Ecopedagogia (2° parte) - Nativa Socioambiental

1.734 visualizações

Publicada em

Formação Continuada de Professores em Educação Ambiental

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.734
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
33
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ecopedagogia (2° parte) - Nativa Socioambiental

  1. 1. “A Escola e a Cultura da Sustentabilidade”Formação Continuada de Professores em Educação Ambiental Segunda Etapa
  2. 2. ParceirosEmpresa contratada para execução:
  3. 3. “A Escola e a Cultura da Sustentabilidade”Formação Continuada de Professores em Educação Ambiental Seguindo adiante... - Acompanhamento e Assessoria no desenvolvimento dos projetos nas escolas (2010) - Oficina de monitoramento (2011) - Lançamento do Concurso de Práticas Ecopedagógicas por escola (2011) - Lançamento do Livro com relato dessas práticas (2011)
  4. 4. “A Escola e a Cultura da Sustentabilidade” Formação Continuada de Professores em Educação Ambiental PROGRAMAÇÃO08h - Acolhida08h30 - Apresentação09h - Cultura da Sustentabilidade: Revisitando princípios e práticas ecopedagógicas09h30h - Projetos Ecopedagógicos como vivência da sustentabilidade no cotidiano10h15 - Intervalo10h30 – Elaboração de projetos ecopedagógicos - Organização12h - Encerramento13h30 - Elaboração de projetos ecopedagógicos - Planejamento e co-responsabilidade14h45 - Redação de projetos ecopedagógicos - Organização e capacidade de síntese14h45 - Redação de projetos ecopedagógicos – Conteúdos e encaminhamentos16h45 – Avaliação e Encerramento
  5. 5. Ecopedagogia“Educar-se é impregnar de sentido as práticas da vida cotidiana”... GUTIERREZ e CRUZ PRADO, 2000 “... cada pessoa precisa se descobrir como parte do ecossistema local e da comunidade biótica, seja em seu aspecto de natureza, seja em sua dimensão de cultura” LEONARDO BOFF
  6. 6. Projetos EcopedagógicosO planeta no nosso pedaço, nosso pedaço no planeta “As práticas ecopedagógicas permitem que as pessoas percebam a dimensão holística da realidade, compreendendo que o todo é mais do que a soma das partes” MORIN, 1999; GUIMARÃES, 2005
  7. 7. Instrumentos Ecopedagógicos
  8. 8. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos MUNICÍPIO Tema gerador Nome do projeto Ações a serem desenvolvidas a curto e médio prazos dentro dos espaços educativos.
  9. 9. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos Realidade percebida pelo grupo, nesse pedaço e nesse momento várias fotos das atividades do grupo na primeira etapa
  10. 10. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos TRAÇANDO CAMINHOS E METAS  Convidamos colaboradores/as * Identificamos o tema central; * Clareamos o objetivo geral; *Caracterizamos o local da ação; * Definimos público envolvido de forma direta e indireta;
  11. 11. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos TRAÇANDO CAMINHOS E METAS  Construímos o caminho a ser percorrido * Definimos tarefas e responsáveis; * Identificamos potenciais parceiros; * Estabelecemos um cronograma; Os grupos definem um próximo encontro, momento em que são avaliados os resultados dessa etapa
  12. 12. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos TRAÇANDO CAMINHOS E METAS  Realizamos registros dos encontros * Compartilhamos a responsabilidade pela elaboração e socialização dos relatos; → Fotografias, memórias e relatos das experiências e encaminhamentos; → Depoimentos, entrevistas, vídeos, fotografias, atividades artísticas...
  13. 13. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos TRAÇANDO CAMINHOS E METAS  Avaliamos nossas práticas * Participação e comprometimento com as ações propostas; *Adesão de novos parceiros; * Repercussão das ações; * Observação de mudanças que dêem indícios da construção da cultura da sustentabilidade no pedaço.
  14. 14. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos *Resumo* - Área de estudo e abrangência;- Breve histórico e avaliação das intervenções realizadas até o momento; - Propostas e justificativas; - Resultados esperados; *Análise do Problema* e *Justificativa do Projeto* Por que a proposta é importante para aquele espaço?
