SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
Baixar para ler offline
RESUMÃO
CRESCIMENTO DEMOGRÁFICO
AS TEORIAS POPULACIONAIS
CONCEITOS
DEMOGRÁFICOS
É uma ciência, relacionada à Geografia, voltada para o estudo
da população. A Demografia utiliza a Estatística para organizar
e analisar os diferentes aspectos por ex.: nos indicadores
sociais: idade, sexo, renda, atividade econômica(PEA / PEI),
natalidade, mortalidade, local de moradia e a migração, são
alguns desses exemplos.
É o resultado do cálculo a partir da subtração entre o número
de nascidos em um ano pelo número de óbitos no mesmo
período. Desse modo, se uma cidade possui 1.000 habitantes
e em um ano houver 30 nascimentos e 13 falecimentos, o
cálculo é feito da seguinte forma: CV= TN - TM
Crescimento vegetativo: 30 – 13 = 17
Ou seja: CV = TN > TM CV (+)
CV = TN < TM CV (-)
CV = TN = TM CV ( )
Obs: Lembrando que a imigração tem seu referencial no CV na contagem
dessa população.
O que é demografia?
O que é o Crescimento Demográfico ou Vegetativo?
Mortalidade é a condição do ser humano ser mortal, ou seja,
nasce, cresce e morre.
A Taxa de Mortalidade total é o número de pessoas que
morrem a cada 1000 habitantes durante 1 ano, expressa em %0.
A Taxa de Mortalidade infantil é o número de crianças
menores de 1 ano de idade que morrem por 1000 nascidos
vivos durante o período de 1 ano, expressa em %0
Fecundidade é a condição de gerar filhos e a taxa de
fecundidade corresponde às estimativas em relação ao
número de filhos que uma mulher pode ter ao longo do
período de fertilidade, entre as idades de 15 e 49 anos. Esse
processo é interessante para saber a quantidade de filhos ou
média do mesmo para cada mulher.
O que Mortalidade e Mortalidade Infantil e qual a
Diferença nas taxas respectivamente?
Existe diferença entre fecundidade e a taxa de fecundidade?
01. Você já reparou quantos tios ou tias tem01. Você já reparou quantos tios ou tias tem
em sua família, oriundos de seus avós?em sua família, oriundos de seus avós?
2.2. E seus tios, será que eles terão a mesma quantidadeE seus tios, será que eles terão a mesma quantidade
de filhos seguindo o exemplo de seus pais?de filhos seguindo o exemplo de seus pais?
3. E você, quantos filhos terás no futuro?
Se você for um bom observador,
saberia me dizer quantos filhos
Tem esse casal?
Acertou quem disse: 21 filhos.
Number: twenty
Talvez a teoria mais conhecida e a mais estudada seja
a malthusiana , elaborada por Thomas Malthus
-anglicano e economista inglês-(1776-1834)
1- Teoria Malthusiana - Segundo Malthus , no séc.
XVIII, a população crescia em PG ( 1, 3 , 9...) e os
alimentos em PA ( 2,4,6...), o que resultaria no futuro um
grande contingente de famintos.  Hoje, a teoria
malthusiana é contestada, pois com os avanços
tecnológicos pode-se produzir alimentos em
quantidade, além disso a população não cresceu
como o esperado, pois fatores como o uso
e anticoncepcionais e a emancipação feminina
contribuíram para diminuir o ritmo o crescimento
populacional. Caso a previsão de Malthus se concretizasse
hoje a população mundial seria de aproximadamente 185
bilhões de pessoas, no entanto é passa um pouco de 6
bilhões de pessoas.
2 - Teoria Neomalthusiana - Tem dimensão após a 2ª
Guerra Mundial, com o advento da explosão
demográfica, quando houve um crescimento
populacional descontrolado nos países do terceiro mundo,
devido à queda da mortalidade (medicamentos novos,
vacinas, antibióticos). Segundo os neomalthusianos os
países pobres são culpados pelas mazelas sociais
(violência, drogas, desemprego), pois não controlam o
crescimento populacional, para isso recomendam o uso de
anticoncepcionais e o controle de natalidade, ou
