Mestrado Comunicação Educacional Multimédia 2009

                          Media Digitais e Socialização

               ...
Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae



→      INTRODUÇÃO

Para se compreender as teias de relação que se estabelecem en...
Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae


Considerando todos os aspectos, verificando-se que é o mais antigo, o mais utiliz...
Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae


a grande preocupação é o bem estar dos amigos, injustiças, com manifestação de es...
Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae



→      BIBLIOGRAFIA

Boyd, d. m., & Ellison, N. B. (2007). Social network sites:...
ANEXO- Grelha de Análise de Sites Sociais de Jovens
                                                                    AB...
Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae
                                                 ABELHINHA                         ...
Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae
                                                                                  A...
Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae
    •    A instabilidade emocional surge como característica típica da construção d...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Análise Da Identidade Em Sites Sociais

1.073 visualizações

Publicada em

Análise Da Identidade Em Sites Sociais

Publicada em: Educação, Turismo, Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

Análise Da Identidade Em Sites Sociais

  1. 1. Mestrado Comunicação Educacional Multimédia 2009 Media Digitais e Socialização Actividade IV ANALISE DA ANALISE DA IDENTIDADE EM SITES IDENTIDADE EM SITES SOCIAIS SOCIAIS GRUPO DE TRABALHO: Paula Simões Pedro Amaral Rui Fernandes Sandra Sousa DOCENTES: Lúcia Amante e Maria João Silva
  2. 2. Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae → INTRODUÇÃO Para se compreender as teias de relação que se estabelecem entre o processos de construção da identidade e de socialização dos adolescentes, na era digital e a influência e o papel dos meios digitais nesse processo, torna-se necessário identificar, analisar e interpretar as novas formas de interacção que são proporcionadas. Dos diferentes meios digitais através dos quais os jovens plasmam os seus processos identitários e interacções sociais, os sites ou redes sociais assumem- se progressivamente, pelas características do meio e forte adesão demonstrada, como uma das principais ferramentas disponíveis para se estudar esse fenómeno. Nesse sentido, desenvolvemos, tal como foi requerido, uma grelha de análise de marcas identitárias em sites sociais que perspectivasse a discussão e o aprofundamento do conhecimento da problemática acima referida. Segundo Boyd e Alisson (2007) os sites de rede social (SNS) podem ser definidos como serviços em plataforma Web que permitem aos indivíduos (1) construir um perfil público ou semi-público dentro de um sistema fechado, (2) articular uma lista de outros utilizadores com quem partilham uma ligação, e (3) visualizar e percorrer a sua lista de ligações e aquelas com quem partilham a conexão, dentro do sistema, sendo que a natureza e nomenclatura dessas conexões podem variar de website para website. Partindo deste princípio, e após um aturado processo de brainstorming, implementou-se uma grelha estruturada nos seguintes itens: aspectos pessoais (identificação pessoal, expressão pessoal/interesses e outras informações); aspectos de interacção (comunicação virtual, interacção, comentários, linguagem); e aspectos técnicos (apresentação gráfica). Esta organização pretendeu responder de uma forma objectiva, abrangente e sistemática aos objectivos deste trabalho de análise. Após a construção da grelha, procedeu-se à escolha de um site social, dentre as diferentes alternativas existentes na Web. → JUSTIFICAÇÃO PARA