SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
11
“PEREGRINAR
É OLHAR PARA
DENTRO DE NÓS”
Armanda Lemos (Doutoranda em Ciências da Comunicação - Universidade do Minho)
Uma Experiência
de Peregrinação Universitária
Todo o ser humano vive em cons-
tante peregrinação e é sob este pris-
ma, profundamente enraizado em
nós mas muitas vezes silenciado no
âmago do nosso ser, que mantemos
viva a esperança de chegarmos mais
além em busca de um sinal de luz e
de esperança.
O caminho de cada um de nós
vai sendo moldado em função das
diferentes experiências de vida e do
contexto em que se realizam. A ex-
periência da Peregrinação Universi-
tária Noturna da Pastoral Universi-
outro, seja pela palavra amiga que le-
vemente soltamos, seja pela amizade
que instantemente criamos. Peregri-
nar não se cinge apenas às respon-
sabilidades do dia-a-dia. Na verdade,
peregrinar é olhar para dentro de
nós e, num instante sopro, termos a
coragem de percorrer trilhos e mais
trilhos ainda que as forças teimem
em falhar ou que as vozes pareçam
querer fazer calar o grito de luta que
clama dentro de nós. Tal como diz o
Papa Francisco “a nossa vida é um
caminho, quando paramos, não va-
mos para a frente”. Por isso, sigamos
todos em frente e trilhemos o nosso
caminho com fé, esperança e luz.
PASTORAL UNIVERSITÁRIA
tária ao São Bento da Porta Aberta
é exemplo disso mesmo. O senƟ-
mento de parƟlha, de amizade, de
carinho, de coragem e de fé, plena-
mente conjugados, mostraram que
somos capazes de ir mais além. As-
sim, movidos por uma força inabalá-
vel capaz de transformar os sonhos
em realidade e superando os medos
e os receios em redor do nosso ser
que nós, ao fim de sete longas horas
de caminhada, aƟngimos o propósi-
to da nossa peregrinação – São Ben-
to da Porta Aberta.
É neste contexto de crescimento
e de peregrinação que senƟmos o
quão importante somos perante o

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Percursos pedestres parques sintra
Percursos pedestres parques sintraPercursos pedestres parques sintra
Percursos pedestres parques sintrasilvartes
 
Alongamento Antes de caminhar
Alongamento Antes de caminharAlongamento Antes de caminhar
Alongamento Antes de caminharPrevenus
 
Caminhos santiago
Caminhos santiagoCaminhos santiago
Caminhos santiagoafonso9677
 
Pedestrianismo sara, vera, adriana
Pedestrianismo   sara, vera, adrianaPedestrianismo   sara, vera, adriana
Pedestrianismo sara, vera, adrianaVera Filipa Silva
 
Guia de Percursos Pedestres no Algarve
Guia de Percursos Pedestres no AlgarveGuia de Percursos Pedestres no Algarve
Guia de Percursos Pedestres no AlgarveSouthern Portugal
 
Trabalho sobre poluição e micróbios 6ºD
Trabalho sobre poluição e micróbios 6ºDTrabalho sobre poluição e micróbios 6ºD
Trabalho sobre poluição e micróbios 6ºDIsabel Ribeiro
 
Adriana Carolina8 A
Adriana Carolina8 AAdriana Carolina8 A
Adriana Carolina8 ATeresa Pombo
 
Curso Para Guia Peregrinos
Curso Para Guia PeregrinosCurso Para Guia Peregrinos
Curso Para Guia PeregrinosMMFCBR
 
turismo religioso
 turismo religioso turismo religioso
turismo religiosoIzah Menezes
 
Empresas de animação turística carina catia nº78 1ºt
Empresas de animação turística carina catia nº78 1ºtEmpresas de animação turística carina catia nº78 1ºt
Empresas de animação turística carina catia nº78 1ºtKaryn XP
 

Destaque (20)

Leiria fátima digital 49
Leiria fátima digital 49Leiria fátima digital 49
Leiria fátima digital 49
 
Caminhadas2014
Caminhadas2014Caminhadas2014
Caminhadas2014
 
Percursos pedestres parques sintra
Percursos pedestres parques sintraPercursos pedestres parques sintra
Percursos pedestres parques sintra
 
O peregrino
O peregrinoO peregrino
O peregrino
 
Santuário de fátima_portugal)
Santuário de fátima_portugal)Santuário de fátima_portugal)
Santuário de fátima_portugal)
 
Salmos e hinos 501
Salmos e hinos 501Salmos e hinos 501
Salmos e hinos 501
 
Alongamento Antes de caminhar
Alongamento Antes de caminharAlongamento Antes de caminhar
Alongamento Antes de caminhar
 
O que é Trekking?
O que é Trekking?O que é Trekking?
O que é Trekking?
 
