Fevereiro de 2015Fundado em Janeiro de 1972 - Ano XLIII Nº 515
DEZEMBRO DE2013 NOVOSHORIZONTESPÁGINA02
Missas na Matriz:
Domingos: às 7h, 9h, 18h15 e 20h.
Segunda-feira: Missa da Espera...
FEVEREIRODE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA03
Conversão de São Paulo
Papa nas Filipinas
Assembleia mSC em Juiz de Fora
Jesus é a...
JaneiroDE2014 NOVOSHORIZONTESPÁGINA04FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA04
Nossa paróquia tem uma vasta programação ded...
DEZEMBRO DE2013 NOVOSHORIZONTESPÁGINA05
Em 2015, o tema da Campanha da Fraternidade será "Fraternidade
e a Sociedade", com...
FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA06
SÃO
SEBASTIÃO
O que
aconteceu?
Dia de feriado na Cidade Maravilhosa e nossa comun...
FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA07
TEMPO PAROQUIAL
Durante treze dias uma comitiva arquidiocesana, liderada pelo arc...
DEZembrODE2013 NOVOSHORIZONTESPÁGINA08FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA08
Por: Claudia Moreira
CATECRIANDO
DEZembrODE2013 NOVOSHORIZONTESPÁGINA09FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA09
Seja um patrocinador
Quer divulgar o seu pr...
DIZIMISTAS Aniversariantes dE FEVEREIrO
- DEISE F. DENOZOR
- ESPEDITO B. DA SILVA
- LILIAN DE MOURA FERNANDES
- MARIANA C....
PÁGINA11 NOVOSHORIZONTESDEZembrODE2013FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA11
2ª feira:
ACUPUNTURA: 8h30 às 12h;
DANÇA DE...
PÁGINA12 NOVOSHORIZONTESFEVEREIRODE2015
O que acontecerá?
Estão abertas as inscrições para a Cateque-
se de Adultos, em 20...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal Novos horizontes - fevereiro 2015

795 visualizações

Publicada em

Jornal pertencente a PNSSC - Jornal novos horizontes - edição de fevereiro de 2015

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
795
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
548
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal Novos horizontes - fevereiro 2015

  1. 1. Fevereiro de 2015Fundado em Janeiro de 1972 - Ano XLIII Nº 515
  2. 2. DEZEMBRO DE2013 NOVOSHORIZONTESPÁGINA02 Missas na Matriz: Domingos: às 7h, 9h, 18h15 e 20h. Segunda-feira: Missa da Esperança, às 19h15. Terça-feira: Celebração da Palavra, às 19h15. Quarta-feira: Missa às 19h15 e, após, Terço dos Homens. Quinta e sexta-feira às 19h15 1ª sexta-feira do mês: às 6h45 e às 19h15 EXPEDIENTEPAROQUIALOrientador: Pe. Gilberto Escarati, mSC Redatores: Carlos Silveira, Carolina Belisário, Claudia Moreira, Marli Jordão, Diácono Jatobá, Diácono João Walterfang, Ir. Gislene fdz, Sergio de Queiroz, Virgínia Lopes. Fotografia: Anderson Lucena e Pascom Revisão: Maria Clara Fonseca Editoração e Diagramação: Bruno Tortorella Site: http://paroquianssc. wordpress.com E-mail: paroquianssc@gmail.com Anúncio: Secretaria Paroquial Administração: Rua Barão, 807 Praça Seca - Jacarepaguá- RJ Tel.: (21) 2452-5188 e 2464-1947 Impressão Gráfica: Newstec Tel: (21) 3552-0580 expediente FEVEREIRODE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA02 E stes são o lema e o tema da CF 2015. A CNBB escolheu este tema porque, ao celebrar os cinquenta anos do Concílio Va- ticano II (1962-1965), a Igreja no Brasil quer rever, atualizar e apro- fundar a sua presença e atuação na sociedade brasileira. O seu objetivo geral é: “Aprofun- dar, à luz do Evangelho, o diálogo e a colaboração entre a Igreja e a sociedade, propostos pelo Concílio Vaticano II, como serviço ao povo brasileiro, para a edificação do Rei- no de Deus”. Em resumo, a Igreja do Brasil quer chegar ao cumprimento da