A ESCOLHA DO HI5 E SITES ANALISADOS A escolha desta rede social virtual, hi5, uma comunidade importante no mundo da Internet, assenta em pressupostos que passam pelo facto de se tratar de uma das redes mais antigas em funcionamento, senão a mais antiga, mas sobretudo por ser aquela que parece ter projectado todas as outras que se lhe seguiram. O Hi5 foi a comunidade virtual mais visitada em 2007 em Portugal e, desde 2003, ano do início de actividade, já angariou mais de 60 milhões de utilizadores e foi, até 2008, um dos sites mais visitados na Internet. Tem, no nosso país, uma procura significativa e, considerando a nossa comunidade educativa global, onde os membros deste grupo de trabalho se incluem, verificamos que é o site preferido entre os nossos alunos e adolescentes e, simultaneamente, aquele que é mais vezes referido como local preferido para as interacções deles, para se darem a conhecer e fazerem novos amigos. Consideram-no versátil e fácil de utilizar. Media Digitais e Socialização, MCEM/2009, pág. 2 de 9
  3. 3. Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae Considerando todos os aspectos, verificando-se que é o mais antigo, o mais utilizado, o mais conhecido no nosso âmbito profissional e o mais falado socialmente, fez todo o sentido a sua escolha. Foram escolhidos quatro sites no sentido de procurar estabelecer um paralelismo mais significativo na análise pedida. Considerámos que um único site poderia ser muito redutor em termos de análise e que seria importante dar um significado mais abrangente à análise a efectuar. Posto isto, tornou-se claro para nós que também seria fundamental estabelecer uma outra relação importante nesta problemática da análise dos sites, no caso, a diferença de género. Os sites revelam algumas diferenças entre eles e, nomeadamente, ao nível do género é importante realçar aquilo que distingue os sites de rapazes e raparigas na Internet. Daí termos recorrido, para além de mais do que um site, a dois sites de rapazes e dois de raparigas, procurando perceber o que realmente os distingue à luz daquilo que tem vindo a ser o nosso trabalho e pesquisas no âmbito desta Unidade Curricular. Assim, com a escolha feita, julgamos permitir-nos concluir da diferença entre sites de adolescentes, da apresentação e conteúdos de diversos sites, acrescendo a isso o facto de podermos concluir das diferenças de género. → COMPARAÇÃO FUNDAMENTADA DOS SITES - MARCAS IDENTITÁRIAS Após análise da grelha de informação relativa aos sites observados, podem-se encontrar aspectos que são comuns e outros que denunciam características específicas de género. Em termos de identificação pessoal, apenas os rapazes referem a idade. Todos referem a localidade com mais ou menos pormenor. Verifica-se que apenas o elemento mais novo, de 11 anos, a Luana especifica a escola onde estuda. Esta poderá ser uma mostra de alguma despreocupação ou ignorância face aos riscos. Quanto aos interesses, todos eles revelam gostos musicais de acordo com o padrão de jovens, isto é, interesse por músicas actuais. O mesmo se pode dizer quanto aos filmes que apreciam. De destacar os gosto bibliográficos, sendo que o jovem mais velho, de 17 anos se fica pela banda desenhada contrariamente à rapariga mais nova, de 11 anos que apresenta como preferências “queimada viva” que trata a problemática do estatuto social da mulher face ao casamento na Cisjordânia. Também há que destacar a escolha das citações. Enquanto que a Luana de 11 anos nem apresenta preferências nessa área, o elemento mais velho, rapaz apresenta citações com intensidade de calão, gíria e adaptação linguística, fazendo passar uma imagem de rapaz desinibido, mas ao mesmo tempo de poucos valores, uma vez que o seu hi5 é público. Após uma análise aos recados de cada um (manifestações por escrito que podem ser colocados no espaço “que estou a fazer agora”) podem-se fazer muitas comparações. Enquanto que pelos 11 anos Media Digitais e Socialização, MCEM/2009, pág. 3 de 9
