SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
Baixar para ler offline
BIOLOGIA E GEOLOGIA
                       11
   Replicação do DNA
O QUE SABEMOS




    Nuno Correia 2012-13
PROBLEMA




 Qualquer modelo hipotético da estrutura do
DNA precisa de explicar tanto a duplicação do
       gene como a função do gene .




                   Nuno Correia 2012-13
REPLICAÇÃO O DNA




                       Hipóteses




     Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
EXPERIÊNCIA DE MESELSON E STAHL




             Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
Os resultados da experiência de Meselson e
 Stahl apoiam, pois, o modelo da replicação
semiconservativa, que se processa segundo a
  regra da complementaridade das bases.




                  Nuno Correia 2012-13
AS MOLÉCULAS DE DNA REPLICAM-SE DE
     MODO SEMICONSERVATIVO:
 O DNA é desnaturado num dado local da molécula, as ligações
  de hidrogénio são quebradas, separando-se as duas cadeias
  polinucleotídicas.
 A DNA polimerase sintetiza uma nova cadeia de DNA por
  complementaridade de bases a partir de cada uma das cadeias
  molde da molécula original de DNA .
 As duas novas moléculas de DNA formadas são iguais à
  original, sendo constituídas pela cadeia que serviu de molde e
  por uma cadeia recém-formada.




                           Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
O PROCESSO NECESSITA DE ENZIMAS




             Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
Os telómeros podem ser comparados às capas plásticas protectoras dos atacadores
de sapatos: perdendo-se estas capas, os atacadores desfiam-se e vão desaparecendo.
Da mesma forma, os telómeros encurtam ao longo das sucessivas divisões celulares
ao longo da vida de um organismo (isto é, com o envelhecimento). Os telómeros são
normalmente elongados pela enzima telomerase. Contudo, após o nosso nascimento,
ela deixa de ser expressa na maior parte das células no nosso corpo.


                            http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=44947&op=all
     Nuno Correia 2012-13
Infelizmente, em reposta a contínuas divisões celular, os telómeros desgastam-se e
esta função protectora acaba por desaparecer à medida que envelhecemos. A perda
resulta na junção das pontas dos cromossomas e, consequentemente, num “caos”
genético - uma causa da formação de tumores em adultos. Compreender como as
pontas dos cromossomas são protegidas da reparação de DNA e como as células
respondem quando se perde essa protecção irá fornecer pistas importantes para a
compreensão do envelhecimento, do cancro assim como de futuras intervenções
terapêuticas.

As células respondem a quebras no DNA com a paragem da divisão celular,
permitindo a acção dos respectivos mecanismos de reparação. Se as pontas dos
cromossomas fossem também reconhecidas como DNA danificado, as células
estariam constantemente a tentar repara-lo, o que levaria à morte celular e mutações.
Os telómeros - as capas das pontas dos cromossomas formadas por proteínas e DNA -
previnem que isto aconteça.




                                     Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13
EXERCÍCIO




            Nuno Correia 2012-13
Nuno Correia 2012-13

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Biologia 11 ciclo celular
Biologia 11   ciclo celularBiologia 11   ciclo celular
Biologia 11 ciclo celularNuno Correia
 
Crescimento e Renovação Celular, Biologia // 11º ano
Crescimento e Renovação Celular, Biologia // 11º anoCrescimento e Renovação Celular, Biologia // 11º ano
Crescimento e Renovação Celular, Biologia // 11º anoAna Mestre
 
Relatório extração dna
Relatório extração dnaRelatório extração dna
Relatório extração dnamargaridabt
 
Biologia 11 diferenciação celular
Biologia 11   diferenciação celularBiologia 11   diferenciação celular
Biologia 11 diferenciação celularNuno Correia
 
Relatorio ciclos de vida 11 ano
Relatorio ciclos de vida 11 anoRelatorio ciclos de vida 11 ano
Relatorio ciclos de vida 11 anoMara Ferreira
 
Teste BG - Síntese Proteica
Teste BG - Síntese ProteicaTeste BG - Síntese Proteica
Teste BG - Síntese ProteicaJosé Luís Alves
 
Biologia 11 reprodução sexuada
Biologia 11   reprodução sexuadaBiologia 11   reprodução sexuada
Biologia 11 reprodução sexuadaNuno Correia
 