seja, haveria mais recursos destinados a economia
do país, e não em gastos sociais. 
3 - Reformistas ou Marxista - Contraria as ideias
malthusianas, para os reformistas, é a pobreza que que
causa crescimento elevado da população e para isso prega
as reformas sociais (educação, emprego, renda), ou seja, a
• Base: corresponde aos jovens: 0 a 19
anos (população jovem);
• Corpo: corresponde aos adultos: 20 a 59
anos (população adulta);
• Topo ou ápice: corresponde aos idosos:
acima de 60 anos (população de idosos).
Base: 0 – 19anos
Pop. Jovem
Corpo: 20 – 59anos
Pop. Adulta
Topo/Ápice:
60 anos acima
Pop. Idosa
Os países ricos têm um crescimento diferenciado. Logo, a distribuição etária
é diferente!
ATIVIDAD
ES
 01. A pirâmide etária é um gráfico que expressa o número de habitantes de um país, estado,
região ou município e sua distribuição por sexo e idade. Observe as pirâmides etárias abaixo.
Com base nas pirâmides etárias brasileiras, analise a veracidade (V) ou falsidade (F) das
proposições abaixo.
(   ) A pirâmide etária de 1960 evidencia elevadas taxas de natalidade, fecundidade e mortalidade, baixa 
expectativa de vida e elevado crescimento populacional.
(    ) A pirâmide etária de 2000 demonstra a diminuição das taxas de natalidade e de fecundidade, além do 
aumento da expectativa de vida e da diminuição do crescimento populacional. 
(   ) A diminuição do número de jovens, indicada pela pirâmide de 2000, deve-se tão somente ao aumento 
da mortalidade infantil.
Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses, de cima para baixo.
 a) V – F – F 
 b) F – V – V 
 c) F – F – V 
 d) V – V – F
02. Teoria que tentava explicar o atraso dos países subdesenvolvidos,
segundo esta o elevado crescimento populacional aumentaria a
pobreza e levaria este país à miséria.
(A). Teoria Malthusiana
(B). Teoria Neomalthusiana
(C). Teoria Reformista
(D) Todas estão corretas.
03.(ENEM) Qual dos slogans a seguir poderia ser utilizado para
defender o ponto de vista dos reformistas
a) “Controle populacional já, ou o país não resistirá.”
b) “Com saúde e educação, o planejamento familiar virá por opção!”
c) “População controlada, país rico.”
d) “Basta mais gente, que o país vai pra frente”
08. Qual das argumentações abaixo se refere à teoria neomalthusiana:
a) Uma população jovem numerosa só se tornou empecilho ao desenvolvimento
das atividades econômicas nos países subdesenvolvidos porque não foram
realizados investimentos sociais, principalmente em educação e saúde.
b) Uma população jovem necessita de grandes investimentos sociais em
educação e saúde, com isso sobrariam menos recursos para ser investido nos
setores agrícola e industrial, o que impediria o pleno desenvolvimento das
atividades econômicas e consequentemente, da melhoria das condições de vida
da população.
c) O ritmo do crescimento populacional seria mais acelerado que o ritmo de
crescimento da produção de alimentos, assim as possibilidades de aumento da
área cultivada estariam esgotadas pois todos os continentes estariam
plenamente ocupados pela agropecuária.
d) Uma população jovem numerosa é uma grande ajuda para o
desenvolvimento das atividades econômicas nos países subdesenvolvidos pela
necessidade de crescimento econômico e prosperidade de um país.
OBRIGADO
 MATERIAL DE ESTUDOS:MATERIAL DE ESTUDOS:
 CRESCIMENTO POPULACIONAL
 TEORIAS DEMOGRÁFICAS
 PIRÂMIDES ETÁRIAS
 INDICADORES SOCIAIS
 EXERCITEM EXERCICIOS RESOLVIDOS
SOBRE DEMOGRAFIA NOS SITES DE
PESQUISAS COMO GOOGLE.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Geografia da População
Geografia da PopulaçãoGeografia da População
Geografia da PopulaçãoEduardo Mendes
 