  4. 4. Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae a grande preocupação é o bem estar dos amigos, injustiças, com manifestação de espírito de grupo e solidariedade colectiva, com mais idade, 15 a 17 anos, notoriamente o hi5 se cobre de instabilidade emocional ora estando o jovem apaixonado e feliz, com a apresentação de manifestações de amor, ora o momento seja de revolta, saudades ou remorsos. A grande diferença é que, estas manifestações de altos e baixos surgem de forma diferente quanto ao género. A rapariga apresenta de forma frontal, directa, “consistente” e com correcção linguística os estados de espírito negativos, enquanto os rapazes, por um lado guardam essas manifestações, tornando-as privadas a terceiros. Observa-se pelos “recados”, que o elemento feminino põe mais em causa a “vida” quando está menos bem, fazendo passar uma sensação de “raiva” perante os acontecimentos. O rapaz mais velho apresenta em termos técnicos um hi5 mais elaborado com aplicações diversas e mais completas. Finalmente, há que referir a linguagem. Todos eles utilizam a linguagem adaptada, havendo diferenças na rapariga e rapaz, ela de 15, ele de 17. O elemento mais velho manifesta “erros” mais profundos “qe pur mim xuras.te”, comparativamente à rapariga mais nova “ocupax um grande lugar”, mas entretanto escreve “ocupas”. Provavelmente está a desenvolver a sua linguagem adaptada. A parte gráfica revela elementos que podemos associar a cada género. No feminino, embora com fundo de cor diferente, surgem borboletas e corações. Já o masculino mantém-se pelo cinzento de fundo com associação de elementos agressivos como serpentes. Como elementos associados ao esquema, a Luana, de 11 anos apresenta um símbolo diríamos sexual, uma faixa de repetição de imagem que corresponde a um jovem de camisa aberta e musculatura abdominal bem definida, algo sensual. Comprova-se o facto de um site adolescente ser uma forma de desenvolver a identidade com avanços e recuos de sentimentos. Estes sites mostram uma auto-definição que acaba por se reflectir no feedback que possuem os seus utilizadores. Essa mostra de identidade é representada pela linguagem, pelas observações registadas, pelos símbolos que apresentam ou conteúdo que transmitem. Desta forma, concluímos de certa instabilidade bem como necessidade de pertença a um grupo de iguais. A comunicação difere quanto ao género, uma vez que o sexo masculino usa um estilo mais directo e agressivo (Tannen, 1995), assim como expõe a sua identificação mais facilmente. Aos rapazes é comprovado o facto de utilizarem mais tecnologia e menos escrita, na medida em que as substituem por aplicações várias, mais grafismo e competências técnicas (Wartella, Lee & Caplovitz, 2002). Estas marcas identitárias referidas são algumas das muitas que povoam os hi5 dos jovens que se encontram na passagem do período conturbado que é a adolescência. Media Digitais e Socialização, MCEM/2009, pág. 4 de 9
  5. 5. Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae → BIBLIOGRAFIA Boyd, d. m., & Ellison, N. B. (2007). Social network sites: Definition, history, and scholarship. Journal of Computer-Mediated Communication, 13(1), article 11. http://jcmc.indiana.edu/vol13/issue1/boyd.ellison.html, acedido em 30 de Maio de 2009. http://pt.wikipedia.org/wiki/Hi5, acedido em 30 de Maio de 2009 Schmitt, K.; Dayanim, S.; & Matthias, S. (2008). Personal Homepage Construction as an Expression of Social Development. In Development Psychology, 44 (2), 496-506. Media Digitais e Socialização, MCEM/2009, pág. 5 de 9
