Design Thinking: ferramentas de pesquisa

928 visualizações

Publicada em

Design Thinking: ferramentas de pesquisa

Publicada em: Design
  • Seja o primeiro a comentar

Design Thinking: ferramentas de pesquisa

  1. 1. DESIGN THINKING Ferramentas de natali.garcia@designforcontext.com.br br.linkedin.com/in/nataligarcia twitter: @natigarcia PESQUISA #3
  2. 2. natali.garcia@designforcontext.com.br br.linkedin.com/in/nataligarcia twitter: @natigarcia
  3. 3. EMPATIA
  4. 4. Pesquisa Quantitativa (validação - O QUÊ) Pesquisa Qualitativa (insights - PORQUÊ) O que as pessoas entrevistas focus group diarios de uso surveys / questionários testes de usabilidade testes a/b web analytics análise SAC DIZEM (metas, desejos) O que as pessoas FAZEM (comportamento) ____________________________________________________ ______________________________________ pesquisa a campo (etnografica)
  5. 5. Desk-research Procure teses, pesquisas demográficas, artigos científicos, infográficos e etc. já publicados sobre o tema Leia revistas, assista séries, mergulhe na cultura (pesquisa de fonte secundária) Um bom ponto de partida! (poupa tempo)
  6. 6. Elabore um resumo do conhecimento disponível
  7. 7. QUESTIONÁRIOS Precisa de grandes amostras para uma análise confiável :( Pode ser uma ótima fonte para recrutamento de usuários :) Geralmente é feita com questões fechadas. Ex: Você é homem ou mulher? Ex: Dê uma nota de 0 a 10 para o seu grau de satisfação. Questionário mais curto = mais respostas Não enviese a resposta do respondente! Ex: Por quê você gostou desse produto?
  8. 8. Aga Szóstek. HITLab, Canterbury University
  9. 9. Alimentação no ambiente universitário
  10. 10. Entrevistas Preferencialmente contextuais Semi-estruturadas ou não estruturadas Faça um brainstorm de perguntas. Explore: O quê...? Como...? Onde...? Quando...? Por quê...? O que você precisa saber? Organize os tópicos a serem abordados
  11. 11. DICAS PARA ENTREVISTAS - Se apresente e explique o objetivo da entrevista. - "Quebre o gelo", comece com perguntas fáceis. - Respeite o entrevistado. Peça o seu consentimento. - Peça permissão para gravar a entrevista ou tirar fotos. - Pergunte e então CALE-SE E OUÇA. - MANTENHA CONTATO VISUAL. Esteja atento a comunicação não verbal. - Se estiver sozinho e não puder gravar, anote somente alguns detalhes ou frases para lembrar. - Experimente perguntar seguidos "POR QUÊ?" após algumas respostas. - ESTEJA VERDADEIRAMENTE INTERESSADO. O entrevistado é o expert, não você! - AGRADEÇA a participação do entrevistado. Se possível, ofereça um presentinho/bonificação. - Faça o DEBRIEFING ou TRANSCRIÇÃO imediatamente após a entrevista.
  12. 12. Observação Quem são?Como se parecem? O QUE ESTÃO FAZENDO? COMO eles estão fazendo?Com QUEM? Como éo AMBIENTE? Quais são os OBJETOS OU INTERAÇÕES envolvidos? Vocêconsegue encontrar PADRÕES (repetições)? Há algo que chama sua atenção? O que eles estão DIZENDO?O que diz a LINGUAGEM CORPORAL?
  13. 13. Mapa de Empatia
  14. 14. Mapa de Empatia GANHOS ESPERADOS, METASOBSTÁCULOS E FRAQUEZAS
  15. 15. natali.garcia@designforcontext.com.br br.linkedin.com/in/nataligarcia twitter: @natigarcia

×