de Janeiro

486 visualizações

Publicada em

Programa de sustentabilidade apra Lan Houses em comunidades do Rio de Janeiro, implantando o conceito de "lojas de conveniência digital", inserindo os fundamentos de um ciclo de ecologia industrial, via centros de coleta e reuso de resíduos solidos eletro-eletrônicos.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
486
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Programa de Desenvolvimento e Sustentabilidade - Lan Houses do Rio de Janeiro

  1. 1. PROGRAMADESENVOLVIMENTO ESUSTENTABILIDADELAN HOUSES DO RIO DE JANEIRO
  2. 2. OBJETIVO Promover o desenvolvimento estrutural e organizacional das LAN HOUSES, com foco nas comunidades, transformando as mesmas em MPEs formalmente reconhecidas como empresas de prestação de serviços, dentro de um modelo de “LOJA DE CONVENIÊNCIAS DIGITAIS”.
  3. 3. OBJETIVOSESPECÍFICOSApoiar o desenvolvimento de POLOS de LH nas comunidades carentescompostos por entidades formais e/ou cooperativas. (formalização ecooperativismo)apoiar a reestruturação física e layout, implantar processos de gestão,sustentabilidade ambiental, eficiência energética e serviços de suportee manutenção em TI.Implantar nas LH serviços capacitação profissional de EIs, preparandomão de obra especializada para os megaeventos esportivos. (Copa2014 e Olimpíadas 2016)Implantar nos POLOS de LH, Centros de Coleta e Tratamento de LixoEletrônico, modelo no qual as LH seriam gestoras, beneficiárias epostos de coleta
  4. 4. PANORAMAQUANTITATIVOEstima-se que existam no Estado perto de 3.000LAN HOUSESNo Programa de Formalização dos EI executadopelo SEBRAE foram cadastradas cerca de1300unidades.Dentre elas, temos certeza que 1.009 sãoefetivamente LAN HOUSES.
  5. 5. LEGADO E INICIATIVASPARA O SETOROS LEGADOSLegado do Projeto Sebrae-RJ/Riosoft,desenvolvido de 2008 a 2010 com foco naRocinhaLegado do Projeto Centros de Reciclagem (MédioParaíba), desenvolvido pela Riosoft, patrocinadopelo Sebrae-RJ.
  6. 6. LEGADO E INICIATIVASPARA O SETORPROJETOS EM ANDAMENTOProjeto em desenvolvimento pelo Sebrae-RJ nasUPPsProjeto “Sebrae na Copa”
  7. 7. LEGADO E INICIATIVASPARA O SETORAS INICIATIVASSecretaria Municipal de Habitação - Praça do Conhecimento(complexo do Alemão).Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia(Complexo do Alemão).Secretaria Estadual de Meio Ambiente - Fábrica Verde(Complexo do Alemão).Grupo de Pesquisa - UERJ(Projeto Metareciclagem - Complexo da Maré)
  8. 8. QUESTIONAMENTO Como integrar as inúmeras ações desenvolvidas ou em desenvolvimento da economia do Estado, iniciativa privada e Universidades, promovendo sinergia na busca de resultados evitando o desperdício de esforços e recursos?
  9. 9. ARTICULAÇÃO EGOVERNANÇAArticulação e integração dos objetivos, foco einteresse próprios das entidades promotoras dasações.O Sebrae-RJ como instituição capaz de aglutinarestas iniciativas, integrar esforços e recursos queviabilizem o empreendimento.Elementos estruturantes do Programa proposto(vide diagrama)
  10. 10. GOVERNANÇA E PATROCÍNIO SECRETARIAS OUTRAS ENTIDADES/ SEBRAE-RJ MUNICIPAL/ESTADUAL PARCERIASEXECUTORAS UNIDADES INTERNAS ACADEMIA RIOSOFT SEBRAE-RJ (UERJ/UFF/URFJ/PUC)MERCADO OBJETO POLOS DE LAN HOUSES CENTROS DE RECICLAGEM E-LIXO SERVIÇOS À COMUNIDADE CAPACITAÇÃO TÉCNICA CAPACITAÇÃO EIS INCLUSÃO DIGITAL

×