SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Baixar para ler offline
DUPLA RENOVAÇÃO   Emmanuel – Chico  Xavier  -  1974
"Época de transição", esta é a legenda que repetis freqüentemente para definir a atualidade terrestre, em que surpreendeis, a cada passo, larga fieira de ocorrências inusitadas.
Conflitos.    Desencarnações em massa.   Acidentes enlutando almas e lares.   Desvinculações violentas. Dramas no instituto doméstico.   Processos obsessivos, culminando com  perturbações e lágrimas. Moléstias de etiologia obscura.   Incompreensões.
Forçoso observar, no entanto,  que o Plano Físico e o Plano Espiritual  que se lhe segue reagem constantemente um sobre o outro. Criaturas desencarnadas  atuam no ambiente  dos companheiros desencarnados  e vice-versa.
E se vos reportais ao término do segundo milênio de civilização cristã em que vos achais, com a expectativa e o entusiasmo de quem se vê à frente de uma era nova, as mesmas circunstâncias se verificam na Espiritualidade, entre aqueles que aspiram a obter o retorno à Terra, expressando propósitos de autoburilamento em nível mais alto de evolução.
E por isto que legiões enormes de irmãos, domiciliados no Mais Além, vêm solicitando, desde algum tempo: -  reencarnações difíceis;  - testemunhos acerbos de aperfeiçoamento íntimo;  - tempo curto no veículo físico, de modo a  complementarem tarefas inacabadas em diversos setores da experiência humana;  - presença ligeira, junto de seres queridos, a fim de chamá-los à consideração da Vida Superior;  -  ou empreitadas de serviço moral para a liquidação de empreendimentos redentores, largados por eles nos caminhos do tempo.
Para isso, tentam aproveitar-se da última vigésima parte do segundo milênio, a que nos referimos,  para encerrarem o balanço das experiências menos felizes que lhes dizem respeito nos séculos últimos.
Perante a Vida Maior, quase tudo aquilo que vedes, presentemente, em matérias de agitação ou desequilíbrio, nada mais significa que a movimentação mais intensa de vastas coletividades que retornam à Esfera Física, em regime de urgência, no intuito de conseguirem retoques e meios com que possam abordar os tempos novos em condições mais dignas de trabalho e progresso.
Mantenhamo-nos prudentes, abstenhamo-nos de agravar dificuldades,  evitemos a formação de problemas,  orando e construindo,  seja nos obstáculos que nos atinjam,  sejam nas inquietações que assaltem aos  outros
Mas sejam quais forem as circunstâncias, estejamos atentos à fé para servir e compreender, reconhecendo que todas as provas de hoje são recursos e instrumentos de que se vale a Providência Divina a fim de conduzir-nos à Vida Melhor de amanhã.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Dupla renovação mensagem abertura

O_Processo_de_Transicao_Planetaria_Textos_Web.pdf
O_Processo_de_Transicao_Planetaria_Textos_Web.pdfO_Processo_de_Transicao_Planetaria_Textos_Web.pdf
O_Processo_de_Transicao_Planetaria_Textos_Web.pdfVIEIRA RESENDE
 
Emmanuel fala de ramatis em 5 de janeiro de 1954
Emmanuel fala de ramatis em 5 de janeiro de 1954Emmanuel fala de ramatis em 5 de janeiro de 1954
Emmanuel fala de ramatis em 5 de janeiro de 1954Norberto Scavone Augusto
 
Obreiros da vida eterna chico xavier
Obreiros da vida eterna  chico xavierObreiros da vida eterna  chico xavier
Obreiros da vida eterna chico xavierhavatar
 
4 obreiros da-vida_eterna-1946
4 obreiros da-vida_eterna-19464 obreiros da-vida_eterna-1946
4 obreiros da-vida_eterna-1946paulasa pin
 
Divaldo franco (joanna de ângelis) floracoes evangelicas
Divaldo franco (joanna de ângelis)   floracoes evangelicasDivaldo franco (joanna de ângelis)   floracoes evangelicas
Divaldo franco (joanna de ângelis) floracoes evangelicashavatar
 
A Transição Planetária, a nova Era e os Flagelos
A Transição Planetária, a nova Era e os FlagelosA Transição Planetária, a nova Era e os Flagelos
A Transição Planetária, a nova Era e os FlagelosADALBERTO COELHO DA SILVA JR
 
A Grande Transição
A Grande TransiçãoA Grande Transição
A Grande Transiçãopaikachambi
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 90 - O Trabalhador Divino
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 90 - O Trabalhador DivinoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 90 - O Trabalhador Divino
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 90 - O Trabalhador DivinoRicardo Azevedo
 