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)profacacio
 
Cartografia: A linguagem dos mapas
Cartografia: A linguagem dos mapasCartografia: A linguagem dos mapas
Cartografia: A linguagem dos mapasRoberta Sumar
 
Dinâmica demográfica
Dinâmica demográficaDinâmica demográfica
Dinâmica demográficanilzatmachado
 
Dinâmica populacional brasileira
Dinâmica populacional brasileiraDinâmica populacional brasileira
Dinâmica populacional brasileiraPedro Neves
 
Urbanizacao
UrbanizacaoUrbanizacao
UrbanizacaoAlmir
 
Cap. 6 - O espaço agrário brasileiro
Cap. 6 - O espaço agrário brasileiroCap. 6 - O espaço agrário brasileiro
Cap. 6 - O espaço agrário brasileiroAcácio Netto
 
Espaço geográfico
Espaço geográficoEspaço geográfico
Espaço geográficoCarminha
 
América Latina
América LatinaAmérica Latina
América LatinaFURG
 
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoDesenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoAbner de Paula
 
Industrialização mundial
Industrialização mundialIndustrialização mundial
Industrialização mundialArtur Lara
 

Mais procurados (20)

Geografia da População
Geografia da PopulaçãoGeografia da População
Geografia da População
 
Teorias populacionais
Teorias populacionaisTeorias populacionais
Teorias populacionais
 
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
 
Pirâmide etária
Pirâmide etáriaPirâmide etária
Pirâmide etária
 
Populaçao mundial
Populaçao mundialPopulaçao mundial
Populaçao mundial
 
PAÍSES EMERGENTES
PAÍSES EMERGENTESPAÍSES EMERGENTES
PAÍSES EMERGENTES
 
Cartografia: A linguagem dos mapas
Cartografia: A linguagem dos mapasCartografia: A linguagem dos mapas
Cartografia: A linguagem dos mapas
 
Geografia política e geopolítica
Geografia política e geopolíticaGeografia política e geopolítica
Geografia política e geopolítica
 
Dinâmica demográfica
Dinâmica demográficaDinâmica demográfica
Dinâmica demográfica
 
Dinâmica populacional brasileira
Dinâmica populacional brasileiraDinâmica populacional brasileira
Dinâmica populacional brasileira
 
Urbanizacao
UrbanizacaoUrbanizacao
Urbanizacao
 
Espaço geográfico
Espaço geográficoEspaço geográfico
Espaço geográfico
 
Cap. 6 - O espaço agrário brasileiro
Cap. 6 - O espaço agrário brasileiroCap. 6 - O espaço agrário brasileiro
Cap. 6 - O espaço agrário brasileiro
 
Demografia mundial
Demografia mundialDemografia mundial
Demografia mundial
 
Espaço geográfico
Espaço geográficoEspaço geográfico
Espaço geográfico
 
América Latina
América LatinaAmérica Latina
América Latina
 
BRICS
BRICSBRICS
BRICS
 
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoDesenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
 
Industrialização mundial
Industrialização mundialIndustrialização mundial
Industrialização mundial
 
Slides de Geografia do Brasil
Slides de Geografia do BrasilSlides de Geografia do Brasil
Slides de Geografia do Brasil
 

Semelhante a Teorias demográficas resumão - 2° ano - em

aula 2 ano ( conceitos basicos de população) (1).pptx
aula 2 ano ( conceitos basicos de população) (1).pptxaula 2 ano ( conceitos basicos de população) (1).pptx
aula 2 ano ( conceitos basicos de população) (1).pptxCarladeOliveira25
 
www.CentroApoio.com - Geografia - Teorias Demográficas - Vídeo Aulas
www.CentroApoio.com - Geografia - Teorias Demográficas - Vídeo Aulaswww.CentroApoio.com - Geografia - Teorias Demográficas - Vídeo Aulas
www.CentroApoio.com - Geografia - Teorias Demográficas - Vídeo AulasVídeo Aulas Apoio
 
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem figAula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem figSILVIO Candido da Mata
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003SILVIO Candido da Mata
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003SILVIO Candido da Mata
 
