Gerência de projetos de software

2.427 visualizações

Publicada em

Conceitos e dicas a respeito da atividade de Gerência de Projeto de Software.
Apresentação criada para seminário na disciplina de Estado da Arte em Tecnologia da Informação e Desenvolvimento de Aplicações, do programa de mestrado TIDD, da Puc-SP

Publicada em: Negócios, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.427
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
75
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gerência de projetos de software

  1. 1. Gerência de projetos de software<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Nivaldo Silva<br />
  2. 2. Vou falar sobre:<br />4Ps de Pressman<br />21 Regras de Ouro de McCarthy<br />Meu projeto de pesquisa<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />2<br />
  3. 3. 4Ps da Gerência de projeto de software<br />por Roger Pressman<br />
  4. 4. 4Ps de Pressman<br />A gerência de projeto de software <br />trabalha com 4 fatores: <br />Pessoas<br />Produto<br />Processo<br />Projeto<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />4<br />
  5. 5. Pessoas<br />
  6. 6. Pessoas - Categorias<br />As pessoasenvolvidasem um projeto de software <br />podem ser categorizadasem:<br />Senior managers <br />Project (technical) managers <br />Practitioners<br />Customers <br />End-users<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />6<br />
  7. 7. Pessoas – Habilidades do líder<br />Espera-se que um líder de projeto de software sejacapaz de:<br />Solucionarproblemas. <br />Assumir o controle. <br />Promoverconquistas.<br />Unir e influenciar a equipe.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />7<br />
  8. 8. Pessoas – Habilidades do líder<br />Bonsdesenvolvedoresnemsempre<br />se tornambonsgerentes.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />8<br />
  9. 9. Pessoas – A equipe<br />Trêspossíveisestruturas de equipe:<br />Democratic decentralized (DD) <br />Controlled decentralized (CD)<br />Controlled Centralized (CC)<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />9<br />
  10. 10. Pessoas – A equipe<br />Democratic decentralized (DD)<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />10<br />
  11. 11. Pessoas – A equipe<br />Controlled decentralized (CD) <br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />11<br />
  12. 12. Pessoas – The software team<br />Controlled Centralized (CC)<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />12<br />
  13. 13. Pessoas – A equipe<br />Setefatores a considerarquandoplanejar a estrutura do time:<br />A dificuldade do problema a ser resolvido;<br />O tamanho do(s) programa(s) a seremdesenvolvidos;<br />O tempo que o time ficarájunto;<br />O grau de modularização do problema;<br />A exigência de qualidade e confiabilidade do sistema;<br />A rigidez do prazo;<br />O grau de comunicabilidadeexigidopeloprojeto.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />13<br />
  14. 14. Pessoas – Coordenação<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />14<br />
  15. 15. Produto<br />
  16. 16. Produto – Tipos de Aplicações<br />System software<br />Real-time software<br />Business software<br />Engineeringandscientificsoftware<br />Embeddedsoftware<br />Personalcomputersoftware<br />Web-basedsoftware<br />Artificial intelligencesoftware<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />16<br />
  17. 17. Produto – Escopo<br />O escopopode ser definidorespondendoessasquestões:<br />Contexto. <br />Objetivodainformação.<br />Função e desempenho.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />17<br />
  18. 18. Processo<br />
  19. 19. Processo<br />O Processo é o caminhopara odesenvolvimento de um produto de software de altaqualidade.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />19<br />
  20. 20. Processo<br />O Processo é o caminhopara odesenvolvimento de um produto de software de altaqualidade.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />20<br />
  21. 21. Processo - Paradigmas<br />the linear sequentialmodel<br />theprototypingmodel<br />the RAD model<br />theevolutionarymodel<br />the incremental model<br />thespiralmodel<br />the WINWIN spiralmodel<br />theconcurrentdevelopmentmodel<br />thecomponent-baseddevelopmentmodel<br />the formal methodsmodel<br />the fourth generation techniques model<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />21<br />
  22. 22. Processo - Linear<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />22<br />
  23. 23. Processo - Linear<br />É o maisantigo e maisusadoparadigma de desenvolviemento de software.<br />Problemas:<br />Projetosreaisraramenteseguem o encadeamentosequencialqueelesugere.<br />Dificilmentetodososrequisitosãoidentificados no início do projeto. <br />Umaversãofuncionalsóserá vista perto do final do projeto. Maisriscos, menosmotivação.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />23<br />
  24. 24. Processo - Prototipagem<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />24<br />