  6. 6. ANEXO- Grelha de Análise de Sites Sociais de Jovens ABELHINHA Luana Hugo Baeta Pirson'zituh ⇒ Coloca a sua fotografia ⇒ Coloca a sua fotografia ⇒ Coloca fotografia em contacto amoroso ⇒ Coloca a sua fotografia ⇒ Identifica correctamente o género ⇒ Refere data de aniversário com namorada ⇒ Refere a idade ⇒ Informa a localização ⇒ Identifica localização com M ⇒ Identifica localidade, idade e data de ⇒ Refere data de aniversário ⇒ Refere data de aniversário ⇒ Não refere idade nascimento. ⇒ Informa a localização e País ⇒ Não refere idade ⇒ Identifica como idiomas francês, inglês e espanhol ⇒ Informa endereço de E-mail ⇒ Identifica como idiomas inglês, português e ⇒ Identifica-se solteira ⇒ Identifica como idioma o Português francês Identificação Pessoal ⇒ Refere a escola que frequenta ⇒ Refere os amigos como o seu maior interesse de todos ⇒ Outros interesses: motas; futebol; bicicletas; graffiti. ⇒ Apresenta uma lista razoavelmente ⇒ Refere “gosto de estar com os meus amigos” ⇒ Música: Linkin Park; Eminem; Da Weasel; ⇒ Música (Avril, Rhianna, Jonas Brotheres, grande de vídeos, do YouTube, com 50cent; Akon; Chamillionaire; G-Unit,...) ⇒ minha melhor amiga (suse) Miley Cyrus, Bob Sinclair...) temas musicais (TT, Irmãos verdade, e a turma deste ano que e especial Neuza, etc) ⇒ Filmes: Velocidade Furiosa; Última Corrida, ⇒ Filmes (Sream Movie, Todos de Terror, ASPECTOS PESSOAIS Aliens, Piton vs Boa; ⇒ Música (David Bisbal e Ne-yo ) Filmes com cães...) ⇒ Nos vários separadores das Piton 1 e 2; 60 segundos; 8 mile. ⇒ Filmes (O Pianista) ⇒ Programas de TV: "Morangos com preferências (livros, filmes, musicas, etc) coloca vídeos musicais em todos ⇒ Programa de TV: Rancho das coelhinhas ⇒ Livro (Máscara de Salazar) Açúcar", "Entre Vidas", "Tá a Gravar", Interesses xDD) ⇒ Citações (“*tas-te a vir *fala para a minha mao *a e "Miami Ynk" ⇒ Os últimos dois vídeos, são muito ⇒ Livros: banda desenhada, Expressão Pessoal/ b se tao a falar, o c espera que seja a sua vez ⇒ Livros: "Queimada Viva", "Como Lidar diferentes dos anteriores, demonstrando mais sensibilidade (Titanic e Madeline entre outros. para falar, percebes-te?” Com os Rapazes" Mcann) ⇒ Citações ( cálhá boca; ganda kana; koko da merda; lembex; Acácinho onde é qe eu lembo.
  7. 7. Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae ABELHINHA Luana Hugo Baeta Pirson'zituh ⇒ Coloca fotografias pessoais e de interesses (motos) ⇒ Coloca fotografias de amigos ⇒ Tem 1 fives ⇒ Tem 456 amigos ⇒ Tem 19 recortes ⇒ Coloca fotografias pessoais e familiares ⇒ Tem 133 comentários às fotos ⇒ Coloca fotografias de amigos ⇒ 119 Amigos, 18 comentários sobre o ⇒ Tem 81 comentários ao perfil ⇒ Tem 20 fives perfil, 12 comentários sobre fotos, 0 ⇒ O seu discurso pauta-se muito pela ⇒ Tem 68 amigos Fives e 5 recados questão da amizade e da lealdade (espírito ⇒ Tem 29 recortes de grupo). Faz uma caracterização dos ⇒ Coloca fotografias pessoais e de amigos ⇒ Tem dois álbuns de fotos: pessoal e ⇒ tem 43 comentários às fotos com o amor. No álbum pessoal principais amigos do grupo <3 terminando ⇒ Tem 5 fives com um “Bgd a tds por nunca me terem ⇒ Tem 84 comentários ao perfil apresenta 3 fotos de corpo inteiro, uma ⇒ Tem 454 amigos abandonado...=)” ⇒ Considera-se enérgica, criativa, um com um amigo e outra do mesmo amigo ⇒ Tem 72 recados ⇒ No seu diário expressa de uma forma bocado rebelde e de ideias fixas sozinho. O álbum intitulado “Eu ii o meu ⇒ Tem 151 comentários ao perfil e 70 às fotos m0r x)” é privado. bastante visível, em forma de poema, uma ⇒ Recusa a mentira e as injustiças ⇒ Mostra sentimentos de revolta, tristeza ou ligação amorosa não correspondida, (sobretudo se a acusam do que não fez) ⇒ A frase introdutória alude ao amor desilusão em “ pena de deixar os meus “pensaar nelaa... em c0m0 tnh0 remorsos, acabando com “amt pah sempre ⇒ Tudo o que esteja bem para os amigos verdadeiros amigos: (“ ou “porcaria de vida” ou saudades d0s n0ss0s m0ment0s =( Joana” está bem para ela (espírito de grupo) ainda “esquecer a minha vida” – estes foram am0.tee mt0 Ritinhaa... @@ ⇒ Existência de um de triângulo amoroso, na estados