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)ivinhapi
 
ASPECTOS DEMOGRÁFICOS
ASPECTOS DEMOGRÁFICOSASPECTOS DEMOGRÁFICOS
ASPECTOS DEMOGRÁFICOSwilliandadalto
 
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mb
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mbAspectos da população mundial e do brasil 1º mb
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mbProfMario De Mori
 
Populacao mundial
Populacao mundialPopulacao mundial
Populacao mundialVirgilio Nt
 
Aula 1 população
Aula 1 populaçãoAula 1 população
Aula 1 populaçãosukilina
 
DEMOGRAFIA_I_-_Populacao_absoluta_e_relativa_-_teorias_demograficas_-_crescim...
DEMOGRAFIA_I_-_Populacao_absoluta_e_relativa_-_teorias_demograficas_-_crescim...DEMOGRAFIA_I_-_Populacao_absoluta_e_relativa_-_teorias_demograficas_-_crescim...
DEMOGRAFIA_I_-_Populacao_absoluta_e_relativa_-_teorias_demograficas_-_crescim...samuel1372822
 
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mc
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mcAspectos da população mundial e do brasil 1º mc
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mcProfMario De Mori
 
A variável fecundidade
A variável fecundidadeA variável fecundidade
A variável fecundidadealyssonadi
 
Espaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economiaEspaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economiaWander Junior
 

Semelhante a Teorias demográficas resumão - 2° ano - em (20)

aula 2 ano ( conceitos basicos de população) (1).pptx
aula 2 ano ( conceitos basicos de população) (1).pptxaula 2 ano ( conceitos basicos de população) (1).pptx
aula 2 ano ( conceitos basicos de população) (1).pptx
 
www.CentroApoio.com - Geografia - Teorias Demográficas - Vídeo Aulas
www.CentroApoio.com - Geografia - Teorias Demográficas - Vídeo Aulaswww.CentroApoio.com - Geografia - Teorias Demográficas - Vídeo Aulas
www.CentroApoio.com - Geografia - Teorias Demográficas - Vídeo Aulas
 
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem figAula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
 
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
 
ASPECTOS DEMOGRÁFICOS
ASPECTOS DEMOGRÁFICOSASPECTOS DEMOGRÁFICOS
ASPECTOS DEMOGRÁFICOS
 
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mb
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mbAspectos da população mundial e do brasil 1º mb
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mb
 
Geografia 3 ano
Geografia 3 anoGeografia 3 ano
Geografia 3 ano
 
2º Md Grupo 08
2º Md   Grupo 082º Md   Grupo 08
2º Md Grupo 08
 
Populacao mundial
Populacao mundialPopulacao mundial
Populacao mundial
 
Demografia geral
Demografia geralDemografia geral
Demografia geral
 
Aula 1 população
Aula 1 populaçãoAula 1 população
Aula 1 população
 
DEMOGRAFIA_I_-_Populacao_absoluta_e_relativa_-_teorias_demograficas_-_crescim...
DEMOGRAFIA_I_-_Populacao_absoluta_e_relativa_-_teorias_demograficas_-_crescim...DEMOGRAFIA_I_-_Populacao_absoluta_e_relativa_-_teorias_demograficas_-_crescim...
DEMOGRAFIA_I_-_Populacao_absoluta_e_relativa_-_teorias_demograficas_-_crescim...
 
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mc
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mcAspectos da população mundial e do brasil 1º mc
Aspectos da população mundial e do brasil 1º mc
 
Populacao sartre
Populacao sartrePopulacao sartre
Populacao sartre
 
2º Mb Grupo 08
2º Mb   Grupo 082º Mb   Grupo 08
2º Mb Grupo 08
 
A variável fecundidade
A variável fecundidadeA variável fecundidade
A variável fecundidade
 
Espaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economiaEspaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economia
 
TEORIAS DEMOGRÁFICAS
TEORIAS DEMOGRÁFICASTEORIAS DEMOGRÁFICAS
TEORIAS DEMOGRÁFICAS
 

Mais de Paes Viana

Hino da escola dario catunda fontenele
Hino da escola dario catunda fonteneleHino da escola dario catunda fontenele
Hino da escola dario catunda fontenelePaes Viana
 
