Trabalho realizado por :
João Marques nº8
CefMesa 2ºano
Agrupamento Vertical de
escolas Dr. Garcia Domingues
Professor: Pa...
A SIDA é provocada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), que
penetra no organismo por contacto com uma pessoa infec...
Pneumonia por Pneumocystis jiroveci (anteriormente designado por
Pneumocystis carinii)
Tuberculose
Esofagite por infecção ...
Sangue
Injecção na veia
Os tratamentos existentes, compostos,
normalmente, por mais do que um
medicamento, reduzem a carga vírica e atrasam
os dan...
Usar sempre preservativo nas relações
sexuais, não partilhar agulhas,
seringas, material usado na
preparação de drogas inj...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projecto da sida

228 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
228
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projecto da sida

  1. 1. Trabalho realizado por : João Marques nº8 CefMesa 2ºano Agrupamento Vertical de escolas Dr. Garcia Domingues Professor: Paulo Guerreiro
  2. 2. A SIDA é provocada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), que penetra no organismo por contacto com uma pessoa infectada. A transmissão pode acontecer de três formas: relações sexuais; contacto com sangue infectado; de mãe para filho, durante a gravidez ou o parto e pela amamentação. A Sida provoca ainda perturbações como perda de peso, tumores no cérebro e outros problemas de saúde que, sem tratamento, podem levar à morte.
  3. 3. Pneumonia por Pneumocystis jiroveci (anteriormente designado por Pneumocystis carinii) Tuberculose Esofagite por infecção fúngica (ex.: Candida) ou antiviral (ex.: Herpes simplex ou Citomegalovirus) Diarreia crónica após infecção por bactérias ou parasitas Meningite provocada por fungos (por exemplo, o Cryptococcus neoformans)
  4. 4. Sangue Injecção na veia
  5. 5. Os tratamentos existentes, compostos, normalmente, por mais do que um medicamento, reduzem a carga vírica e atrasam os danos que o vírus pode provocar no sistema imunológico. Com a toma dos medicamentos existentes, a quantidade de vírus no sangue começa a decrescer ao fim de alguns dias. Na maioria das pessoas que tem acesso ao tratamento, e que o cumpre adequadamente de acordo com a indicação dos seu médico, 99 por cento do vírus presente no sangue é eliminado ao fim de quatro semanas e, ao fim de quatro a seis meses, a maior parte passará a ter «VIH não detectável» no sangue. No entanto, o vírus permanece no organismo e mantém-se o risco de transmissão da infecção a outras pessoas.
  6. 6. Usar sempre preservativo nas relações sexuais, não partilhar agulhas, seringas, material usado na preparação de drogas injectáveis e objectos cortantes (agulhas de acupunctura, instrumentos para fazer tatuagens e piercings, de cabeleireiro, manicura).

×