Jornal nh dez-2012

446 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
446
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal nh dez-2012

  1. 1. Fundado em Janeiro de 1972 - Ano XL N° 489 Dezembro de 2012 Jovens, dons e talentos Desejamos aos leitores e às Para nós, esperar Fernanda Brito - Grupo Jovem leitoras que façam de seu O Natal é preparar coração uma manjedoura para Lugar acolher a vida. Para a vida... Feliz e Santo Natal! Pe. Fernando, mSC Equipe dos Novos Horizontes A Lição da Manjedoura Lygia Maria 25 de dezembro Esta noite é diferente As estrelas brilham com mais intensidade. Uma aponta para a Luz que se revela: “Eu sou o Rebento da família de Davi, [a brilhante estrela da manhã”. A Vida se faz Simplicidade num estábulo. O feno, a manjedoura e os animais The Voice foi um encontro do Grupo de Jovens baseado na parábola dos São símbolos contráriostalentos, em que nossos jovens foram convidados a refletir sobre seus dons e ao ouro que envaidece,talentos e convocados a colocá-los a serviço do amor, do irmão e da Igreja. Em ao egoísmo que individualiza emeio à preparação para a Jornada Mundial da Juventude -JMJ, o Grupo de ao saber destituído de emoção.Jovens surge com a proposta de ser um encontro; nada de palestras, nada de “Felizes os puros de coração, porqueescalas. Vamos apenas nos reunir para rir, brincar, conversar, reforçar laços de [verão a Deus.”amizade e fortificar nossa fé. Nos reunimos no primeiro e terceiro sábado domês, às 18h. Venha você também! Todo encontro, uma novidade diferente! A Vida se faz Justiça E vem ao mundo para uma lição eterna. A Vida se faz Paz para modificar o comportamento humano. A Vida se faz Amor para legar um mandamento sagrado: “Amem-se uns aos outros, assim como [eu amei vocês.” Será Feliz o Natal Se colocarmos sabor em nossa lida Ofertando um lugar à Vida - lição fenocristal. HOSPEDAGEM DA JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE RIO 2013 “Exercei a hospitalidade uns para com os outros” (1Pd 4, 9) Acolha um peregrino Faça seu cadastro Hospede com amor, com alegriaQuem parte leva saudades. Em janeiro, Pe. Ruaro parte para uma nova missão e Hospede o próprio Cristo!os momentos de despedida já começaram. O primeiro foi na Feira dos Nordestinos, Faça seu cadastro, no final das missas dominicais, na entrada da igreja. Maisem São Cristóvão, onde o nosso querido padre festejou, com amigo(a)s das informações: bruno.novoshorizontes@gmail.comcomunidades, os bonitos anos que esteve conosco.
  2. 2. 2 DEZEMBRO DE 2012 NOVOS HORIZONTES NOV E DITORIAL Ponto de Vista PE. VALENTIM, MSC PE. RUARO, MSC VIGÁRIO PAROQUIAL Natal, Ele segue no meio de nós... O fim é sas para purificar, necessitamos seguir sempre o iní- firmes no processo de conversão, cio de algo, aprofundando cada vez mais o nosso outra etapa. É encontro com Deus e, assim, expres- preciso terminar para começar, chegar sarmos na vivência com o outro, na para sair, nascer para morrer, morrer prática do bem, a nossa experiência de para Ressuscitar. Deus. Vi como essa paróquia assume, A dinâmica da vida é sábia. E nos- no seu agir pastoral, as Diretrizes da sa comunidade já terminou o ano Conferência Nacional dos Bispos do litúrgico, iniciando o Tempo do Ad- Brasil - CNBB e veste a camisa do 11º Advento: Preparação para a vinda do Salvador vento que nos levará ao aconteci- Plano de Pastoral de Conjunto, reali- “Tu vens, Tu vens. Eu já escuto o teu fraternidade, o respeito pelo outro, o amor mento ímpar da história: O nasci- zando com responsabilidade e alegria cantar.” Mais uma vez vamos preparar a que dá a Vida. O Reino de Deus vai acon- mento de um Deus no meio de nós. as metas pastorais. chegada do Menino Deus. É tempo de tecendo quando vamos aprendendo a vi- “O Verbo se fez Carne e habitou no Caminhando neste ano com este povo, novidade, de espera e de chegada. Pare- ver com Jesus e colocando em prática, nas meio de nós” (Jo 1,14). nasce um sentimento de profunda grati- ce que foi ontem, e foi mesmo ontem que nossas relações humanas, tudo aquilo que A diferença, para quem tem fé, é que dão a Deus e a necessidade de dizer-lhe: estávamos preparando esta chegada. Es- Jesus nos ensinou. o Natal chega e permanece. Aquele que valeu a pena o Natal, não foi em vão o peramos, acolhemos, celebramos, cres- Por isso, quem prepara o nascimento nasce, fica no meio de nós. Nos dá a nascimento de Jesus. Por Ele cumpri- cemos juntos com o Menino. Pelo me- de Jesus tem que experimentar o seu nas- salvação, o caminho da Vida, pois para mos o calendário, que foi meio para nos essa é a nossa esperança. Do que nos cimento e crescimento. Se acolhermos aquele que crê, todos os dias, horas e mantê-Lo vivo no meio de nós. E, por serve celebrar a chegada do Salvador se Jesus no nosso meio, precisamos também minutos são dEle e para Ele. que celebramos mais um Natal, temos não entrarmos na dinâmica da salvação? crescer juntos com Ele. Crescer com Je- Nossa Paróquia teve um ano cheio novo calendário para seguir, fazendo o Assim, aqui estamos novamente