Biologia 11 ciclos de vida
Biologia 11   ciclos de vidaBiologia 11   ciclos de vida
Biologia 11 ciclos de vidaNuno Correia
 
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANOTESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANOsandranascimento
 
Biologia 11 reprodução assexuada
Biologia 11   reprodução assexuadaBiologia 11   reprodução assexuada
Biologia 11 reprodução assexuadaNuno Correia
 
Experiência de griffith e avery
Experiência de griffith e averyExperiência de griffith e avery
Experiência de griffith e averyCecilferreira
 
Bg 11 reprodução assexuada (exercícios)
Bg 11   reprodução assexuada (exercícios)Bg 11   reprodução assexuada (exercícios)
Bg 11 reprodução assexuada (exercícios)Nuno Correia
 
Resumo biologia e geologia 10º e 11º ano
Resumo biologia e geologia 10º e 11º anoResumo biologia e geologia 10º e 11º ano
Resumo biologia e geologia 10º e 11º anoRita Pereira
 
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)Mountain Expedition
 
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º AnoResumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º AnoVitor Perfeito
 
Relatório experimental modelo
Relatório experimental modeloRelatório experimental modelo
Relatório experimental modeloAngela Boucinha
 
Cap iv repreensões geral
Cap iv repreensões geralCap iv repreensões geral
Cap iv repreensões geralHelena Coutinho
 
Princípios Estratigráficos
Princípios EstratigráficosPrincípios Estratigráficos
Princípios EstratigráficosGabriela Bruno
 
Sermão de santo antónio aos peixes
Sermão de santo antónio aos peixesSermão de santo antónio aos peixes
Sermão de santo antónio aos peixesAnaGomes40
 
Geologia 11 recursos geológicos - exploração sustentada
Geologia 11   recursos geológicos - exploração sustentadaGeologia 11   recursos geológicos - exploração sustentada
Geologia 11 recursos geológicos - exploração sustentadaNuno Correia
 

Mais procurados (20)

Biologia 11 ciclo celular
Biologia 11   ciclo celularBiologia 11   ciclo celular
Biologia 11 ciclo celular
 
Crescimento e Renovação Celular, Biologia // 11º ano
Crescimento e Renovação Celular, Biologia // 11º anoCrescimento e Renovação Celular, Biologia // 11º ano
Crescimento e Renovação Celular, Biologia // 11º ano
 
Relatório extração dna
Relatório extração dnaRelatório extração dna
Relatório extração dna
 
Biologia 11 diferenciação celular
Biologia 11   diferenciação celularBiologia 11   diferenciação celular
Biologia 11 diferenciação celular
 
Relatorio ciclos de vida 11 ano
Relatorio ciclos de vida 11 anoRelatorio ciclos de vida 11 ano
Relatorio ciclos de vida 11 ano
 
Teste BG - Síntese Proteica
Teste BG - Síntese ProteicaTeste BG - Síntese Proteica
Teste BG - Síntese Proteica
 
Biologia 11 reprodução sexuada
Biologia 11   reprodução sexuadaBiologia 11   reprodução sexuada
Biologia 11 reprodução sexuada
 
Biologia 11 ciclos de vida
Biologia 11   ciclos de vidaBiologia 11   ciclos de vida
Biologia 11 ciclos de vida
 
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANOTESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
 
Biologia 11 reprodução assexuada
Biologia 11   reprodução assexuadaBiologia 11   reprodução assexuada
Biologia 11 reprodução assexuada
 
Experiência de griffith e avery
Experiência de griffith e averyExperiência de griffith e avery
Experiência de griffith e avery
 
Bg 11 reprodução assexuada (exercícios)
Bg 11   reprodução assexuada (exercícios)Bg 11   reprodução assexuada (exercícios)
Bg 11 reprodução assexuada (exercícios)
 
Resumo biologia e geologia 10º e 11º ano
Resumo biologia e geologia 10º e 11º anoResumo biologia e geologia 10º e 11º ano
Resumo biologia e geologia 10º e 11º ano
 
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
 
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º AnoResumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
 
Relatório experimental modelo
Relatório experimental modeloRelatório experimental modelo
Relatório experimental modelo
 
Cap iv repreensões geral
Cap iv repreensões geralCap iv repreensões geral
Cap iv repreensões geral
 
Princípios Estratigráficos
Princípios EstratigráficosPrincípios Estratigráficos
Princípios Estratigráficos
 
