Qualidade de Vida na Saúde do Trabalhador

431 visualizações

Publicada em

Análise de como a promoção de qualidade de vida auxilia na redução de doenças do trabalho.

Publicada em: Design
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
431
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • A área médica, por sua vez, já incorporou
    o tema qualidade de vida na sua prática profissional.
    Quando se apropria do termo, porém,
    o utiliza dentro do referencial da clínica,
    para designar o movimento em que, a partir
    de situações de lesões físicas ou biológicas, se
    oferecem indicações técnicas de melhorias nas
    condições de vida dos enfermos. A expressão
    usada é qualidade de vida em saúde. No entanto,
    a noção de saúde é totalmente funcional e
    corresponde ao seu contrário: a doença em causa,
    evidenciando uma visão medicalizada do
    tema. Os indicadores criados para medir esta
    qualidade de vida são notadamente bioestatísticos,
    psicométricos e econômicos, fundamentados
    em uma lógica de custo-benefício.
  • Qualidade de Vida na Saúde do Trabalhador

    1. 1. Psicologia Organizacional HUGV Qualidade de Vida na Saúde do Trabalhador
    2. 2. Polissêmico
    3. 3. O primeiro é histórico. Ou seja, em determinado tempo de seu desenvolvimento econômico, social e tecnológico, uma sociedade específica tem um parâmetro de qualidade de vida diferente da mesma sociedade em outra etapa histórica. O segundo é cultural. Certamente, valores e necessidades são construídos e hierarquizados diferentemente pelos povos, revelando suas tradições. O terceiro aspecto se refere às estratificações ou classes sociais.
    4. 4. Para o ser humano, o apetite da vida está estreitamente ligado ao menu que lhe é oferecido (Witier (1997). Seria, portanto, qualidade de vida uma mera representação social? Sim e não. Sim, pelos elementos de subjetividade e de incorporação cultural que contém. Não, porque existem alguns parâmetros materiais na construção desta noção que a tornam também passível de apreciação universal”
    5. 5. “Vou considerar como qualidade de vida boa ou excelente aquela que ofereça um mínimo de condições para que os indivíduos nela inseridos possam desenvolver o máximo de suas potencialidades, sejam estas: viver, sentir ou amar, trabalhar, produzindo bens e serviços, fazendo ciência ou artes.” Rufino Netto (1994)
    6. 6. Burnout - Síndrome do Esgotamento Profissional ou Síndrome da Estafa Profissional Descoberto em 1974 por Freudenberg – Psicanalista Norte-americano 3 Eixos: Exaustão emocional Despersonalização Falta de envolvimento pessoal no trabalho
    7. 7. estresse x burnout.
    8. 8. Depressão – Afastamento não resolve Burnout – Pode mudar Stress – Afastamento resolve
    9. 9. psicoterapia | tratamento médico bons hábitos autogerenciamento

    ×