SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
1
OS OBJETIVOS DAS REUNIÕES MEDIÚNICAS
As reuniões mediúnicas constituem-se em grupos de trabalho com necessidade de
adoção permanente da prática diária da reforma íntima porparte de seus integrantes,bem
como no estudo dos fatos registrados nas sessões.
O primeiro objetivo das reuniões mediúnicas
As reuniões mediúnicas devem atender a quatro objetivos simultaneamente.
Primeiro objetivo: a melhora moral dos integrantes encarnados. As tarefas
de concentração,de passividade, de diálogo são modos de trabalho nos quais devemos
sempre inserir o esforço do autoconhecimento e da renovação mental.
No silêncio, ouvindo as lições de vida dos espíritos necessitados,
corrigimos quaisquer inclinações de julgamento que porventura
despertem em nosso íntimo,e desenvolvemos tolerância e serenidade.
Apoiados no conceito de que “o primeiro objetivo das reuniões
mediúnicas é a instrução moral dos participantes encarnados”,
devemos pautar nossos ações a partir do proveito de reconceituar o
aprendizado, expandindo nossa capacidade de amar (fonte: Projeto
ManoelPhilomeno de Miranda,Livraria Espírita Alvorada Editora,copyright1993, 10ª
edição, pág. 17-18)
O segundo objetivo das reuniões mediúnicas
O atendimento proporcionado nas reuniões mediúnicas aos
comunicantes desencarnados corresponde a alçá-los, através do
esclarecimento, da situação de perturbação para a retomada da
consciência.O estado de perturbação se origina no desencarne e
pode prolongar-se indefinidamente.
“Os necessitados e sofredores que se manifestam na reunião
mediúnica fazem parte de uma vasta categoria denominada
Espíritos imperfeitos (...). Estes irmãos são almas enfermas que
chegam ao grupo mediúnicoem busca de socorro,cabendo-nos a
tarefa de auxiliá-los com fraternidade.” (Apostila Estudo e Prática da
Mediunidade - FEB, programa II, módulo IV, roteiro 3)
Através das orientações da doutrinação, colaboramos para o
desprendimento que “opera-se gradualmente e com lentidão
variável, segundo os indivíduos e as circunstâncias da morte. Os
laços que prendem a alma ao corpo não se rompem senão aos
poucos, e tanto menos rapidamente quanto mais a vida foi material
e sensual. (fonte: Allan Kardec, O que é o Espiritismo, Tradução de Guillon
Ribeiro, 55. ed. Rio de Janeiro, FEB, 2006.Cap. 3, Soluçãode alguns problemas pela
Doutrina Espírita, item 144, O homem depois da morte, p.229)
2
O terceiro objetivo das reuniões mediúnicas
A instrução espiritual é habitual nas reuniões mediúnicas, ocorrendo no início ou no
final da sessão, momento em que podemos trocarimpressões sobre pontos importantes do
serviço.
“É comum a manifestação de benfeitores espirituais que comparecem para prestar
orientações e esclarecimentos aos encarnados, bem como acompanhar e auxiliar os
sofredores, encarnados e desencarnados.” (Estudo e Prática da Mediunidade - FEB, programa II,
módulo I, roteiro 1, pág. 19)
Um exemplo deorientaçõesdessa natureza é o livro Instruções
Psicofônicas, com ensinamentos recebidos psicofonicamente pelo
médium Francisco Cândido Xavier entre 1954 e 1955 ao final das
reuniões doutrinárias do Grupo Meimei, na cidade de Pedro
Leopoldo, MG. Este grupo contava com vinte integrantes, dez dos
quais médiuns psicofônicos, voltados ao atendimento de casos de
obsessão.
O quarto objetivo das reuniões mediúnicas
“Os Espíritos não vêm libertar o homem do trabalho,do estudo e das pesquisas; naquilo
que pode achar porsi mesmo,eles o deixam às suas próprias forças.” (Allan Kardec, Revista
Espírita, abril de 1866, pág. 104)
“Os Espíritos não se manifestam para libertardo estudo e das
pesquisas o homem, nem para lhe transmitirem, inteiramente
pronta, nenhuma ciência. Com relação ao que o homem pode
achar por si mesmo, eles o deixam entregue às suas próprias
forças. (A Gênese, caráter da revelação espírita, item 60)
Um exemplo de pesquisa levada a efeito com a colaboração
dos espíritos é o trabalho coordenado por Lamartine Palhano,
que resultou na publicação do livro “Laudos Espíritas da
Loucura”. Psiquiatras espíritas obtém,através de um grupo de
médiuns,a opinião decolegas psiquiatras espirituais para casos
clínicos de encarnados com distonia mental.
Assim, concluímos pelos quatro objetivos simultâneos das reuniões mediúnicas:
primeiro objetivo: reforma íntima dos encarnados
segundo objetivo: atendimento
terceiro objetivo: instrução espiritual
quarto objetivo: pesquisa

