Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]

4.685 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]

  1. 1. 02/03/2012 1 BIOMECÂNICA DO SISTEMA ARTICULAR Prof.a Msc.Ana Paula Ribeiro ARTICULAÇÃO DEFINIÇÃO: • Junção ou ponto de união entre dois ou mais ossos. ARTROLOGIA • Estudo da classificação, estrutura e função das articulações. Tipos de articulações: - Sinartrose; - Anfiartrose; - Diartrose. ARTICULAÇÃO SINARTROSE DEFINIÇÃO: • Junção entre os ossos mantidas por três tecidos conectivos denso irregular. Essa junção, permite pouca ou nenhum movimento. Exemplos: • Suturas do crânio; • Tibiofibular distal; • Membrana interóssea do braço e perna; • Dentes na mandíbula ARTICULAÇÃO ANFIARTROSE DEFINIÇÃO: • Junção entre ossos formados principalmente por fibrocartilagem e/ou cartilagem hialina. Exemplos de articulações: • Disco intervertebral; • Sínfise púbica; • Sínfise do manúbrio esternal.
  2. 2. 02/03/2012 2 ARTICULAÇÃO DINARTROSE DEFINIÇÃO: • Cavidade articular preenchida com líquido sinovial e cápsula articular (membrana sinovial) e ligamentos sinoviais entre as partes ósseas. Exemplos de articulações: • Joelho; • Ombro; • Coluna vertebral; • Interfalângeanas. TIPOS DE ARTICULAÇÕESTIPOS DE ARTICULAÇÕES SINOVIAISSINOVIAIS SAGJ Netter, FH – Atlas de anatomia humana, 2003. Lippert, L. Cinesiologia clínica para fisioterapeutas, 2003. Sinovial Gínglimo DEFINIÇÃO: • Dobradiça que permite somente a flexão e extensão. Ex: Ulmero- ulnar e Interfalângica. Sinovial Trocóidea SAGJ Netter, FH – Atlas de anatomia humana, 2003. Lippert, L. Cinesiologia clínica para fisioterapeutas, 2003. DEFINIÇÃO: • Giro de um membro em volta de um único eixo de rotação. Ex: Radio-ulnar proximal e Atlantoaxial.
  3. 3. 02/03/2012 3 Sinovial Elipsóidea SAGJ Netter, FH – Atlas de anatomia humana, 2003. Lippert, L. Cinesiologia clínica para fisioterapeutas, 2003. DEFINIÇÃO: • Movimento biplanar (flexão/ extensão; abdução/ adução). Ex: Radiocarpal. Sinovial Esferóidea SAGJ DEFINIÇÃO: • Movimento triplanar (Flexão/ extensão; abdução; rotação medial/lateral). Ex: Quadril e ombro. Sinovial Plana Netter, FH – Atlas de anatomia humana, 2003. Lippert, L. Cinesiologia clínica para fisioterapeutas, 2003. DEFINIÇÃO: • Cavidade articular preenchida com líquido sinovial e cápsula articular (membrana sinovial) e ligamentos sinoviais entre as partes ósseas. Ex: intertarsais e intercarpais. Sinovial Selar Lippert L. Cinesiologia clínica para fisioterapeutas, 2003. SAGJ DEFINIÇÃO: • Movimento biplanar (rotação). Ex: Esternoclavicular.
  4. 4. 02/03/2012 4 COMPONENTES DO SISTEMA ARTICULAR • Cartilagem articular - Disco fibrocartilaginoso: otimiza a função da cartilagem; estabiliza a articulação; absorção e distribuição de cargas; melhora o ajuste articular. - Tecido conectivo denso irregular • Tendões: transmitir forças entre músculo e osso e armazenar: energia elástica; sua inserção é de forma a minimizar o stress; adapta-se ao exercício: ↑ resistência e tamanho. • Ligamentos: limite elástico e plástico = deformação das propriedades; com ↑ stress = hipertrofia CARACTERÍSTICAS E FUNÇÕES DO TECIDO CARTILAGINOSO ARTICULAR • 1- 5 mm de espessura (diminui com a idade) deformável; • Avascular e de baixa taxa metabólica; • Transferir forças entre as peças ósseas; • Distribuir as forças nas articulações; • Reduzir atrito ASPECTOS HISTOLÓGICOS DA ARTICULAÇÃO • Colágeno (10 a 30%) - alta resistência a tração, ineficiente quando comprimido. • Proteoglicanas (3 a 10%) - Glicoproteínas formada de subunidades de dissacarídeos unidos por um núcleo protéico. Alta resistência à compressão. Estão extremamente comprimidos pela teia de colágeno. • Água (60 a 87%) • Células (5%) • Condrócitos: Variam de tamanho, formato e densidade em função da localização. Responsáveis pela síntese e degradação da matriz (Proteoglicanos e Colágeno).
  5. 5. 02/03/2012 5 LÍQUIDO SINOVIAL • Produzido pela membrana sinovial • Responsável pela nutrição da cartilagem • Relação íntima com a atividade física e a integridade articular Mecanismo pelo qual a cartilagem articular suporta estresse em compressão • Proteoglicanos + Colágeno + Fluido �� Gel que funciona como uma “esponja” de baixa permeabilidade. Capacidade de deformação. • Absorção-retenção do fluido leva alguns minutos, fato que permite que a cartilagem mantenha suas características biomecânicas.
  6. 6. 02/03/2012 6
  7. 7. 02/03/2012 7 MOVIMENTOS DAS ARTICULAÇÕES SINOVIAIS SAGJ
  8. 8. 02/03/2012 8 Rotação Deslizamento Rolamento Watkins J. Estrutura e função do sistema musculoesquelético, 2001. SAGJ Movimentos Intra-articulares Smith, LK; Weiss, EL; Lehmkuhl LD. Cinesiologia clínica de Brunnstrom, 1996. SAGJ Movimentos Intra-articulares

×