SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 20
Baixar para ler offline
As instituições sociais ProfªOverlane
Instituição é toda forma ou estrutura social estabelecida, constituída, sedimentada na sociedade e com caráter normativo – ou seja, ela define regras (normas) e exerce formas de controle social. ESTADO FAMÍLIA ESCOLA IGREJA
As instituições são formadas para atender a necessidades sociais. Servem também de instrumento de regulação e controle das relações sociais e das atividades dos membros da sociedade que estão inseridos. Para isso, dispõem de um poder normativo e coercitivo aceito pela maioria da população dessa sociedade.
Características: ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
As instituições sociais normatizam os grupos Grupo Social  ≠ Instituição Social Os grupos sociais são conjuntos de indivíduos com objetivos comuns, envolvidos num processo de interação mais ou menos contínuo. As instituições sociais se baseiam em regras e procedimentos que se aplicam a diversos grupos.
As instituições sociais são interdependentes Uma instituição não existe isolada das outras. Há entre elas uma relação de interdependência, de tal forma que qualquer alteração em determinada instituição pode acarretar mudanças maiores ou menores nas outras.
FAMÍLIA Grupo primário de forte influência na formação do indivíduo, a família é o primeiro corpo social no qual os indivíduos convivem. É um tipo de agrupamento social cuja estrutura varia em alguns aspectos no tempo e no espaço. Essa variação pode se referir ao número e à forma do casamento, ao tipo de família e aos papeis familiares.
Monogamia  versus  poligamia FAMÍLIA MONOGÂMICA é aquela em que a pessoa tem apenas um cônjuge, quer esta relação seja estabelecida por uma aliança indissolúvel, quer se admita o divórcio.
FAMÍLIA POLIGÂMICA é aquela em que a pessoa pode ter dois ou mais cônjuges.
Ao casamento de uma mulher com dois ou mais homens dá-se o nome de POLIANDRIA (comuns entre as tribos do Tibete e entre os esquimós).
O casamento de um homem com várias mulheres chama-se POLIGINIA (comum entre algumas tribos africanas e entre os mulçumanos).
Formas de casamento ENDOGAMIA quer dizer casamento permitido apenas dentro do mesmo grupo, da mesma tribo.
EXOGAMIA trata-se da união com alguém de fora do grupo, que eventualmente pode ser também de religião, raça ou classe social diferentes.
Endogamia e exogamia são formas de casamento que supõem o enlace heterossexual tradicional. Mais recentemente, porém, alguns países passaram a adotar legalmente o casamento homossexual.
Classificação das famílias FAMÍLIA CONJUGAL ou NUCLEAR – reúne marido, a mulher e os filhos.
FAMÍLIA CONSANGUÍNEA ou EXTENSA – engloba, além do casal e seus filhos, outros parentes como avó, netos genros, noras, primos e sobrinhos.
Principais funções da família FUNÇÃO SEXUAL E REPRODUTIVA: garante a satisfação dos impulsos sexuais dos cônjuges e perpetua a espécie humana com a geração de filhos; FUNÇÃO EDUCACIONAL: responsável pela transmissão à criança dos valores e padrões culturais da sociedade; ao cumprir essa função a família se torna o primeiro agente de socialização do indivíduo. FUNÇÃO ECONÔMICA: aquela que assegura os meios de subsistência e bem-estar de seus integrantes;
Em tempos de globalização A sociedade pós-industrial criou um novo padrão de família. O “chefe de família” já não é apenas o pai. A mãe deixou de ser sinônimo de “rainha do lar”. A troca de papeis entre pais e mães são constantes. O homem participa das tarefas domésticas Diminuiu o número de famílias nucleares.
Aumentou o número de divórcios. Aumentou, também, o número de filhos de mães solteiras. Caiu o número de nascimentos, principalmente nos países europeus.  O divórcio, a viuvez, o abandono e a competitividade aumentam o número de famílias MONOPARENTAIS. A desestrutura familiar pode ser relacionada ao aumento da criminalidade entre jovens e adolescentes.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto contra racismo na escola
Projeto contra racismo na escolaProjeto contra racismo na escola
Projeto contra racismo na escolanivalda
 
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...Prof. Noe Assunção
 
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAvaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoProf. Noe Assunção
 
Planejamento anual filosofia- 3 em
Planejamento anual  filosofia- 3 emPlanejamento anual  filosofia- 3 em
Planejamento anual filosofia- 3 emIlca Guimarães
 
