Determinismo Radical

7.967 visualizações

Publicada em

Trabalho de Filosofia - 2014 - 10º B

Publicada em: Internet
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.967
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
27
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Determinismo Radical

  1. 1. DETERMINISMO RADICAL Data: 11/12/2014 Professora: Amélia Cruz Turma: 10ºB Bruna Figueiredo Nº4 Cláudia Maio Nº6 Pedro Cunha Nº 20 Sérgio Alexandre Nº26 Paulo Freitas Nº 31
  2. 2. O QUE É O LIVRE-ARBÍTRIO? • O livre-arbítrio é a capacidade de escolha pela vontade humana entre o bem e o mal, entre o certo e o errado. Defende que a pessoa tem o poder de decidir suas acções e pensamentos segundo seu próprio desejo e crença.
  3. 3. QUESTÕES DO LIVRE-ARBÍTRIO • Mas será que somos realmente livres? • Ou temos controlo sobre aquilo que fazemos? • Porque nos sentimos responsáveis por aquilo que fazemos?
  4. 4. LIVRE – ARBÍTRIO VS DETERMINISMO • O problema do livre-arbítrio versus determinismo surge devido a uma aparente contradição entre duas ideias plausíveis. A primeira é a ideia de que os seres humanos têm liberdade para fazer ou não fazer o que queiram. • Esta é a ideia de que os seres humanos têm vontade livre ― ou livre-arbítrio. A segunda é a ideia (...) de que tudo o que acontece neste universo é causado, ou determinado, por acontecimentos ou circunstâncias anteriores.
  5. 5. LIVRE – ARBÍTRIO VS DETERMINISMO As nossas escolhas são, muitas vezes, condicionadas por factores externos como: • Características genéticas; • Cultura; • Impactos do ambiente; • Entre outros; Resumindo o que fazemos é determinado pela nossa natureza, que não somos nos que a escolhemos.
  6. 6. O QUE SE ENTENDE POR DETERMINISMO RADICAL? • O determinismo é a doutrina segundo a qual tudo o que acontece tem uma causa, todos os fenómenos estão necessariamente ligados uns aos outros por meio de relações causais. Qualquer acontecimento do universo é um efeito provocado por um estado de coisas antecedente, isto é, uma consequência inevitável de causas e de leis da natureza sem as quais não poderia existir. • O determinismo radical não permite a liberdade da vontade, o comportamento é constrangido e predizível. • Tudo está determinado.
  7. 7. PRINCIPIO DO DETERMINISMO RADICAL NAS NOSSAS ESCOLHAS • Quando examinado, o determinismo radical revela basear-se em três princípios: • O princípio do determinismo ― que tudo o que acontece tem uma causa; • O princípio de que se uma acção é determinada, então não é livre (a pessoa não poderia realmente ter escolhido não a fazer); • O princípio de que a pessoa é moralmente responsável apenas por acções livres.
  8. 8. O QUE DEFENDE UM DETERMINISMO RADICAL? • Os deterministas radicais rejeitam o livre-arbítrio e afirmam que tudo no universo é constituído por partículas que obedecem a leis causais invariáveis. As leis naturais que regem o universo não deixam espaço para a liberdade de escolha.
  9. 9. ARGUMENTOS A FAVOR DO DETERMINISMO RADICAL • Tudo é causado ou determinado. • Se tudo tem uma causa, então não há ações livres. • Se não há ações livres, não podemos ser responsabilizados pelas nossas ações. • Considera que, se um acontecimento causa outro, quando o primeiro acontece o segundo tem que acontecer também (existência de cadeias causais). Por exemplo: quando colocamos açúcar no nosso chá sabemos que ele irá ficar doce e quando utilizamos a água para apagar fogo sabemos que irá apagar-se. Isto tudo faz-nos chegar à tese geral de que tudo o que acontece neste universo é causado ou determinado pelo que aconteceu no nosso passado (determinismo universal) e que, portanto, também as nossas ações são causadas por acontecimentos anteriores e pelas leis da Natureza.
  10. 10. FICA A QUESTÃO… SOMOS LIVRES OU DETERMINADOS?
  11. 11. BIBLIOGRAFIA • http://www.filedu.com/hkahanelivre-arbitriodeterminismo.html • http://pt.wikipedia.org/wiki/Livre-arb%C3%ADtrio • Livro de Filosofia do 10º ano, Areal Editores.

×