COORDENADAS GEOGRAFICAS
COORDENADAS GEOGRAFICASCOORDENADAS GEOGRAFICAS
COORDENADAS GEOGRAFICASPaes Viana
 
A GEOGRAFIA DAS INDÚSTRIAS
A GEOGRAFIA DAS INDÚSTRIASA GEOGRAFIA DAS INDÚSTRIAS
A GEOGRAFIA DAS INDÚSTRIASPaes Viana
 
HIDROGRAFIA, CICLO DA ÁGUA E USINA DE BELO MONTE
HIDROGRAFIA, CICLO DA ÁGUA E USINA DE BELO MONTEHIDROGRAFIA, CICLO DA ÁGUA E USINA DE BELO MONTE
HIDROGRAFIA, CICLO DA ÁGUA E USINA DE BELO MONTEPaes Viana
 
OS MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL EM 2013
OS MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL EM 2013OS MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL EM 2013
OS MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL EM 2013Paes Viana
 
RIO+20 E O BRICS
RIO+20 E O BRICSRIO+20 E O BRICS
RIO+20 E O BRICSPaes Viana
 
Comissão da verdade e AI-5.
Comissão da verdade e AI-5.Comissão da verdade e AI-5.
Comissão da verdade e AI-5.Paes Viana
 
Acessando o site rumo à universidade cadastro
Acessando o site rumo à universidade   cadastroAcessando o site rumo à universidade   cadastro
Acessando o site rumo à universidade cadastroPaes Viana
 
Coordenadas geográficas 1 ano -em
Coordenadas geográficas   1 ano -emCoordenadas geográficas   1 ano -em
Coordenadas geográficas 1 ano -emPaes Viana
 
O estado nação, territorio e territorialidade - cap. 03 - pag. 25
O estado nação, territorio e territorialidade - cap. 03 - pag. 25O estado nação, territorio e territorialidade - cap. 03 - pag. 25
O estado nação, territorio e territorialidade - cap. 03 - pag. 25Paes Viana
 
Lugar, paisagem e espaço geográfico
Lugar, paisagem e espaço geográficoLugar, paisagem e espaço geográfico
Lugar, paisagem e espaço geográficoPaes Viana
 

Mais de Paes Viana (11)

Hino da escola dario catunda fontenele
Hino da escola dario catunda fonteneleHino da escola dario catunda fontenele
Hino da escola dario catunda fontenele
 
COORDENADAS GEOGRAFICAS
COORDENADAS GEOGRAFICASCOORDENADAS GEOGRAFICAS
COORDENADAS GEOGRAFICAS
 
A GEOGRAFIA DAS INDÚSTRIAS
A GEOGRAFIA DAS INDÚSTRIASA GEOGRAFIA DAS INDÚSTRIAS
A GEOGRAFIA DAS INDÚSTRIAS
 
HIDROGRAFIA, CICLO DA ÁGUA E USINA DE BELO MONTE
HIDROGRAFIA, CICLO DA ÁGUA E USINA DE BELO MONTEHIDROGRAFIA, CICLO DA ÁGUA E USINA DE BELO MONTE
HIDROGRAFIA, CICLO DA ÁGUA E USINA DE BELO MONTE
 
OS MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL EM 2013
OS MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL EM 2013OS MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL EM 2013
OS MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL EM 2013
 
RIO+20 E O BRICS
RIO+20 E O BRICSRIO+20 E O BRICS
RIO+20 E O BRICS
 
Comissão da verdade e AI-5.
Comissão da verdade e AI-5.Comissão da verdade e AI-5.
Comissão da verdade e AI-5.
 