Politicas publicas atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
Politicas publicas   atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...Politicas publicas   atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
Politicas publicas atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...Atividades Diversas Cláudia
 
Plano de Ensino de Filosofia Ensino Médio - 2º ano
Plano de Ensino de Filosofia Ensino Médio -    2º ano Plano de Ensino de Filosofia Ensino Médio -    2º ano
Plano de Ensino de Filosofia Ensino Médio - 2º ano Mary Alvarenga
 
Aula 1 A nossa identidade brasileira- Sociologia - 1º ano EM - Prof. Noe Ass...
Aula 1  A nossa identidade brasileira- Sociologia - 1º ano EM - Prof. Noe Ass...Aula 1  A nossa identidade brasileira- Sociologia - 1º ano EM - Prof. Noe Ass...
Aula 1 A nossa identidade brasileira- Sociologia - 1º ano EM - Prof. Noe Ass...Prof. Noe Assunção
 
Sociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e SociedadeSociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e SociedadeMoacyr Anício
 
Dinâmica para aula de sociologia e filosofia
Dinâmica para aula de sociologia e filosofiaDinâmica para aula de sociologia e filosofia
Dinâmica para aula de sociologia e filosofiaSeverina Maria Vieira
 
Plano Bimestral de Filosofia 1º, 2º e 3º ano
Plano   Bimestral de Filosofia 1º, 2º e 3º ano Plano   Bimestral de Filosofia 1º, 2º e 3º ano
Plano Bimestral de Filosofia 1º, 2º e 3º ano Mary Alvarenga
 
Antropologia e educação2223
Antropologia e educação2223Antropologia e educação2223
Antropologia e educação2223Ricardo Castro
 
Formação do povo brasileiro
Formação do povo brasileiroFormação do povo brasileiro
Formação do povo brasileiroferaps
 
Atividade diagnostica filosofia e religiao 1 3 serie
Atividade diagnostica filosofia e religiao 1   3 serieAtividade diagnostica filosofia e religiao 1   3 serie
Atividade diagnostica filosofia e religiao 1 3 serieEscola Estadual de São Paulo
 
Cruzadinha de filosofia (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Cruzadinha de filosofia  (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)Cruzadinha de filosofia  (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Cruzadinha de filosofia (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)Mary Alvarenga
 

Mais procurados (20)

Projeto contra racismo na escola
Projeto contra racismo na escolaProjeto contra racismo na escola
Projeto contra racismo na escola
 
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
 
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAvaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
 
Planejamento anual filosofia- 3 em
Planejamento anual  filosofia- 3 emPlanejamento anual  filosofia- 3 em
Planejamento anual filosofia- 3 em
 
Politicas publicas atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
Politicas publicas   atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...Politicas publicas   atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
Politicas publicas atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
 
Plano de Ensino de Filosofia Ensino Médio - 2º ano
Plano de Ensino de Filosofia Ensino Médio -    2º ano Plano de Ensino de Filosofia Ensino Médio -    2º ano
Plano de Ensino de Filosofia Ensino Médio - 2º ano
 
Aula 1 A nossa identidade brasileira- Sociologia - 1º ano EM - Prof. Noe Ass...
Aula 1  A nossa identidade brasileira- Sociologia - 1º ano EM - Prof. Noe Ass...Aula 1  A nossa identidade brasileira- Sociologia - 1º ano EM - Prof. Noe Ass...
Aula 1 A nossa identidade brasileira- Sociologia - 1º ano EM - Prof. Noe Ass...
 
Identidade e Alteridade
Identidade e AlteridadeIdentidade e Alteridade
Identidade e Alteridade
 
Sociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e SociedadeSociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e Sociedade
 
Dinâmica para aula de sociologia e filosofia
Dinâmica para aula de sociologia e filosofiaDinâmica para aula de sociologia e filosofia
Dinâmica para aula de sociologia e filosofia
 
Plano Bimestral de Filosofia 1º, 2º e 3º ano
Plano   Bimestral de Filosofia 1º, 2º e 3º ano Plano   Bimestral de Filosofia 1º, 2º e 3º ano
Plano Bimestral de Filosofia 1º, 2º e 3º ano
 
Antropologia e educação2223
Antropologia e educação2223Antropologia e educação2223
Antropologia e educação2223
 
A natureza humana.
A natureza humana. A natureza humana.
A natureza humana.
 