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

CORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMOCORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMODenise Aguiar
 
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira). Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira). Leonardo Pereira
 
A importância da palestra espirita
A importância da palestra espiritaA importância da palestra espirita
A importância da palestra espiritacarlos freire
 
Roteiro 3 triplice aspecto da doutrina espírita
Roteiro 3   triplice aspecto da doutrina espíritaRoteiro 3   triplice aspecto da doutrina espírita
Roteiro 3 triplice aspecto da doutrina espíritaBruno Cechinel Filho
 
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismoSono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismoDeborah Oliver
 
Vigiando o pensamento-1,5h
Vigiando o pensamento-1,5hVigiando o pensamento-1,5h
Vigiando o pensamento-1,5hhome
 
Roteiro 1 influência dos espíritos
Roteiro 1   influência dos espíritosRoteiro 1   influência dos espíritos
Roteiro 1 influência dos espíritosBruno Cechinel Filho
 
Esdei 01.02 conceito e objeto
Esdei 01.02 conceito e objetoEsdei 01.02 conceito e objeto
Esdei 01.02 conceito e objetoDenise Aguiar
 
O PENSAMENTO Uma abordagem espírita
O PENSAMENTO Uma abordagem espíritaO PENSAMENTO Uma abordagem espírita
O PENSAMENTO Uma abordagem espíritaJorge Luiz dos Santos
 
Mocidade Espírita Chico Xavier - Tiptologia ou Sematologia
Mocidade Espírita Chico Xavier - Tiptologia ou SematologiaMocidade Espírita Chico Xavier - Tiptologia ou Sematologia
Mocidade Espírita Chico Xavier - Tiptologia ou SematologiaSergio Lima Dias Junior
 
Sintonia e vibração
Sintonia e vibraçãoSintonia e vibração
Sintonia e vibraçãoLouis Oliver
 
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011Izabel Cristina Fonseca
 
Mediunidade com Jesus
Mediunidade com JesusMediunidade com Jesus
Mediunidade com Jesusigmateus
 
Fluidos e Perispírito
Fluidos e PerispíritoFluidos e Perispírito
Fluidos e Perispíritoigmateus
 
Influencias espirituais
Influencias espirituaisInfluencias espirituais
Influencias espirituaisLisete B.
 
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)Marcos Antônio Alves
 
magnetismo-fluidos e perispirito
magnetismo-fluidos e perispiritomagnetismo-fluidos e perispirito
magnetismo-fluidos e perispiritocarlos freire
 

Mais procurados (20)

O Poder do Pensamento
O Poder do PensamentoO Poder do Pensamento
O Poder do Pensamento
 
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMOCORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
 
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira). Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
 
A importância da palestra espirita
A importância da palestra espiritaA importância da palestra espirita
A importância da palestra espirita
 
Roteiro 3 triplice aspecto da doutrina espírita
Roteiro 3   triplice aspecto da doutrina espíritaRoteiro 3   triplice aspecto da doutrina espírita
Roteiro 3 triplice aspecto da doutrina espírita
 