aber- sus significa amadurecer em nossa fé, da ação de Deus. Eu cheguei no dia 29 “Ele está no meio de nós”. Para come- tos ao crescimento que só o Cristo Jesus abraçar todas as consequências do segui- de janeiro passado, olhando a presen- çar temos o desafio da Novena de Na- pode nos dar. Neste ano fazemos uma mento de Cristo. Assim a nossa fé nos ça dEle no meio desta comunidade. tal, não simplesmente uma data, mas um preparação mais aprofundada, já que so- leva a sermos mais sensíveis às necessi- Ponho-me em Ação de Graças. Quan- tempo fecundo para fazermos a experi- mos chamados a viver o Ano da Fé. So- dades de nossos irmãos, a sermos mais ta vida doada, quanta entrega realiza- ência de discípulos missionários de Je- mos convidados a reencontrar a alegria solidários, justos e fraternos. da em função da realização do Reino. sus. Levando a imagem do Menino de de sermos discípulos missionários de Je- Como todos já estão sabendo, no final O somatório de trabalho de nosso(a)s casa em casa, possamos assumir que Ele sus. É Jesus, o filho amado do Pai, que deste mês de dezembro, deixo de ser o leigos(as) e grupos nos dá o perfil de está no meio de nós. vai nos ensinando como devem viver os Vigário desta Paróquia. Foram 5 anos e uma comunidade paroquial De Coração, que a Celebração do filhos amados do Pai, e nós somos esses 8 meses de vida junto com vocês, nesta evangelizadora que, trazendo limites, Natal concretize a Sua presença no filhos. Viver como Jesus viveu significa área pastoral. Agradeço de coração todo não se paralisam, mas se lançam na fé, meio de nós, num Ano Novo de Fé. entrar na dinâmica da salvação. carinho que pude experimentar aqui. com coragem. Acredito que temos coi- De fato, a salvação trazida por Jesus vai Agradeço, de modo muito especial, às nos ajudando a reencontrar os valores hu- Comunidades da periferia, onde pude manos. Salvar a humanidade significa nos estar mais presente. Continuemos bem Decisões do Conselho Pastoral ensinar a viver como gente. Assim, Jesus unidos ao mesmo Jesus que nasce nova- se faz um no meio de nós e, a partir do mente para alegrar o nosso coração e nos Estudo do Catecismo da Igreja meio, vai ensinando e testemunhando os fazer sentir mais próximos dele. Um até Foi lançada a proposta de mil pessoas estudarem o Catecismo. Haverá, em valores humanos: o perdão, a justiça, a logo, com muito carinho.2013, três momentos de encontro para o Catecismo e o quarto encontro será aRomaria da Fé. Os livrinhos já se encontram na Livraria, no valor de 10 reais.Adquira já o seu. Festa na Comunidade N. S. da Imaculada Conceição Este ano, a imagem do Menino Jesus será entregue somente para os novos Dia 08/12 (sábado): Procissão às 18h, saindo do alto da Rua Gustavo Dória emgrupos de Novena de Natal. Forme um grupo onde você mora. Os livrinhos já direção à Igreja, Missa e festa externa.estão à venda. Dia 09/12 (domingo): Missa, às 8h30, e almoço festivo, às 13h Vão ser convidadas 50 pessoas para o Simpósio do Concílio Vaticano II, em 2013. Ministros ExtraordináriosExpediente - Novos Horizontes da Comunhão EucarísticaOrientador: Pe. Valentim Menezes, mSC Site: http://paroquianssc.wordpress.com “Na Igreja primitiva era costume a distribuiçãoRedatores: Aurenei Walterfang, Bruno Tortorella, E-mail: paroquianssc@gmail.com da Comunhão por leigos a pessoas enfermas eCarlos Silveira, Carolina Belisário, Cerqueira Lima, Anúncio: Secretaria Paroquial idosas. Nos primeiros 900 anos da existência daDiácono Caseira, Diácono Jatobá, Diácono João Administração: Rua Barão, 807 Praça Seca Igreja, esta prática era comum.Walterfang, Ir. Gislene fdz, Lygia Mª Ribeiro, Marli Jacarepaguá - Rio de Janeiro / RJ A decisão de criar os MECE veio do Papa PauloJordão, Paulo Amaro, Rita de Cassia de Mattos, Ser- Tel.: (21) 2452-5188 e 2464-1947gio de Queiroz, Sônia Maços e Virgínia Lopes VI, através da Instrução “FIDEI CUSTOS” de 30 Impressão Gráfica: ZM Notícias - R. Prof.Revisão: Rita de Cássia de Mattos Heleno Claudio Fragoso, 529 - Nova Iguaçu de abril de 1969.”Editoração: Lygia Maria - RJ - Tel: (21) 2669-1515 Maria CândidaDiagramação: Ricardo Jorge (021)8896-8919 Novos Horizontes, Ano I - Dezembro - Nº 12
  3. 3. NOVOS HORIZONTESNOV DEZEMBRO DE 2012 365432109876543216543210987654321 COM A PALAVRA A COMUNIDADE6543210987654321654321098765432165432109876543216543210987654321 ACONTECENDO NA PARÓQUIA O projeto de Lei das Cotas para o acesso às Universidades Públicas, sancionado pela Presidente Dilma PROGRAMAÇÃO DE NATAL ERousseff, tem provocado diferentes pontos de vista. Este mês, o paroquiano Délio Martins apresenta-nos a ANO NOVO NA MATRIZsua posição em relação a tão significativa questão. Vale a pena conferir! Dia 19/12 (quarta-feira): Celebração Um novo olhar sobre as Cotas - Délio Martins (*) - MESC Comunitária da Penitência, às 15h A população negra brasileira, segundo o senso do IBGE de 2010, é equivalente a Dia 20/12 (quinta-feira): Mutirão de Confissões, 51,3% da população do Brasil, sendo, portanto, maioria, e a segunda maior