O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
BIOMA
PAMPA
Arapiraca, Agosto de 2015
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
CAMPUS ARAPIRACA
ECOLOGIA
COMPONENTES
 Edvaldo Santos Ferreira
 Josuel da Silva Santos
 Luanderson Cavalcante Lima
 Paulo Henrique Vieira Araujo
LOCALIZAÇÃO
O Pampas localiza-se entre:
Sul do Brasil (Rio Grande do Sul);
Uruguai;
Nordeste da Argentina.
Área total:
- 7...
LOCALIZAÇÃO
•Reconhecido oficialmente no
Mapa de Biomas do Brasil (IBGE 2004)
CARACTERÍSTICAS
 Vegetação predominantemente herbácea;
 Altura variam de 10 a 50cm;
 A paisagem é homogênea e plana;
 ...
CARACTERÍSTICAS
 Caracterização do bioma Pampa por Região
Fitoecológica agrupada
Região Fitoecológica
Agrupada
Área (Km2)...
RELEVO
O Bioma Pampa é formado por quatro conjuntos
que caracterizam seu relevo:
 Planalto da Campanha;
 Depressão Centr...
CLIMA
 Marcado por um clima subtropical;
 No verão a temperatura chega a 35ºC;
 O inverno é marcado por geadas e neve e...
PRECIPITAÇÕES
 A precipitação média:
• Entre 1200mm a 1600mm anuais;
 As chuvas concentram-se no período de
inverno;
 E...
HIDROGRAFIA
 Na hidrografia destacam-se importantes rios:
 Rio Santa Maria, o Uruguai, o Jacuí e Ibicuí;
 Este dividem-...
HIDROGRAFIA
HIDROGRAFIA
 A Lagoa dos Patos
 A maior laguna do Brasil e a segunda maior de toda
a America do Sul;
 265 km de comprim...
SOLO
o Na região dos pampas o solo é fértil. Por isso, estes campos
são normalmente procurados para desenvolvimento de
ati...
SOLO
DADOS DA FAUNA E FLORA
 Estimativas:
 3.000 espécies de plantas;
 - 450 gramíneas;
 - 150 leguminosas;
 500 espécies ...
FAUNA
 É um dos ecossistemas mais ricos em relação à
biodiversidade de espécies animais, contando com
espécies endêmicas,...
FAUNA
As principais espécies
ameaçadas de extinção:
 Onça-pintada,
 Jaguatirica,
 Mono-carvoeiro,
 Macaco-prego,
 Gua...
FAUNA
ONÇA
PINTADA
VEADO
CAMPEIR
O
TAMANDU
A LOBO
JAGUATIRIC
A
FAUNA
TUCANO
JACUTINGA JACU
MACUCO ARAPONGA
FLORA
As árvores de
maior porte :
 Louro-pardo,
 Cedro,
 Cabreúva,
 Canafístula,
 Bracatinga,
 Unha-de-gato,
 Angic...
FLORA
ANDROPOGO
N
ARISTID
A
PASPALUM PANICU
ERAGROTI
S
FLORA
ANDROPOGO
N
ARISTID
A
PASPALUM PANICU
ERAGROTI
S
CEDRO LOURO-
PARDO
CABREÚV
A
ANGICO
VERMELH
O
ECONOMIA
Tendo 8,8% do PIB nacional, a economia do
Rio Grande do Sul é baseada:
 Na agricultura;
 Na pecuária;
l O setor...
AGRICULTURA
As principais produções agrícolas da região
são:
 Soja;
 Arroz;
 Milho;
 Trigo;
 Uva.
POLICULTURA
MONOCULTURA
SILVICULTURA
IMPACTOS DA
AGROPECUÁRIA
 A agricultura e pecuária, são os principais
responsáveis pelo desmatamento e
degradação desse b...
PECUÁRIA CORTE
PECUÁRIA DE LEITE
PECUÁRIA E FLORESTA
ECOTURISMO
ECOTURISMO
Recarga do Aquífero Guarani no
sistema.
ECOTURISMO
Reservatório de água brasileiro onde também é frequentado pelos
turistas que visitam a região do Aquífero.
FIM
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Slide Bioma Pampa

