SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Baixar para ler offline
PADRÕES DE CONSUMO
 Padrões de Consumo: são modelos específicos
  a que o consumo obedece, consoante os
  factores condicionantes (tempo, espaço,
  rendimento e cultura).
 O consumo é um dos comportamentos
  humanos mais influenciados pela época
  histórica e pelo espaço geográfico em que
  ocorre.
FACTORES DE QUE DEPENDE O CONSUMO

   O consumo é um fenómeno social complexo,
    condicionado     por     múltiplos    factores
    (económicos e extra-económicos) e, como já
    vimos, com influência sobre a vida humana e a
    do planeta.
Económicos:
   Rendimento dos Consumidores

   Preço dos Bens

   Inovação Tecnológica
Extra-Económicos:

   Moda

   Publicidade

   Tradição

   Modos de vida (Meio Social)

   Estrutura Etária (Idade/Sexo)
FACTORES ECONÓMICOS
    O consumidor tem de despender recursos, geralmente
    económicos, para a obtenção dos bens e serviços.

   Rendimento dos Consumidores: o consumo é função do
    rendimento.

   Uma alteração no nível de rendimentos dos consumidores
    reflecte-se no consumo, mas tem diferentes efeitos
    consoante o tipo de bens e serviços (depende da sua
    importância).

   Quando os bens são essenciais, a variação do rendimento
    pode não afectar o seu consumo, ao contrário dos bens
    supérfluos.
   Nível dos Preços: o consumo liga-se directamente ao
    problema do preço dos bens, dado que dele depende a
    capacidade aquisitiva dos consumidores:

    Uma subida generalizada dos preços dos bens pressupõe
    uma diminuição na capacidade aquisitiva das famílias, se
    os respectivos rendimentos se mantiverem.
    Esta situação, obriga os consumidores a abdicarem de
    consumos não essenciais, atribuindo uma maior parcela
    do seu rendimento à satisfação das necessidades
    básicas.

   Perante produtos similares, consumimos o mais barato
    e/ou aquele que apresente uma melhor relação
    preço/qualidade.
   Inovação Tecnológica: (elemento essencial na
    produção industrial)

    Tem efeitos ao nível dos processos produtivos:

- Produzir com novas tecnologias (novas máquinas,
  novas energias, novas matérias-primas) permite
  obter custos mais baixos, maior rapidez na
  produção,     maiores    quantidades,   melhor
  qualidade, …, o que se traduz em bens mais
  acessíveis para o consumidor.
   Tem efeitos ao nível da natureza dos bens:

    - Bens tecnologicamente mais sofisticados apresentam
    outras     funções,   outra     apresentação,    maiores
    potencialidades, o que constitui mais-valias e aumenta a
    apetência para o consumo.

               I&D = Inovação e Desenvolvimento

     O investimento em investigação e tecnologia permite a
    inovação, elemento indispensável à modernização e
    progresso económico.
     É importante a colaboração entre universidades e centros
    de pesquisa científica e tecnológica e as empresas
    (fábricas). Ex: Taguspark
OUTROS FACTORES ECONÓMICOS

   Crédito Bancário: é um adiantamento que os
    bancos concedem mediante o pagamento de
    um juro, para adquirir os bens de que
    necessitam e para os quais não têm dinheiro
    disponível no momento.
FACTORES EXTRA-ECONÓMICOS

   Idade e Sexo dos Consumidores: influencia a
    roupa, a alimentação, o lazer, etc. O
    comportamento quanto ao consumo é muito
    diferente.

   Tradição: traduz um hábito adquirido por gerações
    sucessivas, o que dificulta a inovação, a mudança
    e a modernidade.
    Ex: hábitos alimentares, tipo de habitações e
    vestuário.
   Moda: a sua influência nos consumos é, por
    vezes, o reflexo da publicidade no consumidor.