Os visitantes de alcione
Os visitantes de alcioneOs visitantes de alcione
Os visitantes de alcioneMarcia 1810
 
Andre luizsexoe destino
Andre luizsexoe destinoAndre luizsexoe destino
Andre luizsexoe destinomamuskafomm
 
14 sexo e-destino-1963
14 sexo e-destino-196314 sexo e-destino-1963
14 sexo e-destino-1963paulasa pin
 

Semelhante a Dupla renovação mensagem abertura (20)

O_Processo_de_Transicao_Planetaria_Textos_Web.pdf
O_Processo_de_Transicao_Planetaria_Textos_Web.pdfO_Processo_de_Transicao_Planetaria_Textos_Web.pdf
O_Processo_de_Transicao_Planetaria_Textos_Web.pdf
 
Emmanuel fala de ramatis em 5 de janeiro de 1954
Emmanuel fala de ramatis em 5 de janeiro de 1954Emmanuel fala de ramatis em 5 de janeiro de 1954
Emmanuel fala de ramatis em 5 de janeiro de 1954
 
Obreiros da vida eterna chico xavier
Obreiros da vida eterna  chico xavierObreiros da vida eterna  chico xavier
Obreiros da vida eterna chico xavier
 
4 obreiros da-vida_eterna-1946
4 obreiros da-vida_eterna-19464 obreiros da-vida_eterna-1946
4 obreiros da-vida_eterna-1946
 
Transição_Portal da Nova Geração
Transição_Portal da Nova GeraçãoTransição_Portal da Nova Geração
Transição_Portal da Nova Geração
 
Edição n. 44 do CH Noticias - Fevereiro/2019
Edição n. 44 do CH Noticias - Fevereiro/2019Edição n. 44 do CH Noticias - Fevereiro/2019
Edição n. 44 do CH Noticias - Fevereiro/2019
 
Divaldo franco (joanna de ângelis) floracoes evangelicas
Divaldo franco (joanna de ângelis)   floracoes evangelicasDivaldo franco (joanna de ângelis)   floracoes evangelicas
Divaldo franco (joanna de ângelis) floracoes evangelicas
 
A Transição Planetária, a nova Era e os Flagelos
A Transição Planetária, a nova Era e os FlagelosA Transição Planetária, a nova Era e os Flagelos
A Transição Planetária, a nova Era e os Flagelos
 
Os mensageiros
Os mensageirosOs mensageiros
Os mensageiros
 
A Grande Transição
A Grande TransiçãoA Grande Transição
A Grande Transição
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 90 - O Trabalhador Divino
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 90 - O Trabalhador DivinoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 90 - O Trabalhador Divino
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 90 - O Trabalhador Divino
 
Vidas Sucessivas
Vidas SucessivasVidas Sucessivas
Vidas Sucessivas
 
Os visitantes de alcione
Os visitantes de alcioneOs visitantes de alcione
Os visitantes de alcione
 
Os visitantes de alcione
Os visitantes de alcioneOs visitantes de alcione
Os visitantes de alcione
 
Informativo nov-12
Informativo   nov-12Informativo   nov-12
Informativo nov-12
 
Convites da vida...........leitura
Convites da vida...........leituraConvites da vida...........leitura
Convites da vida...........leitura
 
Andre luizsexoe destino
Andre luizsexoe destinoAndre luizsexoe destino
Andre luizsexoe destino
 
14 sexo e-destino-1963
14 sexo e-destino-196314 sexo e-destino-1963
14 sexo e-destino-1963
 
Os visitantes de alcione
Os visitantes de alcioneOs visitantes de alcione
Os visitantes de alcione
 
Os visitantes de alcione
Os visitantes de alcioneOs visitantes de alcione
Os visitantes de alcione
 

Mais de Fatima Carvalho

Depois da travessia - depoimentos esclarecedores
Depois da travessia -  depoimentos esclarecedores Depois da travessia -  depoimentos esclarecedores
Depois da travessia - depoimentos esclarecedores Fatima Carvalho
 
Valores do trabalho em equipe segundo a Doutrina Espírita
Valores  do trabalho em equipe segundo a Doutrina EspíritaValores  do trabalho em equipe segundo a Doutrina Espírita
Valores do trabalho em equipe segundo a Doutrina EspíritaFatima Carvalho
 
Mulheres novos rumos 2015
Mulheres novos rumos  2015Mulheres novos rumos  2015
Mulheres novos rumos 2015Fatima Carvalho
 
As mulheres no evangelho
As mulheres no evangelho As mulheres no evangelho
As mulheres no evangelho Fatima Carvalho
 