  25. 25. Processo - Prototipagem<br />Muito defendidopor Fred Brooks<br />Ajuda a perceber riscos<br />Problemas:<br />O cliente pode gostar do protótipo, e pedir para ficar com ele mesmo, com poucas correções.<br />Escolhas precipitadas podem ser levadas para o produto final<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />25<br />
  26. 26. Processo - Espiral<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />26<br />
  27. 27. Processo - Espiral<br />Maisrealista<br />Usaprotótiposcomoestratégia de redução de riscos<br />Problemas:<br />Pode ser difícil de convencerclientesqueesteprocesso é controlável. <br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />27<br />
  28. 28. Processo - Incremental<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />28<br />
  29. 29. Processo - Incremental<br />Diferentedaprototipagem, entrega um produtooperacional a cadainteração.<br />Cada release pode ser usado e avaliadoporusuáriosreais<br />Pode ser útilquandonãoháequipesuficienteparaentregar o software completoem um prazocurto<br />A equipepodecrescer à medidaque o produtocresce, e é aceitopelopúblico<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />29<br />
  30. 30. Projeto<br />
  31. 31. Projeto<br />Cincopráticascomuns de condução de projetos de software:<br />Comece com o pédireito<br />Mantenha oritmo<br />Acompanhe o progresso<br />Tome decisõesinteligentes<br />Façaumaanálise posterior<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />31<br />
  32. 32. Projeto - Métricas<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />32<br />
  33. 33. 21 Regras de ouroparaentregarbom software no prazo<br />por Jim McCarthy<br />
  34. 34. No prazo<br />
  35. 35. 1. Não saiba o que você não sabe.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />35<br />
  36. 36. 2. Saiba aonde você está.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />36<br />
  37. 37. 3. Lembre-se do triângulo.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />37<br />
  38. 38. 4. Não fique no escuro.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />38<br />
  39. 39. 5. Use marcos de Defeito Zero.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />39<br />
  40. 40. 6. Cuidado com o cara na sala.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />40<br />
  41. 41. 7. Não troque um prazo ruim por outro igual<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />41<br />
  42. 42. 8. Quando escorregar, não caia<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />42<br />
  43. 43. 9. Baixa tecnologia é boa.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />43<br />
  44. 44. 10. Projete o tempo.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />44<br />
  45. 45. 11. Se você desenvolver, vai entregar.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />45<br />
  46. 46. 12. Portabilidade é para canoas.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />46<br />
  47. 47. Bom software<br />
  48. 48. 13. Conquiste os clientes.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />48<br />
  49. 49. 14. Lembre-se de uma coisa: Unidade.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />49<br />
  50. 50. 15. Defina seu tema.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />50<br />
  51. 51. 16. Varie seu tema.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />51<br />
  52. 52. 17. Equilibre seu tema.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />52<br />
  53. 53. 18. Evolua seu tema.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />53<br />
  54. 54. 19. Seu produto deve possuir uma hierarqia.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />54<br />
  55. 55. 20. Estabeleça uma visão compartilhada.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />55<br />
  56. 56. Entregando<br />
  57. 57. 21. Coloque a equipe em “modo de entrega”.<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />57<br />
  58. 58. Meu projeto de pesquisa<br />
  59. 59. Meu projeto de pesquisa<br />Identificar e comparar processos de design abertos a participação<br />Open Source Software<br />Metadesign<br />Open Innovation<br />Crowdsourcing<br />Co-creation<br />Open Business<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />59<br />
  60. 60. Referências<br />Fred Brooks<br /> no silverbullet (1995)<br />themythicalman-month (1975)<br />The Design of Design: Essays from a Computer Scientist (2010)<br />Jim McCarthy<br /> 21 Rules of Thumb for Shipping Great Software on Time<br /> Dynamics of Software Development (1995)<br />Roger Pressman<br /> Software Engginering (5ªed. 2001) <br />Steve McConnell<br />Open Source Methodology: Ready for Prime Time?(1999)<br />Alan MacCormack<br /> Innovation through Global Collaboration (2007)<br />PUC-SP / TIDD / TIDA - Gerência de Projeto de Software - Nivaldo Silva<br />60<br />
  61. 61. Obrigado= )<br />niva.ns@gmail.com<br />@narrowcast<br />

×