Acessando o site rumo à universidade cadastro
Acessando o site rumo à universidade   cadastroAcessando o site rumo à universidade   cadastro
Acessando o site rumo à universidade cadastro
 
Coordenadas geográficas 1 ano -em
Coordenadas geográficas   1 ano -emCoordenadas geográficas   1 ano -em
Coordenadas geográficas 1 ano -em
 
O estado nação, territorio e territorialidade - cap. 03 - pag. 25
O estado nação, territorio e territorialidade - cap. 03 - pag. 25O estado nação, territorio e territorialidade - cap. 03 - pag. 25
O estado nação, territorio e territorialidade - cap. 03 - pag. 25
 
Lugar, paisagem e espaço geográfico
Lugar, paisagem e espaço geográficoLugar, paisagem e espaço geográfico
Lugar, paisagem e espaço geográfico
 

Teorias demográficas resumão - 2° ano - em

  • 2.
  • 3. CONCEITOS DEMOGRÁFICOS É uma ciência, relacionada à Geografia, voltada para o estudo da população. A Demografia utiliza a Estatística para organizar e analisar os diferentes aspectos por ex.: nos indicadores sociais: idade, sexo, renda, atividade econômica(PEA / PEI), natalidade, mortalidade, local de moradia e a migração, são alguns desses exemplos. É o resultado do cálculo a partir da subtração entre o número de nascidos em um ano pelo número de óbitos no mesmo período. Desse modo, se uma cidade possui 1.000 habitantes e em um ano houver 30 nascimentos e 13 falecimentos, o cálculo é feito da seguinte forma: CV= TN - TM Crescimento vegetativo: 30 – 13 = 17 Ou seja: CV = TN > TM CV (+) CV = TN < TM CV (-) CV = TN = TM CV ( ) Obs: Lembrando que a imigração tem seu referencial no CV na contagem dessa população. O que é demografia? O que é o Crescimento Demográfico ou Vegetativo?
  • 4. Mortalidade é a condição do ser humano ser mortal, ou seja, nasce, cresce e morre. A Taxa de Mortalidade total é o número de pessoas que morrem a cada 1000 habitantes durante 1 ano, expressa em %0. A Taxa de Mortalidade infantil é o número de crianças menores de 1 ano de idade que morrem por 1000 nascidos vivos durante o período de 1 ano, expressa em %0 Fecundidade é a condição de gerar filhos e a taxa de fecundidade corresponde às estimativas em relação ao número de filhos que uma mulher pode ter ao longo do período de fertilidade, entre as idades de 15 e 49 anos. Esse processo é interessante para saber a quantidade de filhos ou média do mesmo para cada mulher. O que Mortalidade e Mortalidade Infantil e qual a Diferença nas taxas respectivamente? Existe diferença entre fecundidade e a taxa de fecundidade?
  • 5. 01. Você já reparou quantos tios ou tias tem01. Você já reparou quantos tios ou tias tem em sua família, oriundos de seus avós?em sua família, oriundos de seus avós? 2.2. E seus tios, será que eles terão a mesma quantidadeE seus tios, será que eles terão a mesma quantidade de filhos seguindo o exemplo de seus pais?de filhos seguindo o exemplo de seus pais? 3. E você, quantos filhos terás no futuro? Se você for um bom observador, saberia me dizer quantos filhos Tem esse casal? Acertou quem disse: 21 filhos. Number: twenty
  • 6. Talvez a teoria mais conhecida e a mais estudada seja a malthusiana , elaborada por Thomas Malthus -anglicano e economista inglês-(1776-1834) 1- Teoria Malthusiana - Segundo Malthus , no séc. XVIII, a população crescia em PG ( 1, 3 , 9...) e os alimentos em PA ( 2,4,6...), o que resultaria no futuro um grande contingente de famintos.  Hoje, a teoria malthusiana é contestada, pois com os avanços tecnológicos pode-se produzir alimentos em quantidade, além disso a população não cresceu como o esperado, pois fatores como o uso e anticoncepcionais e a emancipação feminina contribuíram para diminuir o ritmo o crescimento populacional. Caso a previsão de Malthus se concretizasse hoje a população mundial seria de aproximadamente 185 bilhões de pessoas, no entanto é passa um pouco de 6 bilhões de pessoas.