or- dem de Jesus, que “veio para servir” (Mc 10, 35-45). Uma Igreja que não esteja a serviço da sociedade é uma Igreja que trai o seu fundador. Eis o que nos disse o Papa Francisco: “O Senhor quer que façamos parte de A palavra Quaresma se origina do número quarenta, que aparece várias vezes na Sagrada Escritura, destacando o sentido de um tem- po para conversão e purificação. No tempo litúrgico da quaresma, a Igreja reflete sobre as práticas que nos levam às mudanças no modo de pensar e agir. A Qua- resma recorda que a nossa vida é passageira e estamos em travessia rumo ao encontro da terra pro- metida. O tempo Quaresmal tem seu início na quarta-feira de cinzas e termina na quinta-feira Santa, antes da Ceia do Senhor. Durante esses quarenta dias, somos con- vidados a um período de peni- tência e meditação, por meio da prática da oração, do jejum e da esmola. Nas celebrações, principalmen- te as dominicais, as leituras bí- blicas, próprias para este tempo, abordam práticas e formas de cada fiel viver melhor sua cami- nhada com e para Deus. Na morte, Jesus deu-nos a vida, no sofrimento da cruz, conquis- tou para nós a plena liberdade dos filhos e filhas de Deus. Vive- mos a dor da morte e da separa- Pe. Daniel Martins, mSC QUARESMA, TEMPO DE TRAVESSIA Editorial ção, mas não será uma dor de- finitiva. Em nós, definitiva será a salvação que vem de Deus. O nosso luto será transformado em sorriso aberto, o nosso cho- ro em canto de festa, pois toda a quaresma culmina na Páscoa. A quaresma é então tempo de olhar internamente aos nossos corações e deixar Deus falar em nossas vidas. É tempo de olhar para o outro e ser capaz de sair- mos de nossos egoísmos e vai- dades. É tempo de resgatarmos o sentido de nossas “travessias e andanças” e nos perguntarmos se estamos nos aproximando ou nos distanciando da terra prometida. Quando buscamos o senti- do da quaresma, lembramos de nossa vida que é passageira, mas com sinais de eternidade. Ressoa em nós a certeza da res- sureição que nos tira do vazio da morte e conforta os nossos corações. Santa Quaresma e boa tra- vessia no tempo litúrgico, na vida de fé e que a meta de toda travessia seja o encontro com Deus, nosso Pai amoroso e aco- lhedor! uma Igreja que sabe abrir os braços para abraçar a todos, que não é a casa de poucos mas de todos, onde todos podem ser renovados, trans- formados e santificados pelo seu amor: os mais fortes e os mais fra- cos, os pecadores, os indiferentes, quantos se sentem desanimados e perdidos” (L’Osservatore Romano/ LOR, n. 2283, p.16). E ainda: “Uma Igreja que se fecha a si mesma e no passado, uma Igreja que só consi- dera as pequenas regras de hábi- tos e de atitudes, é uma Igreja que atraiçoa a sua própria identidade” (LOR 2285/16). A Igreja não quer a sociedade a seus pés, porque, como Jesus, ela existe para servir e não para ser servida (Mc 10,45). Seu objetivo é colocar-se a serviço de vida para todos, é apresentar Jesus como Ca- minho, Verdade e Vida! "Eu vim para servir" Fraternidade: Igreja e Sociedade Acesse também o grupo "Paroquianos da Pnssc" e fique por dentro de tudo da nossa vida de comunidade! Diácono Jatobá * Na página 4 você confere os sete ojetivos da Campanha da Fraternida- de deste ano Curta a Pascom no Facebook Todos os sábados, às18h, Missa no Repouso Santa Maria, Rua Japurá, 555. Secretaria Paroquial:Atendimento de segunda a sexta-feira, de 8h às 20h. Sábados, das 8h às 12h. Inscrição para o Batismo: Atendimento no 1º domingo, às 8h. Confissões e Aconselhamentos: Quinta e sexta-feira, marcando antes na secretaria.