17.300 visualizações

Publicada em

CARACTERÍSTICAS DO BIOMA PAMPA

Publicada em: Ciências
  • Entre para ver os comentários

Slide Bioma Pampa

  1. 1. BIOMA PAMPA Arapiraca, Agosto de 2015 UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS CAMPUS ARAPIRACA ECOLOGIA
  2. 2. COMPONENTES  Edvaldo Santos Ferreira  Josuel da Silva Santos  Luanderson Cavalcante Lima  Paulo Henrique Vieira Araujo
  3. 3. LOCALIZAÇÃO O Pampas localiza-se entre: Sul do Brasil (Rio Grande do Sul); Uruguai; Nordeste da Argentina. Área total: - 700.000 Km² Área no Brasil: - 63% do RS - 176.000 km2
  4. 4. LOCALIZAÇÃO •Reconhecido oficialmente no Mapa de Biomas do Brasil (IBGE 2004)
  5. 5. CARACTERÍSTICAS  Vegetação predominantemente herbácea;  Altura variam de 10 a 50cm;  A paisagem é homogênea e plana;  Coxilhas;  As florestas dos Campos Sulinos : • Florestas tropicais mesófilas (VEGETAÇÃO DE PORTE MÉDIO A ALTO); • Florestas subtropicais (FLORESTA COM ARAUCÁRIA);
  6. 6. CARACTERÍSTICAS  Caracterização do bioma Pampa por Região Fitoecológica agrupada Região Fitoecológica Agrupada Área (Km2) % Vegetação Nativa Florestal 9.591,05 5,38 Vegetação Nativa Campestre 41.054,61 23,03 Vegetação Nativa – Transição 23.004,08 12,91 Áreas Antrópicas 86.788,70 48,70 Água 17.804,57 9,98 Total 178.243,01 100,00
  7. 7. RELEVO O Bioma Pampa é formado por quatro conjuntos que caracterizam seu relevo:  Planalto da Campanha;  Depressão Central;  Planalto Sul-Rio-Grandense;  Planície Costeira.
  8. 8. CLIMA  Marcado por um clima subtropical;  No verão a temperatura chega a 35ºC;  O inverno é marcado por geadas e neve em algumas regiões;
  9. 9. PRECIPITAÇÕES  A precipitação média: • Entre 1200mm a 1600mm anuais;  As chuvas concentram-se no período de inverno;  E caracteriza-se pelo clima frio e úmido.
  10. 10. HIDROGRAFIA  Na hidrografia destacam-se importantes rios:  Rio Santa Maria, o Uruguai, o Jacuí e Ibicuí;  Este dividem-se em 03 bacias hidrográficas:  A do Uruguai, a do Guaíba e a Litorânea.  Destacam-se também a presença de muitos lagos e lagoas, próximo ao litoral.
  11. 11. HIDROGRAFIA
  12. 12. HIDROGRAFIA  A Lagoa dos Patos  A maior laguna do Brasil e a segunda maior de toda a America do Sul;  265 km de comprimento;  60 km de largura;  Superfície de 10.144 km²
  13. 13. SOLO o Na região dos pampas o solo é fértil. Por isso, estes campos são normalmente procurados para desenvolvimento de atividades agrícolas.; o Ainda mais férteis são as áreas com solo do tipo "terra roxa”; o Em áreas de planalto os solos são também avermelhados, mas não possuem a fertilidade da terra roxa; o Na planície litorânea o solo é bastante arenoso.
  14. 14. SOLO
  15. 15. DADOS DA FAUNA E FLORA  Estimativas:  3.000 espécies de plantas;  - 450 gramíneas;  - 150 leguminosas;  500 espécies de aves;  100 mamíferos.
  16. 16. FAUNA  É um dos ecossistemas mais ricos em relação à biodiversidade de espécies animais, contando com espécies endêmicas, raras, ameaçadas de extinção, espécies migratórias, cinegéticas e de interesse econômico dos campos sulinos.
  17. 17. FAUNA As principais espécies ameaçadas de extinção:  Onça-pintada,  Jaguatirica,  Mono-carvoeiro,  Macaco-prego,  Guariba,  Mico-leão-dourado,  Preguiça-de-coleira,  Caxinguelê,  Tamanduá-bandeira,  Veado campeiro,  Lobo-guará. Entre as aves destacam-se:  Jacu,  Macuco,  Jacutinga,  Tiê-sangue,  Araponga,  Tucanos.
  18. 18. FAUNA ONÇA PINTADA VEADO CAMPEIR O TAMANDU A LOBO JAGUATIRIC A
  19. 19. FAUNA TUCANO JACUTINGA JACU MACUCO ARAPONGA
  20. 20. FLORA As árvores de maior porte :  Louro-pardo,  Cedro,  Cabreúva,  Canafístula,  Bracatinga,  Unha-de-gato,  Angico- vermelho. A vegetação predominante é de gramíneas:  Andropogon,  Aristida,  Paspalum,  Panicum,  Eragrotis.
  21. 21. FLORA ANDROPOGO N ARISTID A PASPALUM PANICU ERAGROTI S
  22. 22. FLORA ANDROPOGO N ARISTID A PASPALUM PANICU ERAGROTI S CEDRO LOURO- PARDO CABREÚV A ANGICO VERMELH O
  23. 23. ECONOMIA Tendo 8,8% do PIB nacional, a economia do Rio Grande do Sul é baseada:  Na agricultura;  Na pecuária; l O setor agropecuário do Rio Grande do Sul é o segundo mais importante do país, contribuindo com 11,8% da agropecuária nacional. O setor participa com 9,9% do Valor Adicionado Bruto estadual. (IBGE, 2009)
  24. 24. AGRICULTURA As principais produções agrícolas da região são:  Soja;  Arroz;  Milho;  Trigo;  Uva.
  25. 25. POLICULTURA
  26. 26. MONOCULTURA
  27. 27. SILVICULTURA
  28. 28. IMPACTOS DA AGROPECUÁRIA  A agricultura e pecuária, são os principais responsáveis pelo desmatamento e degradação desse bioma.  Desaparecimento de espécies nativas;  Arenização do solo;  Invasão de espécies. Desequilíbrio do ecossistema.
  29. 29. PECUÁRIA CORTE
  30. 30. PECUÁRIA DE LEITE
  31. 31. PECUÁRIA E FLORESTA
  32. 32. ECOTURISMO
  33. 33. ECOTURISMO Recarga do Aquífero Guarani no sistema.
  34. 34. ECOTURISMO Reservatório de água brasileiro onde também é frequentado pelos turistas que visitam a região do Aquífero.
  35. 35. FIM

×