população às 19h. Não haverá a celebração da Santa Missa negra do planeta. Contudo, os negros e negras apresentam-se em condições desfavo- Dia 21/12 (sexta-feira): Celebração Comunitá- ráveis, fatos que revelam as marcas das desigualdades presentes na sociedade brasi- ria da Penitência, às 20h, após a Santa Missa leira. A herança maldita da escravidão e do racismo cravado na sociedade há mais de Dia 22/12 (sábado): Missa de encerramento da 122 anos, pós-abolição. novena de Natal, às 19h15. No cenário internacional, o nosso quadro de exclusão racial no ensino superior é Dia 24/12 (segunda-feira): Missa de Natal, às um dos mais extremos do mundo. Não é demais lembrar que, na época do apartheid, 18h e às 20h15. os negros da África do Sul tinham mais escolaridade que os negros no Brasil, no ano 2000; a porcentagem de professores negros nas universidades sul-africanas, ainda na Dia 25/12 (terça-feira): Missa de Natal, às 9h e época do apartheid, era bem maior que a porcentagem dos professores negros nas às 19h15.nossas universidades públicas. Dia 31/12 (segunda-feira): Missa em Ação de É de conhecimento da sociedade que o rendimento acadêmico dos cotistas é, em geral, igual ou superior ao Graças pelo ano que passou, às 20hrendimento dos alunos que entraram pelo sistema universal, o que desmonta o argumento do rebaixamento da Dia 1º/01/2013 (terça-feira): Missa em honra àqualidade acadêmica das Universidades. Santa Maria, Dia Mundial da Paz, às 9h e às 19h15 A igualdade universal na República não é um princípio vazio e sim um objetivo. As ações afirmativas são a NATAL E ANO NOVO NAS COMUNIDADESfigura jurídica criada pelas Nações Unidas para alcançar esse objetivo. A ascensão social e econômica no país Dia 24/12: Missa, às 19h30, na Comunidade Sãopassa necessariamente pelo acesso ao ensino superior. Todos nós sabemos que a educação liberta e é esta liberdade Paulo Apóstolo e Missa, às 22h, na Comunidadeque nós, negros, defendemos quando defendemos cotas no Ensino Superior. da Imaculada Conceição. Para quem questiona a eficácia das cotas, podemos alertar que o Brasil já esperou 122 anos para iniciar o Dia 25/12: Missa, às 10h, na Comunidade de Sãoprocesso de reparação. Será que precisaremos esperar mais 122 anos? Francisco de Assis. Afirmamos que esse tema não é um assunto novo. O Brasil se valeu, no passado, de cotas para os filhos dos Dias 25/12, 31/12 e 01/01/2013: Missa somentefazendeiros, no ensino superior, até 1985, com a “lei do Boi”; hoje, se vale de cotas para as mulheres nos partidos na Matriz.políticos. As cotas estão, ainda, sendo utilizadas pelos indígenas em algumas universidades públicas e por pessoas 11º PLANO PASTORALcom deficiência nos empregos, enquanto se diz que todos são iguais na letra da lei. Já está à venda na livraria da Paróquia o livrinho Mas quando se trata de adotá-las para o segmento étnico-racial negro é curioso. Um país como o nosso, tido “O Rio de Janeiro em Missão”, do 11º Plano decomo democracia racial, o que sabemos é mito, revela todo o seu racismo, e o mito cai por terra. Pastoral de Conjunto. Adquira já o seu exemplar, Sobre as cotas encontramos argumentos favoráveis e contrários às reparações à população negra brasileira. Sequisermos construir uma nação, precisamos que todos os segmentos da sociedade sejam qualificados e representa- por R$ 6,00.dos. Portanto, não foi por mero acaso que o STF considerou constitucionais as Cotas no Ensino Superior, que oGoverno do RJ, dentre outros na Federação, considera as Cotas nos concursos públicos, que a Defensoria Públicado RJ adotou as Cotas nos concursos públicos. É por Justiça. ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO == Na Capela da Matriz ==*Militante e ex-coordenador do Movimento Negro Unificado e Fundador e Membro da Comissão da Igualdade Racial – OAB/RJ /Especialista em História e Cultura Afrodescendente – PUC/RJ / Membro da Câmara Técnica para Revisão e Implantação do Plano √ 1 domingo, de 16h30 às 17h30, com o Diácono oEstadual de Promoção de Igualdade Racial no Estado do Rio de Janeiro José Caseira √ 1ª segunda-feira, às 14h, com o Grupo de Oração Projeto Espiritualidade e Saúde Biopsicossocial Brisa Suave Todo o povo procurava tocá-lo, pois saía dEle uma força que os curava a todos. Lc 6, 19 √ 1ª terça-feira, às 20h, com o Grupo de Oração A Equipe comunica que o Encontro do Projeto acontecerá no próximo dia 14 de dezembro (sexta-feira), A Jesus por Maria às 20h, na Matriz de Nossa Senhora do Sagrado Coração, na Rua Barão - Praça Seca. √ 4ª quarta-feira, às 15h, com os Círculos Bíblicos Tema: Tabagismo, com a Dra. Ana Paula Adoração: Pe. Cláudio Baraúna √ 3ª sexta-feira, às 14h, com a Pastoral da Saúde