  3. 3. FEVEREIRODE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA03 Conversão de São Paulo Papa nas Filipinas Assembleia mSC em Juiz de Fora Jesus é aquele que, para salvar os outros, entrega sua própria vida. Os homens religiosos esperam um sinal grandioso, sem reconhecer que o grande sinal é a própria entrega de Jesus (Mc.15, 29 – 41). Se não acreditarmos nesse sinal ( o sinal da Cruz), todos os outros sinais não terão nenhum significado . Jesus traído, preso negado, condenado como blasfemo e bandido, torturado, zombado, crucificado, sozinho segundo a Lei é o Messias, a presença salvadora de Deus que trás vida para todos os homens. No exato momento da morte de Jesus, três sinais começam a demonstrar a reviravolta: 1 - A cortina do Santuário se rasgou de alto abaixo... (15,38). A cortina do Templo se rasga; e a ruptura total entre o projeto de Jesus e a estrutura dos projetos deste mundo construídos pelos poderosos e bem-sucedidos. 2 – De fato esse homem era mesmo Filho de Deus (15,39). Essa exclamação do oficial romano marcou uma outra ruptura: Um pagão OEvangelho de Marcos é o primeiro a reconhecer a identidade de Jesus: ele é o filho de Deus. 3 – Aí estavam também algumas mulheres (15,40-41). A solidão de Jesus na cruz e quebrada pela presença das mulheres. Aí é outro sinal de que alguma coisa está para acontecer. Nelas está presente a esperança. Marcos quer nos mostrar que o Evangelho lido está aberto para o futuro, que não há nada de concluído. Somos convidados pelo evangelista a continuar o seguimento de Jesus se quisermos encontrá-lo ressuscitado. Não são as palavras que nos levarão a esse encontro, mas a continuidade do projeto de Jesus é o que o vejamos vivo ressuscitado, cuja Boa Nova do Reino continuará presente através de nossa prática, dando sequência ao que ele fez, pois sua atividade foi um começo que deve prosseguir na história através daqueles que devem ser seus discípulos, até que o reino de deus venha e sua plenitude. O Evangelho de Marcos é para ser lido mais de uma vez. Por isso é importante que depois de lido o Evangelho no contexto daquela época, voltemos de novo ao texto para sermos seguidores de Jesus hoje. Fim! Entre os dias 5 e 9 de janeiro, os Missionários do Sagrado Coração se reuniram em assembleia semestral, na cidade de Juiz de Fora (MG). Nesta última Assembleia ocorreu a troca do Conselho da Província, a Renovação de Votos dos religiosos Alisson, Bruno, Eliezer, Fábio e Magno, além dos Votos Perpétuos de Luiz Deyvis. O momento de encontro foi marcado pela oração e pela reflexão, além da alegria, do bom humor e da con- fraternização entre os sacerdotes. No dia 25 de janeiro, a Igreja celebrou a festa da Conversão de São Paulo Apósto- lo. A comunidade de nossa paróquia que homenageia o santo comemorou, na mes- ma data, os 48 anos de fundação da capela. A solene Eucaristia foi celebrada pelo bispo auxiliar da Arquidiocese do Rio Dom Pedro Cunha, e concelebrada pelo padre Vicente e pelo diácono Jatobá. Parabéns a Comunidade São Paulo Apóstolo! Foto: AFP Foto: mSC Rio Marli Jordão Mais de seis milhões de fiéis participaram da missa que encerrou a visita do Papa Francisco às Filipinas. O número foi recorde em uma visita papal. Missionários do Sagrado Coração em assembleia, na cidade de Juiz de Fora
  4. 4. JaneiroDE2014 NOVOSHORIZONTESPÁGINA04FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA04 Nossa paróquia tem uma vasta programação dedicada ao Sagrado Coração de Jesus: . Antes de ir para o trabalho ou para a escola, participe da Santa Missa às 6h45 da manhã; . Em seguida, adoração comunitária de 7h30 às 8h30 e de 18h às 19h; . Adoração Individual na capela do Santíssimo de 8h30 às 16h; . Santa Missa do Sagrado Coração de Jesus às 19h15. A primeira fase das inscrições nos II Jogos Arquidiocesanos, promovi- do pela Pastoral do Esporte da Ar- quidiocese do Rio, já pode ser realizada aqui pelo site www.pastoraldoesporterio.org.br. Esta etapa consiste no cadastro dos respon- sáveis pelas delegações que representarão as Paróquias. Após essa etapa será enviado um email com o Termo de Adesão aos II Jogos Arqui- diocesanos, onde o pároco ou superior da Instituição Arquidiocesana deverá assinar junto com o Responsável pela Delegação, e depois retornará de forma digitalizada por email à Pastoral do Esporte. A partir de en- tão será liberado uma senha para que o Res- ponsável pela Delegação faça a inscrição dos atletas por modalidade na competição. Os II Jogos Arquidiocesanos acontecerão de maio a setembro deste ano de 2015 e a competição está dividida em duas etapas: Vicarial e Finais Arquidiocesanas. Serão oferecidas na etapa Vicarial as seguintes modalidades: Atletismo (corrida de 100m, corrida de 400m e salto em distância), Fut- sal, Vôlei de Quadra, Vôlei de Praia e Tênis de Mesa. Desta etapa sairão os vencedores para a disputa das Finais Arquidiocesanas que acontecerão de agosto à setembro. Junte seus amigos, forme sua equipe e inscreva-se por sua Paróquia