     Moda, publicidade, técnicas de venda são
    factores de natureza sociocultural que se
    reflectem no acto do consumo. Dão ao
    consumidor o conhecimento dos produtos
    existentes e a informação sobre a sua
    qualidade, ajudando-o a optar. Mas também
    podem condicionar a sua capacidade de
    escolha, ao criar motivações desajustadas das
    necessidades efectivas do indivíduo.
   Marketing: a criação de clientes e a sua
    fidelização passa a ser a finalidade da
    empresa, que irá desenvolver várias
    actividades: serviços de venda e publicidade,
    estudos de mercado, definição de preços,
    promoções e testes de novos produtos. Estas
    actividades baseiam-se no conhecimento dos
    clientes: os seus valores, atitudes, desejos e
    comportamentos.
   Publicidade: cria no consumidor a necessidade de utilizar os
    produtos usados nos spots publicitários. A publicidade joga
    com a necessidade de se ser aceite pele colectividade,
    levando-as a consumos estereotipados e ostentatórios,
    símbolos de ascensão social.


   Meio Social/Meio Natural: factores de ordem geográfica e
    cultural condicionam o consumo. Os consumos nos meios
    rurais e urbanos são distintos, porque os modos de vida
    também o são.
     A alimentação (necessidade primária) é satisfeita de forma
    diferente consoante o meio sociocultural.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Globalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vidaGlobalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vida
Alcina Barbosa
 
Consumo e estilos de vida
Consumo e estilos de vidaConsumo e estilos de vida
Consumo e estilos de vida
catynes
 
Os diferentes tipos de plantas das cidades
Os diferentes tipos de plantas das cidadesOs diferentes tipos de plantas das cidades
Os diferentes tipos de plantas das cidades
rmmpr
 
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação CríticaEstrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
Vanda Sousa
 
Bens – noção e classificação
Bens – noção e classificaçãoBens – noção e classificação
Bens – noção e classificação
EconomicSintese
 

Mais procurados (20)

Geografia11ºano
Geografia11ºanoGeografia11ºano
Geografia11ºano
 
As novas oportunidades para as áreas rurais
As novas oportunidades para as áreas ruraisAs novas oportunidades para as áreas rurais
As novas oportunidades para as áreas rurais
 
MACS - grafos, trajetos e circuitos eulerianos; circuitos eulerianos...
MACS - grafos, trajetos e circuitos eulerianos; circuitos eulerianos...MACS - grafos, trajetos e circuitos eulerianos; circuitos eulerianos...
MACS - grafos, trajetos e circuitos eulerianos; circuitos eulerianos...
 
Globalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vidaGlobalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vida
 
Os Serviços
Os ServiçosOs Serviços
Os Serviços
 
Características da agricultura portuguesa
Características da agricultura portuguesaCaracterísticas da agricultura portuguesa
Características da agricultura portuguesa
 
Consumo e estilos de vida
Consumo e estilos de vidaConsumo e estilos de vida
Consumo e estilos de vida
 
Recursos expressivos
Recursos expressivosRecursos expressivos
Recursos expressivos
 
Gil vicente, farsa de inês pereira
Gil vicente, farsa de inês pereiraGil vicente, farsa de inês pereira
Gil vicente, farsa de inês pereira
 
Distribuição da população portuguesa
Distribuição da população portuguesaDistribuição da população portuguesa
Distribuição da população portuguesa
 
Os diferentes tipos de plantas das cidades
Os diferentes tipos de plantas das cidadesOs diferentes tipos de plantas das cidades
Os diferentes tipos de plantas das cidades
 
Tipos de Comércio
Tipos de ComércioTipos de Comércio
Tipos de Comércio
 
O Turismo
O TurismoO Turismo
O Turismo
 
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação CríticaEstrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
 
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço ruralA inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
 
Bens – noção e classificação
Bens – noção e classificaçãoBens – noção e classificação
Bens – noção e classificação
 
Popper – o problema da demarcação
Popper – o problema da demarcaçãoPopper – o problema da demarcação
Popper – o problema da demarcação
 
Poesia Trovadoresca - Resumo
Poesia Trovadoresca - ResumoPoesia Trovadoresca - Resumo
Poesia Trovadoresca - Resumo
 
Geografia A - 10º/11º Ano
Geografia A - 10º/11º AnoGeografia A - 10º/11º Ano
Geografia A - 10º/11º Ano
 
Cultura
CulturaCultura
Cultura
 

Semelhante a Padrões de consumo

é O acto de utilizar um bem ou serviço com vista à satisfação de necessidades
é O acto de utilizar um bem ou serviço com vista à satisfação de necessidadesé O acto de utilizar um bem ou serviço com vista à satisfação de necessidades
é O acto de utilizar um bem ou serviço com vista à satisfação de necessidades
Tânia Màrcia Simões
 
