Projeto Coleta Seletiva Solidária (CSS)

5.287 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.287
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
113
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
60
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto Coleta Seletiva Solidária (CSS)

  1. 1. PROJETO COLETA SELETIVA SOLIDÁRIAPROJETO COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA • IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA SOLIDÁRIAIMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA NO COLÉGIO PROFESSORA THEMIS DE ALMEIDANO COLÉGIO PROFESSORA THEMIS DE ALMEIDA VIEIRAVIEIRA OBJETIVOS: Implantar de um Programa de Coleta Seletiva Solidária; Desenvolver uma política de apoio aos catadores
  2. 2. Vantagens da coleta seletivaVantagens da coleta seletiva Questão Ambiental: - Preservação dos recursos naturais e redução do uso de água e de energia através da reciclagem da matéria prima; - Diminuição do volume de lixo, aumentando a vida útil dos aterros; - Manejo inadequado representa contaminação dos solos, recursos hídricos e atmosfera;
  3. 3. HISTÓRICO DO LIXOHISTÓRICO DO LIXO • 500 A.C. NA GRÉCIA FOI INAUGURADO500 A.C. NA GRÉCIA FOI INAUGURADO O PRIMEIRO DEPÓSITO MUNICIPAL DEO PRIMEIRO DEPÓSITO MUNICIPAL DE LIXO DO OCIDENTE;LIXO DO OCIDENTE; • SÉC. XIV : INGLATERRA E FRANÇASÉC. XIV : INGLATERRA E FRANÇA ENFRENTAM O LIXO COMO QUESTÃOENFRENTAM O LIXO COMO QUESTÃO DE SAÚDE PÚBLICA E SEGURANÇA;DE SAÚDE PÚBLICA E SEGURANÇA; • 1840 O MUNDO OCIDENTAL ENTRA NA1840 O MUNDO OCIDENTAL ENTRA NA IDADE DO SANEAMENTOIDADE DO SANEAMENTO
  4. 4. NÚMEROSNÚMEROS De acordo com a Pesquisa Nacional de Saneamento Básico realizada pelo IBGE em 2000, o lixo produzido diariamente no Brasil chegava a 125.281 toneladas, sendo que 47,1% era destinado a aterros sanitários , 22,3 % a aterros controlados e 30,5 % a lixões.
  5. 5. DESTINAÇÃO INADEQUADA DO LIDXODESTINAÇÃO INADEQUADA DO LIDXO • CONTAMINAÇÃO DA ÁGUA E DO SOLO;CONTAMINAÇÃO DA ÁGUA E DO SOLO; • PROLIFERAÇÃO DE VETORES DEPROLIFERAÇÃO DE VETORES DE DOENÇAS, MAU CHEIRO, INCÊNDIOSDOENÇAS, MAU CHEIRO, INCÊNDIOS NA MASSA DE LIXO.NA MASSA DE LIXO. • PARA ONDE LEVAR O LIXO?PARA ONDE LEVAR O LIXO?
  6. 6. QUANDO O LIXO É SOLUÇÃOQUANDO O LIXO É SOLUÇÃO • GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA;GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA; • BENEFÍCIOS FISCAIS PARA A RECICLAGEM;BENEFÍCIOS FISCAIS PARA A RECICLAGEM; • DECORAÇÃO DE RUAS;DECORAÇÃO DE RUAS; • A ENERGIA DO LIXO;A ENERGIA DO LIXO; • REDUZIR, REUTILIZAR E RECICLAR.REDUZIR, REUTILIZAR E RECICLAR.
  7. 7. Vantagens da coleta seletivaVantagens da coleta seletiva Questão Social A importância de se organizar em cooperativas   A importância da Coleta Seletiva Solidária