nesta grande competição esportiva que acontecerá em nossa Arquidiocese. CF 2015 Esporte e Fé CurtinhasCrisma Os sete objetivos específicos Pessoas de todas as idades da paróquia podem se inscrever na competição ANUNCIE AQUI 1ª sexta-feira do mês Dia do Sagrado Coração de Jesus 1. Compreender a situação atual da relação entre a Igreja e a socie- dade; 2. Discernir as questões que desafiam a evan- gelização no serviço eclesial à sociedade; 3. Fazer memória do caminho percorrido pela Igreja em diálogo e colaboração com a sociedade, a serviço da vida e do bem do povo brasileiro; 4. Aprofundar a questão da dignidade da pessoa, da integridade da criação e da cultura da paz, em espírito ecumênico e de diálogo in- ter-religioso; 5. Incentivar as pessoas e as comunidades a exerceram seu protagonismo no contexto so- cial em que vivem; 6. Atuar profeticamente, à luz da evangéli- ca opção pelos pobres, para o desenvolvimento integral da pessoa e para a construção de uma sociedade justa e solidária; 7. Identificar os fatores que constroem a paz e o bem comum, para superar as relações desumanas e violentas. Entre em contato com nossa secretaria 2452-5188 Já estão abertas as inscrições para a Crisma Jovem. Se você tem a partir de 15 anos, ou conhece alguém nesta faixa de idade, comece a evangelizar! As inscrições estão sendo realizadas ao final das missas das 9h e 18h15. Você pode saber mais da formação de sacerdotes mSC através do site: www. misacor.org.br De 15 a 17 de fevereiro no colégio Salesiano, no Riachuelo, ocorrerá o Retiro de Carnaval "Rio de Água Viva". A entrada será 1kg de alimento não-perecível. Informações: 2450- 1660 ou 980118115 SEMINÁRIOS DA CONGREGAÇÃO RETIRO DE CARNAVAL
  5. 5. DEZEMBRO DE2013 NOVOSHORIZONTESPÁGINA05 Em 2015, o tema da Campanha da Fraternidade será "Fraternidade e a Sociedade", com o lema, "Eu vim para servir". Como ocorre em todos os anos, nossa paróquia promoverá o curso da Campanha da Fraternidade, que será realizado no dia 28 de fevereiro, entre 8h e 12h. Para saber mais informações convidamos Margareth, do Conselho Missionário Paroquial. Acompanhe! COM A PALAVRA COMUNIDADE FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA05 NH: Qual objetivo desse curso? Margareth Gal- ves: O objetivo é sempre o de envolver a comu- nidade com os temas apresenta- dos, para que possamos identificar, denunciar, reivindicar e promover ações diante da realida- de. Assim, podemos partilhar, em comunida- de, ricos momentos do nosso VER, JULGAR E AGIR. É também uma oportunidade de demonstrar- mos que somos uma comunidade de fé e que precisamos assumir a nossa vocação missionária. NH: Deixe um convite a comunidade. Margareth: Participe do curso da Campanha para que possamos, a partir dele, olhar para dentro de nós, tomar posse da Missão para qual fomos chamados, nos colocando a serviço dos irmãos e anunciando com a nossa Vida o Evan- gelho de Jesus Cristo. Venha entender melhor o tema da CF2015 “Fraternidade: Igreja e Sociedade” e o lema “Eu vim para servir” (cf. Mc 10, 45). Amado Seja por toda a parte, o Sagrado Cora- ção de Jesus Anote na sua agenda! Curso da Campanha da Fraternidade 2015 TEMA: "Fraternidade e a Sociedade" LEMA: "Eu vim para servir" QUANDO? Dia 28 de fevereiro QUE HORAS? De 8h às 12h AONDE? Ceuzinho QUANTO? R$4 Todos são convidados. Participe! A lgumas vezes falamos nesse jornal sobre temperatura, árvores, ocupação do solo e agora, mais uma vez, especialmente sobre água. Estamos repetitivos, mas é necessá- rio, afinal os órgãos responsáveis por garantir esse bem tão precioso a vida humana só tem piorado ainda mais a situação. Precisamos co- brar um estudo mais completo da região com um diagnóstico profundo e, por conseguinte, exigir um planejamento com ações de médio e longo prazo. No mês passado, assistimos a uma reporta- gem em uma emissora de televisão que relatou o problema das enchentes no bairro onde o Rio Tindiba é o personagem. A Praça Seca é um vale (Vale do Marangá) - nome chique, não é? -, como o próprio nome já diz, um lugar geograficamente diferenciado, onde os dois maciços, o da Tijuca e o da Pedra Branca, se encontram e uma grande quantida- de de água desce desses morros e desaguam no Rio Tindiba. A ocupação do bairro desde o século passa- do foi errônea e continua sendo. As casas foram construídas dentro do Rio, as margens não foram preservadas, virando um valão com as casas de costas para o Rio. Tivemos há pouco tempo, na Vila Olímpica no Mato Alto, a oportunidade de tratá-lo da maneira correta como muitos países estão fazendo ao naturalizar seus rios, ou seja, deixar seguir seu curso natural voltando com sua mata ciliar, mas suas margens revestidas de pedra. Em 1950, chegávamos de bonde à Praça Seca e visitávamos as pequenas chácaras onde residiam nossos amigos e familiares; o clima era perfeito para o descanso. Daí a explicação para termos em nosso bairro várias casas de recuperação de idosos, pessoas doentes e etc... Hoje, esses mesmos lotes