  4. 4. 4 DEZEMBRO DE 2012 NOVOS HORIZONTES NOV A grande festa de Jesuscristinho: “Esse rosto de menino esconde o Final do Ano: um mero clichê? Carolina Belisário Estamos no último mês do ano, e o pensamento: vaga de emprego, e outros ainda descobrirão sua“Oh, como o ano passou tão rápido!” passa na ca- sina com o decorrer do tempo.beça de muitos jovens, como se fossem constantes Outros jovens irão para o “terror” chamado En-lembretes em nossas mentes. sino Médio, e outros irão para o “mega terror” cha- As festas de final de ano já começaram, são ami- mado 3º ano, onde é a série da “decisão” comogos ocultos na escola, na faculdade, no trabalho, e muitos dizem. Também irão para o nono ano e ve-nos meios sociais em geral. As confraternizações rão as novas amigas chamadas Química e Física!com a galera, a troca de presente, chocolate, as de- É sempre a mesma rotina nos finais de ano, como Jubileu de Prata. Na Comunidade São Paulo Apóstolo e naclarações de amor e amizade, e a preparação para se sempre ganhássemos um manual dos eventos que Igreja Matriz, os 25 anos de sacerdócio do padre Ailton Isaíaso Natal e o Ano Novo. transcorrerão. Parece clichê, mas são eventos que ro- foram bem celebrados. Foi em nossa Paróquia que o jovem As provas do último bimestre ou do final do se- deiam nossa sociedade e as tradições são mantidas. Ailton, convidado por um casal amigo, participou de uma missamestre assustam alguns e os deixam de cabelo em A questão é que quando algo é rotineiro, o interes- e, no dia seguinte, conheceu as comunidades MSC com o Padrepé! Haja unha para ser roída! Ou é um evento se ou a verdadeira essência acaba sendo esquecida, e Frank. A Comunidade Paroquial se sente feliz pelo seutranquilo para quem já passou de ano. Mas para o fascínio é descartado. Devemos ter a visão de que é testemunho de humildade e fidelidade ao Reino de Deus.quem esteve em greve, ainda vai demorar um como se fosse a primeira vez: nosso primeiro Natal,pouquinho! Os choros, a emoção, alegria e, mui- primeiro Ano Novo, primeira Celebração, para que atas vezes, tristeza que nos rodeiam nesse corpo re- surpresa nunca seja esquecida e que esse sentimentopleto de turbulentos sentimentos é notável em de- seja espalhado ao nosso redor.zembro, por mais um ano que se passa e um novo Assim, o final do ano sempre será um novo co-que se inicia. Muitos darão adeus à escola, e será o meço! E tenho a certeza de que Jesus Cristo é oinício de outra jornada, uma página em branco para amigo secreto comum de todos nós, e devemos es-ser escrita no livro da vida. Saudarão uma nova colher um presente bem especial para Ele, para querealidade, que para alguns já está traçada ou ainda esse gostinho de novidade perdure, para nunca per-a aguardam, como por exemplo, a espera de sua dermos a verdadeira emoção!nota no ENEM ou em qualquer outro concurso ou
  5. 5. NOVOS HORIZONTES NOV DEZEMBRO DE 2012 5rosto invisível de Deus que enche de alegria os corações humanos” AS PASTORAIS - X Agora é com os jovens PASTORAL DA ACOLHIDA Bruno Tortorella - Acólito Paulo Amaro Valeu 2012: Valeu a pena? Quando vim morar na Praça Seca, da primeira vez É inevi- Quanto à caminhada de Igreja, sabemos (porque estou na segunda), tável che- o quão difícil é não esmorecer. Erros como comecei a participar das gar ao úl- os acima citados influenciam, negativa e missas aqui em nossa timo mês erroneamente, a saída de membros da co- Matriz. Isso, lá nos idos dos do ano e não falar do Advento e o início munidade. Infelizmente presenciei, ao lon- anos 1980... Achei tudo de um novo Ano Litúrgico, além da ex- go deste ano, alguns casos. Assim, cabe a pectativa pela chegada do Menino Jesus nós, como discípulos missionários que têm muito bonito: a igreja, as entre nós. Entretanto, deixarei esses as- por missão arrebanhar as ovelhas desgar- celebrações e a organização pectos um pouco de lado para recorrer a radas, resgatar todos aqueles que estão da liturgia. Estava eu vindo um assunto pertinente para o cristão: afastados por alguma motivação. É hora de outra paróquia, menor e Como foi o seu ano de discípulo missio- de darmos um basta. De não mais ver ir- mais pobre, onde havia nário? Como você vivenciou a sua fé mãos perecendo na fé. Por isso se, neste apenas um padre, enquanto aqui da Acolhida, como temos atualmente. católica? Como você define 2012 em ano, você não pôde responder positivamen- circulavam quatro ou cinco sacerdotes, A nossa Pastoral da Acolhida foi relação a sua caminhada de ser Igreja? te aos questionamentos aqui apresentados, revezando-se na celebração das missas. fundada em maio de 2004, no Dia de Perguntas impactantes de que muitas o momento de fazer a diferença é este; bus- Posso estar enganado quanto ao número Petencostes (por isso a veste vermelha). vezes buscamos fugir para lembrar de um que primeiro consolidar sua vivência de de presbíteros, mas quanto à diferença E no dia da inauguração do Centro Social pernil que assa no fogão para pô-lo à Paróquia e, em seguida, banhar-se do es- das paróquias, não me pairam dúvidas. (foto), o primeiro grupo da Pastoral mesa na ceia. Mas, na minha visão, é de pírito missionário. Gostei, amei, como gostam de dizer os recebeu uma benção especial de Dom suma importância esta análise individu- Dessa forma, será possível uma reali- adolescentes. Eusébio Scheid, então nosso Cardeal- al a fim de melhorarmos na vida que