Sociedade de consumo
Sociedade de consumoSociedade de consumo
Sociedade de consumo
Ana Sêco
 
A Sociedade De Consumo
A Sociedade De ConsumoA Sociedade De Consumo
A Sociedade De Consumo
consumo
 
Novo documento do microsoft word
Novo documento do microsoft wordNovo documento do microsoft word
Novo documento do microsoft word
Carlos Fonseca
 
Comportamento do consumidor pós de gestão de marketing e vendas pos cesvale...
Comportamento do consumidor   pós de gestão de marketing e vendas pos cesvale...Comportamento do consumidor   pós de gestão de marketing e vendas pos cesvale...
Comportamento do consumidor pós de gestão de marketing e vendas pos cesvale...
Ricardo Vernieri Alencar
 
Alves e lima. agricultura familiar
Alves e lima. agricultura familiarAlves e lima. agricultura familiar
Alves e lima. agricultura familiar
Glauber Nojosa
 

Semelhante a Padrões de consumo (20)

é O acto de utilizar um bem ou serviço com vista à satisfação de necessidades
é O acto de utilizar um bem ou serviço com vista à satisfação de necessidadesé O acto de utilizar um bem ou serviço com vista à satisfação de necessidades
é O acto de utilizar um bem ou serviço com vista à satisfação de necessidades
 
Consumismo e o ambiente
Consumismo e o ambienteConsumismo e o ambiente
Consumismo e o ambiente
 
Educação para o consumo
Educação para o consumoEducação para o consumo
Educação para o consumo
 
Sociedade de consumo
Sociedade de consumoSociedade de consumo
Sociedade de consumo
 
Sociedade De Consumo
Sociedade De ConsumoSociedade De Consumo
Sociedade De Consumo
 
A Sociedade De Consumo
A Sociedade De ConsumoA Sociedade De Consumo
A Sociedade De Consumo
 
Marketing aula 2
Marketing aula 2Marketing aula 2
Marketing aula 2
 
Novo documento do microsoft word
Novo documento do microsoft wordNovo documento do microsoft word
Novo documento do microsoft word
 
Economia
EconomiaEconomia
Economia
 
Consumismo e publicidade
Consumismo e publicidadeConsumismo e publicidade
Consumismo e publicidade
 
Ambiente de marketing
Ambiente de marketingAmbiente de marketing
Ambiente de marketing
 
Necesssidades
NecesssidadesNecesssidades
Necesssidades
 
Consumismo
ConsumismoConsumismo
Consumismo
 
Hábitos de Consumo Globais aula 1 ensino médio.pptx
Hábitos de Consumo Globais aula 1 ensino médio.pptxHábitos de Consumo Globais aula 1 ensino médio.pptx
Hábitos de Consumo Globais aula 1 ensino médio.pptx
 
Comportamento do consumidor pós de gestão de marketing e vendas pos cesvale...
Comportamento do consumidor   pós de gestão de marketing e vendas pos cesvale...Comportamento do consumidor   pós de gestão de marketing e vendas pos cesvale...
Comportamento do consumidor pós de gestão de marketing e vendas pos cesvale...
 
Consumo
ConsumoConsumo
Consumo
 
Consumo global
Consumo globalConsumo global
Consumo global
 
Alves e lima. agricultura familiar
Alves e lima. agricultura familiarAlves e lima. agricultura familiar
Alves e lima. agricultura familiar
 
Alves e lima. agricultura familiar
Alves e lima. agricultura familiarAlves e lima. agricultura familiar
Alves e lima. agricultura familiar
 
A sociedade de consumo
A sociedade de consumoA sociedade de consumo
A sociedade de consumo
 

Mais de EconomicSintese

Deixis pessoal temporal_espacial
Deixis pessoal temporal_espacialDeixis pessoal temporal_espacial
Deixis pessoal temporal_espacial
EconomicSintese
 
Portugal dific. cresc. económico
Portugal   dific. cresc. económicoPortugal   dific. cresc. económico
Portugal dific. cresc. económico
EconomicSintese
 
Política econ. pombalina
Política econ. pombalinaPolítica econ. pombalina
Política econ. pombalina
EconomicSintese
 
Londres centro da economia mundo
Londres   centro da economia mundoLondres   centro da economia mundo
Londres centro da economia mundo
EconomicSintese
 