de espírito que a abelhinha foi fazendo ⇒ Quem se meter com os amigos mete-se qual uma amiga refere”n te vou esquecer, Outras Informações com ela (solidariedade colectiva) ⇒ A linguagem dos recados, passar entre Janeiro de 2008 e Maio de 2009. apenas tento percebr... o q se passa..” ⇒ Melhores amigas: Ana Mafalda e Adriana, principalmente da ex-namorada ⇒ Jogos: Cobra Solitário, Artic, Disco Bowling, Caos (percebe-se pelos recados que ⇒ Melhores Amigos: Joana Silva; Diogo de Mosquito, Solitário Highrise, Tripeaks que considera "The Best" terminaram) a dada altura é muito Marques; Tiago Murias; Stephanie Santos; ⇒ Apresenta o seu signo peixes ⇒ Jogos: Hóquei de Mesa, Disco Bowling, Fábio "Oregãos"; Andreia Alferes; Daniela Cobra, Buggle, Caos de Mosquitos, agressiva e pouco própria. Os restantes recados são de um amigo que revela Silva; Nuno Silva; Carina Rocha; André Snooker Moreira. ⇒ Não revela ter entrado em Grupos muita preocupação pelo Hugo e apela ⇒ Mostra vídeos de que gosta, retirados do constantemente para que se porte bem. ⇒ Jogos: Snooker. ⇒ Grupos: NeEd foR eSpEeD....., FCP, YouTube Tuning Beat's, Sport Cars ND Me ND My MEMBERS, American muscle car and classic american cars., para-aqueles-que- adoram-a-joana-silva ⇒ Publica vídeos e músicas de que gosta, retirados do ILike e do YouTube Media Digitais e Socialização, MCEM/2009, pág. 7 de 9
  8. 8. Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae ABELHINHA Luana Hugo Baeta Pirson'zituh ⇒ A linguagem utilizada denota que sofreu algumas desilusões com amigos “Bgd a tds por nunca me terem abandonado...=)” e ⇒ A utilização de linguagem adaptada com ⇒ Estabelece contactos familiares no seu amorosas “purk nau evidencias um amor expressões como “xaudadex de xertax pexoax…” blogue (avó, p.ex.) cumigo, purk sera qe so me ves cm um ⇒ Manifesta frontalidade e afirmação com “ quando ⇒ Utiliza uma linguagem adaptada com amigo”. Denota também bastantes quiseres falar comigo esquece tou bue desiludida expressões como "ez uma querida", "... ⇒ Utiliza linguagem adaptada com remorsos por ter estragado uma relação contigo”. Mais uma vez, perante sentimentos mais muito expezial", "ocupax um grande expressões “pensaar nelaa... em c0m0 amorosa negativos a escrita ganha mais correcção. lugar..." tnh0 saudades d0s n0ss0s m0ment0s =( ⇒ A utilização constante de calão. ⇒ “ a procura de qualquer coisa para completar o ⇒ Existência de muitas expressões am0.tee mt0 Ritinhaa... @@ ⇒ A utilização de linguagem adaptada com espaço vazio que há em mim” ou “farta da vida” e carinhosas como "adoro-te", "és linda", expressões como “qe pur mim ja como paradoxo “ tentar recuperar o tempo "que lindo", "ocupas lugar no meu xuras.te” ou “amt pah sempre Joana”. perdido” coração", "maravilhosa" ⇒ Utiliza uma linguagem poética para ⇒ Mostra poemas, o alfabeto do amigo expressar sentimentos de amizade e amor. Interacção/Comentários/Linguagem ⇒ Existência de inúmeras expressões ASPECTOS INTERACÇÃO carinhosas como " mlhr amigo...tas aqi”, “nha qerida do <3” , “manhu do <3”, etc. ⇒ Hi5 ⇒ Hi5 ⇒ Hi5 ⇒ http://www.hi5.com/friend/p134046832-- ⇒ HI5 Virtual hugo_baeta--html Comunicação ⇒ Azul escuro ⇒ Coloca borboletas a voar ⇒ Fundo cinzento com adornos de ⇒ cor de rosa com o elemento borboleta ⇒ Cinzento escuro e Preto ⇒ Coloca a todo o site um jovem de camisa serpentes. ⇒ Nas fotografias apresenta de forma fácil a sua ⇒ Vectorial/ Símbolo agressivo (lembra uma aberta mostrando a musculatura ⇒ A frase de início revela a importância imagem, expões amigos na rede vasta que aranha) que se repete ao longo do Site abdominal bem definida que dá ao amor sabemos ser um hi5 aberto, chega a ter a ⇒ Nas fotografias apresenta de forma fácil a ⇒ Tem uma frase de destaque logo no início ⇒ As fotos pessoais não são muitas mas naturalidade humorística de se chamar de “parola” sua imagem. Expõe amigos e ex-relações "Amigos