  15. 15. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos *Objetivos* Onde queremos chegar?Se relacionam diretamente ao problema identificado possibilidades de solução. *Público* Quem queremos envolver? - Iniciar ações com a definição de públicos específicos; - Manifestar o interesse de abrangência e possível constituição de grupos envolvendo pessoas de diversas idades na comunidade.
  16. 16. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos *Delineamento metodológico* Qual o caminho a percorrer? *Definir tarefas e responsáveis: O que cada um de nós pode fazer?*Parceiros: Quem poderá contribuir com a realização das nossas ações?*Recursos: O que precisamos para colocar em prática os nossos planos? *Cronograma de Execução; *Indicadores de avaliação*Como sabemos que estamos caminhando na direção que queremos? *Referências Bibliográficas*
  17. 17. Elaboração de Projetos Ecopedagógicos Celebramos nossas realizações, avaliamos as lições aprendidas, definimos novas ações...
  18. 18. “A Escola e a Cultura da Sustentabilidade”Formação Continuada de Professores em Educação Ambiental Atuar junto aos GESTORES E GESTORAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Para que a construção da escola Para difundir os fazeressustentável esteja integrada ao ecopedagógicos no contexto do coletivo contexto socioambiental local Morro da Favela – Tarsila do Amaral
  19. 19. “A Escola e a Cultura da Sustentabilidade”Formação Continuada de Professores em Educação Ambiental Gestor ou Gestora de Educação Ambiental de (nome do município) Nome Contato telefônico e-mail
  20. 20. ParceirosEmpresa contratada para execução:
  21. 21. “A Escola e a Cultura da Sustentabilidade”Formação Continuada de Professores em Educação Ambiental ITAIPU Leila de Fátima Alberton Gestora de Educação Ambiental Conselho dos Municípios Lindeiros Mauri Schneider Coordenador Técnico da Linha Ecológica
  22. 22. “A Escola e a Cultura da Sustentabilidade”Formação Continuada de Professores em Educação Ambiental Nativa Socioambiental www.nativasocioambiental.com.br (45)3576 7179 • Angela Tischner angela.nativasocioambiental@gmail.com • Luciana Aranda Barrozo luciana.nativasocioambiental@gmail.com
  23. 23. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS1. BLAUTH, G. De Olho na vida. Encontros com a Ecopedagogia. Paulo Lopes, SC: Instituto Harmonia da Terra, 20082. BOFF, L. As Quatro Ecologias. DVD. Itaipu Binacional – Programa Cultivando Água Boa. Centro de Defesa dos Direitos Humanos de Petrópolis.3. BRASIL. Ministério do Meio Ambiente. Tratado de Educação Ambiental para Sociedades Sustentáveis e Responsabilidade Global, v.1. Disponível em www.mma.gov.br. Acesso em 03 de março de 2010.4. BRASIL. Ministério do Meio Ambiente. Encontros e Caminhos: Formação de Educadores Ambientais e Coletivos Educadores, v.2. Brasília: MMA, 2005.5. CASALE, v., VITORASSI, S., VIEZZER, M. PLETSCH, R.; DAHLEM, R. Círculo de Aprendizagem para a Sustentabilidade. Caminhada do Coletivo Educador da Bacia do Paraná III e Entorno do Parque Nacional do Iguaçu, 2005- 2007. Itaipu Binacional – Programa Cultivando Água Boa. Parque Nacional do Iguaçu. Paraguay - Gobierno Nacional. Brasil – MMA e MEC, 2007.6. CAPRA, F. Teia da Vida, São Paulo: Cultrix, 19977. CARSON, R. La Primavera Silenciosa. Biblioteca de Bolsillo, 20058. CARTA DA TERRA. Disponível em www.cartadaterrabrasil.org. Acesso em fevereiro de 2010.9. CARTA DA TERRA. Disponível em www.earthcharterinaction.org. Acesso em fevereiro de 2010.10. FREIRE, P. Pedagogia da Autonomia. São Paulo: Paz e Terra, 200811. GADOTTI, M. Educar para a Sustentabilidade. Uma Contribuição á Década da Educação para o Desenvolvimento Sustentável. São Paulo: Editora e Livraria do Instituto Paulo Freire, 2008.12. GADOTTI, M. Pedagogia da Terra, São Paulo: Peirópolis, 200513. GUTIÉRREZ, F.; PRADO, C. Ecopedagogia e Cidadania Planetária. São Paulo: Editora Cortez, 200814. SATO, M. org. Educação Ambiental. São Carlos: Rima, 2004
  24. 24. Canção do Dia de Sempre Mario Quintana Tão bom viver dia a dia… A vida assim, jamais cansa… Viver tão só de momentosComo estas nuvens no céu… E só ganhar, toda a vida,Inexperiência… esperança… E a rosa louca dos ventos Presa à copa do chapéu.Nunca dês um nome a um rio: Sempre é outro rio a passar. Nada jamais continua, Tudo vai recomeçar! E sem nenhuma lembrança Das outras vezes perdidas, Atiro a rosa do sonho Nas tuas mãos distraídas…

×