dão lugar a prédios com mais de 100 unidades, e aquela chácara de ontem tornou-se pedra totalmente cimentada para dar lugar aos automóveis. Aquelas 30 ou 50 árvores que tínhamos no local foram subs- tituídas por um solo impermeável, produzindo milhares de litros d’água e aumentando ainda mais a carga do Rio. Uma das últimas obras de impacto no bairro foi o “BRT”. A região recebeu investimentos do programa "Bairro Maravilha", que só acon- teceu de um lado do bairro, e trouxe mais água para o Tindiba. Todas as “lindas” ruas constru- ídas em paralelepípedos foram arrancadas e substituídas por um material da pior qualidade, o asfalto, aumentando mais ainda a temperatura local, gerando menos água no solo e mais no Rio. Resultado: a nossa bacia local está impermeável. PRAÇA SECA E A ÁGUA Carlos Silveira e Virginia Lopes
  6. 6. FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA06 SÃO SEBASTIÃO O que aconteceu? Dia de feriado na Cidade Maravilhosa e nossa comunidade aproveitou a data para festejar, publicamente, a fé e devoção ao mártir São Sebastião. Pela manhã, diversos fiéis participaram da procissão e, logo depois, da missa. Padre Valentim contou a história do santo e convocou o povo a ser fiel a Deus, como foi Sebastião. O padre lembrou que assim como os santos tiveram atitudes semelhantes às de Jesus, nós também poderemos ter.
  7. 7. FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA07 TEMPO PAROQUIAL Durante treze dias uma comitiva arquidiocesana, liderada pelo arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta, visitou paróquias, capelas, instituições privadas e hospitais com a imagem de São Sebastião. A Trezena do padroeiro da cidade terminou com uma missa celebrada no dia 20 de janeiro, na Catedral Metropolitana. Antes, aproximadamente 100 mil fiéis participaram da procissão que saiu da Tijuca em direção ao Centro do Rio. Fotos: Gustavo Oliveira
  8. 8. DEZembrODE2013 NOVOSHORIZONTESPÁGINA08FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA08 Por: Claudia Moreira CATECRIANDO
  9. 9. DEZembrODE2013 NOVOSHORIZONTESPÁGINA09FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA09 Seja um patrocinador Quer divulgar o seu produto em nosso jornal Novos Horizontes? Então ligue para a secretaria da paróquia: 24525188 Você anuncia e colabora com esta obra de evangelização! Todas as quartas-feiras, das 18:00h às 19:00h, no Sacrário o Terço Vocacional ROGATE - reiniciando dia 7 de janeiro Toda primeira quarta- feira e toda terceira quarta-feira do mês, o MOVIMENTO SERRA DO BRASIL, sala "L", das 19:30min às 21:00h, Movimento Leigo por todas as Vocações, na Paróquia. Reinício no dia 4 de fevereiro. Venha rezar pelas vocações! Sempre escutei dizer que quando o ve- rão é muito quente o inverno é mais frio ainda. Neste verão, como de costume, pas- sei o mês de janeiro inteiro em Saquarema e, curiosamente, pude constatar que mesmo a latitude sendo quase a mesma da cidade do Rio de Janeiro, a diferença climática é brutal. Reparei que em Saquarema durante a noite, algumas pessoas colocavam casacos leves, enquanto pelo Whatsapp eu recebia mensagens daqui do Rio, em que o povo reclamava do calor absurdo. Isso me leva a crer que essa diferença climática é pelo ex- cesso de construções em áreas onde, antes, circulavam ventos vindos do mar e das ser- ras. Hoje, são muitos prédios em áreas que, outrora, eram totalmente arborizadas. Não existe, em nossas cidades, uma política de plantio de árvores para amenizar o calor que aumenta a cada ano. Perdemos na Pra- Crônica do Mês Calor, cada vez mais calor ça Seca árvores centenárias por conta do BRT e não houve reposição. Tínhamos que urbanizar as favelas, es- timular nelas o plantio de árvores, criar em nossas comunidades empregos, como, por exemplo, fábricas de telhas ecológicas para serem colocadas nas lajes. Criar par- ques com lagos alimentados pelas águas das chuvas, aumentar o número de pisci- nas públicas, enfim tudo que possa ameni- zar o clima. Enquanto isso não acontece é sol durante o dia e ar condicionado à noi- te, falta de água nas torneiras, quedas de luz e toma de calor. Dizem que os bons exemplos vêm de casa, poderíamos organizar nosso esta- cionamento na Matriz, plantando árvores entre os carros. Nossas festas seriam ao ar livre, sob as sombras delas. Uma decisão barata, bonita e ecológica. E que venha logo o inverno! terço VOCACIONAL Continue participando da campanha "Tostão pelas Vocações". Mensalmente, todos os pa- roquianos são convidados a depositar R$ 2 na urna que, a cada domingo, fica localizada em algum espaço diferente dentro da Igreja. Além disso, aquele que colaborar, é convocado a rezar uma Ave-Maria pelas Vocações. A campanha é permanente. Participe e ajude os futu- ros sacerdotes Missionários do Sagrado Coração! Sérgio de Queiroz Contribuição Amigo paroquiano, o número de doações para as campanhas do Quilo e do Leite, em nossa paróquia, tem caído. Não esqueça de contribuir, sua doação auxilia aos mais necessitados.