te- dade diferente em 2013, em que cada vez Mas, faltava alguma coisa. Comecei a Arcebispo. mos a percorrer para o encontro com o mais pessoas possam acolher Jesus em achar que “aquele pessoal da liturgia” Os agentes da Pastoral têm por objeti- Pai. Nesse sentido, é preciso reconhecer suas vidas, numa simplicidade que so- era muito “fechado”. Deve ter sido a vo acolher as pessoas no início e no fim os nossos erros: falta de fé para com mente a manjedoura nos demonstra. minha vontade de participar, como fazia das missas, num clima bastante famili- Cristo e a sua Igreja, intrigas com os ir- - Desejo a todos os leitores de nosso na outra igreja: leituras, procissões de ar, sempre com espírito ecumênico e de mãos, fofocas que destroem o espírito Jornal e aos paroquianos de nossa co- entrada e de ofertório etc. Até que meus respeito ao próximo, lembrando que são de comunidade, desunião, desinteresse munidade um excelente Natal, fraterno dois primeiros amigos aqui na Paróquia o cartão de visita, o irmão e a irmã rece- pela vida pastoral da paróquia, entre ou- e acolhedor. Um ótimo ano de 2013, re- de Nossa Senhora do Sagrado Coração, bendo irmãos nas portas de entrada que tros. Aspectos os quais, apenas nós, so- pleto de bênçãos sobre a vida de todos hoje falecidos e de saudosa memória, a pessoa (paroquiano ou visitante, cató- mos capazes de perceber e corrigir. nós e de nossas famílias. Amém! Malvino Lacerda (meu colega na Esco- lico ou não-católico) procurou naquele la Mater Ecclesiae) e Miltom Santos, dia e naquele momento para o seu en- Parabéns, Joice, por mais esta vitória! trataram de ir me apresentando a todo contro com Deus. Lygia Maria mundo na Matriz. Então, as coisas co- Quem se sentir “tocado” (chamado) Joice Silva, nossa paroquiana, vai receber, pela segunda vez, o Prêmio Brasil Olím- meçaram a melhorar e eu entrei para para se juntar aos atuais 23 agentes de pico, no próximo dia 18 de dezembro, no Teatro Municipal, com transmissão ao vivo, aquele círculo que eu considerava tão fe- pastoral para esse trabalho de acolhimen- pela Sportv, a partir das 18h30. “É o prêmio máximo do esporte brasileiro. São escolhi- chado, e não era. to, pode procurar a coordenadora Eliete dos os melhores atletas do ano em cada modalidade. É um evento de gala muito bonito. Tudo isto não exponho para contar a Andrade, no horário da missa das 18h15 Recebo este prêmio como uma forma de gratificação pelo esforço (meu e dos meus minha história, que é tão igual a de tan- dos domingos, ou na reunião que acon- treinadores) e perseverança em acreditar que seria possível a minha classificação para tos outros paroquianos. A intenção é tece toda segunda sexta-feira de cada as Olimpíadas.” – informou-nos a jovem. mostrar a falta que fazia uma Pastoral mês, às 18h, na Casa Paroquial.
  6. 6. 6 DEZEMBRO DE 2012 NOVOS HORIZONTES NOV NATAL SEM FOME Diácono João Ananias Lima Walterfang O Ano da Fé – “Porta Fidei” Rita da Cássia Tudo começou, em 2002, idealizado pelo padreMarcos Vinício que, não tendo condições de fazer Em 1967, a Igreja celebrou, pela primeira vez em sua história, um Ano deas cestas básicas para o Natal, pediu ajuda a um gru- Fé, para comemorar o décimo nono centenário de martírio dos Apóstolospo de paroquianos. Em reunião acontecida na frente Pedro e Paulo. Desta vez, para lembrar os cinquenta anos de abertura doda cantina, Edinho propôs a ideia da Campanha do Concílio Vaticano II, o Papa Bento XVI decretou o Ano da Fé, que vai deNatal dos Pequenos. Nesse tempo nascia a ONG outubro de 2012 a novembro de 2013.APVMA - Associação pela Preservação da Vida e Devemos, como cristãos conscientes, vivê-lo através de uma autêntica edo Meio Ambiente que colaborou na elaboração dos renovada conversão ao Senhor Deus. O compromisso da Igreja é, através daofícios para o comércio, rádios e empresas da Praça formação doutrinária, “levar o homem para Deus” e nosso compromisso, oSeca. Foram os pioneiros desse movimento de cari- de procurarmos conhecer bem a pessoa de Jesus.dade: Edinho, Cecília Souza, Deize Alves, Rosana Além do testemunho de vida, devemos nos apoiar no conhecimento dosBarroso, Marco Aurélio, Joca, Tania, Alzira diversos documentos que a Igreja nos oferece, especialmente, o CatecismoRodrigues, Maria de Lourdes, Cláudia Maria, Silvino da Igreja Católica (CIC).