Lista de exercícios (Sociologia)
Lista de exercícios (Sociologia)Lista de exercícios (Sociologia)
Lista de exercícios (Sociologia)
 
Ideologia
IdeologiaIdeologia
Ideologia
 
Formação do povo brasileiro
Formação do povo brasileiroFormação do povo brasileiro
Formação do povo brasileiro
 
Atividade diagnostica filosofia e religiao 1 3 serie
Atividade diagnostica filosofia e religiao 1   3 serieAtividade diagnostica filosofia e religiao 1   3 serie
Atividade diagnostica filosofia e religiao 1 3 serie
 
Sociologia da educação
Sociologia da educação Sociologia da educação
Sociologia da educação
 
Cruzadinha de filosofia (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Cruzadinha de filosofia  (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)Cruzadinha de filosofia  (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Cruzadinha de filosofia (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
 
Cultura material imaterial
Cultura material imaterialCultura material imaterial
Cultura material imaterial
 

Destaque

Grupos sociais e instituições (tema 9)
Grupos sociais e instituições (tema 9)Grupos sociais e instituições (tema 9)
Grupos sociais e instituições (tema 9)Wilton Moretto
 
Gênero bilhete e convite na alfabetização
Gênero bilhete e convite na alfabetizaçãoGênero bilhete e convite na alfabetização
Gênero bilhete e convite na alfabetizaçãoLorena Lopes
 
Papel da educação no desenvolvimento sócio económico e na construção da cidad...
Papel da educação no desenvolvimento sócio económico e na construção da cidad...Papel da educação no desenvolvimento sócio económico e na construção da cidad...
Papel da educação no desenvolvimento sócio económico e na construção da cidad...Alsone Jorge Guambe
 
Capítulo 11 instituições sociais
Capítulo 11   instituições sociaisCapítulo 11   instituições sociais
Capítulo 11 instituições sociaisColegio GGE
 
Interações Sociais -Grupos Sociais
Interações Sociais-Grupos SociaisInterações Sociais-Grupos Sociais
Interações Sociais -Grupos SociaisLídia Santos
 
Sociologia - interacões e grupos sociais- Prof.Altair Aguilar
Sociologia - interacões e grupos sociais- Prof.Altair AguilarSociologia - interacões e grupos sociais- Prof.Altair Aguilar
Sociologia - interacões e grupos sociais- Prof.Altair AguilarAltair Moisés Aguilar
 
Instituicoes sociais 2 ano
Instituicoes sociais 2 anoInstituicoes sociais 2 ano
Instituicoes sociais 2 anoOver Lane
 
Instituições sociais
Instituições sociaisInstituições sociais
Instituições sociaisRafael Barros
 

Destaque (20)

Mapa brasil molde para maquete e cartaz
Mapa brasil molde para maquete e cartazMapa brasil molde para maquete e cartaz
Mapa brasil molde para maquete e cartaz
 
Atividades avaliativas para o 2º ano
Atividades avaliativas para o 2º anoAtividades avaliativas para o 2º ano
Atividades avaliativas para o 2º ano
 
Cultura
CulturaCultura
Cultura
 
Sociedade2
Sociedade2Sociedade2
Sociedade2
 
Grupos sociais e instituições (tema 9)
Grupos sociais e instituições (tema 9)Grupos sociais e instituições (tema 9)
Grupos sociais e instituições (tema 9)
 
Gênero bilhete e convite na alfabetização
Gênero bilhete e convite na alfabetizaçãoGênero bilhete e convite na alfabetização
Gênero bilhete e convite na alfabetização
 
1º anos (Filosofia) Família
1º anos (Filosofia) Família1º anos (Filosofia) Família
1º anos (Filosofia) Família
 
A escola
A escolaA escola
A escola
 
Papel da educação no desenvolvimento sócio económico e na construção da cidad...
Papel da educação no desenvolvimento sócio económico e na construção da cidad...Papel da educação no desenvolvimento sócio económico e na construção da cidad...
Papel da educação no desenvolvimento sócio económico e na construção da cidad...
 
Capítulo 11 instituições sociais
Capítulo 11   instituições sociaisCapítulo 11   instituições sociais
Capítulo 11 instituições sociais
 
Interações Sociais -Grupos Sociais
Interações Sociais-Grupos SociaisInterações Sociais-Grupos Sociais
Interações Sociais -Grupos Sociais
 
Sociologia - interacões e grupos sociais- Prof.Altair Aguilar
Sociologia - interacões e grupos sociais- Prof.Altair AguilarSociologia - interacões e grupos sociais- Prof.Altair Aguilar
Sociologia - interacões e grupos sociais- Prof.Altair Aguilar
 
