Aula para o Turma de 7 ano iv unidade Problemas Ambientais

2.417 visualizações

Publicada em

Um assunto que deve ser tratado com os estudantes desde cedo, uma conscientização sobre os Problemas Ambientais.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.417
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
94
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula para o Turma de 7 ano iv unidade Problemas Ambientais

  1. 1. TURMAS: 7° A e B PROFESSOR: NAZAEL ARAUJO PESSOA IV UNIDADE PROBLEMAS AMBIENTAIS
  2. 2. PROBLEMAS AMBIENTAIS  O desenvolvimento econômico e tecnológico alcançado pela sociedade humana trouxe conseqüências negativas para o meio ambiente, fruto da relação da humanidade com a natureza ( o meio físico do planeta terra). Tais conseqüências são denominadas problemas ambientais, que hoje existem praticamente no mundo todo.
  3. 3. PROBLEMAS AMBIENTAIS  Com o advento da Revolução Industrial, especialmente a partir do séc. XIX, os problemas ambientais começaram a agravar- se cada vez mais, primeiro nos atuais países desenvolvidos e depois no restante do mundo, incluindo ai o Brasil.Isso por que a degradação da natureza, embora possa ocorrer pequena escala nas sociedades tradicionais,é decorrência típica da chamada modernização, constituída sobretudo pela industrialização e pela urbanização.
  4. 4. O MEIO CULTURAL E O MEIO NATURAL O meio ambiente humano costuma ser dividido em cultural e natural.  O meio cultural é produto da atividade humana: edifícios, agricultura, instituições políticas e sociais, industrias;  O meio natural é fruto da natureza: solos, rios, clima, relevo, vegetação original.
  5. 5. PROBLEMAS AMBIENTAIS DOS CENTROS URBANOS As grandes e médias cidades geralmente são mais poluídas do que as pequenas cidades e o meio rural.Isso por que nelas se concentra maior numero de indústrias, veículos e pessoas, agravando o acúmulo de lixo, de resíduos, as emissões industrias, o congestionamento, a poluição atmosférica e sonora, entre tantos outros problemas.
  6. 6. PROBLEMAS AMBIENTAIS DOS CENTROS URBANOS  Por exemplo, as grandes cidades brasileiras tem carência de áreas verdes(parques, praças, e um numero considerável de árvores).Estabeleceu- se internacionalmente que são necessários no mínimo 16m2 de área verde por habitante. Essa proporção é respeitada em cidades européias, como Londres, Estocolmo, Copenhague, Viena, entre outras, mas no Brasil isso é raro.
  7. 7. PROBLEMAS AMBIENTAIS DOS CENTROS URBANOS Em São Paulo, por exemplo, existem apenas 4,5 m2 de área verde por habitante. Como regra geral - existem exceções- as grandes cidades brasileiras tem menos de 8m2 de área verde por habitante. Isso agrava a poluição do ar e torna mais restritas as opções de lazer da população ligadas as áreas verdes.
  8. 8. PROBLEMAS AMBIENTAIS DOS CENTROS URBANOS Nos grandes centros urbanos do Brasil temos ainda o problema do lixo e dos esgotos. Nas sociedades industrializadas, volume de lixo produzido por uma pessoa é enorme. Um estudo do IBGE mostrou que, em média, que cada morador da área urbana no Brasil produz 220kg de lixo domiciliar por ano. Se somarmos a isso os resíduos produzidos por industrias, escritórios,restaurantes, hospitais, teremos em media 500kg de lixo anual por pessoa.
  9. 9. PROBLEMAS AMBIENTAIS DOS CENTROS URBANOS Existem também as usinas de reciclagem e compostagem do lixo, que separam o material reciclável, enviam para as industrias correspondentes e transformam o lixo orgânico em adubos, num processo denominado compostagem. Os resíduos que não podem ser reaproveitados devem ser queimados (em usinas de incineração) ou comprimidos e encaminhados para aterros sanitários,o que evita a proliferação de muitas doenças.
  10. 10. PROBLEMAS AMBIENTAIS NO MEIO RURAL  O campo também enfrenta problemas ambientais, especialmente as áreas que passam por um processo de modernização agrária, com a mecanização e o uso indivíduo de adubos químicos e agrotóxicos ou defensivos agrícolas( inseticidas, pesticidas, herbicidas, desfolhantes e outros).
