G5 a medida do tempo e a idade da terra (datação relativa)

5.558 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.558
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
534
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
412
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

G5 a medida do tempo e a idade da terra (datação relativa)

  1. 1. 10º ANO - GEOLOGIA A medida do tempo e a idade da Terra
  2. 2. Datação relativa Qual a figura que representa a época mais recuada? Nuno Correia - 10/11
  3. 3. Idade relativa Corresponde ao estabelecimento da idade de uns estratos em relação aos outros, ou seja, determinar qual o estrato mais antigo e qual o mais recente. Nuno Correia - 10/11
  4. 4. Datação absoluta  a uma datação mais exacta, que permite determinar a idade da rocha em termos de milhões de anos. Nuno Correia - 10/11
  5. 5. Relativa / Absoluta Nuno Correia - 10/11
  6. 6. Datação relativa Nuno Correia - 10/11
  7. 7. Fóssil  Fóssil (substantivo masculino): Todo e qualquer vestígio identificável, corpóreo ou de actividade orgânica, de organismos do passado, conservado em contextos geológicos, isto é, nas rochas (do latim fossile < fossu, cavado, retirado do chão cavando). Nuno Correia - 10/11
  8. 8. Princípios  Horizontalidade inicial  Sobreposição dos estratos  Identidade paleontológica  Inclusão  Intersecção ou corte  Continuidade lateral  Actualismo ou causas actuais Nuno Correia - 10/11
  9. 9. Horizontalidade inicial  Os estratos sedimentares formam-se horizontalmente, isto é, os sedimentos depositam-se horizontalmente à medida que vão chegando à bacia de sedimentação, por efeito gravítico. Nuno Correia - 10/11
  10. 10. Sobreposição dos estratos  Numa sequência estratigráfica não deformada, um estrato mais recente sobrepõe-se a um estrato mais antigo, o que significa que os estratos serão tanto mais antigos, quanto mais profundos se encontrarem. Nuno Correia - 10/11
  11. 11. Identidade paleontológica  dois estratos que contenham o mesmo fóssil de idade, apresentam a mesma idade (e tiveram a sua origem em ambientes semelhantes.) Nuno Correia - 10/11
  12. 12. Exercício  Indica um estrato que tenha aproximadamente a mesma idade do estrato A Nuno Correia - 10/11
  13. 13. Exercício  Indica o estrato mais antigo da figura. Nuno Correia - 10/11
  14. 14. Lacunas estratigráficas A não existência de formas fósseis intermédias foi explicada como resultado de lacunas estratigráficas, isto é, ausência de uma ou várias camadas sedimentares que foram eliminadas pelos agentes erosivos ou que nem sequer se chegaram a constituir devido às condições de sedimentação. Nuno Correia - 10/11
  15. 15. Inclusão  Um fragmento incorporado num outro, é mais antigo que este. Nuno Correia - 10/11
  16. 16. Mais antigo Contemporâneo Nuno Correia - 10/11
  17. 17. Os fósseis são contemporâneos ... Nuno Correia - 10/11
  18. 18. Nuno Correia - 10/11
  19. 19. Intersecção ou corte  Estruturas geológicas que intersectam outras (como as fracturas, as falhas e as intrusões magmáticas), são mais recentes que estas. Nuno Correia - 10/11
  20. 20. Nuno Correia - 10/11
  21. 21. Nuno Correia - 10/11
  22. 22. Nuno Correia - 10/11
  23. 23. Continuidade lateral  Em diferentes pontos da Terra, pode haver a mesma sequência estratigráfica, isto é, há correlação entre estratos distanciados lateralmente. Nuno Correia - 10/11
  24. 24. Nuno Correia - 10/11
  25. 25. Actualismo  os fenómenos geológicos existentes na actualidade são idênticos aos que ocorreram no passado, por isso os acontecimentos geológicos do passado podem ser explicados pelos processos naturais que se observam na actualidade. Nuno Correia - 10/11
  26. 26. Exercício 2 Nuno Correia - 10/11
  27. 27. Exercício 3 Ordenar as duas imagens ! Nuno Correia - 10/11
  28. 28. Exercício 3 Nuno Correia - 10/11
  29. 29. Exercício 4 Nuno Correia - 10/11
  30. 30. Importância dos fósseis  Os fósseis são também importantes no estabelecimento das relações entre os diferentes estratos, permitindo a atribuição de uma datação relativa. Nuno Correia - 10/11
  31. 31.  Os fósseis podem ser restos de organismos ou vestígios da sua actividade. Nuno Correia - 10/11
  32. 32.  Nem todos os fósseis possuem as características ideais para datações relativas dos estratos Nuno Correia - 10/11
  33. 33. Fósseis de Idade 1 - Curto período de duração 2 - Ampla distribuição geográfica 3 – Capacidade de reprodução 4 – Estruturas fossilizáveis Nuno Correia - 10/11 Scaphites hippocrepis
  34. 34. Curto período de duração Nuno Correia - 10/11
  35. 35. Nuno Correia - 10/11
  36. 36. Exemplos de Fósseis de Idade Nuno Correia - 10/11
  37. 37. Síntese Nuno Correia - 10/11
  38. 38. Evolução das espécies Nuno Correia - 10/11

×