Hegemonia da holanda séc.xvii ok
Hegemonia da holanda   séc.xvii okHegemonia da holanda   séc.xvii ok
Hegemonia da holanda séc.xvii ok
EconomicSintese
 
Amesterdão factores da hegemonia ok
Amesterdão   factores da hegemonia okAmesterdão   factores da hegemonia ok
Amesterdão factores da hegemonia ok
EconomicSintese
 
O dinamismo dos centros urbanos
O dinamismo dos centros urbanosO dinamismo dos centros urbanos
O dinamismo dos centros urbanos
EconomicSintese
 
Classificação das necessidades
Classificação das necessidadesClassificação das necessidades
Classificação das necessidades
EconomicSintese
 
A defesa dos consumidores
A defesa dos consumidoresA defesa dos consumidores
A defesa dos consumidores
EconomicSintese
 
Realidade social e ciências sociais
Realidade social e ciências sociaisRealidade social e ciências sociais
Realidade social e ciências sociais
EconomicSintese
 
Necessidades caracterização
Necessidades caracterizaçãoNecessidades caracterização
Necessidades caracterização
EconomicSintese
 
Necessidades caracterização
Necessidades caracterizaçãoNecessidades caracterização
Necessidades caracterização
EconomicSintese
 
Fenómenos sociais e fenómenos económicos
Fenómenos sociais e fenómenos económicosFenómenos sociais e fenómenos económicos
Fenómenos sociais e fenómenos económicos
EconomicSintese
 

Mais de EconomicSintese (20)

Retrato
RetratoRetrato
Retrato
 
Deixis pessoal temporal_espacial
Deixis pessoal temporal_espacialDeixis pessoal temporal_espacial
Deixis pessoal temporal_espacial
 
Portugal dific. cresc. económico
Portugal   dific. cresc. económicoPortugal   dific. cresc. económico
Portugal dific. cresc. económico
 
Política econ. pombalina
Política econ. pombalinaPolítica econ. pombalina
Política econ. pombalina
 
Mercantilismo
MercantilismoMercantilismo
Mercantilismo
 
Londres centro da economia mundo
Londres   centro da economia mundoLondres   centro da economia mundo
Londres centro da economia mundo
 
Hegemonia da holanda séc.xvii ok
Hegemonia da holanda   séc.xvii okHegemonia da holanda   séc.xvii ok
Hegemonia da holanda séc.xvii ok
 
Format. 2.ª 1.º 10
Format. 2.ª 1.º 10Format. 2.ª 1.º 10
Format. 2.ª 1.º 10
 
Amesterdão factores da hegemonia ok
Amesterdão   factores da hegemonia okAmesterdão   factores da hegemonia ok
Amesterdão factores da hegemonia ok
 
O tempo
O tempoO tempo
O tempo
 
O dinamismo dos centros urbanos
O dinamismo dos centros urbanosO dinamismo dos centros urbanos
O dinamismo dos centros urbanos
 
Consumo acto social
Consumo acto socialConsumo acto social
Consumo acto social
 
Classificação das necessidades
Classificação das necessidadesClassificação das necessidades
Classificação das necessidades
 
A sociedade de consumo
A sociedade de consumoA sociedade de consumo
A sociedade de consumo
 
A defesa dos consumidores
A defesa dos consumidoresA defesa dos consumidores
A defesa dos consumidores
 
Realidade social e ciências sociais
Realidade social e ciências sociaisRealidade social e ciências sociais
Realidade social e ciências sociais
 
Problema económico
Problema económicoProblema económico
Problema económico
 
Necessidades caracterização
Necessidades caracterizaçãoNecessidades caracterização
Necessidades caracterização
 
Necessidades caracterização
Necessidades caracterizaçãoNecessidades caracterização
Necessidades caracterização
 
Fenómenos sociais e fenómenos económicos
Fenómenos sociais e fenómenos económicosFenómenos sociais e fenómenos económicos
Fenómenos sociais e fenómenos económicos
 