Instituicoes sociais 2 ano
Instituicoes sociais 2 anoInstituicoes sociais 2 ano
Instituicoes sociais 2 ano
 
Grupos sociais
Grupos sociaisGrupos sociais
Grupos sociais
 
Grupos Sociais
Grupos SociaisGrupos Sociais
Grupos Sociais
 
4. historia-1o-a-3o
4. historia-1o-a-3o4. historia-1o-a-3o
4. historia-1o-a-3o
 
Grupos sociais
Grupos sociaisGrupos sociais
Grupos sociais
 
Instituição escolar
Instituição escolarInstituição escolar
Instituição escolar
 
Instituições Sociais
Instituições SociaisInstituições Sociais
Instituições Sociais
 
Instituições sociais
Instituições sociaisInstituições sociais
Instituições sociais
 

Semelhante a Instituicoes sociais 2 ano

As instituições sociais
As instituições sociais As instituições sociais
As instituições sociais Isaquel Silva
 
Instituições Sociais
Instituições SociaisInstituições Sociais
Instituições SociaisIsaquel Silva
 
Aula de sociologia 3 ano i bimestre 2020
Aula de sociologia 3 ano   i bimestre 2020Aula de sociologia 3 ano   i bimestre 2020
Aula de sociologia 3 ano i bimestre 2020Paulo Alexandre
 
Texto instituições sociais
Texto   instituições sociaisTexto   instituições sociais
Texto instituições sociaisFabio Salvari
 
Família- Sociologia 12ºAno
Família- Sociologia 12ºAnoFamília- Sociologia 12ºAno
Família- Sociologia 12ºAnoturma12d
 
As instituições e grupos sociais 3º c
As instituições e grupos sociais 3º cAs instituições e grupos sociais 3º c
As instituições e grupos sociais 3º cJosefa Libório
 
Família nos dias de hoje
Família nos dias de hojeFamília nos dias de hoje
Família nos dias de hojemike wasofsky
 
O novo conceito de família
O novo conceito de famíliaO novo conceito de família
O novo conceito de famíliaAmanda Ferreira
 
A família como agente de socialização
A família como agente de socializaçãoA família como agente de socialização
A família como agente de socializaçãoRicardo Silva
 
A família EMRC Carolina Canastra
A família  EMRC Carolina CanastraA família  EMRC Carolina Canastra
A família EMRC Carolina Canastraemrcja
 
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneoDa família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneoPortal do Vestibulando
 
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneoDa família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneoEscola
 
Família e escola
Família e escolaFamília e escola
Família e escolaturma12d
 

Semelhante a Instituicoes sociais 2 ano (20)

Intituições Sociais
Intituições SociaisIntituições Sociais
Intituições Sociais
 
As instituições sociais
As instituições sociais As instituições sociais
As instituições sociais
 
Instituições Sociais
Instituições SociaisInstituições Sociais
Instituições Sociais
 
Aula de sociologia 3 ano i bimestre 2020
Aula de sociologia 3 ano   i bimestre 2020Aula de sociologia 3 ano   i bimestre 2020
Aula de sociologia 3 ano i bimestre 2020
 
Texto instituições sociais
Texto   instituições sociaisTexto   instituições sociais
Texto instituições sociais
 
Família- Sociologia 12ºAno
Família- Sociologia 12ºAnoFamília- Sociologia 12ºAno
Família- Sociologia 12ºAno
 
Psicologia aula 4
Psicologia   aula 4Psicologia   aula 4
Psicologia aula 4
 
As instituições e grupos sociais 3º c
As instituições e grupos sociais 3º cAs instituições e grupos sociais 3º c
As instituições e grupos sociais 3º c
 
Ainstituiofamiliar
AinstituiofamiliarAinstituiofamiliar
Ainstituiofamiliar
 
Família nos dias de hoje
Família nos dias de hojeFamília nos dias de hoje
Família nos dias de hoje
 
Resumo sobre as instituições sociais
Resumo sobre as instituições sociaisResumo sobre as instituições sociais
Resumo sobre as instituições sociais
 
O novo conceito de família
O novo conceito de famíliaO novo conceito de família
O novo conceito de família
 
Conceitos de familia
Conceitos de familiaConceitos de familia
Conceitos de familia
 
A família como agente de socialização
A família como agente de socializaçãoA família como agente de socialização
A família como agente de socialização
 
A família EMRC Carolina Canastra
A família  EMRC Carolina CanastraA família  EMRC Carolina Canastra
A família EMRC Carolina Canastra
 
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneoDa família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
 