(caminhão), Bruno César (papai Noel), Jugurta eFernando Lopes, que foram às ruas e, bem-sucedi-dos, voltaram dando aos irmãos necessitados a ale-gria de um Natal mais digno. PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO SAGRADO CORAÇÃO A partir da II Cruzada, realizada em 14 de dezem-bro de 2003, a campanha recebeu o nome de CRU- SAV PAROQUIAL SAV – SERVIÇO DE ANIMAÇÃO VOCACIONAL PAROQUIALZADA CONTRA A FOME. Este movimento cres- Ir. Gislene Danielski - FDZceu e tornou-se símbolo da solidariedade das pesso-as do nosso bairro, Praça Seca. Todos os anos, um Natal é vida que nasce!grupo de paroquianos prepara a Cruzada, pois, paraque ela se realize, ofícios têm de ser elaborados edistribuídos aos órgãos públicos, que ficam saben- Novamente é Natal, festa de aniversário de toda mas lá nasceram todos os que não “cabem” nado da movimentação pelo evento, nas ruas, naquele a humanidade. Sim, nossa festa, pois comemora- sala do mundo, todos os que como vós foramdia, podendo autorizá-la ou não, porém sempre fo- mos hoje a plenitude da criação. Plenitude que se tirados do centro da vida. SENHOR, concede-mos autorizados. Outros ofícios são entregues aos deu no nascimento de nosso SENHOR e SALVA- me a Graça de amar-Te, de amá-los e de amar-supermercados, condomínios, lojas, etc.; a recepçãoe a colaboração de todos nunca nos foram negadas. DOR. Nossa razão é limitada para compreender o me, para que possas fazer a vontade de nosso “Entre nessa roda você também”, pois estamos or- Mistério da Encarnação, mas DEUS o quis assim, DEUS”.ganizando a nossa 11ª CRUZADA CONTRA A desta forma conduziu sua obra e, por esse cami- Amém! nho, nos fez filhos. É possível que ainda não con-FOME. Portanto, todos estão convidados a partici- sigamos “entender”, ou melhor, aceitar, que já não Calendáriopar, no próximo dia 16 de dezembro, com concen-tração às 8h, no estacionamento da Matriz. Este ano há necessidade de milagres e de sinais, pois o MI-contaremos com quatro equipes percorrendo ruas, LAGRE realizou-se, o SENHOR cumpriu a pro-vilas e condomínios da Praça Seca. messa, o REINO não mais terá fim, o povo de Is- O nosso pároco Padre Valentim, mSC, o Centro rael não mais será devastado, a descendência tor-da Ação Social e todos os organizadores agradecem nou-se incontável, nEle fomos adotados e recebe-a sua presença e colaboração, porque, mais uma vez, mos a filiação divina. - Toda quinta-feira, às 18h, terço vocacional naa ceia do Natal será garantida aos nossos irmãos. Rezemos: Capela do Santíssimo da Matriz;DEUS SEJA LOUVADO! “SENHOR, ensina-me a abrir espaço em minha - Todo dia 28 de cada mês, adoração vocacional,Colaboração: Cecília Souza, Sérgio de Queiroz sala, em meu coração, em meu ser. Permita-me o dia todo, na Casa das Filhas do Divino Zelo, àFontes: Edições do Jornal Novos Horizontes, 12/2002 e 12/2003 trazer-Te para dentro e faz-me sensível, para con- rua Florianópolis, nº 1560 - Praça Seca; tigo trazer todos os que Te acompanham nesta - Toda primeira e terceira quarta-feira de cada manjedoura. Sim, pois nesta Noite de Natal, pude mês, terço vocacional na sala “L” da Matriz, comEXCURSÕES e VIAGENS ver que não nasceste sozinho naquela estrebaria, Movimento Serra.14/12/2012: PETRÓPOLIS - Passeios e Compras:Bingen, Rua Teresa e Itaipava30/12/2012: RÉVEILLON-PINDAMONHANGABA01/01/2013: HOTEL: CEIA, PENSÃO COMPLE-TA E LAZER DízimoCARNAVAL: POÇOS DE CALDAS DE 08 A 13/ Dízimo é fonte02/2013 - HOTEL LISBOA - POUCOS LUGARES de bênçãos e elo Ligue e reserve: Conceição e Antonio Areias 3350-0770 / 9518-2830 / 9265-4431 de comunhão na comunidade
  7. 7. NOVOS HORIZONTESNOV DEZEMBRO DE 2012 712 SEMANAS PARA MUDAR UMA VIDA O Evangelho de João (final) Marli Jordão A comunidade cristã constitui-se ao redor de Jesus Diácono Caseira vivo e presente, crucificado e ressuscitado. Ele está A arte de ouvir a a arte de dialogar no centro, dando-lhe confiança e segurança, ao lhe A arte de ouvir é: esvaziar-se para ouvir o que os ou- soa que ama, o que deve fazer para torná-la mais feliz e mostrar os sinais de sua vitória sobre a morte.tros têm para dizer e não o que queremos ouvir, colocar- como ser um amigo melhor. Brinquem mais um com o A vida da comunidade está no Espírito que Jesusse no lugar dos outros e perceber suas dores e necessi- outro, sonhem juntos e reclamem menos. comunica, o mesmo Espírito que esteve sempre pre-dades sociais, interpretar o que as palavras não disseram Os pais que dão presentes para os filhos são lembra- sente Nele, levando-o a recriar a humanidade. A co-e o que as imagens não revelaram e, por fim, ter a sensi- dos por horas e dias, mas os pais que dão seu ser a eles munidade impulsionada pelo Espírito de Jesus é abilidade para respeitar as lágrimas visíveis e perceber as se tornam inesquecíveis. Tenha a coragem de dialogar nova humanidade encarregadaque nunca foram choradas. sobre os dias mais tristes da sua vida com seus filhos. de continuar o projeto de Deus. A arte de dialogar é a arte de falar de si mesmo, trocar Quanto aos filhos, a maioria deles não conhece intima- A comunidade que Jesus ofe-experiências de vida, revelar segredos do coração, ser trans- mente seus pais. Só irão sentir a falta deles quando eles rece dá testemunho perante oparente, não simular os sentimentos e as intenções, não ter fecharem seus olhos.... mundo da realidade do amorvergonha de simular as suas falhas nem medo de seus fra- Para o Mestre dos Mestres, as pessoas que mais nos dão do Pai. A aceitação ou a rejei-cassos, respeitar os limites e os conflitos dos outros. dor de cabeça hoje poderão vir a ser as que mais nos darão ção deste amor é para ela cri- A arte de ouvir e de dialogar são duas das mais nobres alegrias no futuro. Invista nelas, cative-as, ouça-as, cruze