  10. 10. DIZIMISTAS Aniversariantes dE FEVEREIrO - DEISE F. DENOZOR - ESPEDITO B. DA SILVA - LILIAN DE MOURA FERNANDES - MARIANA C. DE ANDRADE - TÂNIA REGINA E. B. DE MELO - CARLOS MANOEL S. DA SILVA - FERNADO JORGE N. GOUVEIA - IRIS M. DE SOUZA - MARIANGELA BRESCIANE S. GONÇALVES - MIRIS M. DE SOUZA - IARA B. NOGUEIRA - MARCELO E SONIA - SUSANE S. M. DE ARAUJO - ELIZABETH DE LIMA MELO - MARIA JOSE M. DE OLIVEIRA - MÔNICA X. DOS SANTOS LEÃO - JOSÉ B. DA SILVA - MARIA SOLANGE S. CORREIA - ÂNGELA S. LOPES - IDALINA COPELO - JOSÉ BOA VENTURA - MARIA DA CONCEIÇÃO D. PORTUGAL - JAVIER EDUARDO O. DURAN - LUIZ PAULO DA CRUZ - ORNELINA L. MAIA - ALZIRA S. LEITE - DORACY A. DE ANDRADE - GILMAR DOS SANTOS - JOANA SUEVO - MARIA ELOISA DOS SANTOS - NILDA M. DA SILVA - CIDALIA DA SILVA HENRIQUES - KATIA DE ALMEIDA S. MAGALHAES - WANDA V. MOTTA - JOSÉ M. DE SOUSA - MARIA DE FATIMAA. DA SILVA - NEUSA S. DO NASCIMENTO - ERIC NASCIMENTO B. DA SILVA -MARIA DA CONCEIÇÃO GARCIA BARRETO PÁGINA10 NOVOSHORIZONTESDEZembrODE2013FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA10 - JOÃO LUIS DOS SANTOS LOURENZO - NEUSILANE D. FERNANDES - VERA LUCIA G. SYLVESTRE - ANA PAULA DE JESUS F. FERNANDES - CLEA R. DE OLIVEIRA - FERNANDAD. S. MELO - FERNANDO HENRIQUES CANCELA - SÔNIA N. DA SILVA - ROSANE L. LAURIA - ADELIA CECILIA L. MACHADO - CLECIUS DE OLIVEIRA - IONE ROSA BEZERRA - JACKSON A. D.ANTAS DE QUEIROZ - JOÃO GABRIEL M. M. GOMES - SUELY D. CORREIA - DULCILEA M. GUIMARAES - JOÃO ALEXANDRE AS SILVAA. CANUTO - ELISAAURORA DOS SANTOS - GERALDO BORGES - CLAUDIO M. FIGUEIREDO - IONE VARELA D. M. RIBEIRO - JOÃO ANANIAS L. WALTERFANG - JOSÉ FRAZÃO DE S. FILHO - JOSEFA DA ROCHA VENTURA - ALZENIRA F. A. ARAUJO - CELIO DA SILVA BARROS - ELIANA JOSE DE OLIVEIRA RESENDE - ZULEIKA DA CUNHA DIAS - CLEIDE DE OLIVEIRA SILVA - HORTÊNCIAA. RODRIGUES - THELMA LUCIA O. ALBERNAZ - MARIA CÂNDIDAANTONIA - CINTIAAPARECIDA P. DA COSTA - MARIA ELIZABERTH H. DE OLIVEIRA SILVA - MARLENE M. SOARES - MAURO RITINS G. VALERIO - ODILEIA G. AFFONSO - DIONE M. DA ROCHA - IVETE MARIA F. BOMILHA - ADRIANA D. D. DO NASCIMENTO - ANDERSON FELIPE N. DUQUE - BERNANDO N. S. DOS SANTOS - MAGDA S. BARRETO - FRANCISCO DE ASSIS F. BRITTES - JOSÉ DA SILVA FILHO - MOACIR S. FRANCISCO - HERALDO B. FRAGA - MARIS STELAA. RODRIGUES - VIRGINIA M. R. DE SOUZA Aceita, Senhor, como meu dízimo, a minha gratidão. Quero ser membro ativo da Igreja. O Senhor me dá tantos dons, a começar pela própria vida. Eu quero devolver em forma de serviço, em forma de oferta. Aceita, Senhor, o meu desejo de participar na missão da Igreja de santificar, de ser anúncio da Boa Nova de Jesus, de transformar o mundo para ser de Deus e de todas as pessoas. Aceita, Senhor, minha oferta, fruto do meu trabalho e sacrifício de cada dia. Não quero me omitir nem dar só uma es- mola. Maria, Mãe de Jesus e nossa, dá a força de perseverar e de animar outras pessoas a ser dizimistas, a comprometer-se efetivamente com o reino de Deus. Amém! “Contribuindo com o dízimo, estamos permitindo que o Corpo de Cristo seja cada vez participado.” (1Cor 12) Oração do Dizimista TERÇO DOS HOMENS Venha rezar com os homens de nossa comunidade, todas as quartas-feiras após a Santa Missa. Homem que reza, família que se liberta. Estão todos convidados. Participe!