Sermão de santo antónio aos peixes
Sermão de santo antónio aos peixesSermão de santo antónio aos peixes
Sermão de santo antónio aos peixes
 
Geologia 11 recursos geológicos - exploração sustentada
Geologia 11   recursos geológicos - exploração sustentadaGeologia 11   recursos geológicos - exploração sustentada
Geologia 11 recursos geológicos - exploração sustentada
 

Destaque (19)

Ppt 4 ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4   ReplicaçãO Do DnaPpt 4   ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4 ReplicaçãO Do Dna
 
A estrutura do dna
A estrutura do dnaA estrutura do dna
A estrutura do dna
 
Biologia 11 replicação do dna
Biologia 11   replicação do dnaBiologia 11   replicação do dna
Biologia 11 replicação do dna
 
Aula 2 replicação, transcrição e tradução
Aula 2   replicação, transcrição e traduçãoAula 2   replicação, transcrição e tradução
Aula 2 replicação, transcrição e tradução
 
ReplicaçãO Do Dna
ReplicaçãO Do DnaReplicaçãO Do Dna
ReplicaçãO Do Dna
 
Sintese de proteina 2
Sintese de proteina 2Sintese de proteina 2
Sintese de proteina 2
 
Replicação do dna
Replicação do dnaReplicação do dna
Replicação do dna
 
Replicação do DNA
Replicação do DNAReplicação do DNA
Replicação do DNA
 
Aula3 Replicacao
Aula3  ReplicacaoAula3  Replicacao
Aula3 Replicacao
 
Dna
DnaDna
Dna
 
Dna
DnaDna
Dna
 
Aula dna
Aula dnaAula dna
Aula dna
 
Àcidos Nucléicos 1º ano
Àcidos Nucléicos 1º anoÀcidos Nucléicos 1º ano
Àcidos Nucléicos 1º ano
 
DNA
DNADNA
DNA
 
Acidos Nucleicos
Acidos NucleicosAcidos Nucleicos
Acidos Nucleicos
 
II. 3 Os ácidos nucléicos
II. 3 Os ácidos nucléicosII. 3 Os ácidos nucléicos
II. 3 Os ácidos nucléicos
 
Aula 11 - Ácidos nucleicos - DNA e RNA
Aula 11 - Ácidos nucleicos - DNA e RNAAula 11 - Ácidos nucleicos - DNA e RNA
Aula 11 - Ácidos nucleicos - DNA e RNA
 
Ácidos Nucléicos (DNA e RNA)
Ácidos Nucléicos (DNA e RNA)Ácidos Nucléicos (DNA e RNA)
Ácidos Nucléicos (DNA e RNA)
 
DNA -estrutura e função
DNA -estrutura e funçãoDNA -estrutura e função
DNA -estrutura e função
 

Semelhante a Bg 11 a replicação do dna

Aula Prática - Os cromossomas não atam os atacadores
Aula Prática - Os cromossomas não atam os atacadoresAula Prática - Os cromossomas não atam os atacadores
Aula Prática - Os cromossomas não atam os atacadoresIsaura Mourão
 
Ppt 4 ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4   ReplicaçãO Do DnaPpt 4   ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4 ReplicaçãO Do DnaNuno Correia
 
Ppt 4 ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4   ReplicaçãO Do DnaPpt 4   ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4 ReplicaçãO Do DnaNuno Correia
 
Aula de Núcleo Celular e DNA
Aula de Núcleo Celular e DNAAula de Núcleo Celular e DNA
Aula de Núcleo Celular e DNAKristian Wessman
 
Replicação do dna
Replicação do dnaReplicação do dna
Replicação do dnaDiogo Costa
 
Ppt 10 Ciclo Celular
Ppt 10    Ciclo CelularPpt 10    Ciclo Celular
Ppt 10 Ciclo CelularNuno Correia
 
Ppt 10 Ciclo Celular
Ppt 10    Ciclo CelularPpt 10    Ciclo Celular
Ppt 10 Ciclo CelularNuno Correia
 
Replicação do dna
Replicação do dnaReplicação do dna
Replicação do dnaraynnaria
 
AULA 3 _2018-2_Replicação do DNA apresentação.pdf
AULA 3 _2018-2_Replicação do DNA apresentação.pdfAULA 3 _2018-2_Replicação do DNA apresentação.pdf
AULA 3 _2018-2_Replicação do DNA apresentação.pdfNataliaVelasquez34
 
