Slang
Gírias do Inglês
“Slang” – ou gíria – faz parte da língua inglesa falada e é utilizado em situações
informais do dia...
A BUMMER
[uma experiência ruim, frustrante, irritante, triste; bode]
• It rained all weekend at the beach. It was a real b...
• I think he’s about to meet his maker.
• Eu acho que ele está prestes a morrer.
Ao pé da letra, “to meet your maker” sign...
TO CHILL/TO CHILL OUT
[relaxar, descansar; ficar frio]
• I’m just going to chill this evening.
• Eu só vou relaxar hoje à ...
Em gíria, a palavra “nuts”(literalmente “nozes”) quer dizer louco. “Nutty”também
significa maluco, com a conotação de esqu...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Lingua Inglesa - Girias do ingles - Slang

557 visualizações

Publicada em

Lingua Inglesa - Girias do ingles - Slang

Publicada em: Educação
1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
557
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
34
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lingua Inglesa - Girias do ingles - Slang

  1. 1. Slang Gírias do Inglês “Slang” – ou gíria – faz parte da língua inglesa falada e é utilizado em situações informais do dia-a-dia. Sabe-se, que nos dias atuais as gírias fazem parte da linguagem de toda a mídia e está presente nas conversas informais, destacando assim a diferença entre os falantes fluentes e os não-fluentes pelo conhecimento amplo e o uso correto da gíria e das expressões coloquiais. Desta forma, o ensino de gírias é importantíssimo, até essencial para adquirir fluência na língua, e na sala de aula é uma ferramenta motivacional e de auto-estima, tanto para os alunos quanto para os professores. É interessante observar, que o trabalho com gírias pode ser feito desde o primeiro dia de aula com alunos iniciantes e não apenas com os alunos dos níveis avançados, pois o professor poderá ensinar os diversos aspectos que incluem a linguagem formal e a informal, como exemplo quando se ensina a palavra “man”, por que não ensinar a gíria “dude” (cara)? Ou. além de ensinar “Hi!” e “Hello!” , pode-se aproveitar para explicar o costume de se cumprimentar também com palavras como “Yo!” e “Wassup?” (e aí?) Sem dúvida, pode-se afirmar que as gírias – slang – fazem a conexão com a vida real dos alunos, pois como no português os alunos também têm contato direto com a gíria inglesa em filmes, música, internet, etc. Assim, é de grande valia para os professores e alunos de inglês o contato constante com materiais autênticos e todas as formas de mídia eletrônica. A internet é um recurso espetacular - além de muitos sites, há também a possibilidade de fazer contatos com pessoas nos países de língua inglesa e criar uma rede de amizades com falantes nativos. Confira abaixo algumas gírias, que auxiliarão você a se comunicar com mais desenvoltura no idioma:
  2. 2. A BUMMER [uma experiência ruim, frustrante, irritante, triste; bode] • It rained all weekend at the beach. It was a real bummer. • Choveu todo fim de semana na praia. Foi um bode. Usada originariamente para designar uma experiência desagradável com drogas (o LSD, por exemplo), a expressão “a bummer”indica agora qualquer experiência ruim. BLOODY (UK, AUS) [palavra usada para exprimir intensidade] • This is bloody good! • Isso é bom pra caramba! “Bloody”é muito usado na Grã-Bretanha e na Austrália (nesse último país, é conhecido como “o grande adjetivo australiano”). Pode ser empregado também quando se está bravo ou irritado. • You bloody fool! • Seu burro! WHAT’S EATING SOMEBODY? [o que está preocupando, irritando, incomodando (alguém)?] • What’s eating her? She looks as if she’s angry. • O que a está incomodando? Ela parece zangada. Cuidado com a tradução literal “O que está comendo alguém?”. Embora a gíria “to eat” signifique fazer sexo oral na mulher, quem pergunta aquilo só quer saber por que alguém (não necessariamente do sexo feminino) está aborrecido. FAT CHANCE! [“sem chance!”; “nem pensar!”] • “Do you think she’ll let you go?” “Fat chance!” • “Você acha que ela vai deixar você ir?” “Sem chance!” Ao pé da letra, “fat chance” é “chance gorda”. Curiosamente, quando há pouca probabilidade de alguma coisa acontecer, usa-se também “slim chance”, “chance magra”. TO MEET YOUR MAKER [morrer, falecer; ir desta para melhor]