separados?! Não!!!!!!" são explícitas, mostrando claramente o duas vezes abertamente. ⇒ Corações completam o aspecto seu aspecto físico. Apresentação Gráfica ASPECTOS TÉCNICOS gráfico/conteúdos do blogue • Rapazes e raparigas aparentam diferenças, por vezes intensas na forma como se apresentam no ciberespaço. • Os elementos do sexo feminino usam mais emoticons para se exprimirem no seu discurso, o que pode ter a ver com uma maior predisposição dos rapazes negarem os seus sentimentos, incluindo tristeza. Estes usam um estilo mais directo e forçado, mais intimista nas raparigas. Robin Lakopps sugere que a rapariga usa um estilo de linguagem com timidez e baixa auto estima por vezes, indicando falta de opinião. Muitas vezes usam eufemismos, falam do tempo e fogem às questões. Em contraste, os rapazes não se preocupam muito em ser educados. • A identidade é geralmente caracterizada em termos de aspectos interpessoais como a auto definição, traços de personalidade e interacções. Media Digitais e Socialização, MCEM/2009, pág. 8 de 9
  9. 9. Análise de Sites Sociais, Grupo Reggae • A instabilidade emocional surge como característica típica da construção da identidade nos adolescentes e de forma aberta a qualquer visitante • Rapazes dão mais informações sobre si e utilizam uma linguagem bem mais agressiva. • Podemos considerar que num hi5 que é bastante simples, conseguimos captar muito da situação vivida por uma adolescente, sobretudo em termos emocionais. - A Luana, denota uma atenção muito especial à parte estética e às questões sentimentais. Demonstra-o com corações, borboletas, poemas de amor e amizade, cores, brilhos. Não se vê nenhuma expressão menos apropriada, muito menos asneiras ou provocações. Sente-se que é alguém com apoio familiar uma vez que os próprios familiares participam no site. Revela um carinho muito grande e forte com os amigos por quem faz tudo e com quem se sente bem. Quanto a filmes, programas de TV, música, livros, jogos, não foge ao padrão geral das jovens da idade dela. Revela muito de si, embora não mencione a idade, com imensas fotografias pessoais que não se inibiu de colocar no Hi5. - Abelhinha: “O adolescente explora muito da sua identidade através da linguagem, que assume uma linguística adaptada, com a utilização de emoticons, abreviaturas ou acrónimos.” Uma curiosidade é o facto de ela não usar a linguagem da mesma forma quando está em baixo emocionalmente, ou seja, nas últimas afirmações não se encontra a letra X como quando ela se manifesta bem ou não tão mal. Verificam-se alterações do estado de espírito pelos “recados” que apresenta e mais, a 12 de Fevereiro, quando pelas palavras demonstra desilusão, essa situação coincide com um comentário a 14 de Fevereiro de um rapaz que manifesta amor e um pedido de desculpa pela ausência. - Pirson'zituh: “Este adolescente expõe, em diferentes momentos e de forma bastante expressiva, as suas relações de amizade. Este site demonstra alguns dos elementos característicos da adolescência, como a necessidade de pertença a um grupo, a necessidade de interacção social entre amigos, o namoro, as relações conturbadas, etc. A linguagem revela-se ao mesmo tempo agressiva recorrendo por diversas vezes ao calão (com os colegas masculinos) e mais suave ou mesmo romântica com elementos do sexo feminino. Nota-se na linguagem alguma mágoa (traição, talvez) e arrependimento por não ter feito tudo para manter uma determinada relação. - Hugo Baeta: Este adolescente expõe o seu relacionamento afectivo e algumas fotos pessoais, no entanto, torna privado o álbum de fotografia “Eu ii o meu m0r”. Utiliza linguagem adaptada e, através dos recados publicados pode-se perceber que, poderá ser um adolescente problemático e inspira preocupação pelo menos a um dos amigos, que refere várias vezes para ele se “portar bem”. Media Digitais e Socialização, MCEM/2009, pág. 9 de 9

×