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneoDa família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
Da família patriarcal às novas concepções de família no mundo contemporâneo
 
Família e escola
Família e escolaFamília e escola
Família e escola
 
Socialização
SocializaçãoSocialização
Socialização
 
Instituições sociais
Instituições sociaisInstituições sociais
Instituições sociais
 

Mais de Over Lane

Mensalão - Para não esquecer.
Mensalão - Para não esquecer.Mensalão - Para não esquecer.
Mensalão - Para não esquecer.Over Lane
 
Filosofia moderna
Filosofia moderna Filosofia moderna
Filosofia moderna Over Lane
 
Arte romana para blog
Arte romana para blogArte romana para blog
Arte romana para blogOver Lane
 
Idade média 1 ano
Idade média 1 anoIdade média 1 ano
Idade média 1 anoOver Lane
 
Idade média 1 ano
Idade média 1 anoIdade média 1 ano
Idade média 1 anoOver Lane
 
Felicidade 3 ano
Felicidade 3 anoFelicidade 3 ano
Felicidade 3 anoOver Lane
 
História do cinema blog
História do cinema blogHistória do cinema blog
História do cinema blogOver Lane
 
A semana de arte moderna
A semana de arte modernaA semana de arte moderna
A semana de arte modernaOver Lane
 
Moral e ética
Moral e éticaMoral e ética
Moral e éticaOver Lane
 
Trabalho e sociedade
Trabalho e sociedadeTrabalho e sociedade
Trabalho e sociedadeOver Lane
 
Linguagem e pensamento 2 ano
Linguagem e pensamento 2 anoLinguagem e pensamento 2 ano
Linguagem e pensamento 2 anoOver Lane
 
Patristica e escolastica
Patristica e escolasticaPatristica e escolastica
Patristica e escolasticaOver Lane
 
Aula ideologia 3 ano
Aula ideologia 3 anoAula ideologia 3 ano
Aula ideologia 3 anoOver Lane
 
Aula ideologia 3 ano
Aula ideologia 3 anoAula ideologia 3 ano
Aula ideologia 3 anoOver Lane
 
Aula liberalismo
Aula liberalismoAula liberalismo
Aula liberalismoOver Lane
 
Artes pre-historia para blog
Artes   pre-historia para blogArtes   pre-historia para blog
Artes pre-historia para blogOver Lane
 
Democracia 2 ano
Democracia 2 anoDemocracia 2 ano
Democracia 2 anoOver Lane
 
Socrates 1 ano
Socrates 1 anoSocrates 1 ano
Socrates 1 anoOver Lane
 

Mais de Over Lane (20)

Mensalão - Para não esquecer.
Mensalão - Para não esquecer.Mensalão - Para não esquecer.
Mensalão - Para não esquecer.
 
Filosofia moderna
Filosofia moderna Filosofia moderna
Filosofia moderna
 
Arte romana para blog
Arte romana para blogArte romana para blog
Arte romana para blog
 
Idade média 1 ano
Idade média 1 anoIdade média 1 ano
Idade média 1 ano
 
Idade média 1 ano
Idade média 1 anoIdade média 1 ano
Idade média 1 ano
 
Felicidade 3 ano
Felicidade 3 anoFelicidade 3 ano
Felicidade 3 ano
 
História do cinema blog
História do cinema blogHistória do cinema blog
História do cinema blog
 
A semana de arte moderna
A semana de arte modernaA semana de arte moderna
A semana de arte moderna
 
Moral e ética
Moral e éticaMoral e ética
Moral e ética
 
Trabalho e sociedade
Trabalho e sociedadeTrabalho e sociedade
Trabalho e sociedade
 
Linguagem e pensamento 2 ano
Linguagem e pensamento 2 anoLinguagem e pensamento 2 ano
Linguagem e pensamento 2 ano
 
Patristica e escolastica
Patristica e escolasticaPatristica e escolastica
Patristica e escolastica
 
Arte naif
Arte naifArte naif
Arte naif
 
Aula ideologia 3 ano
Aula ideologia 3 anoAula ideologia 3 ano
Aula ideologia 3 ano
 
Aula ideologia 3 ano
Aula ideologia 3 anoAula ideologia 3 ano
Aula ideologia 3 ano
 
Aula liberalismo
Aula liberalismoAula liberalismo
Aula liberalismo
 
Artes pre-historia para blog
Artes   pre-historia para blogArtes   pre-historia para blog
Artes pre-historia para blog
 