  • 7. 2 - Teoria Neomalthusiana - Tem dimensão após a 2ª Guerra Mundial, com o advento da explosão demográfica, quando houve um crescimento populacional descontrolado nos países do terceiro mundo, devido à queda da mortalidade (medicamentos novos, vacinas, antibióticos). Segundo os neomalthusianos os países pobres são culpados pelas mazelas sociais (violência, drogas, desemprego), pois não controlam o crescimento populacional, para isso recomendam o uso de anticoncepcionais e o controle de natalidade, ou seja, haveria mais recursos destinados a economia do país, e não em gastos sociais.  3 - Reformistas ou Marxista - Contraria as ideias malthusianas, para os reformistas, é a pobreza que que causa crescimento elevado da população e para isso prega as reformas sociais (educação, emprego, renda), ou seja, a
  • 8.
  • 9. • Base: corresponde aos jovens: 0 a 19 anos (população jovem); • Corpo: corresponde aos adultos: 20 a 59 anos (população adulta); • Topo ou ápice: corresponde aos idosos: acima de 60 anos (população de idosos).
  • 10. Base: 0 – 19anos Pop. Jovem Corpo: 20 – 59anos Pop. Adulta Topo/Ápice: 60 anos acima Pop. Idosa
  • 11. Os países ricos têm um crescimento diferenciado. Logo, a distribuição etária é diferente!
  • 12.
  • 14.  01. A pirâmide etária é um gráfico que expressa o número de habitantes de um país, estado, região ou município e sua distribuição por sexo e idade. Observe as pirâmides etárias abaixo. Com base nas pirâmides etárias brasileiras, analise a veracidade (V) ou falsidade (F) das proposições abaixo. (   ) A pirâmide etária de 1960 evidencia elevadas taxas de natalidade, fecundidade e mortalidade, baixa  expectativa de vida e elevado crescimento populacional. (    ) A pirâmide etária de 2000 demonstra a diminuição das taxas de natalidade e de fecundidade, além do  aumento da expectativa de vida e da diminuição do crescimento populacional.  (   ) A diminuição do número de jovens, indicada pela pirâmide de 2000, deve-se tão somente ao aumento  da mortalidade infantil. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses, de cima para baixo.  a) V – F – F   b) F – V – V   c) F – F – V   d) V – V – F
  • 15. 02. Teoria que tentava explicar o atraso dos países subdesenvolvidos, segundo esta o elevado crescimento populacional aumentaria a pobreza e levaria este país à miséria. (A). Teoria Malthusiana (B). Teoria Neomalthusiana (C). Teoria Reformista (D) Todas estão corretas. 03.(ENEM) Qual dos slogans a seguir poderia ser utilizado para defender o ponto de vista dos reformistas a) “Controle populacional já, ou o país não resistirá.” b) “Com saúde e educação, o planejamento familiar virá por opção!” c) “População controlada, país rico.” d) “Basta mais gente, que o país vai pra frente”
  • 16. 08. Qual das argumentações abaixo se refere à teoria neomalthusiana: a) Uma população jovem numerosa só se tornou empecilho ao desenvolvimento das atividades econômicas nos países subdesenvolvidos porque não foram realizados investimentos sociais, principalmente em educação e saúde. b) Uma população jovem necessita de grandes investimentos sociais em educação e saúde, com isso sobrariam menos recursos para ser investido nos setores agrícola e industrial, o que impediria o pleno desenvolvimento das atividades econômicas e consequentemente, da melhoria das condições de vida da população. c) O ritmo do crescimento populacional seria mais acelerado que o ritmo de crescimento da produção de alimentos, assim as possibilidades de aumento da área cultivada estariam esgotadas pois todos os continentes estariam plenamente ocupados pela agropecuária. d) Uma população jovem numerosa é uma grande ajuda para o desenvolvimento das atividades econômicas nos países subdesenvolvidos pela necessidade de crescimento econômico e prosperidade de um país.
  • 17. OBRIGADO  MATERIAL DE ESTUDOS:MATERIAL DE ESTUDOS:  CRESCIMENTO POPULACIONAL  TEORIAS DEMOGRÁFICAS  PIRÂMIDES ETÁRIAS  INDICADORES SOCIAIS  EXERCITEM EXERCICIOS RESOLVIDOS SOBRE DEMOGRAFIA NOS SITES DE PESQUISAS COMO GOOGLE.