  11. 11. PÁGINA11 NOVOSHORIZONTESDEZembrODE2013FEVEREIRO DE2015 NOVOSHORIZONTESPÁGINA11 2ª feira: ACUPUNTURA: 8h30 às 12h; DANÇA DE SALÃO: 14h às 16h; DENTISTA: 9h às 12h; EMPRÉSTIMOS DE UTENSÍLIOS: 9h às 12h; FARMÁCIA: 14h às 16h; FISIOTERAPIA: 14h30 às 17h; PEDIATRA: 14h às 17h. 3ª feira: DANÇA DE SALÃO: 14h às 16h; DENTISTA: 14h às 17h; GINÁSTICA: 9h às 10h30. 4ª feira: GINÁSTICA: 9h às 10h30; DANÇA DE SALÃO: 14h às 16h; 5ª feira: ARTESANATO: 14h às 17h; DENTISTA: 9h às 12h; EMPRÉSTIMOS DE UTENSÍLIOS: 9h às 12h; GINÁSTICA: 9h às 10h30; 6ª feira: EMPRÉSTIMOS DE UTENSÍLIOS: 9h às 12h; FARMÁCIA: 14h às 16h. FISIOTERAPIA: 10h às 13h; PSICÓLOGA COM FLORAIS: 10h às 13h (3ª IDADE); 2º Sábado do Mês: Clínico Geral - 8h às 12h. 2º Domingo do Mês: BAZAR - 8h às 11h. SERVIÇOS Centro Social da Paróquia Nossa Senhora do Sagrado Coração DICA CULTURAl Produzidas em água-forte, buril e ponta-seca, as 79 obras do pintor e gravador holandês Rembrandt estão assim distribuídas: 52 de temas bíblico/ religiosos, abrangendo o Velho e o Novo Testamento, três paisagens, 11 retratos, quatro autorretratos, três nus, três cenas alegóricas e seis gravuras de temas diversos. A exposição, gratuita, estará aberta ao público até 22 de fevereiro. De terça à domingo, das 12h às 19h. • Centro Cultural Correiros, localizado na Rua Visconde de Itaboraí, 20 - Centro. • Classificação livre, entrada gratuita. • Mais informações: 2253-1580 Fonte: Secretaria Municipal de Cultura A arte sacra Mais de mil jovens participaram do encerra- mento do 11º Encontro Nacional da Pastoral da Juventude (ENPJ), realizado na Catedral Metropolitana de Manaus, no último dia 25 de janeiro. O encontro, que este ano teve como tema: ‘No encontro das águas partilhamos a vida, o pão e a Utopia’, teve início no dia 18, em Ma- naus, seguiu uma série de at i v i d a d e s desenvolvida pela coorde- nação geral do encontro da PJ. Foram r e a l i z a d a s diversas ati- vidades espi- rituais, políti- cas e de troca de experiência ao longo de oito dias. Jovens de todo o Brasil participaram do en- contro, sendo 550 delegados participando di- retamente, bem como, mais de 600 jovens de Manaus envolvidos na realização do evento. Dom Sérgio Castinari, arcebispo de Manaus, avaliou o evento como um encontro de muita alegria, mas de muita seriedade também com a apresentação dos temas e problemas. Ele disse ainda que os jovens rezaram muito durante a semana. “O que fica desse encontro é a alegria e a se- riedade da juventude nos temas debatidos, bem JUVENTUDE CATÓLICA REUNIDA EM MANAUS como a convivência. Os jovens que chegaram de outros Estados foram acolhidos por quase 300 famílias em Manaus. Então esses laços de amizades que se criam são fortificados. Houve também a dedicação à espiritualidade, pois sem fé, sem espiritualidade não se vai adiante”, justi- ficou Dom Sérgio. Ele chamou a atenção da sociedade para olhar a juventude como prioridade. Segundo Dom Sérgio, a forma como os jovens são trata- dos pela sociedade mostra que tipo de futuro essa mesma sociedade quer ter. “Se você quiser saber para onde o mundo está cami- nhando, você tem que olhar para a ju- ventude. O Papa João Paulo II chamou a ju- ventude de ‘sentinela do amanhã’. É muito bonito ver jovens que tem sonhos, a pior coisa da juventude, é quando a juventude não sonha mais, não acredita no futuro e perde seu presen- te. A juventude é prioridade”, pontuou. O encontro da juventude é uma forma de ce- lebrar a vida da caminhada da Pastoral da Ju- ventude, que acontece sempre baseada em uma iluminação bíblica e temas que ajudarão os jo- vens a refletir sobre o que já é desenvolvido nos grupos locais. O próximo encontro será realizado em 2018, mas ainda não foi escolhido o Estado que rece- berá o 12º ENPJ. Site Em tempo Foto: Jovens Conectados