Bg 12 ciclo celular
Bg 12   ciclo celularBg 12   ciclo celular
Bg 12 ciclo celularNuno Correia
 
Replicação de DNA.pptx
Replicação de DNA.pptxReplicação de DNA.pptx
Replicação de DNA.pptxNivaldoJnior16
 
DNA e síntese proteica.pptx
DNA e síntese proteica.pptxDNA e síntese proteica.pptx
DNA e síntese proteica.pptxFilipeRaivelAESA
 
Ppt 3 Dna, Um PolíMero De NucleóTidos Em Dupla HéLice
Ppt 3   Dna, Um PolíMero De NucleóTidos Em Dupla HéLicePpt 3   Dna, Um PolíMero De NucleóTidos Em Dupla HéLice
Ppt 3 Dna, Um PolíMero De NucleóTidos Em Dupla HéLiceNuno Correia
 

Semelhante a Bg 11 a replicação do dna (20)

Aula Prática - Os cromossomas não atam os atacadores
Aula Prática - Os cromossomas não atam os atacadoresAula Prática - Os cromossomas não atam os atacadores
Aula Prática - Os cromossomas não atam os atacadores
 
Ppt 4 ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4   ReplicaçãO Do DnaPpt 4   ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4 ReplicaçãO Do Dna
 
Ppt 4 ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4   ReplicaçãO Do DnaPpt 4   ReplicaçãO Do Dna
Ppt 4 ReplicaçãO Do Dna
 
Aula de Núcleo Celular e DNA
Aula de Núcleo Celular e DNAAula de Núcleo Celular e DNA
Aula de Núcleo Celular e DNA
 
Replicação do dna
Replicação do dnaReplicação do dna
Replicação do dna
 
Genética
GenéticaGenética
Genética
 
Dna
DnaDna
Dna
 
Núcleo celular aprofundamento
Núcleo celular aprofundamentoNúcleo celular aprofundamento
Núcleo celular aprofundamento
 
Ppt 10 Ciclo Celular
Ppt 10    Ciclo CelularPpt 10    Ciclo Celular
Ppt 10 Ciclo Celular
 
Ppt 10 Ciclo Celular
Ppt 10    Ciclo CelularPpt 10    Ciclo Celular
Ppt 10 Ciclo Celular
 
Núcleo FIJ
Núcleo FIJNúcleo FIJ
Núcleo FIJ
 
Replicação do dna
Replicação do dnaReplicação do dna
Replicação do dna
 
AULA 3 _2018-2_Replicação do DNA apresentação.pdf
AULA 3 _2018-2_Replicação do DNA apresentação.pdfAULA 3 _2018-2_Replicação do DNA apresentação.pdf
AULA 3 _2018-2_Replicação do DNA apresentação.pdf
 
Bg 12 ciclo celular
Bg 12   ciclo celularBg 12   ciclo celular
Bg 12 ciclo celular
 
Replicação de DNA.pptx
Replicação de DNA.pptxReplicação de DNA.pptx
Replicação de DNA.pptx
 
BG 12 - Ciclo Celular
BG 12 - Ciclo CelularBG 12 - Ciclo Celular
BG 12 - Ciclo Celular
 
4.1.1.mod.a4.1. dna
4.1.1.mod.a4.1. dna4.1.1.mod.a4.1. dna
4.1.1.mod.a4.1. dna
 
DNA e síntese proteica.pptx
DNA e síntese proteica.pptxDNA e síntese proteica.pptx
DNA e síntese proteica.pptx
 
1 cromossomos mitose e meiose mitomeiose
1 cromossomos mitose e meiose mitomeiose1 cromossomos mitose e meiose mitomeiose
1 cromossomos mitose e meiose mitomeiose
 
Ppt 3 Dna, Um PolíMero De NucleóTidos Em Dupla HéLice
Ppt 3   Dna, Um PolíMero De NucleóTidos Em Dupla HéLicePpt 3   Dna, Um PolíMero De NucleóTidos Em Dupla HéLice
Ppt 3 Dna, Um PolíMero De NucleóTidos Em Dupla HéLice
 

Mais de Nuno Correia

Sismologia parte 1
Sismologia   parte 1Sismologia   parte 1
Sismologia parte 1Nuno Correia
 