SEDE PERFEITOS
SEDE PERFEITOSSEDE PERFEITOS
SEDE PERFEITOS
 
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismoSono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
 
Vigiando o pensamento-1,5h
Vigiando o pensamento-1,5hVigiando o pensamento-1,5h
Vigiando o pensamento-1,5h
 
Roteiro 1 influência dos espíritos
Roteiro 1   influência dos espíritosRoteiro 1   influência dos espíritos
Roteiro 1 influência dos espíritos
 
Esdei 01.02 conceito e objeto
Esdei 01.02 conceito e objetoEsdei 01.02 conceito e objeto
Esdei 01.02 conceito e objeto
 
O PENSAMENTO Uma abordagem espírita
O PENSAMENTO Uma abordagem espíritaO PENSAMENTO Uma abordagem espírita
O PENSAMENTO Uma abordagem espírita
 
Mocidade Espírita Chico Xavier - Tiptologia ou Sematologia
Mocidade Espírita Chico Xavier - Tiptologia ou SematologiaMocidade Espírita Chico Xavier - Tiptologia ou Sematologia
Mocidade Espírita Chico Xavier - Tiptologia ou Sematologia
 
Sintonia e vibração
Sintonia e vibraçãoSintonia e vibração
Sintonia e vibração
 
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011
 
Mediunidade com Jesus
Mediunidade com JesusMediunidade com Jesus
Mediunidade com Jesus
 
Fluidos e Perispírito
Fluidos e PerispíritoFluidos e Perispírito
Fluidos e Perispírito
 
Influencias espirituais
Influencias espirituaisInfluencias espirituais
Influencias espirituais
 
Obsessao
ObsessaoObsessao
Obsessao
 
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
 
magnetismo-fluidos e perispirito
magnetismo-fluidos e perispiritomagnetismo-fluidos e perispirito
magnetismo-fluidos e perispirito
 

Destaque

Palestra: O Desafio de Ser um Pedagogo que Coincida com a Escola. Verão de 2013
Palestra: O Desafio de Ser um Pedagogo que Coincida com a Escola. Verão de 2013Palestra: O Desafio de Ser um Pedagogo que Coincida com a Escola. Verão de 2013
Palestra: O Desafio de Ser um Pedagogo que Coincida com a Escola. Verão de 2013George Júnior Soares Dantas
 
C:\Fakepath\Papel Do Pedagogo Na Atualidade
C:\Fakepath\Papel Do Pedagogo Na AtualidadeC:\Fakepath\Papel Do Pedagogo Na Atualidade
C:\Fakepath\Papel Do Pedagogo Na AtualidadeSolange Soares
 
Fases da Reunião
Fases da ReuniãoFases da Reunião
Fases da ReuniãoFdtensino
 
Coletânea de verbos para a elaboração de objetivos
Coletânea de verbos para a elaboração de objetivosColetânea de verbos para a elaboração de objetivos
Coletânea de verbos para a elaboração de objetivosDiogo Costa
 
Avaliação da reunião mediúnica ( estudo sistematizado da mediunidade ( Leonar...
Avaliação da reunião mediúnica ( estudo sistematizado da mediunidade ( Leonar...Avaliação da reunião mediúnica ( estudo sistematizado da mediunidade ( Leonar...
Avaliação da reunião mediúnica ( estudo sistematizado da mediunidade ( Leonar...Leonardo Pereira
 
Qualificação e prática da mediunidade
Qualificação e prática da mediunidadeQualificação e prática da mediunidade
Qualificação e prática da mediunidadeFrancisco José
 
Como avaliar se a reunião mediúnica esta bem
Como avaliar  se a reunião mediúnica esta bemComo avaliar  se a reunião mediúnica esta bem
Como avaliar se a reunião mediúnica esta bemGraça Maciel
 
O centro espírita os médiuns e a prática cópia
O centro espírita os médiuns e a prática   cópiaO centro espírita os médiuns e a prática   cópia
O centro espírita os médiuns e a prática cópiaLeonardo Pereira
 
como preparar uma reunião
como preparar uma  reuniãocomo preparar uma  reunião
como preparar uma reuniãopecots
 