Eurípedes Barsanulfo e a Educação
Eurípedes Barsanulfo e a EducaçãoEurípedes Barsanulfo e a Educação
Eurípedes Barsanulfo e a EducaçãoFatima Carvalho
 
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)Fatima Carvalho
 
Transformacao interior e regeneracao 2013
Transformacao interior e regeneracao 2013Transformacao interior e regeneracao 2013
Transformacao interior e regeneracao 2013Fatima Carvalho
 
Superação das dificuldades final (out 2012)
Superação das dificuldades final (out 2012)Superação das dificuldades final (out 2012)
Superação das dificuldades final (out 2012)Fatima Carvalho
 
A força da convicção do amparo dos benfeitores espirituais (animação só vista...
A força da convicção do amparo dos benfeitores espirituais (animação só vista...A força da convicção do amparo dos benfeitores espirituais (animação só vista...
A força da convicção do amparo dos benfeitores espirituais (animação só vista...Fatima Carvalho
 
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos ExistenciaisVazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos ExistenciaisFatima Carvalho
 
Resiliência e Burnout (Teoria e Superação) parte 5
Resiliência e Burnout (Teoria e Superação) parte 5Resiliência e Burnout (Teoria e Superação) parte 5
Resiliência e Burnout (Teoria e Superação) parte 5Fatima Carvalho
 
Resiliência e Burnout (teoria e superação) parte 4
Resiliência e Burnout (teoria e superação) parte 4Resiliência e Burnout (teoria e superação) parte 4
Resiliência e Burnout (teoria e superação) parte 4Fatima Carvalho
 
Resiliência e burnout teoria e superação parte 3
Resiliência e burnout teoria e superação parte 3Resiliência e burnout teoria e superação parte 3
Resiliência e burnout teoria e superação parte 3Fatima Carvalho
 
Resiliência e burnout (teoria e superação) parte 2
Resiliência e burnout (teoria e superação) parte 2Resiliência e burnout (teoria e superação) parte 2
Resiliência e burnout (teoria e superação) parte 2Fatima Carvalho
 
Resiliência e Burnout (teoria e superacao) parte 1
Resiliência e Burnout (teoria e superacao) parte 1Resiliência e Burnout (teoria e superacao) parte 1
Resiliência e Burnout (teoria e superacao) parte 1Fatima Carvalho
 
Casimiro Cunha POESIA No Santuario Interior
Casimiro Cunha POESIA No Santuario InteriorCasimiro Cunha POESIA No Santuario Interior
Casimiro Cunha POESIA No Santuario InteriorFatima Carvalho
 
O PAPEL SOCIAL DA CASA ESPÍRITA
O PAPEL SOCIAL DA CASA ESPÍRITAO PAPEL SOCIAL DA CASA ESPÍRITA
O PAPEL SOCIAL DA CASA ESPÍRITAFatima Carvalho
 

Mais de Fatima Carvalho (20)

Depois da travessia - depoimentos esclarecedores
Depois da travessia -  depoimentos esclarecedores Depois da travessia -  depoimentos esclarecedores
Depois da travessia - depoimentos esclarecedores
 
Valores do trabalho em equipe segundo a Doutrina Espírita
Valores  do trabalho em equipe segundo a Doutrina EspíritaValores  do trabalho em equipe segundo a Doutrina Espírita
Valores do trabalho em equipe segundo a Doutrina Espírita
 
Mulheres novos rumos 2015
Mulheres novos rumos  2015Mulheres novos rumos  2015
Mulheres novos rumos 2015
 
As mulheres no evangelho
As mulheres no evangelho As mulheres no evangelho
As mulheres no evangelho
 
Eurípedes Barsanulfo e a Educação
Eurípedes Barsanulfo e a EducaçãoEurípedes Barsanulfo e a Educação
Eurípedes Barsanulfo e a Educação
 
A arte de ouvir 08 2015
A arte de ouvir 08 2015A arte de ouvir 08 2015
A arte de ouvir 08 2015
 
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
 
Transformacao interior e regeneracao 2013
Transformacao interior e regeneracao 2013Transformacao interior e regeneracao 2013
Transformacao interior e regeneracao 2013
 
Superação das dificuldades final (out 2012)
Superação das dificuldades final (out 2012)Superação das dificuldades final (out 2012)
Superação das dificuldades final (out 2012)
 
A força da convicção do amparo dos benfeitores espirituais (animação só vista...
A força da convicção do amparo dos benfeitores espirituais (animação só vista...A força da convicção do amparo dos benfeitores espirituais (animação só vista...
A força da convicção do amparo dos benfeitores espirituais (animação só vista...
 