Padrões de consumo

  • 2.  Padrões de Consumo: são modelos específicos a que o consumo obedece, consoante os factores condicionantes (tempo, espaço, rendimento e cultura).  O consumo é um dos comportamentos humanos mais influenciados pela época histórica e pelo espaço geográfico em que ocorre.
  • 3. FACTORES DE QUE DEPENDE O CONSUMO  O consumo é um fenómeno social complexo, condicionado por múltiplos factores (económicos e extra-económicos) e, como já vimos, com influência sobre a vida humana e a do planeta.
  • 4. Económicos:  Rendimento dos Consumidores  Preço dos Bens  Inovação Tecnológica
  • 5. Extra-Económicos:  Moda  Publicidade  Tradição  Modos de vida (Meio Social)  Estrutura Etária (Idade/Sexo)
  • 6. FACTORES ECONÓMICOS O consumidor tem de despender recursos, geralmente económicos, para a obtenção dos bens e serviços.  Rendimento dos Consumidores: o consumo é função do rendimento.  Uma alteração no nível de rendimentos dos consumidores reflecte-se no consumo, mas tem diferentes efeitos consoante o tipo de bens e serviços (depende da sua importância).  Quando os bens são essenciais, a variação do rendimento pode não afectar o seu consumo, ao contrário dos bens supérfluos.
  • 7. Nível dos Preços: o consumo liga-se directamente ao problema do preço dos bens, dado que dele depende a capacidade aquisitiva dos consumidores:  Uma subida generalizada dos preços dos bens pressupõe uma diminuição na capacidade aquisitiva das famílias, se os respectivos rendimentos se mantiverem. Esta situação, obriga os consumidores a abdicarem de consumos não essenciais, atribuindo uma maior parcela do seu rendimento à satisfação das necessidades básicas.  Perante produtos similares, consumimos o mais barato e/ou aquele que apresente uma melhor relação preço/qualidade.
  • 8. Inovação Tecnológica: (elemento essencial na produção industrial) Tem efeitos ao nível dos processos produtivos: - Produzir com novas tecnologias (novas máquinas, novas energias, novas matérias-primas) permite obter custos mais baixos, maior rapidez na produção, maiores quantidades, melhor qualidade, …, o que se traduz em bens mais acessíveis para o consumidor.
  • 9. Tem efeitos ao nível da natureza dos bens: - Bens tecnologicamente mais sofisticados apresentam outras funções, outra apresentação, maiores potencialidades, o que constitui mais-valias e aumenta a apetência para o consumo. I&D = Inovação e Desenvolvimento O investimento em investigação e tecnologia permite a inovação, elemento indispensável à modernização e progresso económico. É importante a colaboração entre universidades e centros de pesquisa científica e tecnológica e as empresas (fábricas). Ex: Taguspark
  • 10. OUTROS FACTORES ECONÓMICOS  Crédito Bancário: é um adiantamento que os bancos concedem mediante o pagamento de um juro, para adquirir os bens de que necessitam e para os quais não têm dinheiro disponível no momento.
  • 11. FACTORES EXTRA-ECONÓMICOS  Idade e Sexo dos Consumidores: influencia a roupa, a alimentação, o lazer, etc. O comportamento quanto ao consumo é muito diferente.  Tradição: traduz um hábito adquirido por gerações sucessivas, o que dificulta a inovação, a mudança e a modernidade. Ex: hábitos alimentares, tipo de habitações e vestuário.
  • 12. Moda: a sua influência nos consumos é, por vezes, o reflexo da publicidade no consumidor. Moda, publicidade, técnicas de venda são factores de natureza sociocultural que se reflectem no acto do consumo. Dão ao consumidor o conhecimento dos produtos existentes e a informação sobre a sua qualidade, ajudando-o a optar. Mas também podem condicionar a sua capacidade de escolha, ao criar motivações desajustadas das necessidades efectivas do indivíduo.
  • 13. Marketing: a criação de clientes e a sua fidelização passa a ser a finalidade da empresa, que irá desenvolver várias actividades: serviços de venda e publicidade, estudos de mercado, definição de preços, promoções e testes de novos produtos. Estas actividades baseiam-se no conhecimento dos clientes: os seus valores, atitudes, desejos e comportamentos.
  • 14. Publicidade: cria no consumidor a necessidade de utilizar os produtos usados nos spots publicitários. A publicidade joga com a necessidade de se ser aceite pele colectividade, levando-as a consumos estereotipados e ostentatórios, símbolos de ascensão social.  Meio Social/Meio Natural: factores de ordem geográfica e cultural condicionam o consumo. Os consumos nos meios rurais e urbanos são distintos, porque os modos de vida também o são. A alimentação (necessidade primária) é satisfeita de forma diferente consoante o meio sociocultural.