  3. 3. • I think he’s about to meet his maker. • Eu acho que ele está prestes a morrer. Ao pé da letra, “to meet your maker” significa “encontrar-se com seu criador”. A expressão é usada jocosamente para substituir a palavra morrer. A QUICKIE [1. algo feito rapidamente 2. sexo feito às pressas; rapidinha] 1. Algo feito rapidamente. • Fortunately, it was a quickie divorce. • Felizmente foi um divórcio rápido. 2. Sexo feito às pressas; rapidinha. • Let’s just have a quickie. • Vamos dar só uma rapidinha. WIMP [alguém medroso, fraco, covarde, inseguro; covardão, bunda-mole] • He’s such a wimp! • Ele é tão medroso! A palavra “wimp” indica uma pessoa fraca em corpo, mente ou caráter, e tem sua origem no personagem medroso — Wimpy — do desenho animado Popeye. Usa-se também o verbo “to wimp out” quando se decide não fazer algo porque fica com medo ou inseguro. ON THE WAGON [abstendo-se de bebidas alcoólicas; a seco] • He’s been on the wagon for twenty years now. • Já faz 20 anos que ele não bebe. Se a pessoa volta a beber, diz-se que ela está “off the wagon”. VIBE/VIBES [vibrações, astral, clima] • The club had really bad vibes. • A boate tinha um astral muito ruim. Essa palavra, normalmente usada no plural, é forma abreviada de vibrations e designa o astral geral de uma pessoa ou ambiente.
  4. 4. TO CHILL/TO CHILL OUT [relaxar, descansar; ficar frio] • I’m just going to chill this evening. • Eu só vou relaxar hoje à noite. “To chill” significa esfriar. Informalmente, quer dizer ficar frio, no sentido de relaxar completamente, ou de não deixar nada esquentar a cabeça. Exemplo: • Chill out! I’m sure he’ll come. • Fique frio! Tenho certeza de que ele vem. THE SACK [a cama] • It’s late. I’m going to hit the sack. • É tarde. Eu vou para a cama. “Sack” também tem as mesmas conotações sexuais que a palavra cama em português. Assim, “to get/climb/jump into the sack with somebody” significa ir para a cama com alguém, em geral uma pessoa que não se conhece muito bem. E a expressão “in the sack” é usada para referir-se às habilidades sexuais de alguém. Exemplos: • Good in the sack. • Bom de cama. • Bad in the sack. • Ruim de cama. NO-BRAINER [algo que pode ser entendido ou resolvido facilmente] • The first question in the math exam was a real no-brainer. • A primeira questão no exame de matemática foi muito fácil de resolver. “Brain” significa cérebro ou inteligência (geralmente no plural, “brains”). A gíria “no-brainer” designa qualquer coisa que se pode resolver ou conseguir sem muita inteligência ou habilidade especial. NUTS/NUTTY [louco, desequilibrado, maluco; pirado, pinel] • You must be nuts to work there. • Você tem que ser pinel para trabalhar lá.
  5. 5. Em gíria, a palavra “nuts”(literalmente “nozes”) quer dizer louco. “Nutty”também significa maluco, com a conotação de esquisito. Exemplo: • She has some really nutty ideas. • Ela tem umas idéias muito malucas. Para descrever alguém considerado desequilibrado e excêntrico, há ainda a expressão pitoresca “(As)nutty as a fruitcake”. “Fruitcake”é um bolo recheado com frutas cristalizadas, passas e muitas nozes, mas em gíria também designa uma pessoa pirada. Referências: • Slang – Gírias atuais do inglês. Jack Scholes. Disal Editora. • http://www.teclasap.com.br • http://www.centrobritanico.com.br

×