Geologia - Variações Climáticas
Geologia   - Variações ClimáticasGeologia   - Variações Climáticas
Geologia - Variações ClimáticasNuno Correia
 
Biologia 12 imunidade celular
Biologia 12   imunidade celularBiologia 12   imunidade celular
Biologia 12 imunidade celularNuno Correia
 
Biologia 12 imunidade humoral
Biologia 12   imunidade humoralBiologia 12   imunidade humoral
Biologia 12 imunidade humoralNuno Correia
 
Geologia 12 estratotipo
Geologia 12   estratotipoGeologia 12   estratotipo
Geologia 12 estratotipoNuno Correia
 
Geologia 12 biozonas
Geologia 12   biozonasGeologia 12   biozonas
Geologia 12 biozonasNuno Correia
 
Geologia 12 movimentos horizontais
Geologia 12   movimentos horizontaisGeologia 12   movimentos horizontais
Geologia 12 movimentos horizontaisNuno Correia
 
Geologia 12 isostasia
Geologia 12   isostasiaGeologia 12   isostasia
Geologia 12 isostasiaNuno Correia
 
Geologia 12 paleomagnetismo
Geologia 12   paleomagnetismoGeologia 12   paleomagnetismo
Geologia 12 paleomagnetismoNuno Correia
 
Geologia 12 deriva dos continentes
Geologia 12   deriva dos continentesGeologia 12   deriva dos continentes
Geologia 12 deriva dos continentesNuno Correia
 
Biologia 12 biologia e os desafios da atualidade
Biologia 12   biologia e os desafios da atualidadeBiologia 12   biologia e os desafios da atualidade
Biologia 12 biologia e os desafios da atualidadeNuno Correia
 
Geologia 12 paleoclimas
Geologia 12   paleoclimasGeologia 12   paleoclimas
Geologia 12 paleoclimasNuno Correia
 
Geologia 12 arcos insulares
Geologia 12   arcos insularesGeologia 12   arcos insulares
Geologia 12 arcos insularesNuno Correia
 
Deriva dos continentes
Deriva dos continentesDeriva dos continentes
Deriva dos continentesNuno Correia
 
Genética (monobridismo)
Genética (monobridismo)Genética (monobridismo)
Genética (monobridismo)Nuno Correia
 
Genética (monobridismo exercícios)
Genética (monobridismo   exercícios)Genética (monobridismo   exercícios)
Genética (monobridismo exercícios)Nuno Correia
 
Genética (dominância incompleta)
Genética (dominância incompleta)Genética (dominância incompleta)
Genética (dominância incompleta)Nuno Correia
 
Genética (diibridismo)
Genética (diibridismo)Genética (diibridismo)
Genética (diibridismo)Nuno Correia
 

Mais de Nuno Correia (20)

Sismologia parte 1
Sismologia   parte 1Sismologia   parte 1
Sismologia parte 1
 
Geologia - Variações Climáticas
Geologia   - Variações ClimáticasGeologia   - Variações Climáticas
Geologia - Variações Climáticas
 
Biologia 12 imunidade celular
Biologia 12   imunidade celularBiologia 12   imunidade celular
Biologia 12 imunidade celular
 
Biologia 12 imunidade humoral
Biologia 12   imunidade humoralBiologia 12   imunidade humoral
Biologia 12 imunidade humoral
 
Geologia 12 estratotipo
Geologia 12   estratotipoGeologia 12   estratotipo
Geologia 12 estratotipo
 
Geologia 12 biozonas
Geologia 12   biozonasGeologia 12   biozonas
Geologia 12 biozonas
 
Geologia 12 movimentos horizontais
Geologia 12   movimentos horizontaisGeologia 12   movimentos horizontais
Geologia 12 movimentos horizontais
 
Geologia 12 isostasia
Geologia 12   isostasiaGeologia 12   isostasia
Geologia 12 isostasia
 
Geologia 12 paleomagnetismo
Geologia 12   paleomagnetismoGeologia 12   paleomagnetismo
Geologia 12 paleomagnetismo
 
Geologia 12 deriva dos continentes
Geologia 12   deriva dos continentesGeologia 12   deriva dos continentes
Geologia 12 deriva dos continentes
 
Biologia 12 biologia e os desafios da atualidade
Biologia 12   biologia e os desafios da atualidadeBiologia 12   biologia e os desafios da atualidade
Biologia 12 biologia e os desafios da atualidade
 