  8. 8. Como encontrar as cooperativas?Como encontrar as cooperativas? • http://www.ambiente.rj.gov.brhttp://www.ambiente.rj.gov.br (Secretaria do Estado de Ambiente-SEA)(Secretaria do Estado de Ambiente-SEA) • http://www.rotadareciclagem.com.brhttp://www.rotadareciclagem.com.br (Rota da reciclagem)(Rota da reciclagem) • http://www.cempre.org.brhttp://www.cempre.org.br
  9. 9. VANTAGENS DA COLETA SELETIVAVANTAGENS DA COLETA SELETIVA • QUESTÃO AMBIENTAL: PRESERVAÇÃO DE RECURSOSQUESTÃO AMBIENTAL: PRESERVAÇÃO DE RECURSOS NATURAIS E REDUÇÃO DO USO DE ÁGUA E DENATURAIS E REDUÇÃO DO USO DE ÁGUA E DE ENERGIA, DIMINUIÇÃO DO VOLUME DO LIXO,ENERGIA, DIMINUIÇÃO DO VOLUME DO LIXO, AUMENTANDO A VIDA ÚTIL DOS ATERROS.AUMENTANDO A VIDA ÚTIL DOS ATERROS. • QUESTÃO SOCIAL: IMPORTÂNCIA DE SE ORGANIZARQUESTÃO SOCIAL: IMPORTÂNCIA DE SE ORGANIZAR EM COOPERATIVAS; IMPORTÂNCIA DA COLETAEM COOPERATIVAS; IMPORTÂNCIA DA COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA.SELETIVA SOLIDÁRIA.
  10. 10. CONSUMO CONSCIENTECONSUMO CONSCIENTE • CONSUMIMOS 20% A MAIS DO QUE A TERRACONSUMIMOS 20% A MAIS DO QUE A TERRA CONSEGUE SUSTENTAR. SE TODOS CONSUMISSEMCONSEGUE SUSTENTAR. SE TODOS CONSUMISSEM COMO AMERICANOS E EUROPEUS PRECISARÍAMOSCOMO AMERICANOS E EUROPEUS PRECISARÍAMOS DE 4 PLANETAS TERRA.DE 4 PLANETAS TERRA.
  11. 11. Coleta Seletiva Simples:Coleta Seletiva Simples: Recicláveis e Lixo ComumRecicláveis e Lixo Comum Lixo Comum Recicláveis Metal Plástico Restos de Comida Vidro PapelLixo de Banheiro Óleo Vegetal Usado
  12. 12. Sugestão: Adaptar as lixeiras já existentes e somente diferenciá-las com uma identificação.
  13. 13. O QUE É RECICLÁVEL? O QUE NÃO ÉO QUE É RECICLÁVEL? O QUE NÃO É RECICLÁVEL?RECICLÁVEL?
  14. 14. O QUE É RECICLÁVEL? O QUE NÃO ÉO QUE É RECICLÁVEL? O QUE NÃO É RECICLÁVEL?RECICLÁVEL?
  15. 15. O QUE É RECICLÁVEL? O QUE NÃO ÉO QUE É RECICLÁVEL? O QUE NÃO É RECICLÁVEL?RECICLÁVEL?
  16. 16. Reciclagem de óleo vegetalReciclagem de óleo vegetal óleo usado virando energia - biodieselóleo usado virando energia - biodiesel
  17. 17. RECOMENDA-SERECOMENDA-SE:: • Campanha de substituição de descartáveis: coposCampanha de substituição de descartáveis: copos plásticos de água, cafezinho, talheres, etc;plásticos de água, cafezinho, talheres, etc; • Adoção de copos de vidro, xícaras de porcelana,Adoção de copos de vidro, xícaras de porcelana, talheres de metal, que podem ser lavados etalheres de metal, que podem ser lavados e reaproveitados;reaproveitados; • Uso de papel reciclado Reaproveitamento do papelUso de papel reciclado Reaproveitamento do papel de escritório: confecção de blocos de rascunho,de escritório: confecção de blocos de rascunho, bloquinho de recados, etc;bloquinho de recados, etc;

×