Democracia 2 ano
Democracia 2 anoDemocracia 2 ano
Democracia 2 ano
 
Durkhein
DurkheinDurkhein
Durkhein
 
Socrates 1 ano
Socrates 1 anoSocrates 1 ano
Socrates 1 ano
 

Último

AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.HildegardeAngel
 

Último (20)

AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
 

Instituicoes sociais 2 ano

  • 1. As instituições sociais ProfªOverlane
  • 2. Instituição é toda forma ou estrutura social estabelecida, constituída, sedimentada na sociedade e com caráter normativo – ou seja, ela define regras (normas) e exerce formas de controle social. ESTADO FAMÍLIA ESCOLA IGREJA
  • 3. As instituições são formadas para atender a necessidades sociais. Servem também de instrumento de regulação e controle das relações sociais e das atividades dos membros da sociedade que estão inseridos. Para isso, dispõem de um poder normativo e coercitivo aceito pela maioria da população dessa sociedade.
  • 4.
  • 5.
  • 6. As instituições sociais normatizam os grupos Grupo Social ≠ Instituição Social Os grupos sociais são conjuntos de indivíduos com objetivos comuns, envolvidos num processo de interação mais ou menos contínuo. As instituições sociais se baseiam em regras e procedimentos que se aplicam a diversos grupos.
  • 7. As instituições sociais são interdependentes Uma instituição não existe isolada das outras. Há entre elas uma relação de interdependência, de tal forma que qualquer alteração em determinada instituição pode acarretar mudanças maiores ou menores nas outras.
  • 8. FAMÍLIA Grupo primário de forte influência na formação do indivíduo, a família é o primeiro corpo social no qual os indivíduos convivem. É um tipo de agrupamento social cuja estrutura varia em alguns aspectos no tempo e no espaço. Essa variação pode se referir ao número e à forma do casamento, ao tipo de família e aos papeis familiares.
  • 9. Monogamia versus poligamia FAMÍLIA MONOGÂMICA é aquela em que a pessoa tem apenas um cônjuge, quer esta relação seja estabelecida por uma aliança indissolúvel, quer se admita o divórcio.
  • 10. FAMÍLIA POLIGÂMICA é aquela em que a pessoa pode ter dois ou mais cônjuges.
  • 11. Ao casamento de uma mulher com dois ou mais homens dá-se o nome de POLIANDRIA (comuns entre as tribos do Tibete e entre os esquimós).
  • 12. O casamento de um homem com várias mulheres chama-se POLIGINIA (comum entre algumas tribos africanas e entre os mulçumanos).
  • 13. Formas de casamento ENDOGAMIA quer dizer casamento permitido apenas dentro do mesmo grupo, da mesma tribo.
  • 14. EXOGAMIA trata-se da união com alguém de fora do grupo, que eventualmente pode ser também de religião, raça ou classe social diferentes.
  • 15. Endogamia e exogamia são formas de casamento que supõem o enlace heterossexual tradicional. Mais recentemente, porém, alguns países passaram a adotar legalmente o casamento homossexual.
  • 16. Classificação das famílias FAMÍLIA CONJUGAL ou NUCLEAR – reúne marido, a mulher e os filhos.
  • 17. FAMÍLIA CONSANGUÍNEA ou EXTENSA – engloba, além do casal e seus filhos, outros parentes como avó, netos genros, noras, primos e sobrinhos.
  • 18. Principais funções da família FUNÇÃO SEXUAL E REPRODUTIVA: garante a satisfação dos impulsos sexuais dos cônjuges e perpetua a espécie humana com a geração de filhos; FUNÇÃO EDUCACIONAL: responsável pela transmissão à criança dos valores e padrões culturais da sociedade; ao cumprir essa função a família se torna o primeiro agente de socialização do indivíduo. FUNÇÃO ECONÔMICA: aquela que assegura os meios de subsistência e bem-estar de seus integrantes;
  • 19. Em tempos de globalização A sociedade pós-industrial criou um novo padrão de família. O “chefe de família” já não é apenas o pai. A mãe deixou de ser sinônimo de “rainha do lar”. A troca de papeis entre pais e mães são constantes. O homem participa das tarefas domésticas Diminuiu o número de famílias nucleares.
  • 20. Aumentou o número de divórcios. Aumentou, também, o número de filhos de mães solteiras. Caiu o número de nascimentos, principalmente nos países europeus. O divórcio, a viuvez, o abandono e a competitividade aumentam o número de famílias MONOPARENTAIS. A desestrutura familiar pode ser relacionada ao aumento da criminalidade entre jovens e adolescentes.