Destaque (10)

Dairson: Reunião Mediúnica
Dairson: Reunião MediúnicaDairson: Reunião Mediúnica
Dairson: Reunião Mediúnica
 
Palestra: O Desafio de Ser um Pedagogo que Coincida com a Escola. Verão de 2013
Palestra: O Desafio de Ser um Pedagogo que Coincida com a Escola. Verão de 2013Palestra: O Desafio de Ser um Pedagogo que Coincida com a Escola. Verão de 2013
Palestra: O Desafio de Ser um Pedagogo que Coincida com a Escola. Verão de 2013
 
C:\Fakepath\Papel Do Pedagogo Na Atualidade
C:\Fakepath\Papel Do Pedagogo Na AtualidadeC:\Fakepath\Papel Do Pedagogo Na Atualidade
C:\Fakepath\Papel Do Pedagogo Na Atualidade
 
Fases da Reunião
Fases da ReuniãoFases da Reunião
Fases da Reunião
 
Coletânea de verbos para a elaboração de objetivos
Coletânea de verbos para a elaboração de objetivosColetânea de verbos para a elaboração de objetivos
Coletânea de verbos para a elaboração de objetivos
 
Avaliação da reunião mediúnica ( estudo sistematizado da mediunidade ( Leonar...
Avaliação da reunião mediúnica ( estudo sistematizado da mediunidade ( Leonar...Avaliação da reunião mediúnica ( estudo sistematizado da mediunidade ( Leonar...
Avaliação da reunião mediúnica ( estudo sistematizado da mediunidade ( Leonar...
 
Qualificação e prática da mediunidade
Qualificação e prática da mediunidadeQualificação e prática da mediunidade
Qualificação e prática da mediunidade
 
Como avaliar se a reunião mediúnica esta bem
Como avaliar  se a reunião mediúnica esta bemComo avaliar  se a reunião mediúnica esta bem
Como avaliar se a reunião mediúnica esta bem
 
O centro espírita os médiuns e a prática cópia
O centro espírita os médiuns e a prática   cópiaO centro espírita os médiuns e a prática   cópia
O centro espírita os médiuns e a prática cópia
 
como preparar uma reunião
como preparar uma  reuniãocomo preparar uma  reunião
como preparar uma reunião
 

Semelhante a Os objetivos da reunião mediúnica

OrganizacaoFuncionamentoReuniaoMediunicao.ppt
OrganizacaoFuncionamentoReuniaoMediunicao.pptOrganizacaoFuncionamentoReuniaoMediunicao.ppt
OrganizacaoFuncionamentoReuniaoMediunicao.pptHelenBuenoSantos
 
Reunião mediunica Clodoaldo versão 2.pptx
Reunião mediunica Clodoaldo versão 2.pptxReunião mediunica Clodoaldo versão 2.pptx
Reunião mediunica Clodoaldo versão 2.pptxClodoaldoFernandes5
 
Curso para doutrinadores
Curso para doutrinadoresCurso para doutrinadores
Curso para doutrinadoresAlencar Santana
 
Mediunidadeevolucaol10
Mediunidadeevolucaol10Mediunidadeevolucaol10
Mediunidadeevolucaol10Manoel Gamas
 
Assistencia espiritual-e-espiritismo
Assistencia espiritual-e-espiritismoAssistencia espiritual-e-espiritismo
Assistencia espiritual-e-espiritismoVictor Passos
 
A Ação Educativa da Casa Espírita
A Ação Educativa da Casa EspíritaA Ação Educativa da Casa Espírita
A Ação Educativa da Casa Espíritaigmateus
 
Curso básico sobre mediunidade
Curso básico sobre mediunidadeCurso básico sobre mediunidade
Curso básico sobre mediunidadeDirceu Jackson
 
Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade Leonardo Pereira
 
Desobsessão (psicografia chico xavier e waldo vieira espírito andré luiz)
Desobsessão  (psicografia chico xavier e waldo vieira   espírito andré luiz)Desobsessão  (psicografia chico xavier e waldo vieira   espírito andré luiz)
Desobsessão (psicografia chico xavier e waldo vieira espírito andré luiz)Bruno Bartholomei
 
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros 01 conceitos fundamentais
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros  01 conceitos fundamentaisEstudando com Andre Luiz - Os Mensageiros  01 conceitos fundamentais
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros 01 conceitos fundamentaisJose Luiz Maio
 
o_centro_espirita_e_desobsessao
o_centro_espirita_e_desobsessaoo_centro_espirita_e_desobsessao
o_centro_espirita_e_desobsessaoAri Carrasco
 
Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade Leonardo Pereira
 
exposição no GFLE - Passe_Passista_Paciente ppt.pptx
exposição no GFLE - Passe_Passista_Paciente ppt.pptxexposição no GFLE - Passe_Passista_Paciente ppt.pptx
exposição no GFLE - Passe_Passista_Paciente ppt.pptxmsdbiasi
 
Curso_de_estudo_e_pratica_da_mediunidade_FEB.ppt
Curso_de_estudo_e_pratica_da_mediunidade_FEB.pptCurso_de_estudo_e_pratica_da_mediunidade_FEB.ppt
Curso_de_estudo_e_pratica_da_mediunidade_FEB.pptStnio2
 

Semelhante a Os objetivos da reunião mediúnica (20)

Mediunidade e Obsessão - Doutrina Espírita
Mediunidade e Obsessão - Doutrina EspíritaMediunidade e Obsessão - Doutrina Espírita
Mediunidade e Obsessão - Doutrina Espírita
 
OrganizacaoFuncionamentoReuniaoMediunicao.ppt
OrganizacaoFuncionamentoReuniaoMediunicao.pptOrganizacaoFuncionamentoReuniaoMediunicao.ppt
OrganizacaoFuncionamentoReuniaoMediunicao.ppt
 
Reforma intima aula 2
Reforma intima aula 2Reforma intima aula 2
Reforma intima aula 2
 
Reunião mediunica Clodoaldo versão 2.pptx
Reunião mediunica Clodoaldo versão 2.pptxReunião mediunica Clodoaldo versão 2.pptx
Reunião mediunica Clodoaldo versão 2.pptx
 
Curso para doutrinadores
Curso para doutrinadoresCurso para doutrinadores
Curso para doutrinadores
 
Curso para doutrinadores
Curso para doutrinadoresCurso para doutrinadores
Curso para doutrinadores
 
Mediunidadeevolucaol10
Mediunidadeevolucaol10Mediunidadeevolucaol10
Mediunidadeevolucaol10
 
DOM/Feees - Reuniões mediúnicas
DOM/Feees - Reuniões mediúnicasDOM/Feees - Reuniões mediúnicas
DOM/Feees - Reuniões mediúnicas
 
Assistencia espiritual-e-espiritismo
Assistencia espiritual-e-espiritismoAssistencia espiritual-e-espiritismo
Assistencia espiritual-e-espiritismo
 
Desobsessao
DesobsessaoDesobsessao
Desobsessao
 
A Ação Educativa da Casa Espírita
A Ação Educativa da Casa EspíritaA Ação Educativa da Casa Espírita
A Ação Educativa da Casa Espírita
 
Curso básico sobre mediunidade
Curso básico sobre mediunidadeCurso básico sobre mediunidade
Curso básico sobre mediunidade
 
Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade
 
Desobsessão (psicografia chico xavier e waldo vieira espírito andré luiz)
Desobsessão  (psicografia chico xavier e waldo vieira   espírito andré luiz)Desobsessão  (psicografia chico xavier e waldo vieira   espírito andré luiz)
Desobsessão (psicografia chico xavier e waldo vieira espírito andré luiz)
 
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros 01 conceitos fundamentais
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros  01 conceitos fundamentaisEstudando com Andre Luiz - Os Mensageiros  01 conceitos fundamentais
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros 01 conceitos fundamentais
 
o_centro_espirita_e_desobsessao
o_centro_espirita_e_desobsessaoo_centro_espirita_e_desobsessao
o_centro_espirita_e_desobsessao
 
Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade
 
exposição no GFLE - Passe_Passista_Paciente ppt.pptx
exposição no GFLE - Passe_Passista_Paciente ppt.pptxexposição no GFLE - Passe_Passista_Paciente ppt.pptx
exposição no GFLE - Passe_Passista_Paciente ppt.pptx
 
Curso de médiuns
Curso de médiunsCurso de médiuns
Curso de médiuns
 
Curso_de_estudo_e_pratica_da_mediunidade_FEB.ppt
Curso_de_estudo_e_pratica_da_mediunidade_FEB.pptCurso_de_estudo_e_pratica_da_mediunidade_FEB.ppt
Curso_de_estudo_e_pratica_da_mediunidade_FEB.ppt
 

Mais de Osvaldo Brascher

Mais de Osvaldo Brascher (20)

As Marcas do Cristo I
As Marcas do Cristo IAs Marcas do Cristo I
As Marcas do Cristo I
 
Muita Luz
Muita Luz Muita Luz
Muita Luz
 
Biografia de Herminio Corrêa de Miranda
Biografia de Herminio Corrêa de MirandaBiografia de Herminio Corrêa de Miranda
Biografia de Herminio Corrêa de Miranda
 
Viaje espírita en 1862
Viaje espírita en 1862Viaje espírita en 1862
Viaje espírita en 1862
 
Manual práctico de las manifestaciones espíritas
Manual práctico de las manifestaciones espíritasManual práctico de las manifestaciones espíritas
Manual práctico de las manifestaciones espíritas
 
The genesis according to Spiritism
The genesis according to SpiritismThe genesis according to Spiritism
The genesis according to Spiritism
 
Heaven and hell
Heaven and hellHeaven and hell
Heaven and hell
 
After the storm
After the stormAfter the storm
After the storm
 
Evidence for a future life
Evidence for a future lifeEvidence for a future life
Evidence for a future life
 
Life and destiny
Life and destinyLife and destiny
Life and destiny
 
Joan of arc
Joan of arcJoan of arc
Joan of arc
 
Here and hereafter
Here and hereafterHere and hereafter
Here and hereafter
 
Our Daily Bread
Our Daily BreadOur Daily Bread
Our Daily Bread
 
Life tells us
Life tells usLife tells us
Life tells us
 
The world of spirit
The world of spiritThe world of spirit
The world of spirit
 
El gran enigma
El gran enigmaEl gran enigma
El gran enigma
 
Síntesis doctrinal y práctica del espiritismo
Síntesis doctrinal y práctica del espiritismoSíntesis doctrinal y práctica del espiritismo
Síntesis doctrinal y práctica del espiritismo
 
Juana de arco, médium
Juana de arco, médiumJuana de arco, médium
Juana de arco, médium
 
El problema del ser, del destino y del dolor
El problema del ser, del destino y del dolorEl problema del ser, del destino y del dolor
El problema del ser, del destino y del dolor
 
El porqué de la vida
El porqué de la vidaEl porqué de la vida
El porqué de la vida
 