Caminhos santiago
Caminhos santiagoCaminhos santiago
Caminhos santiago
 
Pedestrianismo sara, vera, adriana
Pedestrianismo   sara, vera, adrianaPedestrianismo   sara, vera, adriana
Pedestrianismo sara, vera, adriana
 
Guia de Percursos Pedestres no Algarve
Guia de Percursos Pedestres no AlgarveGuia de Percursos Pedestres no Algarve
Guia de Percursos Pedestres no Algarve
 
Caminhos De Santiago Completa
Caminhos De  Santiago  CompletaCaminhos De  Santiago  Completa
Caminhos De Santiago Completa
 
Caminho De Santiago
Caminho De SantiagoCaminho De Santiago
Caminho De Santiago
 
Trabalho sobre poluição e micróbios 6ºD
Trabalho sobre poluição e micróbios 6ºDTrabalho sobre poluição e micróbios 6ºD
Trabalho sobre poluição e micróbios 6ºD
 
Adriana Carolina8 A
Adriana Carolina8 AAdriana Carolina8 A
Adriana Carolina8 A
 
Caminhar é preciso
Caminhar é precisoCaminhar é preciso
Caminhar é preciso
 
Caminhada beneficios
Caminhada beneficiosCaminhada beneficios
Caminhada beneficios
 
Curso Para Guia Peregrinos
Curso Para Guia PeregrinosCurso Para Guia Peregrinos
Curso Para Guia Peregrinos
 
turismo religioso
 turismo religioso turismo religioso
turismo religioso
 
Empresas de animação turística carina catia nº78 1ºt
Empresas de animação turística carina catia nº78 1ºtEmpresas de animação turística carina catia nº78 1ºt
Empresas de animação turística carina catia nº78 1ºt
 

Semelhante a REFLEXÃO| “PEREGRINAR É OLHAR PARA DENTRO DE NÓS” | Jornal Voz de Esperança (maio/junho 2014)

24º aniversário da Mocidade Espírita André Luiz
24º aniversário da Mocidade Espírita André Luiz24º aniversário da Mocidade Espírita André Luiz
24º aniversário da Mocidade Espírita André LuizGildineide Marinho
 
Messaggio di Sr. Alaide Deretti - 14 novembre 2016 (portoghese)
Messaggio di Sr. Alaide Deretti - 14 novembre 2016 (portoghese)Messaggio di Sr. Alaide Deretti - 14 novembre 2016 (portoghese)
Messaggio di Sr. Alaide Deretti - 14 novembre 2016 (portoghese)Maike Loes
 
Apostila RETIRO E FORMAÇÃO OFS SUL 2 2016
Apostila RETIRO E FORMAÇÃO OFS SUL 2 2016Apostila RETIRO E FORMAÇÃO OFS SUL 2 2016
Apostila RETIRO E FORMAÇÃO OFS SUL 2 2016jessicabiopires
 
1º Encontro de Formação 2017 JUFRA FLORIPA
1º Encontro de Formação 2017 JUFRA FLORIPA1º Encontro de Formação 2017 JUFRA FLORIPA
1º Encontro de Formação 2017 JUFRA FLORIPAjufrafloripa
 
Um Povo que Produz Frutos
Um Povo que Produz FrutosUm Povo que Produz Frutos
Um Povo que Produz Frutosdianacondeco38
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 87 - Pondera Sempre
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 87 - Pondera SempreSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 87 - Pondera Sempre
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 87 - Pondera SempreRicardo Azevedo
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 20 - A Marcha
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 20 - A MarchaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 20 - A Marcha
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 20 - A MarchaRicardo Azevedo
 
2 Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
2  Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO2  Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
2 Lc 24 Ressentimento Ou GratidãOLeone Orlando
 
Boletim informativo fev2014
Boletim informativo fev2014Boletim informativo fev2014
Boletim informativo fev2014fespiritacrista
 
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos OutrosSérie Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos OutrosRicardo Azevedo
 
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA SAÚDE
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA  SAÚDEMOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA  SAÚDE
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA SAÚDEfeliperodrigomelo
 
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA SAÚDE
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA  SAÚDEMOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA  SAÚDE
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA SAÚDEfeliperodrigomelo
 
A vida de quem faz caminhadas muitas vezes começa com o suave despertar da au...
A vida de quem faz caminhadas muitas vezes começa com o suave despertar da au...A vida de quem faz caminhadas muitas vezes começa com o suave despertar da au...
A vida de quem faz caminhadas muitas vezes começa com o suave despertar da au...feliperodrigomelo
 
