Lição 2 (jovens) - Relacionamento em família

15.286 visualizações

Publicada em

Assista ao vídeo referente a este arquivo de slides no meu blog:

http://goo.gl/PPDRnr

Subsídios elaborados pelo Pr. Natalino das Neves
Programa Escola Dominical na WEBTV.
IEADSJP - Igreja Evangélica Assembleia de Deus de São José dos Pinhais
Pr. Presidente: Ival Teodoro da Silva
Pr. Vice Presidente: Elson Pereira

Publicada em: Educação
1 comentário
10 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.286
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12.507
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
157
Comentários
1
Gostaram
10
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lição 2 (jovens) - Relacionamento em família

  1. 1. L I Ç Õ E S B Í B L I C A S D E J O V E N S - 4 º T R I M 2 0 1 5
  2. 2. Acompanhe os comentários em vídeo desta e outras lições no blog: www.natalinodasneves.blogspot.com.br
  3. 3. Texto do dia "Deus faz que o solitário viva em família [...]." (Sl 68.6a)
  4. 4. síntese Deus criou a família como centro de comunhão e realização humana, um lugar por meio do qual as bênçãos divinas fluiriam sobre a Terra.
  5. 5. Texto bíblico Salmos 128.1-6; Ef 6.1-4
  6. 6. INTRODUÇÃO
  7. 7. INTRODUÇÃO • Vida pós-moderna e a desconfiança das instituições. • A família é a célula mater da sociedade e da igreja. • A família continua sendo, depois de Deus, o valor mais importante para o ser humano.
  8. 8. I - O IDEAL DA FAMÍLIA
  9. 9. 1. O propósito de Deus (Gn 2.18-24): • Família como centro de comunhão e amadurecimento para seus membros (Sl 68.6; Gn 2.18; Lc 1.80; 2.52). • Harmonia no: • Trabalho (Gn 2.15); • Subsistência (Gn 1.29-30); • Lazer (Gn 2.1-3); • Prazer e procriação (Gn 1.28); • Papeis sociais dos membros (Gn 2.24). I - O IDEAL DA FAMÍLIA
  10. 10. 2. O pecado (Gn 3): • O pecado é uma ofensa contra Deus (Rm 3.23) e o próximo (Mt 6.14). • “Errar o alvo (vontade de Deus)”. • Primeira crise familiar provocada pela desobediência à Palavra de Deus (Gn 3.11). • O pecado produz medo/temor/pavor (Gn 3.9-10). • O medo como agente controlador das emoções humanas. I - O IDEAL DA FAMÍLIA
  11. 11. 3. O lar abençoado por Deus (Sl 128.1- 6): • Famílias são formadas por pessoas imperfeitas. • O amor ajuda a superar as imperfeições (1 C0 13.7; Ef 4.2; Cl 3.13). • O temor ao Senhor deve ser o fundamento para a família ser abençoada (v.1). • Bênçãos no trabalho, matrimônio e criação dos filhos (v.2-5). I - O IDEAL DA FAMÍLIA
  12. 12. Pense Cada membro da família é responsável pela unidade e har monia doméstica. O que você está fazendo para essa har monia?
  13. 13. II - O SIGNIFICADO DE "HONRAR PAI E MÃE" (Êx 20.12; Ef 5.22,23; 6.1,2)
  14. 14. 1. Obediência: • Uma das formas de honrar os país é por meio da obediência (Pv 4.1-4; 23.22); • O Antigo Testamento prevê duras indigências e maldições a prática de desobediência aos pais (Pv 20.20; 30.17; Ex 21.15; Lv 20.9). • Os filhos devem honrar seus pais por toda sua vida. II - O SIGNIFICADO DE "HONRAR PAI E MÃE" (Êx 20.12; Ef 5.22,23; 6.1,2)