Os objetivos da reunião mediúnica

  • 1. 1 OS OBJETIVOS DAS REUNIÕES MEDIÚNICAS As reuniões mediúnicas constituem-se em grupos de trabalho com necessidade de adoção permanente da prática diária da reforma íntima porparte de seus integrantes,bem como no estudo dos fatos registrados nas sessões. O primeiro objetivo das reuniões mediúnicas As reuniões mediúnicas devem atender a quatro objetivos simultaneamente. Primeiro objetivo: a melhora moral dos integrantes encarnados. As tarefas de concentração,de passividade, de diálogo são modos de trabalho nos quais devemos sempre inserir o esforço do autoconhecimento e da renovação mental. No silêncio, ouvindo as lições de vida dos espíritos necessitados, corrigimos quaisquer inclinações de julgamento que porventura despertem em nosso íntimo,e desenvolvemos tolerância e serenidade. Apoiados no conceito de que “o primeiro objetivo das reuniões mediúnicas é a instrução moral dos participantes encarnados”, devemos pautar nossos ações a partir do proveito de reconceituar o aprendizado, expandindo nossa capacidade de amar (fonte: Projeto ManoelPhilomeno de Miranda,Livraria Espírita Alvorada Editora,copyright1993, 10ª edição, pág. 17-18) O segundo objetivo das reuniões mediúnicas O atendimento proporcionado nas reuniões mediúnicas aos comunicantes desencarnados corresponde a alçá-los, através do esclarecimento, da situação de perturbação para a retomada da consciência.O estado de perturbação se origina no desencarne e pode prolongar-se indefinidamente. “Os necessitados e sofredores que se manifestam na reunião mediúnica fazem parte de uma vasta categoria denominada Espíritos imperfeitos (...). Estes irmãos são almas enfermas que chegam ao grupo mediúnicoem busca de socorro,cabendo-nos a tarefa de auxiliá-los com fraternidade.” (Apostila Estudo e Prática da Mediunidade - FEB, programa II, módulo IV, roteiro 3) Através das orientações da doutrinação, colaboramos para o desprendimento que “opera-se gradualmente e com lentidão variável, segundo os indivíduos e as circunstâncias da morte. Os laços que prendem a alma ao corpo não se rompem senão aos poucos, e tanto menos rapidamente quanto mais a vida foi material e sensual. (fonte: Allan Kardec, O que é o Espiritismo, Tradução de Guillon Ribeiro, 55. ed. Rio de Janeiro, FEB, 2006.Cap. 3, Soluçãode alguns problemas pela Doutrina Espírita, item 144, O homem depois da morte, p.229)
  • 2. 2 O terceiro objetivo das reuniões mediúnicas A instrução espiritual é habitual nas reuniões mediúnicas, ocorrendo no início ou no final da sessão, momento em que podemos trocarimpressões sobre pontos importantes do serviço. “É comum a manifestação de benfeitores espirituais que comparecem para prestar orientações e esclarecimentos aos encarnados, bem como acompanhar e auxiliar os sofredores, encarnados e desencarnados.” (Estudo e Prática da Mediunidade - FEB, programa II, módulo I, roteiro 1, pág. 19) Um exemplo deorientaçõesdessa natureza é o livro Instruções Psicofônicas, com ensinamentos recebidos psicofonicamente pelo médium Francisco Cândido Xavier entre 1954 e 1955 ao final das reuniões doutrinárias do Grupo Meimei, na cidade de Pedro Leopoldo, MG. Este grupo contava com vinte integrantes, dez dos quais médiuns psicofônicos, voltados ao atendimento de casos de obsessão. O quarto objetivo das reuniões mediúnicas “Os Espíritos não vêm libertar o homem do trabalho,do estudo e das pesquisas; naquilo que pode achar porsi mesmo,eles o deixam às suas próprias forças.” (Allan Kardec, Revista Espírita, abril de 1866, pág. 104) “Os Espíritos não se manifestam para libertardo estudo e das pesquisas o homem, nem para lhe transmitirem, inteiramente pronta, nenhuma ciência. Com relação ao que o homem pode achar por si mesmo, eles o deixam entregue às suas próprias forças. (A Gênese, caráter da revelação espírita, item 60) Um exemplo de pesquisa levada a efeito com a colaboração dos espíritos é o trabalho coordenado por Lamartine Palhano, que resultou na publicação do livro “Laudos Espíritas da Loucura”. Psiquiatras espíritas obtém,através de um grupo de médiuns,a opinião decolegas psiquiatras espirituais para casos clínicos de encarnados com distonia mental. Assim, concluímos pelos quatro objetivos simultâneos das reuniões mediúnicas: primeiro objetivo: reforma íntima dos encarnados segundo objetivo: atendimento terceiro objetivo: instrução espiritual quarto objetivo: pesquisa