tério de discernimento e fazfunções da inteligência. Onde há falta de confiança e seu mundo com o mundo delas. Plante sementes. Não espe- ressoar dentro do próprio ho-muitas cobranças excessivas, essas duas preciosas artes re resultado imediato. Colha com paciência. Esse é o único mem sua própria libertação ouda inteligência não sobrevivem. Elas se complementam, investimento que jamais se perde. Se as pessoas não ganha- sua própria sentença. A fé daquem não aprender a ouvir nunca saberá dialogar. rem, você, pelo menos, ganhará. O quê? Experiência, paz comunidade reconhece em Je- Grande parte dos casais desenvolve uma grave crise interior e consciência de que fez o melhor. sus o Homem-Deus. É essa a formulação de sua ex-afetiva porque não aprendem a arte de ouvir e dialogar. Que a arte de dialogar abra o seu coração para receber periência. Ela não é privativa das primeiras testemu-Quem desejar cultivar o amor precisa ter coragem para JESUS neste Natal e com ELE manter longos diálogos...!refletir em quais situações magoou ou decepcionou a pes- (12 Semanas para mudar uma vida – Augusto Cury - Cap. 8) nhas; cada geração cristã pode participar dela (João 20,19 -31). A missão cristã, que se realiza em união com Jesus, A invenção da roda “redonda” termina na comunhão do grupo com Ele na Eucaris- Carlos Silveira e Virgínia Lopes tia. Nela Ele oferece o seu alimento, que é sua pró- pria pessoa, alimento ao qual se integra a contribui- Com o passar do tempo, nós, brasileiros, nos acostu- do se acha dinheiro e se entrega ao dono, torna-se um mamos a não dar informações sobre a continuidade dos grande feito com direito à mídia durante vários dias. Essa ção dos discípulos, a de suas próprias pessoas. É a nossos trabalhos, seja na vida profissional, seja na polí- atitude se evidencia quando assistimos nossos políticos refeição em que estão presentes todos os povos. É a tica ou mesmo na escola, quando somos substituídos por nas propagandas eleitorais, enfatizando a necessidade comunhão universal da humanidade com Jesus e com alguma razão. Devemos ter o discernimento do que é de continuação dos serviços do governo anterior. Os Deus. A partir desse gesto, ninguém tem mais neces- verdadeiramente nosso e o que pertence à coletividade. poucos que o fazem, mudam o nome desses, mesmo que sidade de perguntar a Jesus “Quem és tu?”, pois to- Na maioria das vezes gasta-se energia, tempo e, obvia- o trabalho seja um sucesso. E assim, vamos “inventando dos sabem que Ele é o Senhor (21,12). No Evangelho mente, dinheiro em redescobrir o que já foi feito. Seria a roda” achando quase sempre que estamos fazendo uma de João encontramos várias vezes essa pergunta (cf tão bom que nas transições de cargos ou funções désse- coisa inédita. Essa relação que temos de naturalidade 1,19; 8,25; 10,24; 18,33). Aqui, porém não há mais mos as informações necessárias para que nada fosse in- com as nossas decisões erradas é que vem massificando dúvidas, pois é a experiência de Jesus ressuscitado. E terrompido e que tudo fluísse naturalmente. Isso se tor- nossa cultura ética, dificultando a avaliação do certo e Jesus continua sendo para sempre aquele que serve nou tão comum que não nos indignamos mais. As gran- errado e modificando, assim, nosso comportamento. (21,13). Além disso, o que permanece até que Jesus des empresas se protegem contra essas atitudes profissi- Estamos no Tempo do Advento. Tempo em que preci- venha é o ideal da Comunidade do Discípulo Ama- onais trabalhando as questões éticas com suas equipes. samos refletir e avaliar, dentre outros temas, o quanto do: formar uma comunidade de irmãos, onde o poder Achamos que dar continuidade a um trabalho não é nos- estamos nos afastando da conduta verdadeira dos valo- é serviço que dá a vida até o fim. sa obrigação, e, como tem acontecido ultimamente, quan- res e princípios morais. Fontes: Bíblia Peregrino e Jerusalém; Livros: Como Ler João de José Bertolini; Evangelho Ser Cristão Católico Hoje! de João – J. Mateos e Barreto Por que nos confessamos no tempo do Advento Excursão a Aparecida do Norte Diácono Jatobá O Advento é o tempo litúrgico da esperança e alegria pela vinda do Senhor. Conforme nos diz um trecho da Carta Pastoral de São Borromeu, bispo, intitulada O tempo do Advento: “Caros filhos, eis chegado o tempo tão im- = Dia 09 de dezembro de 2012 = portante e solene que, conforme diz o Espírito Santo, é o momento favorável, √ Saída: 08 de dezembro, às 22h30, em frente ao o dia da salvação (cf. 2 Cor 6,2), da paz e da reconciliação.” É um tempo banco HSBC propício à conversão, para que possamos manifestar nosso arrependimento √ Chegada: 09 de dezembro, às 20h sincero às faltas cometidas, por isso Jesus Cristo instituiu o Sacramento da √ Valor: R$70,00Reconciliação. Neste mesmo tempo, a confissão vem acelerar esse processo de mudança de vida, de atitudes, derelações, de viver a experiência da fé. Façamos, portanto, uma boa confissão neste Tempo do Advento, para que √ Contatos: Fernando e Lucia Tel. 3340-0227,Jesus Cristo possa nascer e renascer no fundo do nosso coração, nos ajudando a mergulhar na sua misericórdia. 7757-6748, 9448-0917 e 9454-2195 Desejamos a todos um Feliz Natal e um Ano Novo cheio de realizações. Venha conhecer o Santuário de Aparecida Diácono Jatobá e Família