12. COMECE - O Jovem e o Movimento Espírita
12. COMECE - O Jovem e o Movimento Espírita12. COMECE - O Jovem e o Movimento Espírita
12. COMECE - O Jovem e o Movimento Espíritacomece
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 17 - Intercessão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 17 - IntercessãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 17 - Intercessão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 17 - IntercessãoRicardo Azevedo
 

Semelhante a REFLEXÃO| “PEREGRINAR É OLHAR PARA DENTRO DE NÓS” | Jornal Voz de Esperança (maio/junho 2014) (20)

24º aniversário da Mocidade Espírita André Luiz
24º aniversário da Mocidade Espírita André Luiz24º aniversário da Mocidade Espírita André Luiz
24º aniversário da Mocidade Espírita André Luiz
 
Lumen fidei
Lumen fideiLumen fidei
Lumen fidei
 
Messaggio di Sr. Alaide Deretti - 14 novembre 2016 (portoghese)
Messaggio di Sr. Alaide Deretti - 14 novembre 2016 (portoghese)Messaggio di Sr. Alaide Deretti - 14 novembre 2016 (portoghese)
Messaggio di Sr. Alaide Deretti - 14 novembre 2016 (portoghese)
 
Apostila RETIRO E FORMAÇÃO OFS SUL 2 2016
Apostila RETIRO E FORMAÇÃO OFS SUL 2 2016Apostila RETIRO E FORMAÇÃO OFS SUL 2 2016
Apostila RETIRO E FORMAÇÃO OFS SUL 2 2016
 
1º Encontro de Formação 2017 JUFRA FLORIPA
1º Encontro de Formação 2017 JUFRA FLORIPA1º Encontro de Formação 2017 JUFRA FLORIPA
1º Encontro de Formação 2017 JUFRA FLORIPA
 
Um Povo que Produz Frutos
Um Povo que Produz FrutosUm Povo que Produz Frutos
Um Povo que Produz Frutos
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 87 - Pondera Sempre
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 87 - Pondera SempreSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 87 - Pondera Sempre
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 87 - Pondera Sempre
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 20 - A Marcha
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 20 - A MarchaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 20 - A Marcha
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 20 - A Marcha
 
2 Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
2  Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO2  Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
2 Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
 
Pedra Por Pedra
 Pedra Por Pedra Pedra Por Pedra
Pedra Por Pedra
 
Tcc versão final nivaldo
Tcc versão final nivaldoTcc versão final nivaldo
Tcc versão final nivaldo
 
Boletim informativo fev2014
Boletim informativo fev2014Boletim informativo fev2014
Boletim informativo fev2014
 
Paróquia em Ação 14
Paróquia em Ação 14Paróquia em Ação 14
Paróquia em Ação 14
 
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos OutrosSérie Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
 
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA SAÚDE
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA  SAÚDEMOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA  SAÚDE
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA SAÚDE
 
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA SAÚDE
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA  SAÚDEMOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA  SAÚDE
MOVIMENTACE É IMPORTANTE É IMPORTANTE PRA NOSSA SAÚDE
 
A vida de quem faz caminhadas muitas vezes começa com o suave despertar da au...
A vida de quem faz caminhadas muitas vezes começa com o suave despertar da au...A vida de quem faz caminhadas muitas vezes começa com o suave despertar da au...
A vida de quem faz caminhadas muitas vezes começa com o suave despertar da au...
 
emoção.pptx
emoção.pptxemoção.pptx
emoção.pptx
 
12. COMECE - O Jovem e o Movimento Espírita
12. COMECE - O Jovem e o Movimento Espírita12. COMECE - O Jovem e o Movimento Espírita
12. COMECE - O Jovem e o Movimento Espírita
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 17 - Intercessão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 17 - IntercessãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 17 - Intercessão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 17 - Intercessão
 

Mais de pastoraluniversitaria

Campanha Nacional contra o Trabalho não Declarado
Campanha Nacional contra o Trabalho não DeclaradoCampanha Nacional contra o Trabalho não Declarado
Campanha Nacional contra o Trabalho não Declaradopastoraluniversitaria
 
Cartaz - Acordes - Festival Intercultural de Música
Cartaz - Acordes - Festival Intercultural de MúsicaCartaz - Acordes - Festival Intercultural de Música
Cartaz - Acordes - Festival Intercultural de Músicapastoraluniversitaria
 
Regulamento (abreviado) Acordes - Festival Intercultural de Música
Regulamento (abreviado) Acordes - Festival Intercultural de MúsicaRegulamento (abreviado) Acordes - Festival Intercultural de Música
Regulamento (abreviado) Acordes - Festival Intercultural de Músicapastoraluniversitaria
 