  15. 15. 2. Provisão: • Outra forma de honrar os pais é por meio da provisão em suas necessidades. • As pessoas não devem usar de subterfúgios para evitar de ajudar os pais (Mc 7.10-13). • O abandono dos familiares é um tipo de negação de fé (1 Tm 5.8). • Jesus, no leito de morte, ainda estava atento ao cuidado com sua mãe (Jo 19.26-27). • Os pais na velhice devem ser assistidos pelos filhos (Sl 71.9). II - O SIGNIFICADO DE "HONRAR PAI E MÃE" (Êx 20.12; Ef 5.22,23; 6.1,2)
  16. 16. 3. Preservação moral: • A observância deste preceito trouxe bênçãos para Sem e Jafé, enquanto a desobediência trouxe maldição para Canaã (Gn 9.20-29). • Os filhos não devem expor seus pais ao ridículo ou zombarem deles (Pv 11.13; 19.26; 30.17). • “A glória dos filhos são seus pais” (Pv 17.6). II - O SIGNIFICADO DE "HONRAR PAI E MÃE" (Êx 20.12; Ef 5.22,23; 6.1,2)
  17. 17. Pense Honrar os pais é o primeiro mandamento com promessa: prosperidade e vida longa! Não almejas tais bênçãos?
  18. 18. III - A COMUNICAÇÃO NA FAMÍLIA (Sl 19.14; 141.3;1 Co 15.33)
  19. 19. 1. A arte da comunicação familiar: • Comunicação no trabalho, escola e outros ambientes externos vs comunicação no ambiente familiar. • O cuidado com a utilização das redes sociais. • A comunicação define e aprofunda o relacionamento familiar (Cl 3.16-17). • A comunicação familiar tem grande influência no sucesso pessoal na vida de seus membros. III - A COMUNICAÇÃO NA FAMÍLIA (Sl 19.14; 141.3;1 Co 15.33)
  20. 20. 2. Como melhorar a comunicação na família (Tg 3): • Procure conversar a respeito daquilo que interessa ao outro (Pv 10.32); • Saiba ouvir (Pv 15.23); • Utilize palavras educadas e afáveis (Pv 15.1-4; 16.24). • Não interrompa a conversa do outro (Pv 15.31). • Não utilize rede sociais durante a conversa; • Não retribua ofensa; • Não fique relembrando problemas do passado; • Perdoe e aceite o perdão. III - A COMUNICAÇÃO NA FAMÍLIA (Sl 19.14; 141.3;1 Co 15.33)
  21. 21. 3. Comece por você: • As pessoas têm uma tendência de esperar que o outro tome a iniciativa. • Seja diferente! Comece por você! • É difícil tomar a iniciativa? Quanto prejuízo temos tido! • Famílias felizes têm um ambiente propício à comunicação. • Famílias cristãs devem ser exemplo para as demais. III - A COMUNICAÇÃO NA FAMÍLIA (Sl 19.14; 141.3;1 Co 15.33)
  22. 22. CONSIDERAÇÕES FINAIS
  23. 23. CONSIDERAÇÕE S FINAIS1. O propósito de Deus para as família é que a comunicação no lar seja dirigida pelo temor ao Senhor. 2. Os filhos devem honrar seus pais, principalmente, por meio do respeito, da provisão e da preservação moral. 3. Devemos ter uma boa comunicação com todas as pessoas, mas especialmente dentro do lar. Se necessário, o exemplo deve começar por nós.
  24. 24. REFERÊNCIAS PALMER, M.D. Panorama do Pensamento Cristão. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2001, p. 305. BENTHO, Esdras C. A Família no Antigo Testamento. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2006. COLSON, C. E, Agora como Viveremos? 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2000. RICHARDS, Lawrence O. Guia do Leitor da Bíblia: Uma análise de Gênesis a Apocalipse capítulo por capítulo. 10. ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2012. SOARES, Esequias. Casamento, Divórcio & Sexo à Luz da Bíblia. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2011.

×