O slideshow foi denunciado.

Kant

294 visualizações

Publicada em

apriorismo

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Kant

  1. 1. • Kant nasceu, viveu e morreu em Konisberg, uma cidade da Prússia Oriental (Alemanha). • Era filho de um humilde comerciante de descendência escocesa. • Recebeu uma educação pietista -movimento encetado dentro do protestantismo, no final do século XVII, na Alemanha, segundo o qual a verdadeira religiosidade se baseava na autonomia da consciência, na piedade particular e nas obras de misericórdia, sendo o dogma secundário ou supérfluo.
  2. 2. • Frequentou a Universidade a partir de 1740, como estudante de filosofia e matemática. Dedicou-se ao ensino, vindo a desempenhar as funções de professor adjunto (1755-1770) e depois de professor ordinário (1770-1796) na Universidade de Konigsberg.
  3. 3. • Kant manifestou grande simpatia pelos ideais da Independência Americana e depois da Revolução Francesa. Foi um pacifista convicto. • É lendária a forma extremamente regrada como vivia. Conta-se que a população de Konigsberg acertava os relógios por ele quando passava pelas suas janelas nos seus passeios diários, sempre às 16h30. • Morreu aos 80 anos.
  4. 4. • O debate histórico entre racionalistas e empiristas conduziu ao criticismo/apriorismo que procurou conciliar e superar as limitações de ambas as correntes filosóficas. • « Se todo o conhecimento começa com a experiência, nem todo deriva dela.» Kant
  5. 5. • Ao afirmar que todo o conhecimento começa com a experiência, Kant rejeita o racionalismo inatista, mas ao defender que, apesar de começar com a experiência, nem todo o conhecimento deriva dela, rejeita igualmente o empirismo. • Kant defendia que, quer as sensações quer a razão desempenhavam um papel fundamental no nosso conhecimento do mundo. • “Os conceitos sem as intuições são vazios, as intuições sem os conceitos são cegas". Kant
  6. 6. • Segundo Kant, no conhecimento dos objetos, há sempre elementos que dependem do próprio objeto e constituem a matéria do conhecimento e outros que dependem do sujeito e constituem a forma do conhecimento. • Kant utiliza o termo matéria, para designar os dados exteriores captados pelos órgãos sensoriais e o termo forma para designar as estruturas cognitivas do sujeito ( a sensibilidade capta os dados; o entendimento organiza-os).
  7. 7. • Os dados do objeto só chegam à consciência depois de passarem pela sensibilidade e de serem ordenados pelo entendimento do sujeito. • Para que haja conhecimento, as impressões sensíveis têm que ser organizadas por algo que pertence ao sujeito e que é anterior e independente da experiência. (estruturas a priori)
  8. 8. • Quaisquer que sejam os dados que recebe do exterior, o computador necessita de estar equipado com um programa prévio para ser capaz de processar esses dados. • O programa de computador assemelha-se aos elementos a priori existentes no sujeito :sensibilidade e entendimento. • Os elementos introduzidos pelo teclado, comparam-se aos dados provenientes do mundo: os dados que, sendo captados pelos órgãos sensoriais, vão ser interpretados pelo entendimento.
  9. 9. • Kant admite a existência de uma realidade exterior ao sujeito que este não conhece em si mesma, mas segundo o modo subjetivo da sua perceção. • Não conhecemos a realidade tal como ela é em si mesma (NÚMENO), mas apenas a realidade tal como é para nós (FENÓMENO). • A realidade é uma construção do sujeito.
  10. 10. • Segundo Kant, os seres humanos não podem conhecer coisas como Deus ou a alma. Podem pensar em Deus e na alma, pois têm essas ideias, mas isso não constitui verdadeiramente conhecimento. • A ideia de Deus ou da alma não derivam da experiência – são formas a priori da razão. • Surgem como resultado da vontade de absoluto que anima a razão humana.
  11. 11. "Duas coisas me enchem a alma de crescente admiração e respeito, quanto mais intensa e frequentemente o pensamento delas se ocupa: o céu estrelado sobre mim e a lei moral dentro de mim.“ Immanuel Kant
  12. 12. NORBERTO FARIA 2016

×