Regulamento Integral Acordes - Festival Intercultural de Música
Regulamento Integral Acordes - Festival Intercultural de MúsicaRegulamento Integral Acordes - Festival Intercultural de Música
Regulamento Integral Acordes - Festival Intercultural de Músicapastoraluniversitaria
 

Mais de pastoraluniversitaria (9)

Campanha Nacional contra o Trabalho não Declarado
Campanha Nacional contra o Trabalho não DeclaradoCampanha Nacional contra o Trabalho não Declarado
Campanha Nacional contra o Trabalho não Declarado
 
MISSÃO: CABO VERDE!
MISSÃO: CABO VERDE!MISSÃO: CABO VERDE!
MISSÃO: CABO VERDE!
 
Cartaz - Acordes - Festival Intercultural de Música
Cartaz - Acordes - Festival Intercultural de MúsicaCartaz - Acordes - Festival Intercultural de Música
Cartaz - Acordes - Festival Intercultural de Música
 
Regulamento (abreviado) Acordes - Festival Intercultural de Música
Regulamento (abreviado) Acordes - Festival Intercultural de MúsicaRegulamento (abreviado) Acordes - Festival Intercultural de Música
Regulamento (abreviado) Acordes - Festival Intercultural de Música
 
Regulamento Integral Acordes - Festival Intercultural de Música
Regulamento Integral Acordes - Festival Intercultural de MúsicaRegulamento Integral Acordes - Festival Intercultural de Música
Regulamento Integral Acordes - Festival Intercultural de Música
 
Regulamento | Palop Report 2014
Regulamento | Palop Report 2014Regulamento | Palop Report 2014
Regulamento | Palop Report 2014
 
Tertúlia associativismo em Braga
Tertúlia associativismo em BragaTertúlia associativismo em Braga
Tertúlia associativismo em Braga
 
Flyer alunos intercâmbio
Flyer alunos intercâmbioFlyer alunos intercâmbio
Flyer alunos intercâmbio
 
Flyer recepção estudantes
Flyer recepção estudantesFlyer recepção estudantes
Flyer recepção estudantes
 

Último

FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASricardo644666
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguaKelly Mendes
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )Atividades adaptada de matemática (Adição pop )
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )MayaraDaSilvaAssis
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoDados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoVitor Vieira Vasconcelos
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 

Último (20)

FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )Atividades adaptada de matemática (Adição pop )
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoDados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 

REFLEXÃO| “PEREGRINAR É OLHAR PARA DENTRO DE NÓS” | Jornal Voz de Esperança (maio/junho 2014)

  • 1. 11 “PEREGRINAR É OLHAR PARA DENTRO DE NÓS” Armanda Lemos (Doutoranda em Ciências da Comunicação - Universidade do Minho) Uma Experiência de Peregrinação Universitária Todo o ser humano vive em cons- tante peregrinação e é sob este pris- ma, profundamente enraizado em nós mas muitas vezes silenciado no âmago do nosso ser, que mantemos viva a esperança de chegarmos mais além em busca de um sinal de luz e de esperança. O caminho de cada um de nós vai sendo moldado em função das diferentes experiências de vida e do contexto em que se realizam. A ex- periência da Peregrinação Universi- tária Noturna da Pastoral Universi- outro, seja pela palavra amiga que le- vemente soltamos, seja pela amizade que instantemente criamos. Peregri- nar não se cinge apenas às respon- sabilidades do dia-a-dia. Na verdade, peregrinar é olhar para dentro de nós e, num instante sopro, termos a coragem de percorrer trilhos e mais trilhos ainda que as forças teimem em falhar ou que as vozes pareçam querer fazer calar o grito de luta que clama dentro de nós. Tal como diz o Papa Francisco “a nossa vida é um caminho, quando paramos, não va- mos para a frente”. Por isso, sigamos todos em frente e trilhemos o nosso caminho com fé, esperança e luz. PASTORAL UNIVERSITÁRIA tária ao São Bento da Porta Aberta é exemplo disso mesmo. O senƟ- mento de parƟlha, de amizade, de carinho, de coragem e de fé, plena- mente conjugados, mostraram que somos capazes de ir mais além. As- sim, movidos por uma força inabalá- vel capaz de transformar os sonhos em realidade e superando os medos e os receios em redor do nosso ser que nós, ao fim de sete longas horas de caminhada, aƟngimos o propósi- to da nossa peregrinação – São Ben- to da Porta Aberta. É neste contexto de crescimento e de peregrinação que senƟmos o quão importante somos perante o