Projeto leitura

346 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Projeto leitura

  1. 1. Projeto Leitura PROJETO: LEITURA E RELEITURA DE OBRA LITERARIA Releitura das obras selecionadas para o processo seletivo Paes –Unimontes - 2012 – 1º ano Ensino Médio. ANDRADE, Carlos Drummond de et al. Crônicas. 28 ed. São Paulo, Ática, 2011. Carta de Pero Vaz de Caminha a El Rei sobre o Achamento do Brasil. Ed. Martin Claret. MIRANDA, Ana. Desmundo. 2. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2003. Rio: The Movie. Diretor: Carlos Saldanha. 20 thCentury Fox; BlueSky Studios., 2011, Rio de Janeiro. DVD, Blu-ray. Cor. (Filme 3D). 01-Unidade escolar: Escola Estadual Levi Durães Peres que fica localizadana Avenida Coronel Luiz Maia, próximo ao trevo da real na Cidade de Montes Claros, Mg. 02-Público alvo: Alunos do 1º ano do ensino médio com faixa etária de quatorze anos a dezesseis anos de idade. São alunos que tem interesse em aprender e gostam de coisas novas, interessantes, gostam do fazer artístico, aulas práticas, teatromas também gostam de ficar passeando na escola. 03-Tema: Releitura de obras do Paes Unimontes – 2012. 04-Objetivo geral: Minimizar da disciplina Língua Portuguesa,através de atividades que tenham a contextualização, o fazer artístico de fazer uma leitura voltada não só para a leitura mas também pela rapsódia das imagens caleidoscópicas que surgirão após a leitura e as discussões a apreciação de imagens fazendo uso de recursos tecnológicos digitais encontrados, na escola para promover mudanças de atitudes, através das obras. 05-Objetivos específicos: Conhecer e analisar de forma crítica e reflexiva as obras. Aprender a fazer releituras de obras não só como manuscrito, mas, arte. Desenvolver habilidades artísticas de entendimento das figuras de linguagens através do interrelacionamento das obras através de atividades práticas de apresentação para os colegas. Aprender a fazer linha de tempo. Fazer pesquisas e resumos. 06-Justificativa
  2. 2. O Brasil: nós e os outros O tema sempre controverso sobre as identidades ganha amplitude nos debates literários contemporâneos, requisitando dos leitores abertura de fronteiras, em perspectiva sempre dialógica. Ao eleger a leitura da Literatura Brasileira em fricção com outras culturas e outros sistemas semióticos, nos seus variados discursos e temporalidades, objetiva-se trazer ao aluno uma pluralidade de olhares e uma percepção panorâmica acerca das muitas historicidades, experiências e linguagens. Os livros escolhidos para etapa dos processos seletivos mantêm a tendência de requisitar comparativamente as leituras entre o clássico e o contemporâneo. O projeto de valorização do escritor permanece como uns dos direcionamentos para escolha das obras, consolidando o papel da UNIMONTES como universidade de integração regional. Fazendo com que o aluno entenda o que é o fio condutor das obras. Independente do estilo, da época e espaço vivido pelo narrador, primando principalmente, pela intertextualidade e o entendimento amplo, que as obras apesar de parecerem de forma distinta, elas se relacionam ente sim perfazendo um só texto. Fundamentação teórica: Estrela do modernismo é artes plásticas se inter-relacionarem como releituras, Literatura – pintura – escultura – arquitetura – musica – dança –cultura – cinema - independente do período a qual se retrata que deixou pra trás a arte bem comportada que se fazia na época e também encheu de imagens caleidoscópicas através do cinema e seus múltiplos olhares de figuras e paisagens bem brasileiras, como uma rapsódia a Carta de Caminha – Desmundo – Filme Rio – Crônicas apesar de estarem compreendidas em quinhentos anosde historia e literatura , ganha uma exposição de um período mais renovador com as releitura proporcionada pelo momentos de reflexão de todas as obras a intertextualidade pura em um movimento circular onde as obras navegam ente si mostrando um só contexto uma só narrativa , a pesar de recortes sincrônicos, vê-se o cotidiano. Onde se vê o quinhentismo refletido no modernismo e o modernismo no quinhentismo como imagens de Narciso (mito grego).E crônicas vimos o cotidiano Drumondiano e a contemporaneidade de sua escritura, mostrando o comum o real dentro de um imaginário onde prima pela narrativa. Características das obras - • Na 1ª Etapa privilegia-se o olhar comparativo e crítico, requisitado pelas leituras da “Carta de Caminha”, pelo filme Rio e pelo romance de Ana Miranda, Desmundo. Pretende-se, com tal indicação, propiciar ao jovem leitor uma leitura do texto que formula as primeiras impressões da metrópole sobre o Brasil, bem como
  3. 3. propiciar reflexões das imagens que permanecem no imaginário nacional, presentes no filme e no romance indicados. • O livro de crônicas apresenta a narrativa curta, num dos gêneros mais populares na contemporaneidade. A seleção proposta contempla autores considerados clássicos no gênero. 08-Conteúdo Conscientização de disciplina durante as aulas. Pesquisas sobre as obras. Apreciação de obras de Carlos Drummond e Ana Miranda Releitura de obras da Carta de Caminha e o Filme Rio Linha de tempo com os acontecimentos histórico cultural do Brasil. 09-Procedimentos metodológicos Apresentação do projeto. Pesquisas na internet sobre a vida e obras dos escritores. Linha de tempo dos acontecimentos histórico cultural do Brasil Roda de conversa relacionada à linha de tempo. Apreciação de imagens fazendo uso do computador (internet). Leitura da obras. Fazer artístico (releitura de obrasatravés de texto as inter- relacionando.com se fossem um mosaico). Exposição dos trabalhos de releitura 10-Recursos Didáticos Internet como fonte de pesquisa e apreciação de imagens Papeis em várias cores Data Show , e computadores Quadro e giz Tesouras Cola Chamex Xerox 11-Cronograma Apresentação do projeto Pesquisa na internet Linha de tempo dos acontecimentos Leitura das obras por grupos pré-determinados Apreciação das obras de Tarsila do Amaral Releitura das obras Apresentações para classe; Exposição dos trabalhos -Avaliação do projeto
  4. 4. A avaliação ocorrerá através de observação, acompanhamento das atividades propostas e exposição dos trabalhos. 14-Registro O registro será feito através de relatórios e imagens. 15-Referencias bibliográficas Regimento Escolar http://www.suapesquisa.com/biografias/ http://www.pedagogiaemfoco.pro.br/met05.htm GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 2. Ed. SP: Atlas, 1991. CBC - Arte/Artes visuais da SEE (Secretária de Estado da Educação de Minas Gerais). CBC – Língua Portuguesa (Secretária de Estado da Educação de Minas Gerais).

×