  8. 8. 8 DEZEMBRO DE 2012 NOVOS HORIZONTES NOV Jacarepaguá: sua gente, sua História Centro Cultural Professora Dyla Sylvia de Sá - Capela Em 1937, chegaram a Jacarepaguá padres Antonio Cerqueira Lima Crônica do Mês:lassalistas, fundando, na rua Barão, o Colé- Papai Noel e suas renasgio São Luís com os cursos primário, gina-sial e científico, em regime de internato, com Sergio de Queiroza finalidade de preparar jovens para a vidasacerdotal. A admissão era rigorosa e o en- Dizem que o mito das re-sino de alto nível. Os formandos eram en- nas do Papai Noel foi cria-caminhados a seminários na Itália. do no Norte, mas ninguém Em se tratando de educandário católico, afirma se foi no norte dafazia-se necessária a construção de uma ca- América ou no norte Euro-pela para as orações diárias e os atos religi- peu, isso por volta do séc.osos, bem como ajudar na formação dos XIX. Em países como o Ca-estudantes, futuros padres. Assim, ergueram nadá (Norte), Alasca,no terreno um pequeno e precário templo, Rússia, Escandinávia e Is-mais tarde reformado e ampliado pelo in- lândia, as pessoas se deslo-signe benfeitor, professor Dr. Mário de A capela foi o primeiro templo religio- cam na neve, usando um tre-Andrade Ramos, cujas obras foram conclu- so construído na Praça Seca. Ali nasceu a nó puxado por renas.ídas em 12 de novembro de 1941, sendo a Paróquia Nossa Senhora do Sagrado Co- Porém, as renas do Papai Noel são especiais, pois são as únicas renas quecapela consagrada a São Tomás de Aquino, ração, mais tarde transferida para a mes- conseguem voar, de modo que o Papai Noel possa entregar os presentes noo santo protetor da escola. ma rua, do outro lado da praça. dia certo e sem atrasos. No terreno havia uma mina cuja água di- A capelinha, como carinhosamente é cha- Os seus nomes são: Dasher, Dancer, Prancer, Vixen, Comet, Cupid,ziam ter poderes milagrosos atraindo pere- mada, tem um altar, apenas. Sua constru- Donner e Blitzen.grinos de todas as regiões, que ali chega- ção é em estilo britânico, com portas e ja- Na tradição anglo-saxônica, só existem oito renas, número normalmen-vam em busca de cura para os seus males. nelas em estilo gótico, de um gosto muito te utilizado para puxar os trenós tradicionais. A rena Rudolph, que acabouNo local construiu-se uma gruta dedicada a apurado. Possui acústica muito boa, dispen- por ser a mais conhecida, só integrou o grupo em 1939.Nossa Senhora de Fátima, estando sua ima- sando, em muitos casos, o uso de amplifi-gem em um nicho no alto do lado direito da Conta-se que Noel, ao chegar a uma das casas para entregar seus presen- cadores de som. Em seu interior há espaçogruta e as imagens dos três pastorinhos, em para duzentas pessoas sentadas confortavel- tes, encontrou Rudolph, encostado a um poste, de pernas cruzadas. Ele eraposição de oração, na frente da gruta, à es- mente. No ano de 1992, passou por uma diferente das suas outras renas, pois tinha um nariz cor de rosa e um raboquerda. Destruídas por vândalos, as imagens grande reforma, sem, contudo, perder as luminoso. Como naquela noite o nevoeiro era intenso, Noel pediu a Rudolph:foram restauradas pela artista plástica Nei- suas características arquitetônicas originais, Rô, quer se juntar a mim e liderar minhas renas? É claro que ele aceitou ede Marçal, num esforço conjunto com a Di- uma vez que o prédio é tombado pelo a partir daí, Rudolph passou a ser a rena mais famosa do mundo e lidera atéretora do Centro Cultural, professora Ma- Patrimônio Histórico. hoje o trenó do Papai Noel que, guiando suas renas, vai dizendo Rô! Rô!ria Isabel, no ano de 2001. Continua na próxima edição. Rô! Deixando sempre um rastro de luz em todos os Natais. EXPEDIENTE PAROQUIAL 2 Domingo Jr 33,14-16 / Sl 24,4bc-5ab.8-9.1014 (R.1b) / 1Ts 3,12-4,2 / Lc Leituras da Semana 21, 25-28.34-36 Missas: Segunda, quarta, quinta e sexta-feira na Matriz, às 19h15 e aos domingos, às 7h, 9h, 3 Segunda Is 4,2-6 / Sl 121 (122), 1-2. 3-4a. (4b-5. 6-7) 8-9 (R. 1) / Mt 8,5-11 18h15 e 20h. Todos os sábados, às18h, Missa no Repouso Santa Maria, Rua Japurá, 555. 4 Terça Is 11,1-10 / Sl 71 (72), 1-2. 7-8. 12-13. 17 (R.cf 7) / Lc 10,21-24 Celebração: Terça-feira, às 19h15, na Matriz, com o Diácono Caseira 5 Quarta Is 25,6-10a / Sl 22 (23), 1-3a. 3b-4. 5. 6 (R. 6cd) / Mt 15,29-37 Secretaria Paroquial: Atendimento de segunda a sexta-feira, de 8h30 às 20h. Sábados, de 6 Quinta Is 26,1-6 / Sl 117 (118) 1.8-9. 19-21. 25-27a (R. 26a) / Mt 7,21.24-27 8h30 às 12h. 7 Sexta Is 29,17-24 / Sl 26 (27), 1. 4. 13-14 (R.1a) / Mt 9,27-31 Inscrição para o Batismo: Atendimento no 1º domingo, às 8h. 8 Sábado Gn 3,9-15.20 / Sl 97(98),1.2-3ab.3cd-4 (R. 1a) / Ef 1,3-6.11-12 / Lc Confissões e Aconselhamentos: Quinta e sexta-feira, marcando antes na secretaria paroquial. 1,26-38

×