  12. 12. PÁGINA12 NOVOSHORIZONTESFEVEREIRODE2015 O que acontecerá? Estão abertas as inscrições para a Cateque- se de Adultos, em 2015. O Catecumenato é uma preparação para que a pessoa possa re- ceber os sacramentos que a Igreja denomia como os de Iniciação Cristã: Batismo, Euca- ristia e Crisma. Os interessados podem pegar sua ficha de inscrição na secretaria paroquial, de 2ª a sá- bado, preenchê-la e devolver lá mesmo. Du- rante o mês de fevereiro, as inscrições po- derão ser feitas também nos intervalos das missas dominicais. CATEQUESE COM ADULTOS PRÉ-VESTIBULAR Dia 7 de fevereiro, sábado, ocorrerá a pri- meira reunião do Conselho Paroquial com os novos padres. O encontro será de 14h às 17h, no salão Sagrado Coração de Jesus. CONSELHO QUARTA-FEIRA DE CINZAS A celebração da Quarta-feira de Cinzas marca o início do Tempo Quaresmal, em preparação a Páscoa do Senhor. Na Matriz, as missas serão às 9h e 19h15. CATEQUESE INFANTIL A partir do dia 25 de fevereiro, quarta-feira. estarão abertas as inscrições para a Catequese Infantil. Os interessados podem realizar a ins- crição das 8h às 10h, no dia 25, das 8h às 11h, no sábado dia 28, e após a missa das 9h, no domingo dia 29. Documentos necessários: • 2 fotos 3x4 da criança; • Xerox do Certificado de Batismo (se a criança já foi batizada); • Xerox da Certidão de Nascimento. No dia 3 de fevereiro, terça-feira, nossa paróquia vai celebrar São Brás, protetor da garganta. A Eucaristia, a ser presidida por pe. Gilberto, ocorrerá às 19h15 e faz parte do projeto "Caminho dos Santos", percorrido por nossa comunidade. Participe! SÃO BRÁS ROMARIA Você já pode garantir vaga na Romaria de Nossa Senhora do Sagrado Coração à Juiz de Fora. A Romaria será no dia 5 de maio. Interessados devem comparecer a secretaria paroquial com cópia da identidade. O pré-vestibular comunitário de nossa paró- quia está com inscrições abertas para a tur- ma de 2015. As inscrições ocorrerão nos dias 21, 22, 28 e 29 de janeiro, das 18h às 21h, na sala do pré-vestibular Ganga Zumba. Docu- mentos necessários: • Documento de identidade com foto (R.G ou Carteira profissional) e cpf; • Certificado de conclusão do Ensino Mé- dio ou declaração de cursando; • Comprovante de renda do candidato e das pessoas que residam na mesma casa; • Última conta de energia elétrica (dezem- bro/2014); • 02 (duas) fotos 3x4; • 1 kg de alimento não perecível como taxa de inscrição; O valor da mensalidade é de R$60. No ato da inscrição, o candidato a vaga fará uma prova de português e matemática que não terá ca- ráter eliminatório. MÃES QUE REZAM PELOS FILHOS A partir do dia 4 de fevereiro, o grupo re- tornará às atividades. Os encontros ocorrem sempre às quartas-feiras, às 20h, no salão térreo da Casa Paroquial. Na última quarta- feira de cada mês, o grupo reza na Capela do Santíssimo. São mães que rezamos em comu- nidade, sob a intercessão da Mãe de Deus e de Santa Mônica, padroeira do grupo, crendo no poder que a nossa oração tem junto a Deus Pai. Venha rezar conosco! Venha participar da Legião de Maria Infanto- Juvenil. O grupo se reúne aos domingos, após a missa das 9h, embaixo da Casa Paroquial. Participe! LEGIÃO DE MARIA

×