  11. 11. PROBLEMAS AMBIENTAIS NO MEIO RURAL A primeira alteração ecológica ocasionada pela agricultura é a derrubada da vegetação original da área a ser cultivada, e , no caso da agricultura moderna, o problema torna-se ainda mais grave, uma vez que as arvores atrapalham a ação dos tratores e demais maquinas agrícolas.O desmatamento extermina a fauna local.
  12. 12. PROBLEMAS AMBIENTAIS NO MEIO RURAL O uso intensivo de agrotóxicos na agricultura e na pecuária, para combater pragas que reduzem as colheitas ou a produtividade do gado(em carne,leite ou couro),traz conseqüências negativas.Esses produtos químicos agem eficazmente durante um tempo,mas,no longo prazo,acabam multiplicando as pragas. Isso também porque eles eliminam também certos microorganismo benéficos ás plantas por serem inimigos naturais das pragas.
  13. 13. DEVASTAÇÃO DA FLORESTA AMAZÔNICA Um dos mais sérios problemas que vem ocorrendo no Brasil ultimamente é a devastação da floresta Amazônica,que gera inúmeras conseqüências negativas,como:  A perda da biodiversidade e a extinção de certas espécies animais(como o jacaré,o tracajá e inúmeros peixes) e vegetais (como o mogno ou o pau-rosa);  A expulsão de indígenas e posseiros;  O aumento da quantidade de gás carbônico na atmosfera provocado por grandes queimadas.
  14. 14. DEVASTAÇÃO DA FLORESTA AMAZÔNICA É difícil calcular com exatidão a extensão da floresta Amazônica já derrubada para o aproveitamento da madeira ou a plantação de capim para a pecuária extensiva.Alguns estudiosos estimam em apenas 7% ou 8% da biomassa original,outros chegam até a 30%.Todos concordam,no entanto,que cada ano ocorre um desmatamento de,no mínimo,3 milhões de hectares.
  15. 15. PERDA DA BIODIVERSIDADE NA AMAZÔNIA BRASILEIRA Biodiversidade é um conceito que engloba todas as espécies de plantas,animais e microrganismos,assim como os ecossistemas e os processos ecológicos dos quais são componentes.Constitui,portanto, um termo abrangente para o grau de variedade da natureza,dos seres vivos.O Brasil é um dos poucos países,além da Colômbia, da Indonésia, da China e do México,considerados megadiversidade(mega=grande,múltiplo).
  16. 16. DESTRUIÇÃO DA FAUNA E POLUIÇÃO NO PANTANAL A área de 220 mil KM2 que abrange o oeste do Mato Grosso do Sul e um pequeno trecho do sudoeste de Mato Grosso,banhada pela bacia do rio Paraguai,é conhecida como Pantanal Mato-Grossense.É uma paisagem natura muito rica e complexa,que ora lembra aspectos da Amazônia,ora do Cerrado e até da Caatinga(com plantas xerófitas).Trata-se de uma área de planície aluvional,que época de chuvas,fica em parte inundada pelas enchentes dos rios que a banham.
  17. 17. DESTRUIÇÃO DA FAUNA E POLUIÇÃO NO PANTANAL A destruição da fauna tem sido intensa nos últimos:jacarés mortos para exportar o couro,lontras,ariranhas e outras espécies de animais quase desaparecendo pela caça intensiva. Alem da destruição da fauna,o Pantanal registra poluição dos rios- pelos garimpos de ouro e pela agricultura com agrotóxicos-e a construção de algumas rodovias,que,como sempre,acelera o desmatamento.
  18. 18. POLUIÇÃO DO LITORAL  A poluição do litoral é outro serio problema ambiental no Brasil.Um dos maiores poluentes dos oceanos é o petróleo,oriundo de vazamentos provocados por acidentes com navios – petroleiros ou com oleodutos litorâneos. Inúmeros vazamentos com oleodutos litorâneos já ocorreram no Brasil,especialmente em São Sebastião e Bertioga(SP).
  19. 19. POLUIÇÃO DO LITORAL Ainda vale lembrar que a maioria da população do país e quase todas as metrópoles, se concentram no litoral ou áreas relativamente próximas.Dos 17 estados banhados pelo mar,14 possuem suas capitais no litoral,isso implica uma ocupação humana da orla marítima que degrada recursos;lançamento de lixo e esgotos no mar.

×