TODOS APRENDENDO
TODOS APRENDENDOTODOS APRENDENDO
TODOS APRENDENDO
 
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos ExistenciaisVazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
 
Resiliência e Burnout (Teoria e Superação) parte 5
Resiliência e Burnout (Teoria e Superação) parte 5Resiliência e Burnout (Teoria e Superação) parte 5
Resiliência e Burnout (Teoria e Superação) parte 5
 
Resiliência e Burnout (teoria e superação) parte 4
Resiliência e Burnout (teoria e superação) parte 4Resiliência e Burnout (teoria e superação) parte 4
Resiliência e Burnout (teoria e superação) parte 4
 
Resiliência e burnout teoria e superação parte 3
Resiliência e burnout teoria e superação parte 3Resiliência e burnout teoria e superação parte 3
Resiliência e burnout teoria e superação parte 3
 
Resiliência e burnout (teoria e superação) parte 2
Resiliência e burnout (teoria e superação) parte 2Resiliência e burnout (teoria e superação) parte 2
Resiliência e burnout (teoria e superação) parte 2
 
Resiliência e Burnout (teoria e superacao) parte 1
Resiliência e Burnout (teoria e superacao) parte 1Resiliência e Burnout (teoria e superacao) parte 1
Resiliência e Burnout (teoria e superacao) parte 1
 
Casimiro Cunha POESIA No Santuario Interior
Casimiro Cunha POESIA No Santuario InteriorCasimiro Cunha POESIA No Santuario Interior
Casimiro Cunha POESIA No Santuario Interior
 
A IMPORTANCIA DA DOR
A  IMPORTANCIA DA DORA  IMPORTANCIA DA DOR
A IMPORTANCIA DA DOR
 
O PAPEL SOCIAL DA CASA ESPÍRITA
O PAPEL SOCIAL DA CASA ESPÍRITAO PAPEL SOCIAL DA CASA ESPÍRITA
O PAPEL SOCIAL DA CASA ESPÍRITA
 

Dupla renovação mensagem abertura

  • 1. DUPLA RENOVAÇÃO Emmanuel – Chico Xavier - 1974
  • 2. "Época de transição", esta é a legenda que repetis freqüentemente para definir a atualidade terrestre, em que surpreendeis, a cada passo, larga fieira de ocorrências inusitadas.
  • 3. Conflitos. Desencarnações em massa. Acidentes enlutando almas e lares. Desvinculações violentas. Dramas no instituto doméstico. Processos obsessivos, culminando com perturbações e lágrimas. Moléstias de etiologia obscura. Incompreensões.
  • 4. Forçoso observar, no entanto, que o Plano Físico e o Plano Espiritual que se lhe segue reagem constantemente um sobre o outro. Criaturas desencarnadas atuam no ambiente dos companheiros desencarnados e vice-versa.
  • 5. E se vos reportais ao término do segundo milênio de civilização cristã em que vos achais, com a expectativa e o entusiasmo de quem se vê à frente de uma era nova, as mesmas circunstâncias se verificam na Espiritualidade, entre aqueles que aspiram a obter o retorno à Terra, expressando propósitos de autoburilamento em nível mais alto de evolução.
  • 6. E por isto que legiões enormes de irmãos, domiciliados no Mais Além, vêm solicitando, desde algum tempo: - reencarnações difíceis; - testemunhos acerbos de aperfeiçoamento íntimo; - tempo curto no veículo físico, de modo a complementarem tarefas inacabadas em diversos setores da experiência humana; - presença ligeira, junto de seres queridos, a fim de chamá-los à consideração da Vida Superior; - ou empreitadas de serviço moral para a liquidação de empreendimentos redentores, largados por eles nos caminhos do tempo.
  • 7. Para isso, tentam aproveitar-se da última vigésima parte do segundo milênio, a que nos referimos, para encerrarem o balanço das experiências menos felizes que lhes dizem respeito nos séculos últimos.
  • 8. Perante a Vida Maior, quase tudo aquilo que vedes, presentemente, em matérias de agitação ou desequilíbrio, nada mais significa que a movimentação mais intensa de vastas coletividades que retornam à Esfera Física, em regime de urgência, no intuito de conseguirem retoques e meios com que possam abordar os tempos novos em condições mais dignas de trabalho e progresso.
  • 9. Mantenhamo-nos prudentes, abstenhamo-nos de agravar dificuldades, evitemos a formação de problemas, orando e construindo, seja nos obstáculos que nos atinjam, sejam nas inquietações que assaltem aos outros
  • 10. Mas sejam quais forem as circunstâncias, estejamos atentos à fé para servir e compreender, reconhecendo que todas as provas de hoje são recursos e instrumentos de que se vale a Providência Divina a fim de conduzir-nos à Vida Melhor de amanhã.