A C A D Ê M I C A S : A N N A K A S S I A V I E I R A 
J É S S I C A A . R . M A R T I N S 
N I K O L Y M A R I A P E R E ...
INTRODUÇÃO 
Esta apresentação busca salientar como o bem-estar animal 
pode exercer influência nos sistemas produtivos pec...
O QUE É BEM-ESTAR ANIMAL? 
 Refere-se a uma boa e satisfatória qualidade de vida que 
envolve determinados aspectos refer...
ATUALIDADE 
 Atualmente fala-se muito do bem-estar animal onde 
engloba todo um cuidado na produção para um produto 
de b...
ATUALIDADE 
 Observa-se que não basta que se tenha o conjunto 
anterior de fatores sem um: 
Bom Manejo
INTERESSES DO CONSUMIDOR 
 Produtos com ‘’histórico’’: 
• Confiança de como os animais foram criados; 
• Alimentação; 
• ...
A PRODUÇÃO 
 Quando se trata de produção animal, um bom manejo 
com o bem-estar do animal deve ser levado em grande 
cons...
BEM-ESTAR ANIMAL NA QUALIDADE DO 
PRODUTO 
 Por que se preocupar com o bem-estar animal?
MAUS TRATOS 
 Principais fatores: 
• Golpes; 
• Uso de cães; 
• Picana elétrica; 
• Seringa cheia; 
• Mangueiras em mal e...
BEM-ESTAR NO MANEJO 
 Algumas considerações: 
• Eliminar condutas agressivas; 
• Descorna; 
• Habituar o gado à presença ...
MANEJO NO PRÉ-ABATE 
 Manejo correto: 
• Transporte; 
• 24 h de repouso em curral de espera com aspersores; 
• Dieta hídr...
CONCLUSÃO 
 O conjunto desses fatores contribuem para que 
tenhamos um bom resultado no produto final, tanto 
econômico, ...
Obrigada!!!
Diferenciação por qualidade da carne bovina
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Diferenciação por qualidade da carne bovina

432 visualizações

Publicada em

Trabalho apresentando na disciplina de Fisiologia Animal, do curso de Zootecnia na Universidade Estadual de Goiás, campus São Luís de Montes Belos.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
432
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Diferenciação por qualidade da carne bovina

  1. 1. A C A D Ê M I C A S : A N N A K A S S I A V I E I R A J É S S I C A A . R . M A R T I N S N I K O L Y M A R I A P E R E I R A SÃO LUÍS DE MONTES BELOS AGOSTO, 2014.
  2. 2. INTRODUÇÃO Esta apresentação busca salientar como o bem-estar animal pode exercer influência nos sistemas produtivos pecuários e no produto final – a carne bovina. Surge da preocupação com as circunstâncias em que os bovinos são manejados e chegam para abate nos frigoríficos, motivando prejuízos a todos os agentes da cadeia produtiva e da necessidade de aquisição de produtos seguros, com qualidade e produzidos de forma sustentável e ambientalmente correta. Um bom manejo durante todo o sistema de criação se reflete na qualidade da carne. Ao incorporar qualidade, mesmo que por meio de características pouco identificáveis, promove-se a diferenciação do produto. Com certeza, assim como os prejuízos ocasionados pelo manejo inadequado, os ganhos da diferenciação, por meio de práticas de bem-estar animal, poderão ser compartilhados por todos os agentes da cadeia produtiva.
  3. 3. O QUE É BEM-ESTAR ANIMAL?  Refere-se a uma boa e satisfatória qualidade de vida que envolve determinados aspectos referentes ao animal. • Saúde; • Felicidade; • Harmonia com o ambiente;
  4. 4. ATUALIDADE  Atualmente fala-se muito do bem-estar animal onde engloba todo um cuidado na produção para um produto de boa qualidade. • Boa genética; • Alta produtividade; • Nutrição equilibrada e de boa qualidade;
  5. 5. ATUALIDADE  Observa-se que não basta que se tenha o conjunto anterior de fatores sem um: Bom Manejo
  6. 6. INTERESSES DO CONSUMIDOR  Produtos com ‘’histórico’’: • Confiança de como os animais foram criados; • Alimentação; • Abate;
  7. 7. A PRODUÇÃO  Quando se trata de produção animal, um bom manejo com o bem-estar do animal deve ser levado em grande consideração. • Ferramentas ao alcance dos produtores; • Manejo sanitário e preventivo;
  8. 8. BEM-ESTAR ANIMAL NA QUALIDADE DO PRODUTO  Por que se preocupar com o bem-estar animal?
  9. 9. MAUS TRATOS  Principais fatores: • Golpes; • Uso de cães; • Picana elétrica; • Seringa cheia; • Mangueiras em mal estado de conservação; • Gritos; • Agressões físicas;
  10. 10. BEM-ESTAR NO MANEJO  Algumas considerações: • Eliminar condutas agressivas; • Descorna; • Habituar o gado à presença humana; • Trabalhar a pé na mangueira; • Revisar, manter e melhorar as instalações; • Monitorar o frigorífico;
  11. 11. MANEJO NO PRÉ-ABATE  Manejo correto: • Transporte; • 24 h de repouso em curral de espera com aspersores; • Dieta hídrica; • Seguir todas as normas técnicas de abate para o bem-estar animal;
  12. 12. CONCLUSÃO  O conjunto desses fatores contribuem para que tenhamos um bom resultado no produto final, tanto econômico, quanto para com os consumidores. Com certeza, com um bom manejo e boas práticas do bem-estar animal, no final, há a recompensa do produto que poderão ser compartilhados por todos os agentes da cadeia produtiva. Criadores Frigoríficos Atacadistas Transportadores Consumidores
  13. 13. Obrigada!!!

×