Geologia 12 paleoclimas
Geologia 12   paleoclimasGeologia 12   paleoclimas
Geologia 12 paleoclimas
 
Geologia 12 arcos insulares
Geologia 12   arcos insularesGeologia 12   arcos insulares
Geologia 12 arcos insulares
 
Deriva dos continentes
Deriva dos continentesDeriva dos continentes
Deriva dos continentes
 
Zonas costeiras
Zonas costeirasZonas costeiras
Zonas costeiras
 
Genética
GenéticaGenética
Genética
 
Genética (monobridismo)
Genética (monobridismo)Genética (monobridismo)
Genética (monobridismo)
 
Genética (monobridismo exercícios)
Genética (monobridismo   exercícios)Genética (monobridismo   exercícios)
Genética (monobridismo exercícios)
 
Genética (dominância incompleta)
Genética (dominância incompleta)Genética (dominância incompleta)
Genética (dominância incompleta)
 
Genética (diibridismo)
Genética (diibridismo)Genética (diibridismo)
Genética (diibridismo)
 

Último

Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguaKelly Mendes
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docProjeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docCarolineWaitman
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docxSílvia Carneiro
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfManuais Formação
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasBibliotecaViatodos
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024azulassessoria9
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 

Último (20)

Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docProjeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 

Bg 11 a replicação do dna

  • 1. BIOLOGIA E GEOLOGIA 11 Replicação do DNA
  • 2. O QUE SABEMOS Nuno Correia 2012-13
  • 3. PROBLEMA Qualquer modelo hipotético da estrutura do DNA precisa de explicar tanto a duplicação do gene como a função do gene . Nuno Correia 2012-13
  • 4. REPLICAÇÃO O DNA Hipóteses Nuno Correia 2012-13
  • 7. EXPERIÊNCIA DE MESELSON E STAHL Nuno Correia 2012-13
  • 9. Os resultados da experiência de Meselson e Stahl apoiam, pois, o modelo da replicação semiconservativa, que se processa segundo a regra da complementaridade das bases. Nuno Correia 2012-13
  • 10. AS MOLÉCULAS DE DNA REPLICAM-SE DE MODO SEMICONSERVATIVO:  O DNA é desnaturado num dado local da molécula, as ligações de hidrogénio são quebradas, separando-se as duas cadeias polinucleotídicas.  A DNA polimerase sintetiza uma nova cadeia de DNA por complementaridade de bases a partir de cada uma das cadeias molde da molécula original de DNA .  As duas novas moléculas de DNA formadas são iguais à original, sendo constituídas pela cadeia que serviu de molde e por uma cadeia recém-formada. Nuno Correia 2012-13
  • 12. O PROCESSO NECESSITA DE ENZIMAS Nuno Correia 2012-13
  • 15. Os telómeros podem ser comparados às capas plásticas protectoras dos atacadores de sapatos: perdendo-se estas capas, os atacadores desfiam-se e vão desaparecendo. Da mesma forma, os telómeros encurtam ao longo das sucessivas divisões celulares ao longo da vida de um organismo (isto é, com o envelhecimento). Os telómeros são normalmente elongados pela enzima telomerase. Contudo, após o nosso nascimento, ela deixa de ser expressa na maior parte das células no nosso corpo. http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=44947&op=all Nuno Correia 2012-13
  • 16. Infelizmente, em reposta a contínuas divisões celular, os telómeros desgastam-se e esta função protectora acaba por desaparecer à medida que envelhecemos. A perda resulta na junção das pontas dos cromossomas e, consequentemente, num “caos” genético - uma causa da formação de tumores em adultos. Compreender como as pontas dos cromossomas são protegidas da reparação de DNA e como as células respondem quando se perde essa protecção irá fornecer pistas importantes para a compreensão do envelhecimento, do cancro assim como de futuras intervenções terapêuticas. As células respondem a quebras no DNA com a paragem da divisão celular, permitindo a acção dos respectivos mecanismos de reparação. Se as pontas dos cromossomas fossem também reconhecidas como DNA danificado, as células estariam constantemente a tentar repara-lo, o que levaria à morte celular e mutações. Os telómeros - as capas das pontas dos cromossomas formadas por proteínas e DNA - previnem que isto aconteça. Nuno Correia 2012-13
  • 20. EXERCÍCIO Nuno Correia 2012-13